Dúvida da leitora: organizar as roupas a passar

46
12788

 

Imagem: Getty Images
Imagem: Getty Images

Olá Thais,

Parabéns pelo seu trabalho. Estou acompanhando seu blog há um tempo e não vi nenhum post sobre roupa para passar que é onde mais me enrolo. Pesquisei no blog como roupa para passar e apareceram vários posts, mas sem nexo com o assunto.

Tipo se bobeio, a roupa vira uma montanha. Gostaria de dicas de como guardar a roupa para passar (enquanto não olho para ela), como ser mais produtiva nisso, pois parece que minha vida gira em torno disso, não consigo fazer outras coisas importantes. Faxina e organização tudo bem, mas a roupa para passar, nossa……. e olha que as camisas do meu marido mando para lavanderia, mas mesmo assim, tá difícil.

Grande abraço, alías passei o reveillon em Campinas, minha cunhada mora lá, mas sou de São Paulo.

R. C. G. M.

Querida leitora,

Obrigada pelo seu e-mail. Espero que tenha gostado de passar o revéillon em Campinas. Eu fiquei por aqui também. =)

No meu apartamento, há um varão na área de serviço, embaixo do armário alto, onde eu coloco essas roupas. Costumo passar somente uma vez por semana, quando necessário. Eu não gosto de comprar roupas que precisam ser passadas, pois odeio passar roupa. Geralmente compro peças com aqueles tecidos molinhos que não amassam. De qualquer forma, tenho calças, camisas e outros itens que precisam ser passados. Assim, passo uma vez por semana, geralmente aos finais de semana.

Depende muito do espaço que você tem na sua casa. Você pode disponibilizar um cesto grande somente para colocar essas roupas, mas eu sinceramente costumo chamá-lo de “montanha da depressão”. É muita roupa acumulada e só de olhar já bate um desânimo. Então o que você pode fazer é guardar essas roupas no armário, cada uma em seu departamento (calça com calça, camiseta com camiseta) e, quando for passar, pegar de pouquinho em pouquinho e ir passando. Pelo menos elas não ficam à vista.

46 comentários

  1. Eu tenho me organizar nessa questão mas não dá, aqui lavo roupa todo dia e vou separando as dos adultos e as das crianças dobradas dentro do guarda-roupa e olha q dependendo do tecido eu nem passo mas haja coragem kkkkkkkkk

  2. Oi Gente,
    Bom, eu gosto de passar roupa porque é uma espécie de meditação zen para mim. Rsrsrsrs Vou meditando e me abstraindo enquanto aliso os tecidos.
    Uma sugestão para faclitar as coisas: Se a roupa for feita com tecidos que não deformam, sugiro secar no cabide. Ponha a roupa no cabide bem direitinho, não a deixe torta, e pendure o cabide no varal. Com isso, a roupa fica menos amassada, com menos vincos e dobras difíceis. Facilita bem a passadoria.
    QUando as roupas do varal estão secas, eu as dobro e empilho as pecas dobradas. Isso também evita que as roupas se amassem demais e facilita a passadoria.
    Eu separo as roupas por tipo de tecido: Camisas de algodão, jeans, malhas, lençois… Isso é bom por que vc mantém a temperatura do ferro única, e não corre risco de queimar uma peça delicada (que precisa de ferro frio) após passar um jeans (que precisa de ferro bem quente.)
    Para facilitar a passadoria (e poupar tempo) uso uma solução de amaciante diluído em água). Fica bem fraquinho, dá um cheirinho gostoso e com a peça levemente úmida, vc passa melhor e mais rápido. Eu uso um borrifador para umedecer as peças.
    Quanto ao fato de acumular as peças, o melhor é eleger um dia ou dois da semana para destralhar a lavanderia. Outra dica é contratar uma passadeira, se a pessoa detesta muito passar roupa. As vezes vale mais pagar alguem para te liberar para outras atividades.
    Espero ter ajudado.
    Abraço, Dulci

  3. Também não passo roupas. Como sou só eu e meu marido, sem filhos no momento, guardamos as roupas no armário, mesmo sem passar, e quando precisamos, passamos. A maioria das nossas roupas são de tecidos que não amassam, por isso a importância de um guarda-roupa organizado, para mantê-las sem amassar, então normalmente não temos problemas com isso. No nosso apartamento, que é bem pequeno, nem teríamos espaço para uma pilha de roupas…Lembro da minha infância, que minha mãe ficava as tardes de domingo passando uma pilha de roupas, não, não quero isso para mim!

