Roupas essenciais para um verão na cidade, trabalhando

16
2961

Já faz algum tempo que eu tenho incorporado uma técnica que adoro e tem me ajudado bastante, que é a de separar as peças que vou usar ao longo da semana, de modo que eu:

  1. Consiga explorar mais as minhas roupas, em vez de ir sempre naquele “uniforme” diário, buscando outras combinações mais criativas
  2. Não precise pensar muito no dia a dia caso não queira pensar em que roupa vestir
  3. Agilize as minhas manhãs
  4. Não precise acender a luz do quarto e acordar o meu marido (rs) procurando uma roupa no guarda-roupa de manhã
  5. Otimize a rotina de lavanderia (por ex, uso a mesma calça mais vezes e coloco para lavar quando está suja de fato)

Na verdade são muitas vantagens, mas essas acima foram as que eu consegui enumerar. E, com essa prática, eu tive a ideia de fazer este post com as peças que, para mim, têm sido essenciais no momento. O momento é: verão, janeiro, chuva, calor, vento de manhã e de tarde, roupas confortáveis para trabalhar, enfim, o que acredito ser a realidade de outras mulheres.

Seguem as peças que eu acredito serem muito versáteis para se ter e trabalhar no verão. Lembrem-se que eu moro em SP, então levem isso em consideração para fazer adaptações para a sua região. 😉

Atenção: 1) Este post não é patrocinado. Vou indicar links e marcas abaixo apenas como referência, pois acredito que vocês tenham curiosidade de navegar e saber mais (eu pelo menos tenho, quando vejo posts assim); 2) Este post não é um incentivo ao consumismo. Acredito que a leitora do Vida Organizada seja consciente disso e saiba que o post tem teor apenas informativo, a fim de inspirar ideias e identificar necessidades reais.

Começando pelas partes de baixo.

Calça clochard em modelo cenoura ou pantacourt

Clochard é o nome que se dá a esse modelo de calça ou short que tenha uma sobra de tecido acima da amarração na cintura. Existem diversos modelos mas, para o verão, considero as calças cenoura (mais larguinhas no quadril e afuniladas nas canelas) e as pantacourt (barra mais curta) super fresquinhas e versáteis. Eu era aquela pessoa que só usava calça skinny, mas no verão, ter calças mais confortáveis faz toda a diferença. Essa da foto é da C&A e eu coloquei porque tenho uma igualzinha, e uso muuuito. Ela é de viscose, muito fresquinha e confortável. Dá para trabalhar, sair, passear, é muito versátil mesmo. Eu gosto da clochard porque acho que ela é uma calça com informação de moda.

Bermuda ou short de alfaiataria branco

Sei que não é todo trabalho que permite mostrar as pernocas (ridículo, eu sei – estamos mudando aos poucos!) mas, para aquelas que podem, acho uma opção muito interessante. Eu não tenho muitas peças ainda porque estou montando meu novo guarda-roupa aos poucos depois que emagreci bastante, mas uma bermuda branca de alfaiataria está nos meus planos. Por que branca? Acho que ela é mais a cara do verão que a preta, e considero mais versátil também. Eu sei que sempre existe aquela coisa de ter medo de sujar, especialmente parte de baixo, mas é só tomar cuidado. Acho super chic uma bermuda de alfaiataria branca, seja de linho ou de um tecido mais plano (que não estica).

A da foto é da Riachuelo, que é uma loja que eu tenho mil pés atrás, mas o modelo é bem bonito e o tecido é um mix de algodão com viscose, enfim, bem fresquinho e bonito para o verão.

Saia midi

Eu comprei essa saia midi na C&A e tenho usado muito muito muito agora no verão. Apesar de ela ser preta, é de viscose, então é muito fresquinha e confortável. Ela tem uma fenda do lado, o que torna o “sentar” confortável também, então para trabalhar é ótima. Como ela é de viscose e tem botões, passa um ar meio casual, mas usando com uma sandália legal, uma blusinha diferente, pelo menos para mim é um look bacana para trabalhar.

Vestido chemise

O que eu acho mais legal em qualquer tipo de vestido é que ele é aquela solução pronta para os dias em que a gente não quer pensar muito – basta vestir a peça e complementar com os acessórios (ou não!). No caso do chemise, que na verdade é apenas uma “camisa grande”, ele tem uma certa formalidade para o ambiente de trabalho, ao mesmo tempo que é casual, o que faz com que ele seja versátil para muitas profissões. Esse da foto é da Amaro. Gostei dele porque ele é verde militar, uma cor que já considero básica, e gosto muito, mas é claro que você pode escolher nas cores que desejar.

Macacão

Assim como o vestido, o macacão é aquela peça única que facilita. Ter um macacão bonito, que dê para trabalhar, é muito legal na época de calor. O único porém do macacão é na hora de ir ao banheiro… rsrs Mas como eu pelo menos não uso todo dia, acho que vale o custo-benefício da empreitada. Esse da foto é da Lenny Niemeyer.

Partes de cima:

Regata diferente

Eu não era muito fã de blusas regatas quando estava acima do peso, mas agora tenho usado bastante. Percebo que as de malha ou mais básicas são ótimas para dias casuais mas, se tentar buscar algumas peças diferentes, elas podem ser muito versáteis não apenas para trabalhar (e de repente combinar com uma terceira peça interessante, para não ficar tão à mostra no ar condicionado).

Essa da foto é da Amaro e eu acho ela interessante porque ela tem um formato diferente, um recorte nas costas etc. Isso faz com que a peça não seja uma peça comum, sabe? Ao mesmo tempo, por ser lisa (sem estampa), e de uma cor tão básica como o off-white, dá pra combinar com absolutamente tudo – uma saia, como na foto, mas também calça, shorts de alfaiataria, bermudas, enfim… bem versátil e vai em diversas situações do cotidiano, não apenas o trabalho.

Camisa de manga curta

Eu sei que camisa de manga curta tem mil poréns, mas eu tenho duas de algodão e estou usando MUITO agora no verão, porque camisa sempre dá aquele ar instantâneo de que a gente está mais arrumada, mas em modelos mais larguinhos ela também é muito confortável. Eu não gosto de roupa apertada – não é meu estilo. O outro ponto legal da camisa é o regulador de temperatura através dos botões – você deixa mais ou menos abotoada de acordo com o seu humor. Essa da foto é da Shoulder.

Camiseta com detalhes

Se deixar, só uso camiseta. então eu tenho tentado comprar camisetas que tenham uns detalhes mais bonitinhos, para trazer algo diferente e não ficarem muito básicas (eu gosto das básicas também rsrs). Por exemplo, essa da Renner, da foto, tem todo esse destaque em renda. Poderia ser só um detalhe, como um recorte diferente nas costas, ou uma manga com um botãozinho, sabe? Esses detalhes fazem com que uma camiseta (às vezes até de malha) que tinha todo para ser comum ganhe um ar mais arrumadinho e eu acho que, para trabalhar, sempre é uma ideia legal. Mesmo os tecidos mais naturais (e mais fresquinhos) ficam bacanas assim.

Blazer de linho

Sim, eu sei que em algumas regiões do Brasil falar em blazer parece impossível, mas mesmo nas regiões mais quentes algumas pessoas podem ser obrigadas a trabalhar em ambientes com ar condicionado congelante, e uma terceira peça se faz necessária, além de sempre dar uma ajeitada a mais no look. Eu ainda não tenho um blazer de linho… acho que blazer a gente tem que compra aquele com caimento perfeito etc etc, e ainda não achei um assim. Esse da foto é da Hering. Acho que blazer de linho funciona bem na cor natural (meio bege), mas já vi vários coloridos e em outros tons que ficam bonitos também. Acho que só não compraria preto.

Se vocês acharem legal eu posso fazer um post com sugestão de acessórios! Acho que daria pano pra manga para outro post, para este não ficar muito grande! Deixe nos comentários se gostar da ideia, por favor.

Para quem tiver curiosidade, me siga no Instagram, pois eu costumo compartilhar praticamente todos os dias nos stories as roupas que estou usando e deixo salvo nos destaques. 😉

16 comentários

  1. Amei demais este post! É engraçado que lendo e vendo outro ponto de vista, começo a achar bacana peças que em outro momento não teria dado tanta atenção.
    Consigo até mesmo vislumbrar um bom armário consciente e funcional para essa época mais quente.
    Faça sim Thais o post sobre acessórios… é sempre muito válido e delicioso de ver! s2

  2. Sobre o seu comentário sobre ter um pé atras com a Riachuelo: Se o seu receio é com relação à empresas que tem relação com trabalho escravo, te sugiro um app chamado Moda Livre. Ele mostra os indicadores das empresas que possuem um monitoramento sobre como é produzido as peças, empresas que já tiveram problemas e buscam soluções, e até mesmo empresas que não comentam sobre o assunto.

  3. Adorei as sugestões. Como sou da área da saúde, apesar de eu poder variar as cores das minhas roupas, não posso utilizar sandálias, nem qualquer outro tipo de sapato aberto no meu serviço.
    Gostaria de dicas de sapatos fechados para estes modelitos mais verão

  4. Sobre o blazer de linho, tão difícil quanto encontrar um com um bom caimento, é um que não tenha o forro de material sintético! Não faz sentido um blazer com tecido natural e forro sintético – até hj não consegui achar um compatível com o meu orçamento 🙁

  5. Oi Thais, adoro esse tipo de postagem sua.
    Também moro em SP e sim, é muito necessário um planejamento de roupas para a semana.
    Eu sempre tenho problemas com sapatos. Gosto de sapatos mais arrumados, porém, só ando de metrô em horário de pico e a pé, ou seja, impossível usar um sapato de salto e etc.
    Enfim, fica uma sugestão caso ache que seja válido.

  6. Adorei a sugestão, tenho quase todas. Menos o macacão, pq acho que não veste legal em mim … esperando pela lista dos acessórios! 👍🏻👍🏻👍🏻

  7. Adorei o post Thais! Roupas lindas… queremos o post dos acessórios e acho que vc tem muito bom gosto para se vestir!

  8. Também tenho feito um planejamento semanal das roupas para agilizar e deixar a criatividade fluir com combinações mais inusitadas. Deixo separadinhos num canto do guarda roupa mesmo, 7 looks em 7 cabides, inclusive com os acessórios (menos os sapatos né). E se no dia em questão eu mudar de ideia, tudo bem, gosto de manter ali para momentos futuros de correria/preguiça.

Deixar uma resposta

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui