Tarefas relacionadas a finanças para fazer em abril

12
1815
Imagem: Economic Times
Imagem: Economic Times

Aproveitando que estamos falando sobre finanças (por causa do imposto de renda, cujo prazo é dia 30 – veja como fazer), gostaria de sugerir algumas tarefinhas de finanças para o mês de abril. Pelo menos é o que eu pretendo fazer nas próximas duas semanas, e talvez seja útil para outras pessoas.

Isso é o que eu vou fazer em abril relacionado a finanças:

Planejar as próximas férias em termos financeiros

Minha próximas férias serão em novembro e eu já tenho planos para elas. Vou planejar direitinho e me programar para conseguir fazer o que eu pretendo. Pode parecer que está longe, mas quando envolve economizar e guardar determinada quantia, preciso me planejar com antecedência.

Economizar mais dinheiro

Eu recém voltei de férias e infelizmente tive gastos não previstos, então preciso economizar bastante para não entrar no vermelho este mês. 🙁 Por isso, estou almoçando menos fora, comprando somente o que for necessário e evitando pequenos gastos. Sim, eu sei que isso é o que a gente deve fazer sempre, mas este mês eu estou apertando legal porque, além de tudo, tem a festinha de aniversário do nosso filho. Ela será simples, mas mesmo assim tem seus gastos.

Reorganizar o planejamento financeiro para 2014

Quase na metade do semestre, acho importante fazer um balanço do nosso orçamento até agora e prever o que vai acontecer até o final do ano. Quero implementar algumas rotinas novas e voltar a anotar todos os meus gastos, porque tinha parado de fazer isso há uns dois meses e faz muita diferença.

Separar algumas coisas para doar e para vender

Estou em um momento em que acho que tenho coisas demais e querendo simplificar mais ainda o nosso apartamento. A mudança de um apartamento de três para dois dormitórios fez muita diferença na administração das coisas todas em casa, e ainda estamos nos adaptando. Este mês, portanto, eu ainda pretendo fazer uma limpa geral e doar e vender algumas coisas.

Arquivar melhor as contas pagas

Quero reduzir a papelada que tenho em casa, verificar o arquivamento corretamente no Evernote e garantir que tudo esteja sob controle. Comecei a digitalizar meus papéis na metade do ano passado, mas ainda tenho bastante coisa arquivada em papel, especialmente contas. É bem chato digitalizar tudo de uma vez, então faço aos pouquinhos. Pretendo terminar em breve e deixar o arquivo fácil e intuitivo para o meu marido também, e não só para mim. Enfim, vou encontrar soluções para melhorar nesse sentido.

12 comentários

  1. Olá Thais,

    Estou tentando me organizar para cumprir essas tarefas também esse mês. Apenas para dar uma ideia, poderia dizer como você distribui seu tempo para conseguir parar e se dedicar a essas tarefas?
    Estou com dificuldades em organizar meu tempo quando chego em casa após o trabalho, quando percebo já é tarde e estou super cansada, com sono.

    Obrigada

    • Oi Jane,
      Eu uso o GTD, que é um sistema de organização baseado em próximas ações. Em resumo, você pode ter de 5 minutos a 2 horas, que saberá o que deve ser feito em cada um desses períodos de tempo, com aproveitamento total.

  2. Seu post veio a calhar. Este mês eu farei o mesmo! Parei de anotar os gastos há uns 3 meses e preciso achar uma forma mais inteligente de guardar as contas.

    Quanto ao economizar: Não sei onde você mora, mas os preços dos alimentos na minha cidade subiram. Achei absurdo o preço da cebola comum ser R$ 2,09 e a cebola para conservas (de tamanho médio) ser R$ 1,35. A dúzia de ovos está custando 4,29.

  3. Hoje consegui digitalizar todos os meus papéis. Primeiro separei o que precisava guardar por categoria, anotações da universidade, documentos, notas fiscais de equipamentos que tem garantia, certificados de cursos (congressos e encontros) e as faturas dos cartões dos últimos 6 meses. Algumas coisas joguei fora e o resto guardei. Vou tentar reciclar esses papéis em casa mesmo e fazer diversos blocos pra dar aos amigos. Em rrelação às finanças eu me enrolo toda. Estou terminando a universidade ainda, e minha renda se resume a bolsa do projeto de iniciação científica. Quase não dá pra nada, mas fazer o que né. Adoro suas dicas. Parabéns pelo trabalho.

  4. Oi Thaís. Por falar em anotar os gastos, eu usava antes uma planilha do excel pra lançar minhas receitas e despesas do mês e assim ter controle, porém não conseguia manter a disciplina de sempre fazer isso e acabava desmotivado a fazer isso. Como sempre fui muito enrolado com minha vida financeira, procurei estudar sobre finanças, controle dos gastos e conheci um programa sensacional do site meu bolso em dia. O Jimbo. Pra mim, ficou bem melhor lançar as receitas e despesas nesse programa do que na planilha, porque ele permite lançar os gastos e rendas por dia, da uma visão da semana, do mês e do ano, e toda vez q abro o programa ele tem uma artigo com algum assunto interessante, enfim. Acredito que você até já o conheça, mas alguém de repente possa ler esse comentário e ser útil.

    Abração.

  5. Thaís,
    tenho dúvidas com relação ao que posso digitalizar e o que preciso manter em papel (no caso das contas).. digitalizado tem o mesmo valor legal?

    • Liz, a ideia de digitalizar é ter um backup e fácil acesso quando necessário, não substituir.
      Mesmo assim, algumas pessoas substituem por completo (eu mantenho em papel). É uma decisão pessoal.

  6. Olá, Thais,
    Quando vc fala em anotar todos os gastos me dá até um frio no estômago, rsrsrs. Acho super importante mas, nas diversas tentativas não consegui passar do 3o. dia…

    Parabéns pelo Blog.
    Tania

Deixar uma resposta

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui