Categoria(s) do post: Diário da Thais, Vida Organizada, Mensal

Todo mês eu gosto de revisar o mapa com as minhas áreas da vida.

A ideia desse mapa é que ele seja construído aos poucos por mim para mostrar tudo o que está presente na minha vida. Elementos que quero sempre revisar para garantir que estejam caminhando bem.

O mapa de modo geral se constrói com você no meio dele e as ramificações com as macro áreas. Você pode se basear em outras ferramentas, como a roda da vida, mas não necessariamente. Pode personalizar. Eu coloco “Criatividade” porque é uma área importante para mim.

A ferramenta usada se chama Mind Meister.

O que eu tenho feito, além de revisar, ponderar sobre como estou em cada área e fazer complementos e ajustes nos elementos dentro de cada uma, é colocar uma flecha pra cima e para baixo mostrando quando eu acho que estou dando atenção suficiente e quando acho que não estou. Para todos os elementos que eu dou nota baixa, eu anoto no meu bloco de notas para depois refletir sobre o que posso fazer a respeito. provavelmente virarão projetos, mas algumas coisas não há o que fazer, pois estão abaixo do desejado por estarmos na pandemia.

Outra coisa que também dá para fazer, se quiser, é atribuir notas para as áreas, como no exercício da roda da vida. Não é sobre avaliar a completude da área em si, mas o quão satisfeita/o você se sente com aquela área no momento. É uma reflexão interessante até mesmo para você pensar em perguntas como: que área teve a nota mais baixa? E a nova mais alta? Qual precisa mais da minha atenção no momento? E aí, daqui a um mês, você reavalia.

Sobre mim. Estou em um momento um pouco introspectiva com meus sentimentos. Querendo me reservar e me preservar mais. Mas quero dizer que fazer esse exercício todo mês me ajuda a lidar com todas as possíveis questões internas e externas que eu tenho pois, do contrário, os dias iriam passando e eu não perceberia as nuances mais sutis da minha auto-estima e vida como um todo.

Por curiosidade, seguem todas as notas:

Lazer, social e carreira tiveram nota 10. Tenho focado mais no lazer, estou muito satisfeita com a minha carreira e o respeito ao distanciamento social me deixa bastante satisfeita também com essa área. Sabemos que estamos fazendo a coisa certa e sendo resilientes perante a situação como um todo.

Criatividade, amor, família e contribuição vêm na sequência, o que considero coerente com a minha vida no momento mesmo.

Saúde teve a nota mais baixa, porque não me considero no melhor momento. Preciso fazer exames, ir ao dentista, um monte de coisas que não posso fazer no momento, e isso me deixa meio desgostosa com a área em si, mas venho tentando dar o meu melhor nela naquilo que tenho sob controle, especialmente sono, alimentação e atividade física.

Minha área de foco para 2021 é finanças, e ela está em foco mesmo. Talvez por isso eu esteja tão exigente comigo mesma nessa área, mas tenho sim investido em vários assuntos relacionados, que aos poucos vou compartilhando aqui no blog. Você pode querer fazer uma marcação visual na área de escolha do ano.

Enfim, fazer essa revisão e garantir que eu tenha um mapa com todas as áreas da minha vida é bom demais, relaxante, e me passa a impressão de que estou cuidando do que é importante. Espero que este post te inspire a fazer ou atualizar o seu.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Deixe seu comentário

8 comentários

  1. Khyquer Ronaldy comentou:

    Eu faço isso no Daylio. Gosto de fechar o mês e analisar os apontamentos do mês anterior.

    1. GILSON CÍCERO comentou:

      Achei muito interessante

  2. Eliana comentou:

    Gostaria de apreender a usar a ferramente, poderia fazer uma live?
    Achei super interessante

  3. Andréa comentou:

    Eu estou amando suas dicas mas sofro da deficiência da ignorância tecnológica. Gostaria de aprender usar as ferramentas e minha vida fluiria melhor em todos os sentidos pois atualmente tudo passa por conhecimento em TI. Até pra fazer um formulário, um pagamento bancário… planejamento de viagens…mas quando se trata de coisas menos básicas eu estanco e paralisou. Me sinto um pouco prejudicada com esse.movimento de analógico para digital da vida é a tendência é piorar e vejo os maos velhos , antes pessoas independentes se tornarem cada vez mais escravos da ajuda dos mais jovens. Eu sugeriria que você olhasse esse nicho com carinho, quem sabe um “curso à parte para ajudar quem tem dificuldades a destralhar os velhos costumes e se integraram nessa nova era. Parabéns pelo trabalho, você é demais.

    1. Que comentário bacana, Andréa. Você sabe que no nosso curso do Método Vida Organizada temos esse apoio personalizado e diversos tutoriais para uso de ferramentas? Se quiser saber mais, em breve abriremos uma nova turma, na segunda quinzena de julho. Fique ligada aqui no blog ou inscreva-se na newsletter para receber a mensagem: http://vidaorganizada.com/newsletter

  4. Terezinha comentou:

    Amei esse post . Pois estava ja querendo fazer isso e não tinha ideia por onde começar!
    Obrigado

  5. Teresinha comentou:

    Oi, Thais tudo bem?

    Gostaria de saber se o mapa de areas da vida e a roda da vida sao a mesma coisa. Fiquei em dúvida?

    1. São ferramentas com propósitos diferentes relacionadas a um mesmo “tema” de organização (áreas da vida).

      A roda da vida é uma ferramenta para análise de satisfação, fazendo uma “fotografia” das áreas no momento em que você analisou.

      O mapa com as áreas da vida traz um detalhamento de tudo o que é presente na sua vida e você precisa “cuidar”.