Toda uma vida nova

66
26385

Férias não é um termo certo para descrever o período que o blog passa atualmente, apesar de eu ter determinado que, de alguns dias para cá e durante os próximos, eu me programei para não publicar nada porque não estarei perto do computador aprovando e respondendo comentários.

Como vocês sabem, eu sou bastante organizada com o calendário editorial e tenho os posts escritos e agendados às vezes com meses de antecedência.

E o que aconteceu com julho é que o editorial que eu tinha escrito, assim como uma série de textos, tiveram que ser completamente modificados porque eu mesma estou passando por um período profundo de mudanças que não sei se este post será capaz de exprimir.

Eu dediquei meus últimos dias a uma formação intensiva de coaching aqui em São Paulo, que era um curso que eu gostaria de fazer já há algum tempo. Minha motivação para fazê-lo foi a seguinte: eu ensino as pessoas a se organizarem através do blog, dos meus livros, dos nossos cursos. Porém, como se trata de uma mudança de hábitos, eu queria aprender a ensinar de maneira melhor. Pensava que o trabalho um a um seria algo legal a oferecer como parte desse processo, e eu simplesmente achava que iria ao curso aprender as técnicas de coaching e sairia de lá com uma certificação em mãos. Mal sabia o que me aguardava.

O processo todo da certificação de coaching consiste em você testar todas as técnicas em você mesma(o) para entender como aplicar em outras pessoas depois. E, com isso, você vivencia momentos extremamente intensos, que eu até agora não consegui processar direito, mas que são completamente transformadores. Foram quatro dias com cerca de 12 horas de aulas por dia, todas pautadas em exercícios de auto-conhecimento, controle das emoções, planejamento da vida, de objetivos, valores, missão pessoal, plano de ação, resolução de problemas. Eu me perguntava o tempo todo como eu voltaria à minha vida normal na segunda-feira depois daquilo tudo. Não voltaria. Não tinha como.

O coaching, acima de qualquer coisa, ajuda você a descobrir seu potencial e te leva aos resultados que você quiser atingir. E, uma vez que você descubra qual é o seu melhor, você não consegue mais viver com nada que não seja esse melhor. Você quer manter esse mindset pra sempre. Quer que as pessoas tenham esse mindset também. Quer tirar da sua vida tudo aquilo que você nunca deveria ter perdido tempo e focar no que realmente importa. É como se você tivesse trocado as lentes e se configurado em uma versão turbo.

Eu fiz muito bem em ter programado alguns dias de folga (ou quase) esta semana porque eu ainda estou digerindo tudo e planejando como será a minha vida daqui para a frente, ao mesmo tempo que tenho uma clareza absurdamente gigantesca de todos os meus relacionamentos, todas as minhas atividades profissionais, todos os meus objetivos, e de quem eu sou de verdade.

Não ia escrever esse texto hoje, mas ao mesmo tempo tive vontade de escrever ainda um pouco no calor da situação para não perder esse ar de novidade e choque que ainda tenho. Sinto com muita intensidade o que o David Allen disse uma vez: “Como a gente pode não fazer isso, se isso é o que a gente é?”. Tive a oportunidade de presenciar uma sessão de coaching da master coach em sala com uma aluna do curso, e naquele momento eu tive certeza de que é aquilo que eu quero fazer pelo resto da vida: ajudar as pessoas a encontrarem o seu potencial, darem um jeito na vida, se planejarem, conquistarem seus objetivos. Eu vejo todos os dias muita gente sofrer com estresse, desanimada, se afundando em um mundo de atividades no dia a dia e sem foco, sem motivação, e sei que a organização é um caminho para resgatar a VIDA. Organização é isso. Uma vida organizada é isso.

Nunca estive tão certa do que quero fazer, e olha que já me senti certa muitas vezes. É diferente. É mais intenso. É mais maduro.

Como sou grata por ter feito esse curso, e me sinto em deleite! Bora viver essa vida que recomeça a cada segundo, a cada respirada, a cada sorriso, a cada pensamento, a cada ideia… a cada passo, a cada manhã. Que sua vida organizada seja uma vida extraordinária como a minha se tornou a partir de hoje.

facebook-renasceu

66 comentários

  1. Uau!
    Adorava fazer.
    Pena que em Portugal o coaching ainda está a dar os primeiros passos…
    Conta mais, please! 🙂
    Um beijo

    • Sofia, você pode receber sessões de coaching via Skype também. Há uma pequena perda do ponto de vista do impacto emocional que o coach pode causar no coachee (quem recebe a técnica), mas é muito válido. Sou coach também, e passei por um processo de imersão similar ao da Thaís, então entendo esse sentimento de estar maravilhada. Caso você esteja interessada em maiores detalhes, pode falar comigo pelo email mar_nina2003@yahoo.com.br. Aliás, Thaís, estou terminando minha formação por outra escola, e adoraria trocar informações com você sobre como foi o seu processo e que materiais foram recomendados (livros, filmes). Você é uma blogueira maravilhosa e te sigo e te admiro há muito tempo. Bem vinda ao maravilhoso mundo dos coachs!

  2. Parabéns Thais…eu estou passando pelo processo de Coaching e foi a melhor coisa que eu fiz, o Coaching nos faz abrir os olhos e acordar para aquilo que é realmente importante, é um processo intenso e maravilhoso…

    Abraços

  3. Oi Thais!
    Trabalho com aulas personalizadas de inglês e tenho muitos traumatizados/desorganizados. Acredito que para aprender um idioma de forma eficaz também é necessária uma mudança de hábitos e mindset. Por isso, há algum tempo venho namorando um curso de coaching e fiquei muito animada com seu relato.

    Vc pesquisou muitas instituições antes de escolher a SBC? Por que escolheu lá? Sabe algo sobre o ICI-Integrated Coaching Institute?

    Obrigada e beijos!

    • Pesquisei sim. Acabei optando por eles por ser mais focado na prática (ouvi falar que outros cursos eram mais teóricos – de outros participantes desses cursos) e também porque ele é baseado em conceitos de psicologia positiva e motivacional, que acho que tinha mais a ver com o VO. Mas certamente todos os cursos devem ser muito bons e apenas a metodologia deve variar. Boa sorte!

  4. Thaís, como faço pra fazer uma sessão de coaching com vc? Preciso me organizar, acabar de procrastinar, dar um rumo à minha vida!
    Seu blog me ajuda muito desde 2012, quando a conheci. Recomendo a várias pessoas, que tbm acabam viciadas no VO, como eu.
    Como podemos fazer?

    • Oi Raquel, tudo bem?
      Este mês estou formatando esse trabalho para personalizá-lo para o Vida Organizada.
      Você poderia por gentileza enviar um e-mail através da página de contato (ali em cima)? Assim eu deixo ele registrado e, assim que o serviço estiver aberto, eu te contato.
      Obrigada!

  5. Thais, que maravilhoso escutar isso! Sou doida para fazer, para minha vida, sabe? E sentir o mesmo que você disse “a melhor coisa que fiz”. Estou precisando tanto me encontrar…. Amo o VO, parabéns e continue esse SUCESSO de pessoa e profissional que é’

  6. Parabéns , estamos vivenciando um momento parecido , eu estou no meio do processo de coaching e na minha mente as ideias ainda estão em conflito , a mudança ainda está buscando encontrar o seu lugar , mas como já passei por esse processo outras vezes sei bem como é esse seu sentimento , amo sua forma de pensar , parabéns pelo seu trabalho e que venha o novo ! acredito que nós leitores ganharemos muito com esse seu momento!

  7. Thais

    Com qual instrutora você fez? Estava buscando uma opção para fazer e com seu depoimento estou praticamente decidida.

  8. Thaís!
    Sabia que estava ocorrendo algo. Seu silêncio… fiquei aguardando a notificação no email de nova postagem e nada. Corri pra cá e que sensação fantástica de renovação e ânimo novo senti em suas palavras. Parece que estamos cara a cara e você super empolgada contando sua experiência. Já venho num processo lento e gradual de mudanças de hábitos graças ao VO. E agora com a postagem de hoje fiquei foi empolgada por fazer esse curso.
    Obrigada por existir!
    Um abraço

  9. Uau Thais! Que incrível!
    Sabe, eu estou ensaiando fazer um curso desses desde o início do ano. Ouvir/ler de você sobre essa experiência é muito importante. Se possível, gostaria que futuramente você escrevesse mais sobre o assunto. Beijos!

  10. É incrível como a cada post vc se supera! Pq apesar de todo o conhecimento e técnica que vc nos passa, ainda assim, a sua didática, sua sutileza com as palavras, me traz a sensação de estar batendo papo com uma amiga! Mais uma vez, minha GRATIDÃO por cpt tudo isso conosco, espero fazer parte da sua primeira turma, qdo vc se tornar master coach!!! Heheheheheheeh… bjks mil!!!!

  11. Obrigada pelo post! Estou para entrar em férias e já tinha programado uma revisão semestral. Essa sua postagem vai me ajudar bastante. Preciso de um novo ânimo. Sei que tenho potencial para muito, mas me acomodei nos últimos tempos. Obrigada!

  12. Nossa Thais! Que legal! Venho namorando cursos de coaching há uns 6 meses… Moro nos EUA e a primeira dúvida é se faço por aqui ou aí no Brasil, já que acredito que a formação é válida em ambos os lugares. Ai nda estava sem luz de onde procurar por aí, mas fiquei muito empolgada com esse seu post e vou dar uma olhada na SBC. Boa sorte e sucesso nessa nova vida que começou pra você!

  13. Olá Thais.
    Seu depoimento é empolgante.
    Esse processo é só para quem quer ser profissional da área ou você acha que qualquer pessoa poderia fazer?
    bjs

    • Muitas pessoas fazem sem a intenção de trabalhar com isso, apenas pelo processo.

      Uma alternativa seria contratar um coach também.

  14. Era só uma questão de tempo mesmo, para lhe cair a ficha. Só acho que você já era coach. Só que você não sabia disso. E como você gosta de “classificar”, encontrou uma rotulador que lhe concedesse o carimbo. Você sempre foi isso, Thaís. Sucesso.

  15. Eu posso imaginar como você está se sentindo… Eu assisti algumas horas de um curso de coaching e isso mudou a minha vida pra sempre! Imagina mergulhar nisso como você fez… É incrível, não é? Bjo!! 🙂

  16. nOSSA THAIS ASSIM VC ME DEIXA MAIS ANSIOSA!!
    fAREI UM CURSO DE COACHING NO FINAL DO MÊS!!
    MARAVILHOSO PODER LER SOBRE A SUA EXPERIENCIA!

  17. Apesar de o post já ter sido publicado antes, só hoje é que o li, e não me poderia ter sentido mais grata por isso. A vida tem mesmo colocado no meu caminho todas as mensagens e sinais de que é possível conquistar a motivação e dar início ao processo de organização/mudança de vida. Basta dar o primeiro passo…

    Obrigada pela inspiração e pela partilha, Thais! Força nesse processo para continue a desenrolar-se!

  18. Sabe Thaís, vejo tanta gente concluindo o mesmo que você depois de fazer um curso/workshop/etc desse estilo… Tb eu, sem fazer esse workshop mas tendo lido acerca desse assunto chego à conclusão de que gostaria também de ajudar os outros mas… não será esse o propósito de todos nós, da humanidade?! Até que ponto fazer disso uma profissão?!

    Ainda não descobri onde poderia ser feliz e com 35 anos sinto-me tão frustrada e começo a perder a esperança! 
    Beijinhos

  19. Seu blog sempre foi ótimo e uma inspiração, agora vai ficar melhor ainda!! Estou em processo de coaching a 3 meses e mudei muuuuuuuuuuuuuito, principalmente a forma de encarar a vida, as pessoas, dá até um alivio. Continuando o processo e com seus posts tenho certeza que ficarei cada vez melhor.
    Abraços e sucesso na sua nova fase.

  20. Muito interessante, e muito importante, essa declaração. Estamos acostumados a pessoas que, em seu patamar de orientar e ensinar, se apresentam como sabedores de tudo e especialistas que já atingiram o máximo do conhecimento.
    Somos humanos, sempre em evolução, e não sabemos muita coisa diante de todo esse universo de aprendizado que há à frente. Ainda bem, né?
    Obrigada por sua reflexão e por se abrir assim. Só por isso já tenho certeza que a “velha” Thais vai se redescobrir sempre jovem e renovada.
    Sucesso.

  21. Parabéns Thais ! Engraçado quando a gente “anda interessada” por um determinado assunto parece que o universo conspira a favor e o assunto pipoca de todo lado tenho assistido vídeos no you tube e lendo muito sobre isso nas últimas semanas. Obrigada por compartilhar!!

  22. Thais, amo seu blog… nem sei se poderia comentar por aqui, mas me encontro em uma situação tão complicada em termos de procrastinação, em todos os aspectos da vida: profissional, financeiro, espiritual, organização de casa… estou ficando assustada!
    Li seu post e me senti tão tocada, com tanta vontade de sentir essa leveza, mas também sei que estou tão longe…
    Por onde começar???
    Bjs

  23. Thais,
    Tenho pesquisado muito sobre o curso de coaching e lendo seu artigo agora tenho mais certeza ainda que estou preparada e é de fato o que preciso fazer para minha vida.
    Obrigada pelo seu trabalho!
    Forte abraço com o desejo de muito mais sucesso na sua vida!

  24. Ai que top Thais, pensei até em comentar que seria ótimo vc fazer a formação em coaching, pq na sua área seria ótimo! Parabéns! Tbm quero fazer no final do ano! bjos.

  25. Thais, que ótima notícia, e quanta emoção poder testemunhar aqui no blog este seu “renascer”!!! Já achava que você tinha todo o jeito para a coisa… Vai fundo, que você tem tudo para ser mais-que-excelente!!! Tenho muita vontade de ser sua coachee!!! Espero que tenha condições de contratá-la em breve, pois logo você estará tão requisitada quanto o David Allen!!! Sucesso!!! Best wishes!!!

  26. Olá, Thais!
    Hoje parei um tempo para organizar a minha caixa de e-mails. Passei os olhos pro cima, rapidamente, dando a cada um a devida destinação. E vi o seu referente a este post. Parei e li, porque, apesar de não ler todos os posts (ou a versão deles que recebo por e-mail), todos os que li até hoje acrescentaram bastante.
    Ver você se descrever neste último post como alguém muito organizada e que tem total clareza das situações que vive me fez olhar pra mim e admitir que eu sou o contrário disso aí. Mas é aí que eu quero chegar: a essa organização, a essa clareza referente aos relacionamentos, às demandas, aos planos, aos projetos. Vira e mexe me perco em pensamentos e nessa vida corrida e cheia de informações de fácil acesso que vivemos. Gostaria de sair dessa, mas não sei nem por onde começar. Você poderia me ajudar? Indicar livros que fomentem ou ensinem essa organização?
    Desde já, obrigada!

  27. Thays, deixe aqui o nome do curso, por favor. Vou fazer, mas estou em dúvida sobre suas instituições.
    bjs

    • Oi Natalia, tudo bem?

      São coisas diferentes, deixe-me explicar.

      O curso de coaching serve para você trabalhar com coaching. É uma certificação. Você encontra sim no RJ – existem muitas instituições. Basta fazer uma busca no Google e procurar aquela que você simpatizar mais.

      Para fazer coaching, o processo em si, você contrata uma pessoa que se formou e é coach, e ela trabalhará com você durante meses, até quando você se sentir satisfeita. É um processo contínuo de aperfeiçoamento, com sessões regulares (geralmente semanais), e um valor que corresponda a essa dedicação exclusiva a você.

      Você pode fazer as sessões presenciais ou virtuais, dependendo muito do profissional que te atender. Também recomendo uma busca por profissionais em sua região, se quiser.

      Espero ter ajudado.

Deixar uma resposta

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui