10 Jul 2011

Linkagem de domingo {9}

  • Um escritoriozinho fofo para servir como inspiração se você tiver pouco espaço.
  • Ultimamente eu estou morrendo de vontade de ter um edredon branco, bem amassado, em casa. Vi diversas imagens essa semana e esses quartos aqui são algumas delas. Vou aproveitar o frio como desculpa para providenciar um nos próximos dias.
  • Li um artigo sobre o ego na publicidade e, apesar de não ser diretamente relacionado ao tema do blog, quis postar aqui. O ponto mais importante do texto é sobre como podemos ser arrogantes ao pensar que a opinião de uma pessoa menos qualificada pode valer menos que a nossa, sendo que cada pessoa pode acrescentar muito pelo simples fato de ter um ponto de vista diferente. Vale a leitura, sendo publicitário ou não!
  • E que tal decorar a parede com bandanas? Taí uma ideia simples, barata e que dá um efeito lindo.
  • Um post inteiro lindo cheio de ideias de decoração com papel-contact. Veja só como dá para fazer muito sendo apenas criativo(a).

Boa semana para você!

09 Jul 2011

Comida confortável e fácil para o frio

No inverno, nosso corpo pede mais energia e a alimentação é fundamental para nos manter bem, aquecidos e motivados. Veja algumas receitas de comida “confortável” para se sentir bem durante o frio.

Se você quiser testar uma receita nova, a lista acima pode te ajudar durante todo o inverno.

E você, tem uma comida confortável para o frio? Qual é?

08 Jul 2011

Seja uma mãe organizada agora!

{Imagem: Getty Images}

Desde o meu post sobre o Seminário Crescer e as mães sem tempo, além de todo o contato que tenho com mães através do Portal da Maternidade, eu vi a necessidade que algumas mulheres enfrentam no dia-a-dia para se organizar. Eu já dava alguns pitacos antes de engravidar, mas só vivenciando a mesma realidade para entender e falar com certo respaldo. Por isso, eu sei como a situação é sempre potencialmente caótica se deixarmos um dia sem “fazermos o que precisa ser feito”.

Sim, eu passei a pegar mais leve com a organização depois que me tornei mãe, mas não dá para deixar de ser organizada, pois a rotina pede isso. Então eu elaborei este post para você, mãe, que precisa muito se organizar e simplesmente não sabe por onde começar. Eu sei que essas dicas funcionam porque eu as aplico em minha vida já como um hábito. E, se são um hábito para mim, podem ser para você também. Basta ter força de vontade, diminuir a preocupação com a perfeição e estar sempre em movimento – mas isso eu sei que você já está, querendo ou não.

Vamos às dicas:

Pare de dizer que não tem tempo

Ninguém tem tempo. O dia tem 24h para todo mundo. Dizer que não tem só faz suas amigas revirarem os olhos a cada atualização de status no seu Facebook (só que elas nunca lhe dirão). Ser uma pessoa organizada significa arranjar tempo, pois sabe quais são suas prioridades e instaura processos que facilitam o dia-a-dia, gerando o tempo necessário para fazer o que precisa ser feito. Logo, se você diz que não tem tempo, na verdade está dizendo que não sabe priorizar suas atividades e não tem o menor controle sobre a sua vida. Se é a imagem que deseja passar, ao menos que seja com consciência.

Tenha uma agenda

Comece com o básico. Tenho certeza que você tem uma série de compromissos martelando na sua cabeça (“não posso esquecer disso ou daquilo”), porque todas nós temos. Passe para a agenda. A diferença entre ter ou não uma agenda é que a agenda é uma ferramenta que você pode confiar mais do que a sua cabeça. Anote lá e pare de se preocupar com o medo de esquecer. Não é possível que você consiga se lembrar das reuniões escolares de todos os filhos, das consultas médicas, das provas, das vacinas, dos aniversários de coleguinhas de escola, do telefone do pediatra. Se você consegue, não é motivo de parabéns, mas de preocupação – esvazie sua mente e seja uma pessoa mais tranquila! Ninguém merece ter todos esses dados decorados na cabeça. Muita informação para pouca necessidade. Use uma agenda.

Troque de roupa

Se você trabalha fora, já faz isso por obrigação, mas e aos finais de semana? Vista-se no momento em que acordar para dizer a si mesma que já está pronta para outra. Pode perceber que, quando você fica de pijama o dia inteiro, o pique nunca vem ou demora horas até chegar. Não postergue! Confie em mim e vista-se assim que acordar, especialmente se você trabalha em casa ou está de folga aos finais de semana. Você já deve ter percebido isso, mas mãe não tem folga. Deixe o pijama para a hora de dormir! Esse simples passo faz uma grande diferença na hora de começar o dia.

