Categoria(s) do post: Diário da Thais

Acho que março foi um dos meses mais longos de todos os tempos! Aconteceu tanta coisa no meu último mês!

Bem, o meu mês começou com uma viagem incrível que eu fiz a Portugal para a realização de um curso de GTD™ na cidade de Lisboa. Meus planos eram de ficar durante duas semanas mas, por não estar muito bem de saúde, optei por voltar uma semana antes do programado.

Eu peguei uma virose no final de fevereiro que só agora está melhorando. Estou fazendo outros exames para saber exatamente do que se trata, mas foi um mês bastante focado nisso e que me limitou fisicamente em diversos aspectos.

Eu amei Lisboa. Ainda pretendo fazer um post especificamente sobre a viagem e o curso de GTD™ em Portugal, então deixarei esses detalhes para o post em questão. Mas foi o que aconteceu na primeira semana do mês de março, quando foi carnaval aqui no Brasil.

Voltando ao Brasil, para matar as saudades, nossa família passou o final de semana em um hotel com piscina no interior de São Paulo, em uma cidade que tem termas. Foi pouco tempo, mas foi uma delícia. Conseguimos descansar e o filhote curtiu MUITO. Estamos encerrando nosso verão da melhor maneira possível.

O hotel é daqueles com tudo incluso, almoço e jantar, então sempre acho divertido passar um tempo com a família em um lugar assim.

Eu fiquei com muita saudade do Paul na viagem que fiz para Portugal. Voltei decidida a fazer esse tipo de viagem sempre com eles das próximas vezes. É que, viajando a trabalho, nem sempre é possível.

Na semana seguinte ao meu retorno de Portugal, teve a primeira turma de GTD™ Nível 3 no Brasil, ministrada por mim. Estava ansiosíssima por esse momento – curso novo, script novo, material novo, além da expectativa das pessoas. Por fim, deu tudo certo e o curso foi incrível. Me senti muito confortável ministrando. A turma teve lotação máxima (30 pessoas).

Isso foi no sábado e, na segunda, recebemos a notícia de que o meu tio avô (irmão da minha avó) tinha falecido no interior de São Paulo. Precisei reagendar todos os compromissos e viajamos para o enterro. Fiquei bastante abalada naquela semana e me dei alguns dia de luto para respeitar o momento, o que foi uma decisão acertada.

Outro acontecimento este mês foi ter voltado a fazer terapia. Depois que nos mudamos para o bairro, há um ano e meio, mais ou menos, eu ainda não tinha retomado. Logo que mudamos, fiquei muito envolvida com o lance da saúde da minha avó e, depois da sua morte, eu demorei para ficar bem mentalmente de modo que conseguisse me sentir segura financeiramente para poder voltar a fazer. Este mês, achei que seria necessário, e foi muito acertado. É maravilhoso ter uma pessoa competente que te ouça e te faça refletir sobre o por que dos seus sentimentos. Cresci muito internamente nesse último mês, devido à terapia.

Deletei minha conta no What’sApp. Em abril pretendo falar mais sobre como tem sido ficar sem. Spoiler: maravilhoso.

Este mês eu também consegui passar um final de semana na casa da minha mãe, que mora em outra cidade. Foi divertidíssimo. Passamos um tempo juntas, cantamos no karaokê, passeamos na praia etc. Como ela mora em outra cidade, e devido às nossas agendas, a convivência é complicada – eu, pelo meu trabalho, e ela, que tem comércio. Mas estamos conseguindo nos ver pelo menos uma vez por mês, o que considero sinceramente uma vitória.

O mestrado está caminhando para os finalmentes. Em março, eu deveria ter concluído a minha pesquisa de campo, mas não consegui. Na semana que vem vou conversar com o meu professor orientador para definir os próximos passos. Fiquei felicíssima por ter tido meu trabalho aprovado para o principal evento da área, que é o Seminário de Midiatização que acontecerá em São Leopoldo, em maio. Com isso, eu posso até excluir uma disciplina desse meu semestre, o que estou considerando fazer, se eu ficar muito cansada. Estou levando o mestrado muito da maneira como posso, dentro da minha intensa rotina profissional. Antes feito que o perfeito não feito.

[Tweet “Feito é melhor que o perfeito não feito.”]

Também fiquei super feliz por ter conseguido implementar a checklist de limpeza e arrumação da casa aqui no blog, para quem se cadastrar. Eu queria fazer isso há bastante tempo, e agora está no ar. Aliás, a produção de conteúdo gratuito tem sido o meu foco mais do que nunca. A ideia é ter muito conteúdo gratuito todos os dias, e eu tenho conseguido fazer, e estou aperfeiçoando, para assim organizar melhor a nossa rotina (eu e equipe) de pré-produção, produção e edição/revisão. Esse será um bom foco no mês que vem.

Existem bons projetos em andamento que continuaram em março: mentoria do Vida Organizada, curso Organize-se em 2019 e os outros cursos online. Estamos migrando de plataforma e, com isso, haverá melhorias em todos os cursos. Aguardem. 🙂

Aqui em casa, estamos reformando a garagem. Trocamos o portão, o que foi uma grande conquista (queria fazer isso há anos aqui na casa), e no próximo mês vamos trocar os revestimentos e reformar o piso (que está com uma parte afundando). Coisas que você só descobre quando começa a fazer uma obra, claro.

Vale citar que fomos no show do Paul McCartney em São Paulo também. <3

Outro acontecimento legal nessa última semana foi o GTD happy hour em São Paulo – um encontrinho organizado pelo pessoal no grupo GTD em Português, no Facebook.

Foi um mês bastante introspectivo e de viagem interior. Descobri o ayurveda e estou focada em ter uma saúde mais alinhada com os ritmos da natureza. Tive reflexões profundas este mês sobre a minha vida e o nosso trabalho. Foi um mês muito rico. Espero que você tenha gostado do conteúdo por aqui.