Categoria(s) do post: Ferramentas de organização

Além de dúvidas mais técnicas, duas perguntas são recorrentes nos comentários dos canais Vida Organizada sobre ferramentas de organização. São elas:

  1. É possível usar apenas uma ferramenta para organização?
  2. Muitas ferramentas não causam confusão?

Vamos começar pela primeira: É possível usar apenas uma ferramenta para organização?

Não é possível. Ainda precisamos do analógico e do digital para nos organizar. O que torna nosso sistema de organização híbrido e difícil de manter em apenas uma ferramenta. Um exemplo simples é o arquivamento de um documento oficial, como o diploma da faculdade. Recebemos o arquivo original impresso que será preciso guardar em um local físico – uma pasta sanfonada com divisórias pode servir. E é uma boa prática digitalizar e arquivar em uma ferramenta digital para facilitar o envio por e-mail quando necessário.

Outro exemplo é querer utilizar um planner para se organizar no ano e agrupar todo tipo de informação nele. Mas você ainda vai precisar de um gerenciador de e-mails, que também é uma ferramenta de organização, para conferir as demandas do trabalho ou de algum curso. 

No Método Vida Organizada há a recomendação de utilizar uma ferramenta para agenda e outra para lista de afazeres. Isso porque manter informações de naturezas diferentes em um único lugar podem confundir e bloquear o início do trabalho. A Thais Godinho diz que “As ferramentas também representam foco.” E essa frase nos ajuda com a outra questão inicial do texto: Muitas ferramentas não causam confusão?

Não causam desde que você defina um objetivo para cada uma delas. Esse objetivo está relacionado com seu processo pessoal de organização. E do que você precisa no momento, o seu foco. Assim como é necessário entender para que serve uma ferramenta como um planner ou agenda e utilizá-las de acordo com suas finalidades. 

No canal Vida Organizada, no Youtube, você encontra a aula aberta sobre Ferramentas de Organização Versão 2022 que vai te ajudar mais com as questões do post de hoje. Confira:

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Deixe seu comentário

4 comentários

  1. Fernanda comentou:

    Definir o foco para cada ferramenta é fundamental para não virar bagunça e a gente se perder. Estou retomando meu Evernote (10 anos de notas!!!) e comecei duas notas guias sobre a lógica que implantei para as etiquetas e os cadernos. Assim tenho pra onde retonar pra revisão. E vou fazer uma nota para o Todoist, que estou sempre mudando e às vezes fico sem saber se o que está lá não deveria estar em outro lugar… agenda e email são sagrados, rodam bonitinhos há muito anos, graças às orientações da Thais ♡♡♡

  2. Manuela Teófilo comentou:

    Excelente post! Tô amando suas postagens, Jen!

  3. Ana comentou:

    Estou começando a me entender com as ferramentas que uso depois de muita bateção de cabeça! Mas estou gostando do resultado!

  4. Michele Bruna comentou:

    Estou curtindo muito o Notion pra organizar a maior parte, personalizo muitos templates por lá e isso me ajuda. Finalmente minhas bagunças estão esclarecendo haha.

    Belo post!