O que eu quero que seja verdade até o final de 2018?

20
12729

Escrevo este texto no primeiro dia do ano, depois de ouvir um podcast do David Allen sobre como ele revisa um ano que está acabando e um ano novo que se inicia. E um dos exercícios que ele diz que faz com a sua esposa é imaginarem juntos o que eles gostariam que fosse verdade até o final de 2018. Eu fiz esse mesmo exercício, pensando em todas as áreas da minha vida, e tive alguns insights bem legais. Gostaria de sugerir que vocês fizessem também.

Imagine que 2018 já esteja acabando. Você olha para trás e vê o que concluiu e alcançou. Use a simples pergunta para imaginar: o que eu gostaria que fosse verdade na minha vida até o final de 2018? Pense em todos os seus projetos, as coisas que pretende fazer este ano, e simplesmente escreva.

Pode ajudar também você fazer essa mesma pergunta para cada uma das áreas da sua vida. O que você gostaria que fosse verdade em termos de finanças até o final de 2018? O que você gostaria que fosse verdade na sua vida, em termos de relacionamentos, até o final de 2018? São boas perguntas, que desencadeiam boas reflexões.

Áreas da vida:

  • Finanças
  • Casa
  • Carreira
  • Lazer
  • Criatividade
  • Relacionamentos
  • Espiritualidade
  • Saúde

Essa reflexão foi incrível e a registrei como uma nota em meu diário no Evernote. Ao mesmo tempo, identifiquei projetos e objetivos que quero trabalhar, e esses foram para a minha lista de projetos e objetivos, de modo que estejam em andamento desde já. Você pode fazer o mesmo.

Um exemplo para finanças – “o que eu quero que seja verdade até o final de 2018”:

“Quero ter guardado R$3.000 para emergências”

Um exemplo para saúde – “o que eu quero que seja verdade até o final de 2018”

“Quero ter conseguido implementar uma rotina diária de atividades físicas”

Um exemplo para relacionamentos – “o que eu quero que seja verdade até o final de 2018”:

“Quero ter conhecido uma pessoa que tenha um estilo de vida parecido com o meu”

E por aí vai.

A grande questão é que, quando você faz uma reflexão como essa, você pode identificar objetivos. Os objetivos acima poderiam ser os seguintes:

  • Construir um fundo de emergência no valor de R$3.000 até dezembro de 2018
  • Implementar uma rotina diária de atividades físicas até dezembro de 2018
  • Conhecer uma pessoa que tenha um estilo de vida parecido com o meu até o final de 2018

Para alcançarmos objetivos, identificaremos projetos. Alguns exemplos de projetos que podem ajudar a alcançar os objetivos acima:

  • Iniciar um investimento no Tesouro SELIC
  • Me matricular na academia
  • Fazer matrícula na academia de dança

Os exemplos são inúmeros. Dependem dos objetivos que você tem e do seu estilo de vida.

Que tal fazer essa reflexão hoje? Tire 15 minutos do seu dia, com tranquilidade, e pense a respeito. Se você trouxer esses objetivos para o seu dia a dia, revisá-los regularmente, assim como os projetos relacionados, é muito provável que você os alcance muito antes do final do ano. E, quando efetivamente dezembro chegar, e você revisar o que você fez, verá que a resposta à pergunta “o que eu gostaria que fosse verdade no final de 2018?” está muito mais perto da sua resposta original – ou talvez tenha até ido além.

20 comentários

  1. Olá, Thais!
    Eu amo ler seus artigos e com certeza vou colocar esta reflexão em prática, para alcançar de fato meus objetivos em 2018.

    Muito obrigada por compartilhar seus conhecimentos!

  2. Excelente post, “as usual”, para começar o ano, onde você consegue de forma simples e direta ensinar como estabelecer metas e objetivos, uma das poucas restrições que faço ao método GTD, muito concentrado nas preocupações e tarefas pendentes que já temos, sem deixar muito espaço para a construção de metas e objetivos que pretendemos atingir.
    A minha pergunta seria: é possível conciliar as duas coisas, ou seja, podemos aplicar essas dicas utilizando o próprio GTD e como estabelecer a priorização necessária.
    Grato pela atenção

  3. Boa tarde Thaís!
    Terminei o ano de 2017 estudando o GTD para iniciar 2018 colocando em prática. Meu esposo também aderiu à ideia, o que está ajudando muito pois é ansioso e está conseguindo trabalhar as diversas coisas em sua cabeça enviando para a caixa de entrada. Aos poucos ele vai me acompanhando. Ainda não sentamos para planejar nosso ano, e esta post me deu uma direção para isso. Obrigada !

  4. Que incrível! Esse post veio na hora certa na minha vida, pois estou planejando os meus projetos e objetivos de curto, médio e longo prazo.

    Eu tenho um objetivo para concluir em até 2 anos que é “Desenvolver a habilidade de falar em Inglês”. Agora vou refletir sobre o projeto desse objetivo.

    Obrigado

  5. Thaís, fiz este exercício no final de 2017. Uma das minhas metas era atividades físicas. Desde o dia primeiro, tenho conseguido.
    A mudança no meu comportamento foi o mais surpreendente.
    Agora no início reviso os objetivos todas as manhãs. Hoje um cliente queria marcar um encontro, para uma pendência que está postergando por 60 dias, na hora da minha caminhada.
    Outrora, diria sim, se pensar. Hoje disse não. Expliquei que já havia marcado um compromisso, inadiável. Ele entendeu e marcamos para amanhã de manhã. Sem culpa é com a certeza de que fiz a escolha certa.
    Tb mudei a atitude em relação aos gastos superfulos, pois umas de minhas metas, é a composição de um fundo para emergência.
    Tudo isso de forma consciente e rápida, pois fico com meus objetivos em mente, o dia todo.

  6. Bala, Taís!
    Cheguei a fazer algo parecido (só não abrangi todas as áreas da vida).
    Tracei alguns projetos e as subtarefas necessárias.
    Uma idéia bacana é colocar um lembrete para Dezembro de 2018 para servir como retrospectiva.

  7. Feliz Ano Novo Thaís!
    Estou assistindo os videos sobre GTD.
    São muito claros e objetivos o que é ótimo para os iniciantes que ficam ansiosos. Eu!

    Bjs e obrigada ; )

  8. Achei muito interessante este método organizacional.
    Vou fazer concerteza. “Dividir conhecimento é compartilhar Gratidão sempre “.
    Muito obrigado.
    Celison Souza.

  9. Entrei agora pela primeira vez no teu blog e adorei!! Vou revirar cada cômodo do avesso, se me der licença!!hehehe..parabéns pela qualidade do teu trabalho!!

  10. Queria ter essa clareza nas ideias e conseguir colocá-las no papel.
    Sou muito confusa, começo várias listas e cadernos e não consigo dar continuidade…
    As ideias e aprendizados fervilham na minha cabeça e não consigo transpor 🙁

    Até para escrever este comentário pensei mil vezes.

    Enfim, aprendo muito com você e sucesso nessa nova fase “tudo separadinho”, legado se concretizando né !

    Bjs

  11. Oi, fiz algo nesse sentido agora nesta reta de final de ano e estou com minhas metas até que bem definidas. Sempre que estou em dúvida leio um post seu, esse aqui: http://vidaorganizada.com/2017/09/01/o-poder-da-organizacao-ao-buscar-as-decisoes-dentro-de-voce/

    Estou adorando saber que a linha editorial deste ano é Harmonia e equilíbrio nos relacionamentos, estou buscando isso pra mim tb! Assim que isso for se aprofundando vou devorar tudo rsrsrs

    Parabéns pelo seu trabalho mais uma vez

Deixar uma resposta

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui