ou

Hoje eu vim falar um pouquinho sobre as missões da semana da FLY Lady. Estamos na zona (área) 1 que, na minha casa, corresponde à área de serviço e ao pequeno banheiro de serviço que fica anexo. Na versão original da FLY Lady, a zona 1 representa somente a entrada, a porta da frente e a sala de jantar.

No último post a respeito, surgiram muitas dúvidas já respondidas aqui no blog sobre as zonas de limpeza na casa. Para um esclarecimento geral sobre como funciona esse método, por favor, leia: Como funciona a limpeza por zonas da FLY Lady. Obrigada!

Esta semana, vou focar no destralhamento desses dois cômodos (meu marido encheu o banheiro com coisas depois da mudança) e em modificações que quero fazer na área (tirar medidas, comprar cestinhos organizadores, essas coisas). Portanto, vou traduzir as missões da FLY Lady de acordo com a designação original que ela deu para a zona 1.

As missões desta semana são as seguintes:

Segunda

A missão de hoje é varrer a porta da frente, sacudir o tapete de boas-vindas e limpar a porta, pois isso faz muita diferença na primeira impressão que a casa causa.

Terça

A missão de terça é apagar os incêndios que estão começando a aparecer na entrada! Guarde os sapatos, bolsas, casacos e outros objetos que estão se acumulando ali. Atenção: não adianta tirar dali e jogar em outro lugar, hein? Precisa guardar no lugar certo.

Quarta

A FLY Lady propõe que nesta quarta-feira a gente limpe as manchas nas paredes da entrada, com suavidade para não tirar a tinta. Especialmente quem tem animais de estimação e filhos pequenos pode já ter percebido que essa é uma tarefa que deve ser feita com uma frequência maior. Portanto, mãos à obra!

Quinta

A missão de hoje é muito parecida com a missão de terça: pegar o que estiver fora do lugar na entrada e guardar no lugar certo. Você pode aplicar à sua sala de jantar também.

Sexta

Último dia na zona 1! A ideia hoje é limpar as luminárias, lustres, batentes e rodapés. Se tiver ventilador de teto, limpe também.

As missões desta semana também são bastante simples. Acho que as mais complicadinhas são as da cozinha e dos banheiros.

Me contem se estão conseguindo fazer as missões junto comigo. Obrigada!

Thais Godinho
31/08/2014
Veja mais sobre:
FLY Lady
12
Kit de primeiros socorros: lista básica
Os métodos de organização que eu utilizo para cuidar da casa
Como estou fazendo a revisão semanal atualmente

Hoje eu vim falar um pouquinho sobre as missões da semana da FLY Lady. Estamos na zona (área) 5 que, na minha casa, corresponde à entrada, sala de estar e varanda. Na versão original da FLY Lady, a zona 5 representa somente a sala de estar, mas ela mesma diz que é fundamental adaptarmos à nossa residência.

No último post a respeito, surgiram muitas dúvidas já respondidas aqui no blog sobre as zonas de limpeza na casa. Para um esclarecimento geral sobre como funciona esse método, por favor, leia: Como funciona a limpeza por zonas da FLY Lady. Obrigada!

Só para constar, na semana passada eu não consegui cumprir todas as missões. Faltou uma, que era a de separar pares de sapatos para doar, mas recuperarei esta semana. Eu realmente estou precisando fazer isso porque já identifiquei alguns pares que eu não uso.

As missões desta semana são as seguintes:

Segunda

A missão da segunda-feira é uma tarefa que considero chata: limpar o sofá. Tirar tudo de cima, limpar entre as almofadas e o que mais puder. Faça o melhor possível em até 15 minutos, sem perfeição! Eu dei sorte desta vez, pois meu sofá é novo, então não precisarei limpar. Vou usar meu dia livre para fazer a missão que ficou faltando da semana passada.

Terça

A missão de terça é bem simples, porém necessária: tirar o pó de todos os objetos decorativos da sala. Se der, também dos lustres. 15 minutos!

