Categoria(s) do post: Casa

Como um(a) seguidor(a) fiel do Vida Organizada, você  já deve ter ouvido a Thais dizer que “não podemos organizar tralhas”. Essa frase virou um clássico para reforçar o hábito de destralhar, um dos passos mais importantes do MVO.  

“Se você mantém em casa (e na vida) aquilo que não ama, não é útil nem faz sentido para você, nunca terá espaço físico e mental para o que realmente importa.”

Mas o que é necessário ter antes de começar a colocar a mão na massa e iniciar o destralhe em casa? 

  1. Disposição

Destralhar pode levar tempo a depender do tamanho da casa e da quantidade de itens. É necessário querer fazer e estar disposto(a). Até mesmo para não correr o risco de começar e parar no meio, o que pode trazer a sensação de projeto abandonado.

  1. Lugar temporário para colocar os itens do destralhe

No processo de destralhe você vai selecionar o que quer manter e o que vai se desfazer. A recomendação é definir lugares temporários para os objetos que não vão mais fazer parte da sua casa. Você pode escolher caixas ou cestos e colocar etiquetas com cada destino: doação, reciclagem, venda, presente. 

  1. Paciência

O processo de destralhe é considerado um projeto. E se você não for concluí-lo de uma única vez, precisa ter paciência. Justamente por causa da bagunça que pode causar no ambiente, mas lembre-se também que a bagunça é temporária. 

Posts do blog que podem ser úteis:

Dicas para destralhar a casa todos os dias

15 perguntas para identificar o que precisa destralhar na sua casa

Erros ao destralhar a casa

O que mais você acha necessário ter antes de iniciar o destralhe? Compartilhe com a gente nos comentários! 

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Deixe seu comentário

3 comentários

  1. Daniele comentou:

    Para mim funciona escolher por itens, ao invés de cômodos. Exemplo: destralhar roupas de vestir. Daí se a pessoa quiser pode até dividir em categorias: blusas, calças, etc. Para mim dá uma sensação de que estou avançando no destralhe rs.

  2. Tânia Cardenete comentou:

    Eu faço uma lista de lugares onde essas coisas estão. E aí vou fazendo por lugar, como armário x, cômoda y, gaveta tal. Aí quando faço risco da lista. E tenho uma nota salva com contatos que já pesquisei para doações, para facilitar o processo.

  3. Maria Cristina comentou:

    PArabéns pelo post, Jennifer!
    Foi muito útil para mim, obrigada!!!