Estudos

Áreas de interesse e estudos

Eu estudo o método GTD e, em diversos materiais, quando se fala em áreas de foco (horizonte 2), aparece também essa referência, esse termo, que sempre me despertou curiosidade: “áreas de interesse”. Ou seja, o horizonte 2 se refere a áreas de foco, responsabilidades e também áreas de interesse. Faz sentido, porque as áreas de interesse em teoria “não têm fim” – são coisas que simplesmente nos interessamos e que queremos estar sempre de olho.

Como eu interpreto isso? Bem, eu tenho uma lista de assuntos que, para mim, são os assuntos de interesse atual (atual em termos de momento de vida, e não “este ano” ou coisa do tipo). Muitos complementam os meus estudos, que compartilhei outro dia, no post sobre universidade pessoal e o que tenho estudado no momento.

A transição de ferramentas é algo que costuma levar um tempo, especialmente no que se trata de referências. Não que eu queira ou pretenda migrar todas, mas “arquivo de referência” é um tema que está sempre em transformação, pois o legal é buscar melhorias continuamente, para não ficar guardando o que não precisa. E eu já venho há algum tempo fazendo essa migração para o Trello.

Bem, então, ao criar um quadro no meu Trello para áreas de foco, eu criei uma coluna onde inseri então os meus assuntos de interesse. As tais áreas de interesse.

Eu tirei um print dessa coluna, mas enquanto tirava o print ainda fiz algumas adições rsrs Percebi duas coisas:

  1. Tenho múltiplos interesses
  2. Esses interesses mudam, vão sendo refinados etc.

Esses são definitivamente os temas de interesse no momento de vida que estou vivendo!

No que isso impacta? Na escolha de filmes, livros, conversas e pesquisas que faço de modo geral. Acho isso interessante porque me ajuda a não perder tempo com o que não me interessa, sabe. Pode ser coisa da idade também. rs

O que eu acho que vale a pena fazer: aos poucos, ir montando um quadro de referência para cada um desses assuntos, de modo que eu consiga ir alimentando com informações, e aí anexar esse quadro ao cartão respectivo. Por exemplo:

Aí ele aparece assim, na coluna, com os outros cartões:

Aí você sabe que na verdade tudo é uma questão de escolha sobre como você prefere armazenar informações, né? Uma ótima maneira de organizar esse tipo de referência é com mapas mentais. Porém, como não dá pra fazer TUDO, neste momento optei pelos quadros no Trello e estou satisfeita.

Quando revisar? Horizonte 2 geralmente a gente revisa uma vez por mês ou quando tem vontade de consultar algo ali, e é o que eu faço. Revisando mensalmente, sempre me vêm ideias de coisas a fazer, pesquisar, explorar a respeito deles. Ver algum documentário, assistir um filme, conversar com alguém, procurar youtubers etc.

Como qualquer informação de referência, a gente vai atualizando e alimentando diariamente, conforme as informações aparecem, como tudo no GTD.

Como a gente está falando sobre aprendizado este mês, achei que seria uma “dica” (dica?) legal de compartilhar. Estou apenas mostrando como estou fazendo, porque às vezes surgem dúvidas aqui sobre esse assunto. Vou mostrando, em posts diversos, o mix de coisas que eu faço que envolvem então o meu processo de aprendizado, que é algo para a vida e aperfeiçoado o tempo todo, como tudo. <3

11 Comments

  1. Luciana luz says:

    Ai Thais, quando eu crescer quero ser igualzinha a você

  2. Thais, desculpe usar esse canal. Sei que esse espaço não é para isso. Ocorre, contudo, que enviei um email em 31/1 para o vida organizada com dúvidas sobre um curso que adquiri em 2018 e não obtive resposta até agora. Seguem minhas dúvidas:
    – até quando vai o meu acesso (curso organização do guarda roupa)?
    – quando comprei o curso, foi anunciado um e-book bônus com 100 looks, não me lembro se era uma publicação da oficina de estilo ou da Ana Soares…. Nâo vai ter?
    – informei, ainda, que não recebi mais qualquer email sobre as aulas depois que mudou a plataforma. Pedi para checarem se eu consto do mailing.

    1. Oi Márcia, tudo bem?

      1 – Nós mudamos de ferramenta para que não houvesse mais prazo de acesso ao curso. É permanente. Você conseguiu migrar de ferramenta?

      2 – Eu ainda não finalizei o e-book. =/ Mas vou finalizar. Precisei focar na escrita da minha dissertação. 😉

      3 – Que tipo de e-mail você se refere? Não entendi.

      Não tem problema postar aqui, mas nosso e-mail de atendimento é atendimentovidaorganizada@gmail.com. Tenho uma pessoa que trabalha comigo que responde rapidamente, pois muitas vezes não estou disponível. Obrigada, Márcia.

  3. Lara Barbosa says:

    Thais, eu ADOREI essa ideia da Universidade Pessoal e estava pra te mandar uma mensagem perguntando como você reunia informações sobre as áreas de interesse, tipo links, imagens, pdfs. Você guarda no Evernote ou agrupa mesmo tudo no Trello?

    1. Arquivos de referência podem estar em muitas ferramentas diferentes, inclusive essas que você citou. Recomendo pesquisar sobre arquivos de referência no blog – tem muuuito material mostrando como faço, falando sobre as ferramentas etc. 😉 Mas seu comentário foi legal porque me deu a ideia de escrever algo mais específico a respeito. Obrigada.

  4. Renata do Amaral says:

    Olá, Thais! Tudo bem? Você já deve ter visto, mas acabei de ler esta excelente matéria (https://tab.uol.com.br/edicao/servidao-digital/#pago-por-clique) e me lembrei das suas pesquisas. :*

  5. Patricia de Oliveira Leal says:

    Amei essa ideia. Também tenho múltiplos interesses de áreas distintas mas nunca listei eles. Acho que essa lista vai me ajudar muiiiitooo. Obrigada por compartilhar 🙂

  6. Nicole Ferreira says:

    Thais, resgatei um um conteúdo que você fez que é sobre o commonplace book, queria saber se você ainda o utiliza.

  7. Nossa! Muito legal! Enquanto lia sua postagem, fui criando o meu quadro e consegui anexar um dentro do outro, como você fez! Interessante poder ter uma visão geral do que me interessa! É como se me conhecesse um pouquinho mais, porque tinha tudo isso na minha cabeça, mas não tinha noção nenhuma deles…eram como pensamentos desorganizados na minha mente! A única coisa que fiz de diferente foi separar por áreas como roda da vida, profissional, ferramentas que quero aprender a usar melhor…e por aí vai! Amei a dica!! Muito obrigada!

  8. Oi Thais! Podia indicar alguns livros de psicanálise? Quero entender um pouco mais desse assunto mas não sei por onde começar. Você começou com algum livro específico? Obrigada.

    1. Acho que não sou a melhor pessoa para indicar porque não é minha especialidade. Seria legal pedir para alguém formado na área. Eu decidi começar lendo Freud, então vou comprando e lendo os livros dele. Depois partirei para Jung e assim vai.

Deixe uma resposta para Thais Godinho Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar...

Posts mais acessados