Categoria(s) do post: GTD™

Para ler este post, entenda primeiro o que são áreas de foco.

Sempre gostei muito de gerenciar minhas áreas de foco em formato de mapa mental e, para isso, utilizava uma ferramenta chamada Mind Meister.

Eu também já fiz essa mesma organização no Evernote e gostava bastante.

Atualmente, a ferramenta que tenho usado para gerenciar as minhas listas tem sido o Trello. Por esse motivo, estou fazendo um teste com um quadro para as minhas áreas de foco.

Tenho uma primeira coluna para “áreas da vida”, onde eu listo as áreas da minha vida (uma para cada cartão) e, dentro delas, uma lista dos pontos a serem revisados relacionados àquela área em questão.

A segunda coluna traz as minhas responsabilidades hoje no trabalho que faço, e também listo dentro de cada card as principais atribuições.

Por fim, uma terceira coluna traz assuntos de interesse, que estou sempre envolvida lendo, estudando etc.

Uma outra forma de organizar as áreas poderia ser criar uma coluna para cada uma delas e, em cada coluna, um cartão ser uma sub-área. Já tentei fazer dessa maneira e hoje acho que do modo como está fazendo fica um pouco mais simples.

Acima eu mostro um exemplo de cartão para a área de foco “espiritualidade”. Na descrição dele, coloco os itens que considero importantes de prestar atenção quando reviso essa área. A ideia é revisar mensalmente (ou sempre que sentir necessidade) e essa lista servir como uma espécie de gatilho para possíveis pendências. Caso tenha alguma providência com relação a um assunto citado, essa revisão me permitirá tomar nota e direcionar apropriadamente.

Não existe certo ou errado quando se trata de organização. Eu uso o método GTD, então os conceitos aqui de áreas de foco todos se aplicam à maneira como eu faço. E o Trello tem seu visual, sua maneira de organizar as informações, então este é apenas o uso que eu tenho feito no momento.

Caso tenha alguma dúvida, por favor, deixe um comentário. Obrigada.