Categoria(s) do post: Rotinas, Estudos

Group of schoolchildren (6-7) playing in classroom

Este post foi enviado pela organizadora profissional Fernanda Graeff, da Armonizzare Ambientes.

Os dias de dormir até mais tarde, almoçar lanche, olhar TV até de madrugada, computador liberado estão com seus dias contados ou já   estão em um lugar da memória das crianças e adolescentes do Brasil!  (no Rio Grande do Sul as aulas começam somente após o Carnaval…. em outros estados do Brasil, no começo de fevereiro).

É tempo de retomar a rotina de estudos. Pensando em ajudar as famílias a passar por este momento, elaborei algumas dicas que podem ajudar! Sou ex-professora, mãe de duas meninas e mesmo com minha atividade de organizadora profissional reconheço que não é uma tarefa fácil. Mas não  é impossível. É de conhecimento popular, que para mudar um hábito são necessários 21 dias e muito empenho! Então vamos às dicas:

Faça uma mudança gradativa nas permissões que seu filho tinha nas férias. Para evitar “combates”  diários, vá reduzindo os horários que ele tinha permissão parar dormir, ver TV, usar o computador.  Cortar tudo de uma vez só,  vai fazer seu filho ficar frustrado e identificar a volta às aulas como um castigo.

– Mesmo que nas primeiras semanas de aulas, alunos e professores estejam se conhecendo e estabelecendo regras, aproveite este momento para estender estas regras para sua casa.  Em conjunto estabeleçam o que funciona para a sua família em termos de horários, onde se encaixa o momento de estudo. Ele deve ser diário, mesmo que seja para rever conteúdos, organizar o material, agendas, mochilas. A famosa frase “mas eu não tenho tema” nem sempre é verdadeira, o que acontece é que ele pode ter tema sim e está deixando para última hora.

Elabore com seu filho um cronograma semanal, onde se destaque tanto os compromissos com a escola, quanto os momentos de lazer. Assim ele aprende a valorizar a organização e ver que é algo que o beneficia, e não somente serve como “punição”  e para coisas “chatas” .  Faça de acordo com a faixa etária, estando nos primeiros anos do Ensino Fundamental faça um cartaz bem colorido, se estiver em outra fase, apele para os recursos multimídia, fazendo planilhas ou até mesmo uma fã page, blog onde seu filho adolescente pode compartilhar sua rotina com os colegas da escola e com a família,  tudo que está fazendo de legal na semana!

Use uma pasta sanfonada, ou fichário com plásticos para que seu filho vá acrescentando as atividades que fizer na escola, por matéria ou área, assim na hora de procurar um conteúdo para estudar para uma prova fica mais fácil.

Privilegie um local da casa livre de distrações para os momentos de estudo! Tudo com muita luz, silêncio, uma boa mesa e cadeira que proteja a postura. Mas comece cedo, se seu filho nunca fez isto desde que entrou no 1º ano, dificilmente ele irá procurar um local assim para estudar com 15 anos.

Acompanhe a rotina de seu filho, mostre que você se importa! No tempo que fui professora observei a diferença que a atenção dos pais fazem no resultado escolar.

Vamos ver a aula com toda positividade que ela traz! Retomar os estudos! Retomar as amizades! Com organização e boa vontade sobre tempo para tudo! Estudos e lazer! Boa volta a todos!