Minha mochila para viajar de ̫nibus РDeuter Alpamayo 65+10

Muitas pessoas me pediram para falar sobre a mochila que levei na viagem e, por isso, aqui está um post com mais informações.

Desde quando eu fazia hiking e acampava, considero a Deuter a melhor marca de mochilas cargueiras. Elas são leves, tem zilhões de compartimentos e, para mim, o principal: esse sistema bem feito de distribuir o peso no quadril em vez de deixar nos ombros, tornando a mochila incrivelmente leve, mesmo cheia de coisas.

Quando viajo de ônibus, posso levar mala com rodinhas? Posso, mas aí tem que deixar no bagageiro, nem sempre eu quero ficar carregando mala de rodinhas e por aí vai. Tem lugar que compensa ir de mochila mesmo. E essa mochila dá para guardar no compartimento superior do ônibus – mala de rodinha não pode por questões de segurança, por menor que seja. Para viajar de avião, ela tem que ser despachada. Vale avisar.

Ela tem um compartimento interno muito grande que você pode abrir por cima, por baixo e pelo meio, tornando fácil pegar as coisas que estão dentro dela sem ter que ficar tirando tudo. E ela também tem um compartimento embaixo, separado, que usei para colocar necessaire, chinelo e muitas outras coisas, porque a capacidade de armazenamento dela é incrível!

Além do que, se você estiver fazendo uma viagem levando menos coisas, ela tem fitas que você pode ir puxando ali e ela fica mais recolhida, menor, e mais confortável de carregar.

Acho que eu estou finalmente chegando a um set-up minimalista e útil para as tantas viagens que eu faço. A mochila para viagens de ônibus e para lugares em que vou andar muito com ela nas costas; uma mala média de viagem para quando precisar despachar no aeroporto; uma mala de bordo; uma bolsa/pasta/mochila para levar computador no avião, embaixo do assento à frente.