Categoria(s) do post: Casa, Roupas, Áreas da Vida

Eu já escrevi um post sobre como nós organizamos a nossa rotina de lavagem de roupa e ele gerou uma polêmica porque eu disse que lavamos roupas todos os dias. Nós modificamos um pouco a coisa toda e hoje em dia está assim:

segunda: roupas escuras e pesadas (jeans, camisetas pretas etc) – se forem poucas, juntamos as coloridas
terça:  roupas do filhote
quarta: roupas claras
quinta:  roupas coloridas (se não lavamos junto na segunda)
sexta: roupas de cama
sábado: roupas de banho (toalhas no geral)
domingo: roupas delicadas ou panos de limpeza

Nossa máquina tem um ciclo chamado “extra-baixo” que é o equivalente a uma bacia de água. Usamos muitas vezes para lavar panos de prato, por exemplo, ou panos de limpeza. Esses são os únicos que dão um pouco mais de trabalho porque deixo de molho um dia antes.

Nos últimos meses, eu simplifiquei algumas coisas por aqui e gostaria de passar essas dicas para vocês:

1. É ok misturar roupas

Eu tinha muita, muita roupa vermelha (não sei de onde veio essa fixação), mas doei a maioria delas e, não sei se por ter enjoado ou não, uso menos as que eu tenho. Logo, eu costumo lavá-las junto com a roupa escura agora, ou no máximo com as coloridas. Não tenho mais um dia de lavagem somente para elas. Meu marido, quando quer lavar a roupa dele porque vai viajar, por exemplo, junta todo tipo de roupa ao mesmo tempo na máquina (jeans, camiseta, meia, cueca) e sai tudo ileso. Eu já fiz isso com as minhas em situações emergenciais e nunca aconteceu nada. O que eu quero dizer é que, se você não tem disposição para lavar a roupa mais de uma vez por semana, não se preocupe. Vai dar tudo certo.

2. Centralize a roupa suja em um único cesto

Nossos banheiros são pequenos e não há espaço para colocar um cesto. Como somos disciplinados quanto a isso, nada de problemas, mas eu recomendo fortemente que quem tem pessoas bagunceiras em casa tenha um cesto nos banheiros para evitar o estresse. No entanto, se todos colaborarem, a melhor coisa é ter um único cesto na área de serviço. Eu tomo banho e já levo minha roupa para lá. Virou um hábito. Acho que dessa forma é mais fácil do que seria se nós tivéssemos mais dois cestos espalhados pela casa.

3. Todo mundo tem que colaborar

Exatamente o que eu comentei no item anterior: todo mundo colabora para o cesto da lavanderia ser o lugar para colocar a roupa suja. Ficar recolhendo roupa dos outros pelo chão é muito chato. Porém, vou fazer uma pequena confissão aqui: particularmente, prefiro passar pelos banheiros uma vez por noite e pegar o que estiver espalhado que ficar recolhendo roupa dentro de cesto. Acho mais rápido!

4. Lave um pouco todos os dias

Quando eu morava com a minha avó, ela costumava lavar a roupa somente uma vez por semana, aos sábados. O problema disso é que você precisa ter um bom estoque de roupas que lhe permitam ficar sem suas peças durante todo esse tempo em que ficaram sujas esperando a lavagem. Particularmente, prefiro lavar um pouco todos os dias e ir aliviando a tarefa. Qualquer tarefa que você acabe acumulando vira uma coisa estafante.

5. Use mais cada peça de roupa

Em vez de usar uma vez e colocar para lavar, examine se realmente precisa fazer isso. Geralmente eu uso camisetas e blusas somente uma vez, mas calças e saias podem ser usadas outras vezes, por exemplo. Roupas de frio devem ser lavadas com uma frequência menor ainda, especialmente para conservar as peças por mais tempo. Avalie.

Espero que você consiga simplificar a sua rotina de lavanderia com as dicas acima.

Você tem alguma dica especial para facilitar o dia-a-dia quando se trata de lavagem de roupas? Compartilhe nos comentários!