Categoria(s) do post: Finanças

Eu não posso me dar ao luxo de não pensar em finanças. É como o tempo. Quando a gente tem bastante, organizar não é uma necessidade. Com dinheiro, é a mesma coisa. Como a maioria dos brasileiros, eu não posso me dar ao luxo de não pensar nisso. Organizar as finanças é algo essencial.

Meu foco de vida sempre é buscar uma segurança maior. Para mim, isso representa ter uma casa para a nossa família, uma casa para o meu trabalho, e guardar dinheiro para não passar dificuldade na velhice. Mas o dinheiro também deve proporcionar o básico no dia a dia: pagar contas, comer, ter um plano de saúde, estudar, e certo consumo (livros, roupas).

Eu sei que é muito complicado falar sobre finanças para um país com tanta desigualdade social. Farei o possível para tentar sempre citar exemplos diversos, mas eu assumo desde já que os posts provavelmente terão o meu ponto de vista de classe média, pois é meu local de fala.

Dentro desse contexto, acho sempre importante lembrar que não somos responsáveis por problemas estruturais do sistema econômico que nos rege. Ele é avassalador. Não podemos dar “dicas de finanças” falando para a pessoa guardar 10% do que ganha se o que ela ganha nem paga o mínimo que ela precisa para sobreviver. Precisamos ir na raiz do problema e trabalhar pela sua resolução real. Consciência do problema é o primeiro passo.

Na minha realidade, o foco com relação a gestão de finanças é: 1) ganhar dinheiro com o meu trabalho e 2) economizar o máximo que puder. São cenários ideais que eu busco, mas não cobro nenhum tipo de perfeição. É apenas o que eu tenho em vista.

Todo “guru” de finanças fala para termos metas de finanças mas, para mim, isso funciona só de vez em quando – quando tenho essa liberdade. Muitas vezes, penso apenas nos dois pontos acima.

Não acredito em uma vida com ostentação sendo que existe tanta desigualdade. E acho que todo criador de conteúdo deveria ser mais responsável ao lidar com esse tema.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Deixe seu comentário

8 comentários

  1. Julia Garani comentou:

    Ah Thais, não poderia concordar mais. Se é muito difícil para mim, que preciso “apenas” guardar dinheiro visando a segurança, penso sempre em quem não pode nem isso… É tão básico…

  2. Adriana Albuquerque comentou:

    Concordo 100% no que você coloca em relação a criadores de conteúdo sobre finanças. Do ponto de vista da grande maioria, tudo é apenas uma questão de vontade, como se todo seu entorno não influenciasse em nada, porque se “fulano” conseguiu porque você também não consegue?! Não conseguem enxergar que cada pessoa tem sua individualidade e suas dificuldades.

  3. Ana comentou:

    Texto cirúrgico, sensato e necessário!

  4. Sónia comentou:

    Excelente reflexão!

  5. Rose comentou:

    Perfeito !

  6. Simone comentou:

    Do ponto de vista de quem tem “apenas” uma câmera boa e internet rápida para postar conteúdo, o ponto de vista de quem não tem sequer o “acesso” a todas as refeições necessárias ou dinheiro para um deslocamento ou um ingrediente para fazer renda extra como pregam, não existe. Não o faz por ser um procrastinador…daí segue o próximo conteúdo. Um movimento muito individual, solitário e nada simplório.

  7. Flávia comentou:

    Thais boa tarde! Já fazem muitos anos que eu sigo seu trabalho e a cada texto seu eu consigo refletir ainda mais sobre mim e sobre a realidade em que vivo conseguindo de forma objetiva transformar a minha realidade positivamente.
    Quero sempre te parabenizar pela profissional exemplar que você é e agradecer por tanto me inspirar e encorajar. Suas reflexões, exemplos do dia a dia e tudo mais são fontes inesgotáveis de imaginação, criação e ação em minha rotina prática.
    Desde que comecei a te seguir comecei a aprender mais, a refletir mais sobre questões complexas mas de forma um pouco mais tranquila e prazerosa. Minha ansiedade que era avassaladora agora é a minha companheira e nos entendemos bem rsrsrs, devo isso a você. Obrigada.
    E sobre esse texto em especial, arrasou!

  8. Dani comentou:

    Essa parte de organização financeira é um grande desafio para mim e estou começando a desbravá-lo agora. Gostei muito da sua live com o Luca Gomes e venho assistindo os vídeos dele, ainda tenho muuuuito que aprender. A organização me ajudou a ser mais produtiva e assim o ponto 1 – ganhar dinheiro com meu trabalho melhorou consideravelmente, mas o ponto 2 – guardar… ainda é um grande desafio. Mas eu acredito que chego lá. Muito obrigada pelos seus conteúdos, eu gosto muito da sua visão de mundo realista mas ainda assim focada em seus “sonhos”. Desejo muito sucesso e qualidade de vida pra ti.