Categoria(s) do post: Dicas de produtividade, Vida Organizada, Semanal

Follow-up é um termo em inglês para “acompanhamento”.
Você pode usar “acompanhamento” ou “acompanhar”, se preferir. 🙂

A proposta é ter uma LISTA de follow-up, onde você consiga, então, fazer um acompanhamento de terceiros.

Esse acompanhamento não precisa ser apenas de coisas que você delegou ou pediu para alguém, mas também de atividades diversas que você acha importante acompanhar. Exemplo: CPI da COVID rsrs

Lembrete de Follow-up / Google Agenda

Eu recomendo inserir um lembrete na agenda com recorrência semanal para que você possa revisar essa lista e fazer o acompanhamento. Gosto muito de fazer na quinta-feira, pois aí a pessoa pode retornar antes do final de semana. Mas você pode escolher o melhor dia para a sua dinâmica como um todo (muita gente gosta de fazer na segunda-feira de manhã).

Ao revisar essa lista, não necessariamente você precisa contatar ou cobrar as pessoas. Pode ser um simples acompanhamento mesmo, de verificar em que pé estão as coisas. Assim como você pode ter várias demandas ali de uma pessoa que está super atrasada com tudo, e aí você pode querer agendar um bate-papo com ela para buscar ajudar, ver o que está acontecendo ou de repente até mudar a pessoa responsável pelas tarefas.

Você pode inserir tarefas, ações, demandas, notícias, projetos, entregas, compras feitas pela internet, enfim, tudo o que você está aguardando de terceiros. Não é para colocar coisas suas, mas sempre de outras pessoas, para fazer o acompanhamento.

Você pode ter uma lista única ou várias sub-listas, tipo “pessoal” e “profissional”, ou por pessoa, se você achar apropriado. Eu no momento faço um mix disso, alternando áreas com pessoas.

Lista Follow-up / Todoist

Essa lista é uma “mão na roda”. Considero essencial para a minha organização pessoal. O fato de ser no Todoist facilita bastante levar coisas diretamente do e-mail (Gmail), pois existe uma extensão para o Google Crome que transforma um e-mail em tarefa no Todoist, linkando a tarefa ao e-mail. Então basta eu clicar na tarefa e ela abre o e-mail. Isso agiliza demais o processamento de e-mails e o acompanhamento da atividade. Tem para Outlook também.

Você já usa essa lista? Como você faz?
Caso não use, acredita que possa ser útil para você?

Obrigada por acompanhar este conteúdo. <3

Deixe seu comentário

12 comentários

  1. Marcos Alano comentou:

    Eu estava mantendo uma lista assim no Todoist, mas acabei migrando pra colocar tudo com itens marcados com a label “@waiting_for”. Então itens que não tenho nada pra fazer tipo entregas, acaba tendo um item na lista de single actions. Qual seria a diferença da tua lista de follow-up de uma lista de aguardando por?

      1. Marcos Alano comentou:

        Qual seria exatamente a diferença? O que iria numa e o que iria na outra? Tem realmente alguma diferença ou é nomenclatura que no GTD chama de “aguardando por” e fora do método é uma lista de “follow-up”?

        1. Do meu ponto de vista, a diferença é que follow-up é uma ação minha e aguardando é sempre passivo dos outros.
          Mas no fundo é a mesma coisa, sinceramente. O termo “follow-up” é muito antigo e usado há décadas no meio corporativo, muito antes do GTD.

          1. Marcos Alano comentou:

            Gostei. Tem umas coisas que me deixa incomodado de colocar na lista de Aguardando Por, como entregas das coisas que eu comprei e que não são necessárias para dar continuidade a nenhuma ação/projeto, como a entrega de uma peça para a ação de consertar algo (baseado em fatos reais), o lançamento futuro de algum produto ou serviço sem data específica (se não seria um lembrete no calendário), etc. coisas que quero manter um olho, mas que é complicado (como a entrega) ou impossível (como o lançamento). Tu acha que isso cairia bem nessa lista de follow-up, até para evitar usar a lista de Aguardando Por com coisas que a gente virtualmente não tem controle e não pode cobrar ninguém sobre?

  2. Barbara comentou:

    Eu uso muuuuuito essa lista dentro do próprio e-mail. Tenho uma pasta lá chamada “aguardando resposta” e uma vez por semana eu cobro quem tá me devendo alguma coisa rs. No todoist mantenho uma lista de “assuntos a tratar com”. Também seria uma lista de follow up?

    1. Marcos Alano comentou:

      “Assuntos a tratar com”, pelo que eu sei, é o contexto “Agendas” (termo em Inglês) que se fala no GTD. Ele contém itens para tratar quando se está com uma pessoa (por exemplo meu chefe, ou algum colega) ou numa reunião (como a reunião semanal que eu tenho para mostrar status das tarefas). A ideia, também ao meu ver, é que se tenha tudo mapeado quando se estiver naquele contexto, no caso, falando com a pessoa ou participando da reunião.

  3. Luis juvenazzo comentou:

    Gosto muito desse material

  4. Carollzita comentou:

    Eu uso, mas atualmente só tenho coisas que está pra o meu marido fazer, kkkkk

  5. IANDRA CRISTINE DA SILVA PAIXÃO comentou:

    Eu não sabia que o Todoist tinha extensão para o Outlook que é meu e-mail corporativo. Vou testar.