04 Mar 2015

Checklist de março 2015

O mais chocante de estar em março é já estar mexendo no tickler de abril! Posso estar escaldada com essa questão de achar que o tempo passa rápido, mas desta vez fiquei realmente chocada. O ano de 2015 está passando muito rápido! Só eu estou com essa impressão?

Segue sugestão de checklist para você ter um mês organizado:

  1. Revisar seus objetivos e ver como evoluíram até aqui
  2. Revisar suas áreas de foco na vida
  3. Dar uma olhada geral na agenda do mês e se programar para eventos, viagens e aniversários
  4. Declarar o imposto de renda
  5. Aproveitar a chegada do outono <3
  6. Ir ao teatro (e levar as crianças!)
  7. Digitalizar tudo o que puder e reduzir a papelada em casa
  8. Tirar o CPF dos filhos para declarar o IR (novas regras)
  9. Planejar um passeio legal para o feriado da Páscoa
  10. Verificar sua caixa de medicamentos e descarte os que estiverem vencidos
  11. Buscar alternativas mais baratas e tão legais quanto ovos de páscoa caríssimos de supermercados
  12. Guardar as roupas para dias mais quentes
  13. Fazer o workshop Organize sua rotina doméstica
  14. Tirar uma cópia de todos os documentos
  15. Planejar as férias de inverno

O que você pretende fazer este mês?

03 Mar 2015

Editorial: Conecte-se

O mês de março chega com um gostinho de outono, trazendo uma brisa mais fresquinha aqui em terras paulistas. É a minha época preferida do ano e, como tal, costumo ficar bastante inspirada especialmente para escrever e me dedicar aos diversos trabalhos que tenho na vida.

Quando estive na Evernote Conference – EC4 no ano passado, uma das coisas que mais me chamaram a atenção foi a imagem principal do evento com a chamada: “o trabalho da sua vida”. Eu penso que, até muito pouco tempo atrás, a maioria das pessoas considerava trabalho como aquele emprego das 8 às 18, em um escritório ou local fechado, com chefe, ponto eletrônico e e-mails corporativos. Hoje, vejo trabalho como aquilo que eu produzo, independente do objetivo. Pode ser um emprego, como também pode ser a nova música que estou compondo ou um novo projeto de “faça você mesmo” no meu jardim. O trabalho da minha vida é tudo o que faço, produzo, com algum significado. Temos projetos.

030315-editorial

Essa definição é importante para chegarmos ao tema do mês de março aqui no blog, que é Conecte-se (saiba mais sobre os temas e os verbos da organização para entender a motivação de existir um tema por mês no blog este ano). Venho há uns bons dias refletindo sobre esse verbo para poder escrever sobre ele e definir o calendário de posts do mês inteiro. No geral, quando pensamos em conexão, logo lembramos de Internet e tecnologia. Eu quis fugir um pouco disso e pensar na conexão que temos com outras coisas também.

Afinal, nos conectamos com pessoas: nossa família, nossos amigos, filhos, namorados, namoradas. Recebemos pessoas em casa, precisamos conciliar vida pessoal e profissional, fazemos reuniões, celebramos momentos especiais. Nos conectamos com outras culturas quando viajamos para um lugar diferente ou encontramos um turista no metrô, ou recebemos um colega de outro país ou estado no trabalho, com costumes diversos aos nossos. Nos conectamos com a tecnologia, quando passamos a andar todos os dias com um celular no bolso e um fone nos ouvidos, trabalhando utilizando um computador ou tablet como interface e precisando de um imóvel maior para alocar um escritório em casa. Compramos smart tvs, smartphones e geladeiras que nos dão listas de compras já prontas. Utilizamos a tecnologia até mesmo para encontrar pessoas que não poderíamos encontrar se não fosse através dela, como o aplicativo Tinder e o site do Facebook. Nos conectamos com a natureza quando mergulhamos naquela onda quebrando em cima da gente, ou quando abrimos a janela e sentimos o vento em nossos cabelos. A conexão existe quando separamos materiais para reciclagem e fazemos carinho na cabeça do nosso cachorro. Nos conectamos com o divino toda vez que fazemos uma oração antes de dormir ou meditamos sobre a preciosidade da vida. Também nos conectamos com o mundo, quando fazemos algum trabalho voluntário ou vamos às ruas protestar por melhorias em nosso país. Estamos todos conectados.

Não podemos nos esquecer também da conexão que temos com nós mesmos. Aquele momento que olhamos para dentro para saber o que vai bem e o que vai mal – desde aquele frio na barriga quando precisamos tomar uma decisão até a necessidade de desligar o notebook e ir dormir. Precisamos relaxar, resgatar atividades que gostamos de fazer, ficar sozinho às vezes – ou aproveitar melhor os momentos com as pessoas que amamos.

E então você pode se perguntar: “o que organizar a vida tem a ver com isso?”. E eu responderei: tudo. Porque ter uma vida organizada não é sobre etiquetar pastas, mas sobre saber aproveitar o tempo que você tem. A sua vida. Os seus momentos. Por isso, em março, conecte-se. Abra-se para as possibilidades que você pode encontrar ao organizar alguns setores da sua vida. Talvez, ao fazer todos os dias um pouquinho com relação a cada um deles, você chegue em um momento de conexão plena que já não exija qualquer tipo de separação em sua mente. Você pensará na sua vida como um todo, com plena consciência dos seus papéis e responsabilidades. Vamos lá?

vo-mar-2015

02 Mar 2015

Resultado do desafio de organização – Fevereiro 2015

Oi pessoal, tudo bem? Hoje vou postar o resultado do desafio de organização de fevereiro – organizar um cantinho de estudos. Obrigada a todos que participaram!

Vale lembrar que este é um post com o resultado dos desafios! Para acompanhar o “antes” e o “durante” dos leitores, é necessário participar e interagir no grupo do leitor no Facebook. :)

Vamos ver como ficaram os cantinhos de estudos dos leitores?

Continue lendo →

01 Mar 2015

Linkagem de domingo {102}

A linkagem de domingo é um post que gosto de publicar semanalmente compartilhando com vocês textos, vídeos e outros conteúdos que tenham a ver com o blog, mas que não sejam necessariamente sobre organização. Também aproveito para compartilhar outros conteúdos que eu criei para outros canais, meus e de terceiros.

Imagem: Tech Love Design

Imagem: Tech Love Design

# “Quando você apresenta sua ideia, dão risadas. No dia em que você resolve implementar, criticam. Depois de seu sucesso se perguntam: “Mas como?” Em seguida, tentam imitar. Quando fracassam, dizem que você teve sorte. Alguns vão te admirar. Outros vão se corroer de inveja. Uma parte vai querer aprender com você. Outra parte vai dizer que você é burguês. Depois de chegar ao topo, você vai chegar a algumas conclusões.”

# Moda é acessível para todos.

# Se você está querendo um bebê (aumentar a família), uma remuneração melhor, fazer um curso que amplie a sua qualificação, comprar um imóvel ou até reformar o seu, a ideia é sempre crecer, aumentar, expandir, você precisa aproveitar a energia do 3. Veja o que fazer no dia 3/3, um dia duplamente mágico.

Sobre mim, em outros lugares

# Entrevista comigo muito bacana que a Kalinka, personal organizar e organizadora de eventos, publicou em seu blog. Adorei participar, muito obrigada!

# Resenha do livro Vida Organizada (publicado em Portugal pela Editora 4 Estações) feito pela Adriana, do blog Blond and Heels. <3

No blog da Call Daniel

# O poder está em nossas mãos.

Boa semana para vocês!

28 Feb 2015

Resumo do mês de fevereiro 2015 aqui no blog

O tema do mês de fevereiro foi APRENDA. Leia o editorial para entender o que isso significa.

vo-fev-2015

Com ele, vieram posts direcionados, relacionados ao tema. Confira:

Desafio de organização

O desafio do mês de fevereiro foi organizar um cantinho de estudos em casa (saiba mais aqui). Além do post do desafio, tivemos mais alguns posts relacionados:

GTD

O conteúdo sobre GTD continuou a todo vapor, com diversos posts dedicados aos fãs da metodologia:

Avisos

Preciso fazer novas e refazer algumas considerações importantes para vocês, queridos leitores:

