Categoria(s) do post: Saúde, Ayurveda

Hoje eu quero compartilhar com vocês uma prática diária que eu não vivo mais sem, que é a prática de raspagem da língua, que aprendi de acordo com as orientações do Ayurveda.

Bem, qual o propósito? Nosso corpo expele toxinas, especialmente quando estamos dormindo. Pela manhã, logo ao acordar, vamos ao banheiro fazer as nossas necessidades fisiológicas recorrentes e também a higiene, com práticas de autocuidado. De acordo com o Ayurveda, as toxinas que não foram absorvidas pelo organismo de noite acabam sendo expelidas de várias maneiras (suor, por exemplo), e uma delas é na língua.

Sabe a famosa “saburra”? Aquela gosminha branca que fica na língua? Segundo o Ayurveda, é sinal de toxinas. Se você não tira da boca, através da raspagem, na primeira oportunidade vai beber água, comer alguma coisa, e colocar todas essas toxinas de volta para dentro. Logo, a recomendação é raspar a língua ao acordar. Não apenas o Ayurveda recomenda isso, como vários dentistas.

Existe um raspador de língua mesmo, de metal, que pode ser usado. Você encontra em lojas diversas pela Internet e no Mercado Livre, por exemplo. Os mais usados são os de cobre e de aço inoxidável. O de plástico não é recomendado, porque na real não raspa nada! rs Mas, se você não quiser comprar um raspador, você pode usar uma colher para essa finalidade.

O meu é de cobre e fica dentro de uma capinha, no meu banheiro, em uma cesta que uso todos os dias com outros “apetrechos” para fazer a minha higiene matinal (que já compartilhei em outro post). Basicamente, ao acordar, faço alguns exercícios respiratórios e um breve alongamento antes de levantar da cama, aí vou para o banheiro e a primeira coisa que faço lá é raspar a língua. Trata-se de um hábito que eu já incorporei e não vivo mais sem.

Quando você começar a raspar, vai perceber que tem bastante gosminha, mas com o tempo sua língua vai ficando mais limpa e saudável.

Como eu fiz uma cirurgia no estômago há alguns anos, a saúde estomacal sempre foi um fator importante para mim. Eu senti sim bastante diferença desde quando comecei a fazer a raspagem da língua, mas é claro que eu recomendo que cada um teste por si e veja.

Quando for raspar, não é pra raspar forte a ponto de machucar a língua, mas sim tirar as toxinas. Eu raspo de três a cinco vezes e já foi suficiente (sempre lavando o raspador entre uma raspagem e outra pra tirar os resíduos).

Alguns benefícios que são elencados sobre a raspagem da língua:

  • Não engolir de volta as toxinas (para mim, esse é o principal!);
  • Melhorar o hálito;
  • Melhorar a digestão;
  • Saúde bucal (dentes, gengivas);
  • Massagem do órgão língua e dos outros órgãos internos, pela conexão que é feita entre eles através da língua;
  • Melhorar as funções imunológicas do nosso sistema;
  • Entre outros.

Depois de raspar a língua, faço bochecho com óleo de gergelim para lubrificar a boca e proteger as gengivas e dentes e, depois, escovo os dentes normalmente.

Você já conhece essa prática? Se tiver alguma experiência e quiser compartilhar, por favor, deixe um comentário. 😉 Me conta também se você gosta de ver minha experiência com as práticas do Ayurveda aqui. Obrigada!