Categoria(s) do post: Casa
Imagem: Desire To Inspire

Olha só como dá pra fazer muito com tão pouco – bastam um lavabo minúsculo e luzinhas de Natal. Espaço nunca foi sinônimo de beleza. Daqui.

Meu nome é Thais Godinho e eu estou aqui para te inspirar a ter uma rotina mais tranquila através da organização pessoal.

Categoria(s) do post: Diário da Thais, Mudanças

Nós definimos finalmente uma data para a mudança (será em dezembro), e ela permanece a mesma – a não ser que a gente não encontre um apartamento até lá. Como, em um intervalo de dois meses, eu já achei uns cinco apartamentos “perfeitos”, não tenho tanto medo dessa possibilidade.

O bom é que temos uma maravilhoso feriado no meio de novembro para encaixotar mais coisas! Minha dúvida é: continuo comprando o que falta ou deixo para comprar quando nos mudarmos? A resposta por enquanto é comprar itens menores e deixar as coisas grandes para quando fizer a mudança mesmo.

Etiquetas de identificação

Veja mais sobre as etiquetas de identificação aqui.

Outra coisa que também decidimos foi a empresa que faremos a mudança. Foi indicação da minha mãe, o que nos deixa mais tranquilos e, aparentemente, eles não são careiros. Parecem bons também porque dão caixas e rolos de plástico-bolha, se precisar. Enfim, apenas não oficializamos porque precisamos fazer a lista do nosso inventário, que basicamente se resume a uma lista com todas as coisas que pretendemos levar na mudança. Eu sei que já deveria ter feito e vou terminar até o feriado do dia 12.

Faltam pouco mais de dois meses para a mudança e eu acho que o prazo é até grande demais. Com organização, dá pra fazer tudo em pouco mais de um mês. É que vocês sabem…

Programação (até o momento)

Outubro – encaixotar coisas / olhar imóveis nos bairros / contatar imobiliárias
Novembro – terminar de encaixotar a maioria das coisas / alugar o apartamento
Dezembro –  encomendar compras / limpar o apartamento / mudar

Não vejo a hora de definir o apartamento, porque isso abre um leque de possibilidades! Dá pra saber se vamos precisar pintar ou não, colocar grades nas janelas ou não, pesquisar o que tem ao redor, tirar cópia das chaves, encomendar eletrodomésticos e móveis etc. É muita coisa.