010315-cafe

  1. Gravei um vídeo explicando por que a minha gravação de vídeos está em stand-by.
  2. Venho atualizando posts antigos do blog, de 2006 até 2015. O blog conta hoje com mais de 1500 textos e eles acabam não sendo muito bem aproveitados porque não existe a cultura de reler posts antigos. O que estou fazendo então é reescrever muitos deles, otimizando para que eles apareçam mais em sites de busca e tenham links em posts mais novos. Esse é um processo que leva tempo, mas estou fazendo um pouquinho de cada vez. Tem muita coisa boa publicada e estou interessada em valorizar a qualidade deles em vez de publicar sempre posts novos.
  3. Também reorganizei as categorias do menu principal. Acredito que elas estejam mais fáceis e dedutivas para navegação.
  4. O mês de fevereiro foi bastante complicado para mim por causa da mudança repentina e alguns acontecimentos (filhote com febre na última semana do mês). Aproveitei para tirar alguns dias de folga e descansar a mente, o que resultou em menos posts para o blog e menos controle sobre datas de posts. E querem saber? Foi tão bom para mim. Amo o blog, mas vou tentar manter o ritmo mais tranquilo e atualizar de acordo com a minha inspiração. Como eu falei, tem muito conteúdo bacana disponível e estou reescrevendo praticamente todos, então vale a pena acompanhar e reler. A ideia é que o blog se torne um grande diretório de artigos sobre organização e produtividade, sem data de validade.
  5. Ainda há (últimas) vagas para o workshop Organize sua rotina doméstica, que acontecerá no dia 14 de março. Este foi um workshop muito solicitado pelos leitores, por isso não quero que ninguém que tenha interesse fique de fora. Por favor, se for o seu caso, entre em contato através do e-mail workshop@vidaorganizada.com

Que vocês tenham um maravilhoso mês em março. Está chegando o outono. <3

26 Feb 2015

Aviso: Por que eu não estou gravando mais vídeos

Muitos leitores têm me perguntado por que eu não gravei mais vídeos, então resolvi que a melhor maneira de explicar seria gravando um vídeo a respeito, que segue:

Obrigada pela compreensão.

25 Feb 2015

5 dicas de organização para quem trabalha em casa

Esse tema tem sido frequente por aqui porque sempre fiz questão de usar minha própria experiência para aprender e compartilhar a respeito no blog. Como estou trabalhando em casa, não poderia deixar de ser diferente. Desta vez, reuni dicas que, ao meu ver, podem fazer toda a diferença quando a gente se organiza para trabalhar em modelo home-office.

1. Não é para todo mundo

Quando se tem que acordar às 06:00 de uma segunda-feira chuvosa para trabalhar, é comum pensar como seria maravilhoso trabalhar em casa. Porém, fazer isso demanda muita disciplina, controlar os horários e ficar um pouco maluco por não encontrar com as pessoas – mesmo os chatos do escritório. Faz diferença não ver pessoas e ficar o tempo todo apenas conversando pela Internet. Além do que, nem toda profissão é compatível com o modelo home-office e não é porque a sua não é que você vai largar tudo para viver de algo que ainda não sabe direito o que é.

2. Gerencie seus prazos com rigor

Use o GTD. Tenha controle dos prazos, das entregas, antecipe projetos. Tenha um inventário de tudo o que precisa ser feito – estabeleça prioridades. Gerencie direito seus e-mails.

3. Não “delargue”

É muito comum, para quem trabalha em home-office, dar tanta autonomia às pessoas da equipe que o trabalho acaba ficando um pouco largado. Não seja essa pessoa! Não se trata de controlar e ser chato(a), mas saber o que foi delegado a quem, quando cobrar, quando apoiar. A conversa olha-no-olho não vai existir todos os dias, mas vocês precisam se falar.

4. Utilize boas ferramentas

Hoje acho imprescindível utilizar a melhor ferramenta do mercado, que é o Evernote Business, na minha opinião. Todos os outros são excelentes e têm suas funções, mas o EB é o mais completo. Não “economize” aqui. Como todo o gerenciamento é na nuvem, vale ter algo legal, confiável e com bastante recursos.

5. Tire o home do office

Trabalhar em casa não é sinônimo de home-office. Encontre as pessoas em outros lugares, trabalhe na padaria, na cafeteria, na livraria. Alugue um espaço de coworking uma ou duas vezes por semana. Visite seu amigo no escritório. Você tem essa mobilidade!

Você trabalha em casa? Como costuma se organizar?