Categoria(s) do post: GTD™, Casa, Áreas da Vida

Meu dia de organizar o menu semanal é terça-feira, pois é quando eu tenho a minha reunião dos Vigilantes do Peso e recebo sugestões novas para comer durante a semana. À noite, eu tiro um pomodoro (25 minutos) para fechar o menu e listar os ingredientes necessários para fazer compras no dia seguinte.

Aqui em casa, meu marido gosta de assumir as refeições. Porém, desde que eu comecei a frequentar os VP, voltamos a dividir essa função. O fato é que eles mesmos (nosso filho e meu marido) estão comendo várias coisas que eu como, porque agora a dieta já não é tão restritiva. Feijão, por exemplo, que antes não eu não comia, é um ingrediente comum a todos.

Eu já tenho um post aqui no blog falando um pouco sobre como preparar um menu semanal caso você seja muito ocupada(o), que pode trazer algumas orientações que não estejam neste post. Vale a pena ler se você tiver interesse em implementar na sua casa. As principais vantagens são comprar somente o necessário, economizar dinheiro e não precisar perder tempo decidindo o que preparar de comida ao longo da semana.

Como agora eu utilizo o Evernote para praticamente tudo relacionado à organização, não poderia ser diferente no caso do planejamento semanal do menu. Veja aqui como eu organizo meus cadernos e tags no Evernote antes de continuar, por favor, pois farei algumas referências a esse sistema que podem ficar confusas sem conhecê-lo.

Eu organizo meu menu semanal na seguinte estrutura de tags:

Em andamento > Control journal > Menu semanal

Para planejar, eu crio uma nota assim:

Captura de Tela 2013-10-23 às 22.25.41

E então vou listando o que pretendo comer naquela semana em questão. Minha nota final ficou assim:

Captura de Tela 2013-10-23 às 22.32.46

Depois disso, eu verifico na despensa o que eu tenho e o que preciso comprar. Tenho uma lista no Evernote que se chama “Lista de compras – Mercado”, que fica na seguinte estrutura de tags:

Em andamento > Rotinas > Rotina semanal

Porque eu faço compras somente uma vez por semana no mercado. Assim, acesso essa lista e insiro os itens que preciso comprar, nas quantidades necessárias (3 peras, 7 bananas, 500g de peito de frango etc).

Como o Evernote possibilita a criação de listas com o campo para checklist (aquele quadradinho), fica bem bonitinha a lista.

Para finalizar, coloco na lista também a tag do dia em que vou ao mercado, pois assim ficará muito fácil de acessar quando estiver lá fazendo compras, sem precisar ficar procurando.

Captura de Tela 2013-10-23 às 22.37.51

E mais: se meu marido quiser ir ao mercado enquanto eu estiver no trabalho, para adiantar algumas coisas, eu apenas clico em “Compartilhar” e envio a lista para ele por e-mail. Ele se baseia na lista para fazer as compras e assim garantimos que nada será esquecido. Às vezes fazemos isso porque nem sempre encontramos no mesmo mercado tudo o que precisamos e, quando é assim, precisamos ir em mais de um no mesmo dia. Portanto, quando é possível para nós dois, ele vai antes.

Vale lembrar que dá para linkar receitas também na nota do menu semanal. Eu tenho uma tag chamada Receitas, onde arquivo toda sorte de receitas preferidas ou que eu considere úteis de manter. Se eu quiser usar uma dessas receitas no menu semanal, basta clicar com o botão direito em cima da nota da receita que eu quero, selecionar “Copiar link da nota” e colar na nota do menu semanal. Aí, quando você for acessar a nota no dia a dia, vai ficar mais fácil encontrar aquela receita, pois bastará clicar.

O vídeo abaixo explica direitinho como linkar uma nota na outra:

Eu também costumo deixar a nota com o menu semanal tageada com os dias da semana relacionados, a fim de tornar mais fácil a visualização quando for cozinhar. Basta abrir o Evernote com o celular e fazer o que for preciso, sem dor de cabeça, decisões de última hora e ingredientes faltando.