Categoria(s) do post: Diário da Thais, Imprensa, Novidades

Eu já comentei sobre isso informalmente em outros posts mas percebi que não tinha feito um post específico comentando essa novidade que foi uma grande conquista para nós em 2021.

Esse não era um objetivo que tínhamos planejado no planejamento anual para 2021, mas a oportunidade surgiu (vi que era possível) ali por volta do meio do ano e eu achei que era algo muito importante de se buscar, porque:

  • O MVO seria oficialmente validado como um método através de uma consultoria focada nisso;
  • Ter um certificado do MEC seria importante para os nossos alunos;
  • Confere maior profissionalização deste trabalho;
  • Nos ajuda a seguir requisitos de qualidade em todos os cursos;
  • Seria o início da construção da empresa como uma universidade corporativa;
  • Nos chancelaríamos oficialmente como uma empresa na área da educação e não de “marketing digital”;
  • Teríamos a validade de um órgão oficial do Governo Brasileiros – o Ministério da Educação!

Enfim, eram bons motivos. <3 Então investimos tempo e dinheiro nesse objetivo, que conquistamos em novembro.

O MVO então é um curso de extensão universitária agora, que pode ser colocado oficialmente no seu currículo como um curso de atualização profissional. Acredito que isso também ajude nossos alunos e buscarem apoio da empresa que trabalham para custear essa formação.

Ah, e vale dizer que extensão universitária, apesar de ter esse nome, não significa que você tem que ter um curso superior para cursar o MVO! Isso acontece apenas no caso de pós-graduações. 🙂

Essa validação do curso e o certificado do MEC (Ministério da Educação) são realizados pela Faculdade Brasília.

Algumas definições de cursos de extensão trazidas do portal Educa Mais Brasil:

O que é um curso de extensão universitária?

O curso de extensão é oferecido pelas universidades como uma oportunidade de formação de curta duração, para complementar a graduação com conteúdos relacionados ao curso, não sendo parte dele obrigatoriamente, inclui atividades práticas, acadêmicas, culturais e outras. Disponível em modalidades presencial e a distância (EAD), o curso de extensão universitária pode ser realizado por qualquer pessoa, independentemente de possuir ou não vínculo com a faculdade que o oferta, e nem mesmo é exigido diploma de nível superior. 
É importante lembrar que o curso de extensão universitária não é considerado como uma pós-graduação, ele possui a duração menor e é focado no aperfeiçoamento, especialização e aquisição de conhecimento em novas áreas de formação. Ofertados em curta duração, em média 3 meses, os cursos de extensão oferecem certificado emitidos por uma faculdade, com validade em todo o Brasil e até mesmo no exterior.

Qual a diferença entre um curso de extensão e um curso livre?

Os cursos de extensão universitária não possuem regulamentação específica, assim como os cursos livres, mas só podem ser oferecidos por uma faculdade devidamente credenciada pelo Ministério da Educação – MEC
A principal diferença entre as duas modalidades está na proposta de cada uma. Enquanto os cursos livres possuem uma visão mais direcionada ao mercado de trabalho, os cursos de extensão são focados no meio acadêmico. Ou seja, a certificação do curso de extensão universitária possui vínculo com instituições de nível superior. 

Os cursos de extensão podem ser realizados online?

Além de serem ofertados na modalidade presencial, os cursos de extensão universitária também são encontrados no ensino a distância – EAD. Essa opção é ideal para quem busca uma oportunidade de atualização profissional e enriquecer o currículo sem precisar se deslocar até uma instituição para assistir às aulas. 
curso de extensão EAD é desenvolvido em um ambiente virtual de aprendizagem, no qual os alunos têm contato com o conteúdo programático, realizam atividades e participam de discussões em fóruns, com o objetivo de aprofundar o conhecimento, sem necessidade de encontros presenciais. 

Como foi o nosso processo para essa validação

Quando comentamos sobre essa conquista no Instagram, surgiram muitas perguntas sobre como fizemos isso! Então vou explicar direitinho e, caso ainda tenha dúvidas, deixe um comentário, por gentileza.

Conhecemos a consultoria que faz esse intermediário entre a empresa (nós) e a faculdade em questão, que traz essa validação pelo MEC. A consultoria é direcionada pela Zora Viana, do University In Company.

Nós tínhamos a opção de validar apenas o MVO com o MEC ou contratar um serviço mais completo de consultoria para tornar o Vida Organizada uma universidade corporativa, o que envolve outros projetos. Decidimos pela segunda opção, mas a prioridade era implementar o certificado na próxima turma do MVO, que seria em dezembro.

Foram várias reuniões e atividades para cumprir os requisitos do Ministério da Educação, desde revisar os objetivos do curso até definir uma reorganização dos módulos e aulas para ficarem alinhados com a proposta.

A Turma 11, que iniciou em dezembro, já está nesse novo formato e os alunos das turmas mais antigas do MVO (desde a Turma 1, de 2019) também têm a possibilidade de migrar para a turma nova ou obter esse certificado (favor contatar nosso suporte do curso caso você tenha interesse!).

Nós estamos muito felizes com essa conquista e essa nova era que se inicia no Vida Organizada! Quem diria que a menina que criou um blog em 2006 chegaria nisso! Acreditamos que a educação transforma e é um dos principais veículos para construir um Brasil melhor. <3

Você pode se cadastrar na lista de espera do MVO clicando aqui. 🙂