Categoria(s) do post: Diário da Thais, Mensal

Todo último dia do mês eu gosto de fazer um apanhado de como foi o mês que está terminando para mim, tanto pessoal quanto profissionalmente. Quem for novo aqui no blog pode gostar de saber que faço isso mensalmente. É uma boa oportunidade de rever projetos concluídos, projetos adiados, iniciativas diversas e acontecimentos. Você também pode fazer uma versão sua, se quiser, para guardar de recordação.

Especialmente nesse momento de quarentena, fazer um acompanhamento diário de todos os dias do meu mês no Bullet Journal tem sido bastante especial porque me permite pensar sobre cada dia da maneira como merece: um dia a mais de vida, um dia que merece ser bem vivido. Caso você queira saber como faço esse acompanhamento, eu explico em alguns vídeos no meu canal que são chamados de “plan with me”. Você pode verificar lá.

Junho foi um mês pesado no mundo, no Brasil e para mim, nesse meu pequeno microcosmo interior. Felizmente, foi uma jornada que me trouxe até um final de mês melhor. Por incrível que pareça, eu tive uma crise de propósito nos últimos meses. Complicado de explicar. Mas junho me permitiu uma reflexão bem importante, um resgate, uma reconexão, e obviamente que a resposta estava dentro de mim mesma e bastava apenas eu alinhar essa conversa com o meu “comitê interno”. Existem resoluções sendo feitas a partir disso, mas estou feliz com as decisões.

Tá aqui uma grande vantagem de manter um Bullet Journal. Como eu uso esse caderno apenas para logs e registros, ele vira um resumo da minha vida mesmo. Agora no final de junho eu estou terminando o caderno que tenho usado desde janeiro, e foi muito legal revisar as páginas e perceber que, mesmo com tantos reveses, 2020 teve conquistas e motivos para agradecer. Atualmente, todo e qualquer motivo para agradecer tem sido super valorizado por mim pois é uma maneira de me sentir melhor perante tudo o que está acontecendo.

Comentários sobre a vida pessoal em junho

Eu estou fazendo vários cursos de formação em Ayurveda (a certificação e os complementares), e isso praticamente tomou a minha agenda pessoal ao longo do mês. Muitas aulas, muita leitura, muito material de estudo. Estou inclusive revisando o meu ciclo da universidade pessoal porque ele vai precisar ser refeito para o segundo semestre. Prometo compartilhar com vocês quando o fizer. Também estou preparando um vídeo explicando em detalhes como faço.

A formação em Ayurveda tem sido excelente porque toda aula tem aplicação prática na minha saúde e na minha rotina. É uma imersão muito significativa e intencional. Mergulhar nesse estudo tem me feito muito bem e, de certa maneira, é uma forma de me distrair tanto da pandemia quanto do trabalho, sabe? Estudar um assunto diferente para variar.

Sobre a vida acadêmica. Em junho continuei participando virtualmente dos encontros do grupo de pesquisa e consegui definir o tema da minha apresentação em uma Seminário que acontecerá em outubro, na minha faculdade. Eu também estou produzindo algumas pesquisas em paralelo. Sobre o doutorado, consegui trabalhar mais no meu pré-projeto, o que pretendo finalizar até agosto. Vamos ver!

Como eu comentei, em maio voltei a fazer terapia (online) e o mês de junho prosseguiu assim. Tem sido ótimo. Comentei um pouco sobre a minha experiência em um post recente que entrou este mês aqui no blog, onde trago algumas dicas também para um melhor aproveitamento.

Uma grande conquista do mês de junho foi termos quitado o nosso carro. Era o único financiamento que tínhamos, e eu fiquei muito feliz por fazê-lo. A gente teve que trocar de carro ano passado devido ao trabalho do meu marido (que carrega equipamentos e o nosso já estava velhinho), e ele deu todo o dinheiro de entrada, mais o valor da venda do nosso, mas tivemos que financiar uma parte porque ano passado eu estava bastante *conservadora* com as nossas finanças. Mas pudemos quitá-lo este mês, o que me deixou incrivelmente feliz porque eu não gosto de fazer financiamentos e dívidas, mas às vezes são necessários. Em todo caso, quitar o quanto antes sempre é o melhor e ainda economiza juros.

No nível social, eu e mais duas amigas estamos fazendo um “chá das cinco virtual” todo sábado, quando batemos papo sobre a vida, o trabalho, os cachorros, tarô, enfim, qualquer assunto, desde que consigamos nos encontrar e contar como foi a semana, relembrar viagens, dar risada e estarmos juntas. Tem sido muito bom fazer isso.

Sobre saúde, dei uma esculachada (confesso) nesse mês de junho. Minha prática de yoga foi inconstante, pedi comida fora algumas vezes porque não estava a fim de cozinhar, enfim, deu uma desandada. Mas aceitei que foi o melhor que pude fazer em dias difíceis e já tenho planos para retomar uma rotina melhor agora em julho. Mesmo assim, me mantive dentro da rotina do Ayurveda, o que fez toda a diferença no quadro geral com toda a certeza.

Aconteceu uma coisa super chata agora na última semana, que foi quebrar um pedaço do meu dente na lateral da boca. Não consigo falar porque ele virou uma mini faquinha que me deixa toda machucada! Esta semana vou ao dentista tentar arrumar, mas olha! E o medo de pegar COVID? Vou ficar em quarentena aqui dentro de casa, com todos os cuidados com marido e filhote, depois de ir.

Sobre leituras que não sejam de trabalho, estou lendo um calhamaço de dois volumes sobre a Segunda Guerra Mundial – “Ascensão e Queda do Terceiro Reich”, do Shirer, que meu marido tinha me dado de presente há uns dois anos e eu disse que só leria depois do mestrado. rs Olha só o que é uma pessoa organizada. Estou aficcionada nessa leitura e também tem sido uma distração* este mês. *Mas observação: não quero de maneira alguma dar a entender que ler sobre acontecimentos tão tristes e abomináveis como a guerra seja algo leve e distrativo, apenas que ler algo desvinculado (em partes, porque né) das notícias atuais tem me distraído um pouco da realidade que tá bem difícil com tanta gente morrendo e sofrendo.

Marido e eu maratonamos The Office e agora estamos reassistindo tudo de novo rsrsrs Eu já tinha assistido na época (até 2013), e foi muito maravilhoso ver novamente. Agora estamos reassistindo em looping, porque é a nossa série reconfortante. rs Eu absolutamente AMO o Dwight.

Minha área de trabalho no computador

Falando um pouco sobre a família. Paul voltou a ter aulas agora em junho e a experiência foi um pouco melhor que nos meses anteriores, mas ele terá mais 15 dias de férias agora em julho. Eu sinceramente ainda não sei se no ano que vem valerá a pena ele refazer o quinto ano. Acho que o quinto ano é um ano muito importante nessa fase de vida em que ele está, de transição, e acho que isso não está rolando em formato EAD. De qualquer maneira, temos ali até setembro ou outubro para decidir (época das rematrículas).

Ninguém da família foi contaminado pelo COVID até o momento. No entanto, nessa última semana meu sogro passou mal e teve que ir para o hospital, então estamos um pouco apreensivos com medo de ele pegar o vírus e, se pegar, tem a família toda morando com ele. Estamos observando.

Baby Stanley está bem, está enorme, crescendo pacas, apesar de ser um mini dasch. Todas as roupinhas de frio que comprei em maio parecem blusinha baby look nele no momento, mas felizmente encontrei um fornecedor legal no ML que vende roupinhas boas e baratas, e já encomendei as roupas maiores para o inverno que chegou. Julho e agosto são os meses que costumam fazer mais frio aqui em São Paulo.

Comentários sobre o trabalho

Eu faço parte de um grupo de mentoria de marketing digital e nos reunimos presencialmente quatro vezes por ano. Em fevereiro, fizemos isso e foi legal, mas agora em junho não teria como ser presencialmente, então pela primeira vez foi online. E olha, como tudo que era presencial, foi excelente ser online. Pude alternar as conversas e atividades com os intervalos aqui com a minha família, consegui descansar, mantive a minha alimentação, foi totalmente excelente.

No meu curso, finalizamos um módulo e iniciamos um novo. Estou muito motivada com esse curso e produzindo aulas e materiais diariamente. É uma das coisas que mais gosto de fazer! Além do curso principal, tenho outros em andamento, paralelos, que também invisto tempo todos os dias. Um deles é o Jornada POP, que terá nova turma aberta semana que vem (vou fazer um post no blog sobre isso na segunda), outro é o de Feng Shui e organização da casa com a minha amiga Wanice etc. Meu trabalho diário se resume basicamente nessa gestão dos cursos e na produção de conteúdo em todos os canais.

Aqui no blog, seguimos com o conteúdo diário. Confira se perdeu algum post este mês (coloquei uma estrelinha nos que considero mais importantes, essenciais ou que foram meus “queridinhos”):

Olhando em retrospectiva, acho que foi um mês bastante produtivo aqui, com vários conteúdos bons, para ficarem como referência mesmo. Gostei!

Você pode conferir os conteúdos publicados em outros canais nos canais correspondentes. A partir deste mês, estou fazendo um resumo em cada um deles também, como no YouTube, por exemplo.

Queria comentar duas coisas que foram adiadas de projetos profissionais que eu tenho. Uma é o evento ao vivo para os meus alunos, que aconteceria em novembro. Devido à pandemia, preferi adiar e reembolsar quem já tinha comprado o ticket até termos uma segurança maior para todos nós, para a realização desse evento. O segundo foi o lançamento do meu novo livro, sobre estudos. Sinceramente, eu mesma não consegui terminar o manuscrito. O livro é bastante importante, traz conceitos-chave do meu trabalho, e eu não estava com cabeça para focar nele e terminá-lo. Com o cancelamento da Bienal do Livro, onde ele seria lançado, a editora me deixou com um prazo mais livre para trabalhar nele, então continuo trabalhando na sua escrita, mas não temos uma data certa de lançamento. Assim que a tiver, divulgarei. Peço a compreensão de todos neste caso, pois todos os dias recebo perguntas sobre esse lançamento mas eu não tenho como responder no momento por conta disso.

Eu fiquei muito feliz por ter conseguido tirar um projeto do papel, que foi criar uma série de conteúdos para profissionais de organização e produtividade nesse momento que estamos vivendo da pandemia. Foi uma série de duas LIVEs diárias durante duas semanas que culminou em um curso gratuito que está acontecendo esta semana, e na semana que vem abrirei as inscrições para o curso pago, para quem quiser continuar e se aprofundar. Dessa maneira, acredito que consiga ajudar todo mundo – quem pode e quem não pode investir no curso agora. Esse é o tipo de trabalho que gosto de fazer. <3

Tem vários projetos em andamento que eu estou gostando de investir meu tempo e energia, mas acredito que valha a pena ir comentando posteriormente, aos poucos, para este post não ficar enorme.

Como comentei no início do post, junho foi um mês bem pesado de modo geral, mas eu estou chegando agora no último dia dele me sentindo melhor em diversos aspectos. Claro que ainda há o sofrimento de ver tantas pessoas no mundo passando por todos esses desafios, ver amigos perdendo parentes para o COVID, o desespero de quem tem algum ente querido internado, o movimento Black Lives Matter, entre outros importantíssimos que, como seres humanos, precisamos nos ligar e fazer a nossa parte. Mas eu tive a oportunidade de refletir bastante sobre alguns assuntos que são importantes para mim ao longo deste mês e que precisavam de tempo para serem definidos, e acredito que eu tenha conseguido fazer bom uso desse tempo. Agora é só o desenrolar prático mesmo, que vai levar algum tempo, mas já está em andamento.

Espero que julho seja um mês melhor. Se cuida. Tamo junto. <3

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.