Quarta

A FLY Lady propõe que nesta quarta-feira a gente passe o aspirador de pó de forma mais completa na sala, pegando os cantos e lugares mais profundos (atrás dos móveis, por exemplo). Tome cuidado para não se machucar arrastando os móveis e fique atento(a) aos fios atrás do rack da tv.

Quinta

A missão de hoje é pegar um pano limpo e úmido para limpar as manchinhas e marcas de dedos nas paredes da sala de estar. Tome cuidado para não esfregar muito, para não sair a tinta.

Sexta

Último dia na sala de estar! A ideia hoje é passar um aspirador ou pano nas portas e janelas, passar um pano com lustra-móveis nos móveis e limpar os fios. Faça o que puder em 15 minutos!

Achei que as missões desta semana estão bem simples de fazer. Talvez eu troque a de quarta pela de quinta (que é mais simples), porque na quarta eu tenho um compromisso.

E vocês, se animaram para fazer as missões desta semana? Como foram na semana passada? Me contem!

Thais Godinho
24/08/2014
Veja mais sobre:
, FLY Lady
10
Você não precisa de resoluções se tiver projetos organizados
Minha estrutura de tags no Evernote
Agrupe tarefas similares

Hoje eu vim falar um pouquinho sobre as missões da semana da FLY Lady. Essa semana vai ser mais tranquila. Vou trabalhar bastante em casa, então vou ter um tempo maior para cuidar de tudo o que precisa ser feito, então resolvi escrever um post falando um pouco sobre as missões. Quem sabe vocês não se animam a fazer também?

A zona 4, originalmente, é somente o quarto principal, para a FLY Lady. Na minha configuração, a zona 4 representa os dois quartos – o nosso e o do filhote.

Segunda

A missão da segunda é boa de se fazer: ajustar o timer para 15 minutos e tirar do quarto tudo o que não pertence a ele! Como são dois quartos, uso 15 minutos para cada um. Eu poderia deixar 15 minutos para os dias em um dia normal, mas como acabamos de fazer a mudança, realmente pode ser mais demorado (e eu até prefiro aproveitar esse momento para cuidar disso).

A FLY Lady fala bastante em fazer as missões em 15 minutos para a gente não desanimar de fazer ao longo dos dias. Realmente né, se a gente sabe que uma tarefa chata vai demorar meia hora, uma hora ou mais, a gente acaba postergando porque ninguém tem tempo para fazer isso. Agora, se são apenas 15 minutos, a gente tem um incentivo interno maior para fazer logo e tirar da lista.

Terça

Hoje é dia de atacar as roupas! Todo mundo sabe do que se trata: aquela pilha que está aumentando em cima de uma poltrona (tudo no quarto, ok?), avaliar roupas que pode doar ou não quer mais, separar o que precisa lavar, enfim – dar um trato nas roupas. Aqui eu vou me ater à regra dos 15 minutos para ambos os quartos porque sei que é o tempo suficiente.

Vocês podem estar se perguntando como eu gerencio essas missões da semana da FLY Lady, não é? Eu processo como uma tarefa comum, e elas vão para o meu sistema gerenciador de tarefas, que atualmente é o Evernote.

Quarta

Quarta é o dia anti-procrastinação da FLY Lady. Ou seja: aquele dia da semana que a gente tem que forçar a barra um pouquinho para conseguir executar tarefas que estávamos postergando faz tempo, ou são tarefas mais chatas de se fazer e que, se deixar, a gente não faz nunca!

A tarefa de hoje é analisar os sapatos e escolher dois pares para doar. Às vezes a gente guarda um monte de sapatos que já deram o que tinham que dar, e a ideia é justamente ter esse discernimento e separar agora. Eu estou bem precisando fazer isso, então a missão veio em boa hora.

Quinta

A missão de quinta é limpar a superfície das mesas de cabeceira ou criado-mudo. Tirar tudo o que não era para estar ali (livros, revistas, canecas) e levar para o cômodo certo. Passar um paninho.

Eu costumo manter um abajour, o livro que estou lendo atualmente e o celular carregando (quando vou dormir). Não tenho o hábito de levar chá para beber antes de dormir porque não gosto de comida no quarto; faço isso na sala, no meu sofá, por exemplo. Então essa missão será bem tranquila, mas é bom fazer sempre porque também costumo deixar mais de um livro ali ocasionalmente.