    • Eu também faço isso. É muito prático para mim. não consigo arranjar um tempo grande para passar a pilha de roupa. Achei que seria criticada, mas vejo que muitas pessoas fazem isso.
      Só passei apuros um dia que acabou a energia e não tinha nenhuma roupa passada =/

  4. O pulo do gato é pendurar as roupas para secar cuidadosamente: as camisas e blusas vão para o varal em cabides, malhas a gente pendura bem ajeitadinhas e esticadas, aisando as dobras, colocando os bolsos nos lugares… Esse tempinho gasto é amplamente recompensado na hora de passar a roupa. Fica muito fácil!

  5. Esqueci de uma outra dica: Para homens e mulheres que trabalham de camisa social. Se tiverem a oportunidade de viajar para fora do país sugiro um produto maravilhoso – camisa non iron. Essas camisas feitas em 100% algodão tem um processo de confecção especial cujo tecido amassa quase nada, e as principais costuras (laterais, frente dos botões, ombro, entre outras) não amassam nada pois são costuradas com uma entretela especial pelo lado de dentro. Isso as deixa sempre esticadinhas. O produto é realmente muito bom e as melhores non iron são das marcas Brooks Brothers e Uniqlo. Sou estilista de camisaria masculina, por isso conheço bem o produto e sei que são as melhores e que realmente funcionam. Com o tempo, o máximo que vc precisará fazer é dar uma esticadinha na frente, costas e talvez na manga, mas bem de leve. Um vapt-vupt. Porque passar camisa social é bem complicado.

  6. Ah, agora tenho uma ajudante que cuida disso. Mas mesmo nas épocas em que estou sem auxílio, as roupas daqui de casa são todas passadas, com poucas exceções. Panos de prato, toalhas, lençóis, passamos tudo. Fica tão mais bonito, tão mais organizado…

  7. Oi Thais! Eu sempre leio o blog, mas nunca comentei por aqui, parabéns pelo conteúdo!
    Aqui na minha casa somos eu e o marido, o que funciona para mim e logo que tiro as roupas do varal é guardar tudo que não vai ser passado, passei a comprar lençóis de malha pq não preciso passar, e tento não deixar acumular roupa de uma semana pra outra, pq o que já é ruim fica bastante pior… sempre que a roupa acumula gasto muito tempo depois então acho que vale a pena me esforçar para lavar td durante a semana e no fim de semana separar um tempinho só para passar!
    Mais uma vez parabéns pelo ótimo conteúdo do Blog
    Grande abraço!

  8. Thais,

    Já que falou em tecidos que não amassam, gostaria de dicas sobre este item se for possível. Como você, adoro a Renner, mas mesmo comprando lá, tenho algumas peças que são extremamente chatas de passar.
    Diferente de vocês, minha casa tem 4 pessoas e adultas, logo é bem difícil…

  9. Ah adorei as dicas acima. Eu fujo de roupas que precisam e são difícieis de passar, eu tinha algumas blusas brancas, cheias de babadinhos, rendinhas, nervurinhas…ficaram após a lavagem meses esperando coragem, acabei por doá-las e nunca mais!! ferro? nem sei onde guardei,kkk, ainda mais nesse Rio 40graus, nem pensar. Hoje em dia não passo nada, deixo no Solzão pra desinfetar e voilá. Costumo dobrar toalhas e lençóis em rolinhos e assim nem aparece se passei ou não. Essa montanha de depressão, adorei o nome, detonei, bastou a época que tinha baby que vivia com o ferro na mão, hoje não mais!!!

  10. Lençol e toalha só quando as crianças eram bebês hj não mais…e molhar a roupa tbm não pq tenho um bom ferro a vapor

  11. Também odeio passar roupa e tenho poucas peças que precisam ser passadas. Mas como lavo roupa toda semana, lavo no sábado de manhã e passo à tarde aquelas peças que precisam. Guardo e pronto, tá tudo ok. O negócio é não deixar ali acumulando uma pilha, outra…

    E essas dicas de ter cuidado na hora de secar são o melhor. Nunca entendi gente que pega a roupa toda enroscada da máquina e nem dá uma ‘sacudida’ antes de por no varal, pra tirar os maiores vincos.

  12. Aqui em casa temos uma rotina de lavanderia bem rígida, mas que nos dá uma imensa flexibilidade em relação a outras coisas. Lavo roupas escuras na segunda (e passo na terça), roupas claras na quarta (e passo na quinta) e roupa de cama/banho na sexta (estas não são passadas). Dessa forma, acordando um pouquinho mais cedo e distribuindo o ‘serviço’ de lavanderia ao longo da semana, nunca preciso me preocupar com isso nos finais de semana, que ficam integralmente livres para outras atividades. Além disso, nunca passo mais de uma hora na mesa de passar, o armário está sempre em perfeito estado e não preciso nem mesmo de lugar para guardar as roupas secas, pois vão do varal para o armário já passadas.
    E para quem não gosta ou não pode acordar um pouquinho mais cedo, é totalmente possível manter uma rotina similar fazendo a distribuição no período noturno.

  13. Aqui em casa quem organiza essa parte é meu pai, e o faz de uma maneira que eu acredito ser muito prática: Existe uma prateleira ao lado da tábua de passar, nela ele divide 3 pilhas de roupa (a primeira é dele, a segunda da minha mãe e a terceira é minha). As pilhas são organizadas de forma com que todas as roupas maiores e mais pesadas fiquem embaixo, e as menores e mais leves em cima, todas devidamente dobradinhas! Mesmo sem passar as roupas, não fica aquela coisa feia e horrorosa pra quem passa por lá…

  14. Eu tb não passo roupas. Evito comprar as que precisam ser passadas e tento colocar as mais complicadinhas em cabide para secar. Nem me lembro a última vez que liguei o ferro.

  15. Eu também não gosto de passar roupa. Assim, nada de passar lençóis, toalhas de banho, panos de prato, roupas íntimas. Tiro do varal e já dobro tudo com aquele capricho e guardo no devido lugar. Os lençóis lavados ficam embaixo da pilha e o peso dos outros ‘ajuda’ a dar aquela esticada no tecido. Blusinhas e camisas secam nos cabides e já vão para o armário. Aquelas que tenho que passar ficam separadas de um lado, dentro do armário. Aí faço como a Thaís disse, uma vez por mês, mais ou menos, dependendo da quantidade de roupa que já foi usada, vou lá e vejo o que precisa ser passado.
    O que me ajuda na hora de passar é levar a tábua de roupa para a sala e ligar a TV. Nem que seja para ver o noticiário. Assim, parece que o tempo passa mais rápido e as pernas não dóem tanto 🙂

  16. Passar roupa também não é minha tarefa domestica preferida, mas não consigo usar roupas sem serem passadas. Sem falar que os lençóis e toalhas ficam muito mais macios se passados! Eu tenho um cesto pra guardar as roupas a serem passadas, mas geralmente passo logo depois que tiro do varal. Minha vó me ensinou assim e até acho que facilita Hehe dessa forma quase nunca fica a pilha assustadora de roupas na lavanderia e não precisamos usar roupas “duras”!

  17. Oi, Thais, eu recebo seu post por e-mail mas resolvi hoje vir aqui comentar porque esse assunto é muito importante e para mim é um dos mais cruciais. Aqui sempre tive essa rotina de organizar bem direito a roupa no varal, com sacudidelas, cabides etc. A roupa que se usa por dia vai ficando numa cesta no closet e é lavada 3 vezes na semana e a que sai do varal vai para umas gavetas no armário da área de serviço (pensadas para essa função) tudo dobradinho, esperando a funcionária passar. Contudo, se a situação aperta numa semana, aí se usa tudo sem passar (nunca passamos as toalhas de banho), inclusive os lençóis (de puro algodão, ou seja, amarrotam um pouco) porque eu detesto roupa acumulada, tipo fico nervosa mesma, entende? Amei essa dica do non iron e já passei para a minha filha. Seu blog é show, tem me ajudado muito (já fiz duas grandes mudanças na minha casa depois do seu blog), meu sonho é ser uma pessoa mais organizada e costumo passar adiante alguns dos seus posts. Beijos, um belo 2013, Tereza (Niterói).

  18. Na minha casa não passo roupas há anos!!! Tenho 2 filhos e somos 3 adultos em casa. Comprar roupas de tecidos que não amassam é a dica geral. Acho que todo mundo já faz isso. Estender bem as roupas é a segunda dica mais importante, e isso minha mãe me ensinou e me dá dicas até hoje. Quando estão secas, tiro do varal e coloco algum tempo na secadora. Tiro de lá depois do ciclo frio, que amacia a roupa, e em seguida dobro tudo, ainda morno. As camisetas chegam a ter vincos de tão ‘passadas’ que ficam!! Estender e dobrar bem as roupas é fundamental. Roupas sociais, só de vez em quando, e se necessário, visto que usamos pouco.

    • Gostaria de saber da Renata Carvalho qual a marca da’maquina de lavar e secadora que ela usa. E tambem sobre a roupas irem para secadora depois de secas.
      Uma moça da lavanderia me falou que a roupa que sai da secadora quentinha se colocada no varal ou cabide ou dobrada depois nao precisa passar. Estou querendo saber mais informaçoes sobre o assunto, pois estou querendo investir num equipamento que me livre de passar roupas.
      obrigada.

  19. Bem, sou mais uma do time que detesta passar roupa, foi a única coisa que já paguei para alguém fazer pra mim.
    Mas detesto muito mais ver as roupas pra passar.

    Separo roupas que não passo, como lingeries, meias, cuecas, toalhas, já sai do varal e vai pro armário, cada um em seu lugar.
    Amaciante eu gosto do Downy, ele facilita demais pra passar as roupas, mas uso o Confort também, porque nem sempre encontro o Downy no mercado que compro.
    Pendurar as roupas bem esticadinhas (como a maioria comentou) e secar a sombra também facilita.

    Deixo livre uma prateleira do guarda roupa que fica no escritório e uso pra colocar as roupas pra passar. Quando a prateleira enche é hora de passar as roupas.
    Faço isso como um limite, a prateleira enche a cada 10 dias mais ou menos.

    Não gosto de passar roupa na hora de usar, porque tem que montar tábua, esquentar ferro, depois guardar tudo… acho isso perda de tempo.

  20. Olá meninas, eu detestava passar roupas mas descobri uma forma que eu passo e nem sinto. Lavo as roupas durante a semana e quando chega o domingo tiro a tarde para ver filmes, coisa que não consigo fazer durante a semana com a correria do dia-dia. Assim, eu coloco a mesa de passar na frente da televisão e com o ar condicionado geladinho vou passando roupa. Alugo os filmes ou vou vendo pela tv fechada e a família toda ainda vê comigo. Faço de um momento que seria ruim um momento prazeroso. É a aplicação daquele velho ditado: QUANDO A VIDA TE DÁ UM LIMÃO FAÇA DELE UMA LIMONADA (Seria melhor uma caipirinha, né? hehehe…) Bjos!!!

  21. Nossa…essa semana tinha uma pilha imensa e assustadora de roupas acumuladas para passar e consegui diminuir muito…amanhã termino e zero as roupas.
    Também não passo toalhas nem roupas de cama, algumas peças de roupa de malha também não são passadas.Sempre tive ajudantes que passavam as roupas, mas como temporariamente não estou trabalhando fora de casa, decide ficar apenas com uma diarista, uma vez por semana.Então, não dá tempo das roupas serem passadas por ela. Dessa forma aprendi a passar roupas bem direitinho, principalmente as camisas sociais do meu marido e do meu filho, Lavo e penduro no cabide, na hora de passar (de preferência vendo tv) borrifo água em toda a peça e passo usando um ferro a vapor…sabe que até estou gostando dessa tarefa?

  22. Vixe, minha pilha de depressão tá gigante Thais!!! Resultado da Mel estar de férias da escolinha e eu sem ajuda nenhuma, zero. Quero ver se hoje dou cabo naquilo lá #socorro

  23. Vixe, minha pilha de depressão tá gigante Thais!!! Resultado da Mel estar de férias da escolinha e eu sem ajuda nenhuma, zero. Quero ver se hoje dou cabo naquilo lá #socorro 🙂

  24. Aprendi a não passar roupas com a crise de energia de anos atras. Tenho duas dicas a compartilhar: não deixe a roupa lavada descansar dentro da maquina, assim que concluir a lavagem pendure-a, de preferencia sacudindo-a para esticar bem, se precisar por pregadores, procure po-los sobre as costuras o que disfarça as marcas; a segunda é para jeans, alem de sacudi-los, depois de pendurados dou um tapinhas no sentido das pernas, encorregando bem as mãos pelo tecido. Eles saem do varal “passadinhos” rs. Bj a todas

  25. Ola meninas!!!!

    Como algumas leitoras disseram,colocar as roupas pra secar em cabides ajuda em 30% do trabalho,eu sou de uma geracao que passa ( passava) ate roupa de casa,calcas jeans, pano de prato e toalha de banho,hahahha. Hoje penduro as roupas finas,poucas precisam ser passadas,as camisas do marido gosto de passar umidas,se estao secas ha alguns dias molho todas na maquina de lavar,centifugo,coloco pra secar no cabide,e antes que estejam completamente secas eu passo ( reduz tempo e trabalho em 50%). Acho que em nenhum lugar do mundo se passa tanta roupa como no Brasil,acho desnecessario.Algumas dicas pra nao se deprimir com a quantidade de roupa,nunca acumular roupa mais de uma semana,se for preciso,dobrar em um cesto ( de preferencia bonito com tampa que se acomode bem em algum canto da casa )as roupas que foram secas em cabide,se nao tiver um espaco no armario ,compensa improvisar uma arara,as roupas organizadas,mesmo amassadas nao nos estressam tanto.
    Bjss

  26. Quando eu colocava as roupas todas misturadas e emboladas e em lugar visivel eu me estressava,depois que comprei um belo cesto de vime branco nao vejo mais a roupa pra passar,mas tambem nao deixo acumular muito,tenho levado muito a serio s a dica da Thais,que cada coisa deve ter seu lugar ,e quanto mais simpatico for o lugar,mas agradavel ficara o clima da dona de casa,hahaha
    bjs

  27. Ola Thais,
    Eu sou muito amiga e adepta de tudo o que possa facilitar a nossa vida, em todos os sentidos. Meu marido usa camisa social diariamente p/ trabalhar, todas de manga longa e essas eu mando p/ a lavanderia sem a menor culpa. Faça pesquisa, você vai descobrir que pode valer muito a pena. Muitas lavanderias oferecem desconto se você levar mais de três peças de cada vez e se devolver os cabides. Achei até uma que cobra R$3,00 a peça só p/ passar, ou seja, você pode lavar as camisas lavadas de casa só p/ passar (mas calculando o gasto de tempo, sabão e energia elétrica – vale bem mais à pena levar p/ lavar e passar). Quanto às demais peças, eu procuro manter uma rotina mais ou menos disciplinada e que tem dado bastante resultado. Trabalho fora o dia todo e temos uma pessoa que vem em casa uma vez por semana dar aquela faxina maior na casa e passar a roupa, que eu deixo lavada e organizada, que é p/ ela poder dar conta de tudo em um único dia. Eu costumo me programar p/ lavar as roupas todas em um único dia. Minha ajudante vem na quarta-feira, então eu lavo na terça – assim a roupa por passar não fica exposta durante a semana toda (é um bom truque) e a gente não precisa ficar olhando para a “pilha da depressão” o tempo todo. Outro truque p/ não ser pega desprevenida, sem roupa passada ou lavada, é investir em uma quantidade maior de peças que são básicas na sua casa – meias de algodão, roupa íntima, camisetas de uniforme escolar, até pano de prato entra na dança. Como eu só lavo roupa uma vez por semana, se alguma peça perdeu o dia da lavação, vai ficar para a semana seguinte e com peças extras, nunca preciso ir p/ o tanque p/ “apagar incêndios” domésticos. Como disse, sou fã de tudo o que nos facilita a vida, então eu exploro mesmo os recursos dos eletrodomésticos, por isso eu deixo roupa lavando à noite, enquanto vou p/ o trabalho, enquanto vou p/ academia, etc . Tiro um dia só p/ lavar as roupas de vestir. Separo roupa branca, roupa colorida e roupa escura e faço três “maquinadas”. Mudamos recentemente para um sobrado muito pequeno, quase sem espaço p/ varal e com poucas horas de sol. Por isso investimos em uma secadora de roupas com capacidade p/ 10 Kg de roupa, com consumo de energia classe “A” – Santa Ajuda viu!! Roupa branca e roupa colorida (das que não soltam cor) podem ser colocadas p/ secar todas juntas – assim a gente otimiza a carga e o planeta agradece. O truque aqui e tirar a roupa da secadora logo que ela se desliga automaticamente, enquanto estão quentinhas ainda. Peças como moletons podem ser dobradas e ir para o armário diretamente. O restante eu dobro ao meio, p/ ter o mínimo possível de vincos, e vou agrupando no assento de uma cadeira –, calças jeans e de brim, camisetas de algodão, camisetas de gola polo, mix de algodão com tecido sintético, tecido delicado, etc. Já deixo organizado da maneira que precisa ser passado – ou que precisa ser passado do avesso, vai para a cadeira do avesso e vice-versa – como alguém aí em cima já falou, isso também otimiza o tempo, já que você só vai mexer na temperatura do ferro de passar a medida que os grupos vão se alternando – nesse sistema, minha ajudante gasta entre 60 e 90 minutos p/ dar conta da roupa da semana de três adultos – sou do time que gosta de uma roupa limpinha, cheirosinha e passadinha … não tem tem jeito, eu não conseguiria aposentar o ferro de passar aqui em casa … então nossa contribuição com o planeta está em utilizá-lo da forma mais otimizada possível, ou seja, liga-lo somente uma vez na semana, por não mais do que duas horas e só passar o que é estritamente necessário (no nosso caso, as roupas de vestir, salientando que não passamos lençóis, toalhas, panos de prato, pijamas, meias de algodão, etc.).

  28. oi! nossa, amo o Blog! tenho lido todos os dias, agora, para não “acumular”… rs
    sobre a roupa, engraçado que faço exatamente o que vc faz, com exceção de que não consigo passar roupa uma vez na semana… bom, meu marido costuma passar as roupas dele, e eu como estou em casa, de licença maternidade, não tenho sujado tanta roupa assim. De qquer forma qdo estou trabalhando também gosto daquelas roupas que não amassam ou que são fáceis de passar. Agora que tenho uma secadora, algumas eu coloco lá pra secar de propósito, pois certos tecidos saem de lá pronto para o uso.
    As roupinhas do meu bebê tb eu só passo aquelas que preciso. senão, é da secadora pro corpinho dele. E para guardar, eu vou tirando do varal e dobrando já. Na hora de estender eu já faço “camiseta com camiseta” e “calças com calças” assim otimizo meu espaço nos varais e qdo vou recolher, já dobro na sequencia certa Ponho tudo num espaço do guarda-roupas, separando as minhas e as do meu marido, assim qdo vamos pegar, já sabemos a pilha de cada. e normalmente passo as roupas no domingo no final da tarde, pq tv no domingo é deprimente… rsrsrs assim faço algo mais útil!

  29. Olá Thais,

    Nossa, você respondeu rápido. Quero agradecer sua atenção e a atenção das leitores de seu blog, deu para sentir um alivio, pois todas sofrem do mesmo problema, mas ao mesmo tempo sua foto traduz exatamente como me sinto muitas vezes. Vou aplicar as dicas de muitas comentários que li. Mais uma vez agradeço a você a a todos(as) que escreveram

  30. Eu passo uma vez por semana e opto por alturas em que estou sozinha em casa para poder ligar o portátil e escolher programas de Tv ou rádio que passaram mas que não tive tempo de ver. Quando dou por mim já está!

  31. Oi, Thaís.

    Este é o meu jeitinho de cuidar da roupa, embora muitas outras façam parecido.
    Tenho muito carinho com as peças, nada fica amassado ou jogado de qualquer maneira. E, mesmo assim, cuido de tudo com tranquilidade e rapidez.

    1- Todas as blusas e camisas são penduradas no varal em cabides.
    2- Bermudas são perduradas na verrtical (como usamos mesmo) com prendedores pela cintura.
    3- Calças são penduradas de ponta cabeça por prendedores na altura da bainha.

    A retirar do varal, as peças que estão em cabides passam para um varão suspenso que tenho no quarto dos fundos (antes usava uma arara comum). As calças vão para cabides na mesma posição em que são guardadas, assim como as bermudas. Na hora de passar é “piece of cake”.
    Todas as peças que não precisam ser passadas, roupas em geral, intimas e meias saem do varal e vão direto para os respectivos armários.
    Parei de passar as toalhas, então saem do varal onde são penduradas por prendedores no comprimento (ou seja, secam esticadinhas) e são imediatamente dobradas e guardadas.
    Roupas de cama são dobradas ao meio (pois nao cabem abertas no varal) e, quando secas, dobro com o capricho usual, colocando-as num cesto. Na hora de passar só precisam de um trato rápido.

    Sem sofrimento. Só praticidade.
    Grande abraço.

  32. Minha mãe tem a seguinte tecnica: ela tira a roupa do varal e dobra todas, assim a roupa fica empilhada evitando esse monte que causa depressão. Alem disso, quando voce deixa a roupa dobrada ela fica mais facil de passar.

  33. Eu já tive épocas de deixar a roupa acumulando até criar coragem para encarar. Hoje em dia tenho dois gavetões na minha lavanderia, um de roupas para lavar e outro para passar. Vou lavando durante a semana e colocando as roupas secas na gaveta. Tiro um dia da semana e passo tudo o que estiver lá.
    Como faço isso toda semana, a “montanha” diminuiu muito! 🙂

  34. Eu deixo a roupa acumular por uma questao de poupar energia, pois se ligar o ferro apenas uma vez, ele so gasta a aquecer uma vez, entao deixo acumular 3 a 4 maquinas e depois passo tudo. Se ao apanhar a roupa tiver tempo, viro logo a que se passa do lado direito, no caso de estar a apanha-la a preça, na hora de passar essa é a tarefa do meu namorado, enquanto eu passo, ele vira para o lado certo . uma forma de ela nao engelhar por estar na sesta a espera de ser passada muito tempo, é colocar as peças mais pesadas por baixo e as mais leves por cima, assim como nao a colocar na cesta engelhada, ou estica-la ou dobrala em dois. desta forma nao apanha outras formas desnecessarias.

  35. O que funciona em casa é: Lavo terça e Sábado e passo Segunda e quarta. é rápido pois não acumula muito.

  36. Gostaria de saber sua opinião sobre ter uma lavadora e secadora de roupas. Uma amiga disse que depois que comprou a secadora, nunca mais passou roupas, porque as peças saem esticadinhas e prontas para dobrar e guardar. Será verdade?

  37. Tenho uma técnica para passar – separo todas as camisetas e coloco abertas sobre a cama – uma sobre as outras. Dou aquela arrumadinha antes de ligar o ferro. Faço isto separando cada tipo de peça – todas as camisetas, todas as calças, todas as camisas, etc. Quando começo a passar vou colocando do outro lado, sem dobrar, uma sobre as outras. Quando acabo de passar todas as peças, desligo o ferro e dobro todas do mesmo tamanho. Você ganha muito tempo trabalhando como uma linha de produção.

  38. eu adoro passar roupas, é quase terapia, minha mãe lava e eu passo, separamos pra não pesar pra ninguém, pra me ajudar ela deixa tudo dobrado numa bacia, tira do varal, coloca do lado “direito” e dobra bem arrumadinho pra não amassar mais, o que não precisa ser passado ela já separa em pilhas por “donos” e cada um guarda a sua, separo os domingos pela manhã, levanto, tomo café e já vou pro ferro, depois fico com o dia livre e se estiver calor não sofro tanto!!!

  39. Tirar um dia só para isso ajuda, assim vc já vai se acostumando com a idéia.
    Acho que a sexta feira é o melhor dia, porque vc lembra que amanhã é sábado e vou poder
    dormir e descansar e as roupas vão estar todas arrumadas para o fim de semana e a semana que vai começar. É como ir no dentista tem que ir e pronto é um mal necessário.
    Josi

  40. Acho que este é o post mais completo sobre o assunto (que já li ) e olhe que já pesquisei muito acerca do assunto” passar ou não passar- eis a questão”.
    Agora, gostaria de um post sobre como organizar roupas que vamos usar mais uma vez e não seria necessário lavar, só acho que guardar junto com a roupa limpa no armário, não dá.O que fazer, dúvida cruel…..
    Adorei as milhares de dica, vou testar, acho, quase todas (rs…rs…)

    • Pra mim é simples:

      Se está suja, lave.
      Se está limpa, guarde. 🙂

      Usada ou não.

      Obrigada por comentar.

Deixar uma resposta

Por favor, insira seu comentário
Por favor, insira seu nome aqui