29 Oct 2011

Organizando filmes e CDs

Post convidado escrito pela Dani, do Cine Bistrot.

Quer mais espaço na sua casa? Para quem vive em apartamento e tem mais de 300 filmes em DVD e mais de 800 CDs de música, uma hora realmente começa a faltar espaço. E olha que paramos de comprar esses itens faz um bom tempo. Enfim, caixas e caixas de DVDs ocupando espaços preciosos na estante da sala. E o pior, empoeirando. A solução? Colocar tudo em pastas.

Você pode catalogar, uma pasta para cada gênero de filme. E colocar as pastas em caixas decoradas ou em gavetas. Tudo muito bem organizado. O mesmo vale para os CDs de música.

Os saquinhos e as pastas você pode encontrar em lojas de papelaria e escritório. E ainda se livra de um monte de caixas e caixinhas. Guarde somente os encartes. E o resto coloque tudo no lixo reciclável.

28 Oct 2011

A mulher ocupada e sua busca pela simplicidade

Recebi pelo grupo no Facebook a indicação de um blog muito bacana: The Busy Woman And The Stripy Cat. A Rita, autora do blog, resolveu dar a ele uma pegada mais voltada ao tema minimalismo e contar um pouco sobre suas transformações diárias. Super recomendo. Fiquei bem nostálgica porque me lembrou a época quando descobri o conceito também, há uns três anos, e revolucionei a minha vida. Inspirada nela, vou contar aqui o que eu fiz na época e me ajudou muito a praticar o desapego das coisas materiais que eu tinha aos montes:

  • Já contei no grupo que eu tinha uma coleção enorme de revistas Vogue nacionais e importadas desde os anos 90, e joguei TODAS fora. Sim, eu me arrependi. Mas, na época, confesso que fiquei muito aliviada por ter liberado aquele espaço.
  • Meu quarto se resumia à minha cama, uma escrivaninha, a estante cheia de livros e o meu violão.
  • Reduzi demais todo o meu guarda-roupa e usava somente calça jeans, camiseta e tênis. Tinha umas 12 camisetas pretas, duas calças e uns três tênis, e me vestia igual todos os dias. Eu acreditava que a moda complicava demais o dia-a-dia, além de fazer a gente gastar demais com besteiras.
  • Eu simplesmente parei de comprar coisas e nunca tive tanto dinheiro no bolso. Meu salário chegava até o final do mês com tranquilidade.
  • Me aproximei muito mais da natureza. Foi quando me dediquei ao hiking e fazia muitas trilhas e acampava em montanhas. Viajar era o que mais me fazia feliz.
  • Pedi demissão e me desfiz de muito mais para zerar a vida e recomeçar buscando o que fosse somente o essencial.
  • Descobri o zen budismo com força.

O principal foi que eu aprendi muita coisa na época. O que eu trago de ensinamentos se resume basicamente no seguinte:

# Respeite os mais velhos.

# “Um discurso não cozinha o arroz”.

# Tente superar os seus defeitos.

# Trabalhe para alcançar alguma meta.

# Não continue com ações que não tenham um objetivo.

# Trabalhe em prol da paz.

# “Tenta achar que não é assim tão mal – exercita a paciência”.

# “A felicidade não é o objetivo, é o caminho”.

# Aprenda com seus inimigos a ter paciência.

# “Sem paz interior, é impossível ter paz mundial”.

# Confie.

# “Se um problema não tem solução, não adianta se preocupar. Se ele tem solução, não precisa se preocupar”.

# Veja toda situação como uma forma de aprendizado.

# Cultive seus talentos próprios.

# “Curva tua cabeça e escuta, ó bodisatva”.

# Seja gentil.

# Faça o bem sem esperar nada em troca.

# Deixe o pedaço maior para a outra pessoa.

# Se estiver com raiva, medite.

# Se estiver feliz, medite.

# “Ninguém ficou pobre por dar esmolas”.

# Ouça mais, fale menos.

# Interesse-se verdadeiramente pelas pessoas.

# Não faça publicidade de suas boas ações.

# Ajude as pessoas no que puder.

# Respeite a natureza.

# Seja humilde.

Eu já contei aqui no blog como eu me tornei uma pessoa organizada e, no texto, eu falo sobre essa época e como eu radicalizei para conseguir me estabilizar um tempo depois. Naquele tempo, aquela mudança radical foi necessária, mas ela é uma destruição de conceitos. Acho que, pelo menos uma vez na vida, é necessária. Você praticamente faz desabar tudo aquilo em que acredita e recomeça do zero. É desafiador, mas essencial. E só fazendo isso que eu pude chegar onde estou hoje, nessa posição.

E ainda tenho tanto a aprender!

28 Oct 2011

Como tirar o cheiro da geladeira

Toda geladeira fica com um cheiro esquisito de tempos em tempos. Saiba como acabar com ele:

  • Retire tudo de dentro da geladeira e, se ela não for frost-free, descongele-a;
  • Depois de retirar tudo, limpe com água e detergente. Enxague com água e um pano limpo;
  • Prepare uma solução 1 litro de água morna e 1 colher de chá de bicarbonato de sódio. Molhe um pano nesta solução e passe em toda a geladeira;
  • Depois, passe uma mistura de metade água, metade vinagre;
  • Para evitar novos odores, coloque um recipiente com bicarbonato de sódio na porta;
  • Para deixar um cheiro agradável na geladeira, molhe um pedaço de algodão com essência de baunilha, colocando num recipiente pequeno e deixan na porta também;
  • Outros materiais que podem ser colocados na geladeira para evitar o mau-cheiro: pó de café dentro de um pires, pedaço de carvão, folhas de louro, gotas de baunilha em um copo de leite.
27 Oct 2011

Novembro está logo aí

O Vida Organizada está aceitando novos parceiros e anunciantes para o mês de novembro. Se você tiver interesse, confira a página correspondente.

O blog existe porque eu amo o assunto e não foi criado para ganhar dinheiro ou divulgar marcas. No entanto, trabalho na área e sei que, como uma revista e um programa de TV, um blog é um meio como qualquer outro. Minha única regra para publicidade aqui é divulgar o que eu divulgaria de graça. Ou seja, assuntos que tenham a ver com o blog e produtos, marcas e serviços que acrescentem algo à vida dos leitores. Eu também sempre anuncio quando o post é um publieditorial, para que os leitores saibam. Acredito que ser transparente e autêntico é o que torna um blog bacana, e isso inclui ações interessantes que os leitores possam gostar. Se eu divulgaria de graça, não vejo problema algum em divulgar com patrocínio. ok?

Aguardo seu contato. =)

27 Oct 2011

Resultado concurso cultural “Rubbermaid organiza sua cozinha, sua casa e sua vida”

Rubbermaid e que tanto eu quanto um leitor concorria a um vale-compras de R$1.500? Pois outros blogs bacanas sobre organização também participaram e o vencedor foi o Chega de Bagunça. Parabéns, Paula!

Agora vamos para a frase cuja autora levará um vale-compras de R$ 1.500 para gastar em uma de nossas lojas participantes.

E quem vai levar para casa o vale-compras é Diogo Zarpelon, com a frase:

“Com a minha cozinha organizada eu tenho mais tempo para ORGANIZAR A PRÓXIMA BAGUNÇA FELIZ EM FAMÍLIA ”.

Parabéns Diogo!

Gostaria de agradecer em especial todos os leitores do blog que votaram no Vida Organizada nas duas etapas. Eu li cada comentário e me emocionei com cada um deles. Muito obrigada.

É importante lembrar que o concurso cultural ainda não acabou! Dia 07/11 começa a terceira fase com blogs de culinária e o Twitter continua com pique total! Para saber mais basta acessar o site da Rubbermaid (clique aqui)!

Quem não conferiu as transformações do Vida Organizada, veja aqui e aqui.

Foi muito bacana participar desse concurso. Que venham os próximos!

27 Oct 2011

Kit de primeiros socorros: lista básica

De acordo com a Cruz Vermelha americana, esses são os 10 itens essenciais para se ter em casa:

  1. Adesivos tipo band-aid de diversos tamanhos e formatos;
  2. Gase esterilizada de diversos tamanhos e esparadrapo;
  3. Luvas descartáveis, caso precise lidar com ferimentos abertos;
  4. Pinça;
  5. Termômetro digital;
  6. Pomada antibacteriana;
  7. Toalhas anti-sépticas;
  8. Instruções de primeiros socorros;
  9. Aspirina ou outros analgésicos recomendados pelo seu médico;
  10. Máscara facial.

Você tem um kit de primeiros socorros em casa?

26 Oct 2011

Inspiração do dia: estante colorida em um apartamento pequeno

Uma estante colorida muda o ambiente, e o legal é que pode ser feito em qualquer imóvel, mesmo alugado. Mas eu quis postar essa foto somente para vocês conferirem o apartamento inteiro, que tem apenas 42 metros quadrados e soluções incríveis de organização e decoração. Aqui.

26 Oct 2011

Você é um consumidor compulsivo?

Eu estava selecionando minhas revistas para fazer o destralhamento habitual e encontrei uma matéria na revista Você S/A de julho (“Roubadas de carreira”) sobre estar no vermelho por comprar desnecessariamente. Dei uma relida e achei tão pertinente que resolvi trazer o tema para o blog.

A matéria traz um box com 10 perguntas para saber se você é um consumidor compulsivo. São elas:

  1. Você fica preocupado(a) excessivamente em ter coisas novas?
  2. Você compra para fugir dos problemas?
  3. Você compra itens desnecessários com frequência?
  4. Você fica inquieto(a), irritado(a) e ansioso(a) quando não adquire algo?
  5. Você se sente culpado(a) depois de comprar?
  6. Você faz compras sozinho(a) para evitar críticas?
  7. Você esconde os produtos adquiridos?
  8. Você omite o preço real dos produtos para quem pergunta?
  9. Suas relações familiares, profissionais e sociais são prejudicadas pelo seu hábito de comprar?
  10. Suas dívidas aumentam?

Para refletir!

25 Oct 2011

Organize sua rotina de cozinha como nos restaurantes profissionais

Sempre quando penso em organizar algum ambiente da minha casa, fico de olho em como os profissionais fazem. Mas não só os profissionais de organização, e sim aqueles que trabalham em algo que demande organização do mesmo ambiente que eu quero organizar.

Ninguém está falando em ser profissional, mas em obter ideias para implementar no dia-a-dia.

Assim, eu venho observando alguns programas na TV sobre restaurantes e a dinâmica quando vou almoçar em algum lugar para ver o que posso tirar de lição. E, nesse caso, o que eu aprendi foi o seguinte:

  • O que é usado o tempo inteiro não deve ficar em prateleiras fechadas, pois o processo de abrir e fechar só atrapalha. Você sabe qual é a atividade na sua cozinha e o que você usa mais – deixe os itens bastante usados com fácil acesso. Guarde somente o que pode empoeirar, como batedeiras, por exemplo.
  • A qualidade dos equipamentos é fundamental, assim como dos materiais das cozinhas planejadas. Vale a pena pagar um pouco mais caro para investir em material de boa qualidade que durará bem mais tempo e atenderá melhor as necessidades diárias.
  • Com uma rotina tão corrida, o objetivo é otimizar tudo o que puder. Assim, sempre descubra novas técnicas para cozinhar mais rápido ou congelar alimentos.
  • Pense no processo de cozinhar como uma linha de produção: separar os ingredientes, cortar, prepará-los, montar os pratos. Não deixe para fazer tudo ao mesmo tempo quando pode antecipar e deixar tudo pronto para cada etapa.
  • Coifas são essenciais para “limpar” a fumaça.
  • A iluminação é a melhor possível e as lâmpadas são protegidas para que não caia nada nos alimentos caso alguma estoure.
  • O piso precisa ser antiderrapante para evitar acidentes.
  • Definir um cardápio é essencial. Veja como você pode fazer em casa.
  • Não tenha nada na cozinha que você não use ou seja desnecessário. Se ganhou um jogo de pratos que detesta, é melhor doar para alguém a manter ocupando espaço e atrapalhando. O mesmo vale para eletrodomésticos. Tem gente que tem dois liquidificadores, por exemplo. A não ser que exista um motivo de verdade, não vale a pena.
  • Da mesma forma, tenha todo o equipamento necessário para o dia-a-dia.
  • Divida a cozinha por áreas: área de preparo, área de cozimento, área de servir e área de limpeza. Tenha todo o equipamento necessários em cada uma delas. Um carrinho para servir, talvez?
  • Pendure tudo o que puder para liberar espaço nas bancadas.
  • Use avental, chapéu e luvas, quando necessário. Higiene é fundamental.

Eu acho divertido observar os hábitos de organização das pessoas e em lugares variados, pois acabo tirando diversas lições. Eu recomendo a você que faça o mesmo, pois às vezes a ideia mais simples está embaixo do nosso nariz e não conseguimos enxergá-la!

25 Oct 2011

Inspiração do dia: potes com comidinhas

Assim fica organizado e fácil para encontrar tudo na despensa: comidinhas devidamente guardadas em potes e rotuladas. Daqui.