Percebam que as missões da FLY Lady são missões simples e rápidas de serem feitas. Mesmo para quem conta com o trabalho de uma diarista (ou empregada/o) em tempo integral pode aplicar essas missões no dia a dia, porque apenas ajudam, sem interferir em trabalhos paralelos. São tarefas que acabam sendo até mais pessoais e que não delegamos, como escolher roupas e sapatos para doar, por exemplo.

Sexta

A missão de sexta é destralhar a cômoda, seja tirando o que estiver em cima ou o que estiver dentro das gavetas.

Eu não tenho cômoda, então vou aproveitar essa missão para dar uma destralhada nas gavetas dos guarda-roupas. Estou precisando mesmo fazer isso com algumas meias. Vou aproveitar também para fazer uma listinha do que preciso comprar.

Quem aqui gostaria de fazer as missões da FLY Lady essa semana comigo? Postem nos comentários!

Thais Godinho
17/08/2014
Veja mais sobre:
, FLY Lady
18
Como eu me organizo: Daniel Burd
Como comprar: sofá-cama
Como ter um dia-a-dia minimalista

Estou aproveitando meu acesso escasso à Internet (e podendo postar apenas textos sem imagens) para falar um pouco como vem sendo a primeira semana no apartamento novo, depois da mudança. Estamos na zona 2, que eu atribuí aos dois banheiros e ao escritório.

Eu utilizo o sistema FLY Lady para organização e manutenção do lar, e diariamente ela (a FLY Lady, uma americana) posta missões do dia em seu site, que geralmente são tarefas que podem integrar a lista detalhada de limpeza e devem ser realizadas ocasionalmente.

Vou fazer uma revisão das missões desta semana e como eu apliquei aqui no apartamento. Costumo adaptar ou fazer literalmente, de acordo com as nossas necessidades:

Segunda, dia 11, era dia de limpar os canais de ventilação dos banheiros ou, caso não tenha, os lustres. Na segunda, eu estava viajando a trabalho, então não fiz isso. Como tínhamos nos mudado na quinta anterior, porém, as luzes estavam novas.

Terça, dia 12, eu continuava fora a trabalho, então não fiz a missão do dia, que era limpar as maçanetas e batentes das portas dos banheiros, além de tirar os cabelos das escovas. Mas fiz quando cheguei. Inclusive, há um pequeno conserto que é necessário fazer na porta do escritório, e pretendo fazer amanhã.

Quarta, dia 13, foi meu último dia de viagem (não via a hora de voltar para casa), e a missão era limpar os respingos de sabonete e pasta de dente na pia, espelho e bancadas. Como os banheiros estavam limpos, foi muito rápido de fazer.

Quinta, dia 14, a missão era fazer uma lista de tudo o que eu gostaria de fazer no banheiro. Já vinha fazendo desde a mudança, então foi fácil. Tem bastante coisinhas que quero comprar para organizar bem bonitinho, mas farei aos poucos.

Sexta, dia 15, hoje, a missão era limpar os rodapés dos banheiros. Meu marido tinha feito uma limpeza pesada em todo o piso do apartamento, incluindo cantos e rodapé, na terça, então essa missão não foi necessária. Me dediquei, no entanto, a desfazer todas as caixas de livros do escritório e a colocá-los nas estantes. Também comecei a colocar em ordem os meus papéis, que estavam em caixas com a mudança. Tenho muita coisa para fazer no escritório!

Achei legal fazer esse resumo das missões da semana da FLY Lady e tentarei postar com fotos da próxima vez! Me digam se gostaram, que eu continuo postando sobre.

Bom final de semana!

Thais Godinho
15/08/2014
Veja mais sobre:
, FLY Lady
13
Inspiração: entrada organizada para receber as crianças quando chegam da escola
Acordar mais cedo para quê? Coisas para fazer de manhã
30 ideias de coisas legais que eu gosto de fazer com o meu filho que são gratuitas ou muito baratas

Uma das coisas mais legais ao mudar para uma residência nova é entender aos poucos como será a nova rotina e começar a estruturá-la para fazer a casa funcionar sem estresse. Eu utilizo para isso um sistema chamado FLY Lady, criado por uma americana, e aqui vou descrever um pouco como estou implementando o sistema “do zero” em nosso novo apartamento.

Definindo as zonas

O primeiro passo é determinar as “zonas”, ou áreas, que a FLY Lady trabalha a cada semana do mês. Temos os seguintes cômodos em nosso apartamento atual: sala, varanda, cozinha, área de serviço, banheiro de serviço, quarto do filhote, nosso quarto, banheiro social, banheiro da suíte e escritório. Também gosto de considerar a entrada como uma área diferente, pois contempla a entrada do apartamento, porta, capacho etc.

As zonas oficiais da FLY Lady são:

Zona 1: Entrada, porta da frente e sala de jantar
Zona 2: Cozinha
Zona 3: Banheiro e quarto extra
Zona 4: Quarto principal
Zona 5: Sala de estar

Aqui, eu dei uma modificada e deixei assim:

Zona 1: Área de serviço e banheiro de serviço
Zona 2: Cozinha e despensa
Zona 3: Banheiro social e escritório
Zona 4: Nosso quarto e quarto do filhote
Zona 5: Entrada, sala e varanda

Um “hack”que existe nesse esquema de zonas da FLY Lady é que a primeira e a última são semanas que, geralmente, têm menos dias em cada mês, então as zonas principais sempre pegam semanas inteiras e podem ser melhor trabalhadas.

Eu também preferi juntar cômodos relacionados para facilitar a visualização do que será feito. Por exemplo, para mim, faz mais sentido deixar a varanda junto com a sala, na zona 5, que na zona 1, com a área de serviço.

Ao trabalho!

Depois de definir as zonas, não tem segredo: basta seguir as recomendações da FLY Lady.

A primeira coisa é destralhar os cômodos da semana. Eu sei que, em uma mudança, no geral já fizemos esse destralhamento antes de mudar. Porém, é impressionante como tenho destralhado as coisas! Quando nos mudamos para um apartamento novo, queremos ter conosco somente o que realmente amamos ou precisamos, e muitas vezes só percebemos isso quando pegamos item por item das caixas que abrimos.

A regra da FLY Lady é clara: a missão principal em todo cômodo é primeiro destralhar o que for necessário, para então fazer a missão do dia e, por fim, trabalhar na lista detalhada de limpeza. Essa é a hierarquia das zonas da FLY Lady e tem funcionado muito bem desde o primeiro dia no apartamento.

Dança dos cômodos

Uma técnica que tem me ajudado muito a arrumar o apartamento desde o primeiro dia da mudança é fazer a dança dos cômodos. Incrível como, se deixar, fico umas duas horas sem parar indo para lá e para cá arrumando as coisas nos cômodos certos, apenas de entrar e sair de cada um com o que é de outro lugar. Funciona mesmo!

O que priorizar?

Para mim, o que deve ser priorizado em uma mudança são as necessidades básicas: dormir, comer e cuidar da higiene pessoal. Portanto, quartos devem estar em ordem para uma primeira boa noite de sono, a comida deve ser providenciada e pelo menos um banheiro deve estar funcionando com tudo o que for necessário. Para isso, o que comentei acima pode ajudar (destralhar, limpar, arrumar), além de já preparar o primeiro menu semanal, é claro.

É muito bacana organizar a rotina nova. 🙂 Estamos arrumando as coisas por aqui e eu tenho estado muito dedicada ao trabalho, com viagens, além da própria mudança e alguns projetos paralelos caminhando juntos, mas em breve retomarei a rotina com o blog também. Obrigada por tudo, pessoal.

Thais Godinho
10/08/2014
Veja mais sobre:
, FLY Lady
20
GTD Fundamentals – aprendizados do curso
Envie sua sugestão de pauta para o blog
Dica de site: Online Converter (para converter arquivo de todo tipo)

110414-flylady

FLY Lady é um método americano de organização da casa muito falado aqui no blog. Para saber mais recomendo que leia o post: Como começar no sistema FLY Lady. Este post é sobre a aplicação do método para quem é muito, muito ocupado(a), trabalha fora e, na maioria das vezes, está tão cansado(a) que não consegue nem arrumar a cama e lavar a louça direito. Será que dá para a gente manter uma rotina de limpar a casa mesmo nessas condições?

A ideia do sistema FLY Lady é justamente conseguir dar conta das tarefas domésticas sem surtar muito, deixando a casa em ordem. Confesso que, quando trabalhava em casa, era tão tranquilo! Especialmente antes de o nosso filho nascer. Depois que ele nasceu e, especialmente, agora, quando eu tenho diversas frentes de trabalho, a rotina ficou bastante complicada. Por isso, eu venho refletindo sobre as aplicações do método, adaptando ao nosso dia a dia, e gostaria de compartilhar com vocês então as minhas reflexões sobre a pia*.

1. Acompanhar os e-mails

Eu não sei vocês, mas eu não consigo acompanhar todos os e-mails enviados pela FLY Lady. Deixo para ler alguns que me interessem quando eu tenho algum tempo para isso (envio para o Evernote e uso a tag “Ler” para organizar). No geral, para saber as missões da semana e outras informações, eu tenho o hábito de visitar o site regularmente. Acho mais fácil.

2. Manter os hábitos

Confesso que, por já conhecer o método há tantos anos, os hábitos são fáceis para mim, pois acabo fazendo naturalmente. A coisa da pia sempre limpa, acordar e se vestir, destralhar todos os dias – isso tudo já é bem natural.

3. Manter o control journal atualizado e funcionando

Tenho hoje nosso control journal no Evernote e é lá que eu organizo as listas detalhadas de limpeza e todo o resto. Reviso de vez em quando para mudar algo, se sentir necessidade. Não tenho mais um control journal físico, pois acho que dá trabalho manter, além de ocupar muito espaço.

4. Cumprir as missões do dia

Acho que cumprir as missões é o mais fácil, porque geralmente são tarefas curtinhas e que a gente faz em quaisquer 15 minutos livres de noite em casa. O problema é quando eu estou viajando a trabalho, pois aí as missões acumulam e acabam ficando para o próximo dia livre, e confesso que muitas vezes acabo não fazendo.

5. Organizar a limpeza por zonas

É a maneira mais fácil de organizar, na minha opinião, mas o problema é o mesmo que eu relatei acima: se eu estiver viajando, o esquema vai para o ralo. Quem viaja bastante a trabalho acaba tendo esse problema. E aí, como fazer? Ou coloca uma faxineira no esquema ou engaja as outras pessoas da casa para manterem a organização. Se nenhuma das duas alternativas for possível, a alternativa seria juntar com as tarefas da semana seguinte ou fazer tudo no sábado, por exemplo, o que é cansativo. Não tem muito o que fazer nesse caso.

O que eu aprendi quando comecei a trabalhar (muito) é que não dá para ter a casa brilhando, ficar com o filho, o marido, investir em hobbies, estudar e fazer toda a sorte de coisas que temos vontade. Entre ter uma casa semi-limpa e viver / ter uma casa brilhando e viver morta de cansaço, eu fico sempre com a primeira opção. É uma mudança de paradigma, mas o sentimento de desapego ajuda bastante nisso.

* A FLY Lady publicou um livro nos Estados Unidos com esse título (“Reflexões sobre a pia”, pois um dos seus hábitos mais famosos no sistema FLY Lady é o de deixar a pia da cozinha sempre brilhando). Para quem ainda não pegou isso, vale a pena começar desde o início, um hábito de cada vez. São hábitos mesmo, e não tarefas que aumentem ainda mais a nossa carga de atribuições no dia a dia. 

Thais Godinho
18/04/2014
Veja mais sobre:
, 15 minutos, Em casa, FLY Lady, Organizar
18
Treinamento GTD: Turma aberta de agosto
A parte boa: faça uma lista de prêmios
Vida de Mãe: Organizando a rotina das crianças em casa