Categoria(s) do post: Finanças

Eu não posso me dar ao luxo de não pensar em finanças. É como o tempo. Quando a gente tem bastante, organizar não é uma necessidade. Com dinheiro, é a mesma coisa. Como a maioria dos brasileiros, eu não posso me dar ao luxo de não pensar nisso. Organizar as finanças é algo essencial.

Meu foco de vida sempre é buscar uma segurança maior. Para mim, isso representa ter uma casa para a nossa família, uma casa para o meu trabalho, e guardar dinheiro para não passar dificuldade na velhice. Mas o dinheiro também deve proporcionar o básico no dia a dia: pagar contas, comer, ter um plano de saúde, estudar, e certo consumo (livros, roupas).

Eu sei que é muito complicado falar sobre finanças para um país com tanta desigualdade social. Farei o possível para tentar sempre citar exemplos diversos, mas eu assumo desde já que os posts provavelmente terão o meu ponto de vista de classe média, pois é meu local de fala.

Dentro desse contexto, acho sempre importante lembrar que não somos responsáveis por problemas estruturais do sistema econômico que nos rege. Ele é avassalador. Não podemos dar “dicas de finanças” falando para a pessoa guardar 10% do que ganha se o que ela ganha nem paga o mínimo que ela precisa para sobreviver. Precisamos ir na raiz do problema e trabalhar pela sua resolução real. Consciência do problema é o primeiro passo.

Na minha realidade, o foco com relação a gestão de finanças é: 1) ganhar dinheiro com o meu trabalho e 2) economizar o máximo que puder. São cenários ideais que eu busco, mas não cobro nenhum tipo de perfeição. É apenas o que eu tenho em vista.

Todo “guru” de finanças fala para termos metas de finanças mas, para mim, isso funciona só de vez em quando – quando tenho essa liberdade. Muitas vezes, penso apenas nos dois pontos acima.

Não acredito em uma vida com ostentação sendo que existe tanta desigualdade. E acho que todo criador de conteúdo deveria ser mais responsável ao lidar com esse tema.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Categoria(s) do post: Diário da Thais, Ferramentas de organização, Vida Organizada

A ferramenta que eu utilizo para organizar os meus projetos é o Notion.

Tenho um database para Projetos 2022, que é a maneira que gosto de organizar.

Eu não organizo tarefas ou próximas ações no Notion. Já tentei algumas vezes e, apesar de ser legal e dar para fazer funcionar, PARA MIM não rolou. Prefiro uma ferramenta nativa de listas para isso, como o Todoist (que estou usando). Assim, reviso os projetos semanalmente e garanto que o que eu posso fazer com relação a ele esteja no Todoist. E é isso.

Dentro de cada projeto eu acompanho o status geral.

Os status que uso são: em espera, em andamento, cancelados e concluídos.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Categoria(s) do post: Novidades

Completamos 1 ano de Comunidade de Práticas.

O objetivo ao criar essa comunidade, há 1 ano, era o de proporcionar um ambiente de aprendizagem que fosse contínua, sem necessariamente ser como a trilha de um curso.

Tenho muito orgulho do caminho que construímos até aqui.

Hoje, a comunidade é composta por pessoas apaixonadas por produtividade e que querem se manter atualizadas. O acesso é anual.

A Comunidade de Práticas do Vida Organizada é o nosso ACAMPAMENTO – um espaço onde você tem:

  • Acesso imediato
  • Atividades 100% online
  • Sem o comprometimento de um curso – você faz no seu ritmo!
  • 5 Workshops: Hábitos, Como começar, Planejamento do Ano, Todoist, Interrupções
  • Materiais complementares
  • Aulas extras
  • Acesso à mentoria mensal
  • Acesso ao Clube do Livro
  • Acesso ao encontro mensal em grupo com psicóloga
  • Acesso ao grupo exclusivo no Facebook (opcional)

Esse formato está super maduro e particularmente eu amo e tenho orgulho dessa comunidade!

Saiba mais

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.