Categoria(s) do post: Espiritualidade

Uma dúvida muito comum que surge por aqui é sobre como lidar com objetivos em áreas mais subjetivas da vida, como a espiritual.

Vale lembrar que objetivos não são obrigatórios. Caso você tenha um objetivo, você pode se planejar para alcançá-lo, mas não deve se forçar a estabelecê-los em uma determinada área apenas para preenchê-la.

Trouxe um exemplo pessoal para mostrar como lido com ele então.

Meu objetivo de longo prazo como budista é alcançar a iluminação ainda nesta vida. 🙏🏻

Alguns objetivos de médio prazo relacionados são: me tornar professora no Centro Budista, ler todos os livros da tradição, entre outros.

Um objetivo de curto prazo que estabeleci lá em 2019, quando decidi que focaria em espiritualidade em 2020, seria participar de um retiro especial da tradição que faço parte, que é uma iniciação tântrica. Em 2020, ele aconteceria em outubro, na Austrália, e eu estava desconfortável em planejar uma viagem para um lugar tão longe do filhote durante tanto tempo. Por isso, em vez de colocar como um projeto (recorte para o ano), coloquei como objetivo, pois isso significaria que estaria no meu radar fazer em 2020 ou até 2022, pois a ideia é que os locais se alternem e invariavelmente em algum desses anos seria mais próximo para mim.

Bem, aí veio a pandemia. O festival de outubro foi suspenso. Eu tirei esse objetivo do meu painel de objetivos de curto prazo, pois não tinha em vista qualquer tipo de viagem pelos próximos dois anos.

Eis que 2021 chega e, com ele, uma perspectiva melhor do que o mundo está vivendo. O que antes era uma adaptação agora virou parte da realidade padrão – o online. E, com isso, excepcionalmente, o Centro Budista da Inglaterra (matriz) decidiu que faria o retiro e a iniciação em formato online, pelo que acredito ser uma única vez.

E, com isso, o objetivo voltou para o meu mapa mental. <3

O retiro acontecerá nas duas primeiras semanas de agosto e eu já quero aproveitar o post para dizer que estarei mais quietinha das redes sociais e sem postar muito aqui no blog, caso não consiga. Preferi fazer assim pelo silêncio mental mesmo.

Bem, e como a gente concluí um objetivo?

Não conclui. Objetivos são cenários que queremos alcançar.

Temos projetos, recortes para o ano, esses sim que podem ser concluídos.

Como se executa um projeto?

Não executa. Não executamos projetos, mas ações dos projetos.

Projetos são concluídos à medida que executamos as ações relacionadas.

Para este caso, os projetos relacionados são:

  • Concluir a inscrição e participação no Festival de Verão
  • Ler os livros sobre tantra da tradição

Inscrição feita, programação na agenda, aviso com o máximo de antecedência para a equipe de que eu ficaria dedicada nesses 15 dias, adiantamento de questões e decisões, repriorização do que não conseguíriamos fazer antes disso e outros fatores relacionados a esses projetos.

Tudo sempre chega na rotina!

“O valor de pensar no futuro não está no futuro em si mas na influência que o futuro tem no que você faz hoje”, David Allen.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Deixe seu comentário

1 comentário

  1. Lucà comentou:

    Muito legal, bom retiro!!