Crie uma rotina

Você pode me dizer que odeia rotinas e gosta de fazer cada dia de um jeito diferente. O nome disso é desculpite. Ter uma rotina não significa ser rígida com os horários nem transformar sua casa em um quartel general, mas ter ações previsíveis para o que é realmente rotineiro: fazer almoço, janta, lanche, dar banho nas crianças, colocá-las para dormir, levar e buscar na escola. Se você não tiver uma rotina, será sempre caótico mesmo. Talvez seja mais fácil se você tem somente um filho, mas com mais de um criar uma rotina é questão de sobrevivência.

Ter uma rotina é saudável também para as crianças, pois elas se sentem seguras, sabendo o que virá a seguir. Aqui em casa, por exemplo, meu filho sabe que, depois do banho, é hora de tomar o leitinho e dormir. Quando eu estou vestindo seu pijama, ele já está bocejando. Imagine se eu o tirasse do quarto e o levasse a uma festa? Ele ia ficar irritado e confuso, com razão. As crianças ficam mais tranquilas com uma rotina e vocês, pais, também. Você pode se planejar melhor e fazer algumas coisas no piloto automático.

Defina um menu semanal

Você pode definir que todo domingo criará um menu semanal com o que tem na despensa. Basta fazer uma lista com os pratos preferidos da sua família e distribuí-los ao longo da semana. Você não precisará prepará-los com antecedência (Deus me livre) – apenas garantirá que não chegará na terça-feira à noite, cheia de coisas importantes para pensar, tendoque perder tempo definindo o que irá fazer, procurando ingredientes, se estressando à toa. Você não perderá tempo nem deixará de ter um jantar saudável por causa da pressa e da desorganização.

Conheça o método FLY Lady

A ideia do menu é uma das ideias. Existe um método americano chamado FLY Lady que tem rotinas, dicas diárias, listas detalhadas de limpeza etc. Eu o utilizo há anos em uma escala mais low profile, mas funciona super bem para mim e para todas as outras mães que o utilizam. O site e as dicas estão em inglês, mas eu posto bastante no blog sobre o método, além das dicas no Twitter. Talvez seja uma boa para você.

Faça uma lista diária de tarefas

Eu também sempre recomendo às mães que façam uma lista diária de tarefas absolutamente necessárias, com aquilo que, se você não fizer, a casa cai: lavar a louça, arrumar a cama, esvaziar as lixeiras, recolher a roupa suja, guardar o que está fora do lugar etc. Cada casa tem suas necessidades. Não é para colocar “lavar a garagem” pois não é algo que você precisa fazer todos os dias. Coloque somente o necessário. Ao longo do dia, vá fazendo um pouquinho aqui e um pouquinho ali, para chegar ao final do dia com a lista inteira riscada. Eu garanto que dá certo porque faço assim aqui em casa. E lembre-se de que você não precisa (nem deve) fazer tudo sozinha.

Fuja da ideia da perfeição

Muitas mães não conseguem se organizar justamente porque têm um ideal de perfeição inatingível, do tipo: “se eu não vou limpar a casa inteira, não vou limpar só o banheiro” ou “para que eu vou arrumar a cama se todo o resto está uma bagunça?”. Bem, é por isso que a situação está como está. Você precisa entender que a sua casa (e a sua vida) não ficou bagunçada da noite para o dia, nem ficará arrumada nesse período de tempo. Você precisa ir aos poucos. Arrumar a sua gaveta de meias hoje pode não parecer ter significado se o armário inteiro está um caos, mas é melhor isso do que não fazer absolutamente nada. Hoje, você arruma uma gaveta. Amanhã, tira as roupas que não usa mais, e assim por diante. O que faz diferença é não se acomodar e cada dia fazer um pouquinho.

Livre-se da tralha

Não dá para organizar o que é tralha. Você precisa ter em sua casa somente o que ama e tem utilidade. Mas, mais uma vez, vá aos pouquinhos. Pegue 15 minutos hoje e jogue fora embalagens vazias, recibos que não valem mais, folhetos vencidos de supermercados etc. Você pode jogar fora, doar ou reciclar o que tem em casa. Que tal doar aquelas roupas que você, seu marido e seus filhos não usam mais? Elas podem ser úteis para outras pessoas e liberarão espaço na sua casa. Se você olha para o canto da sala, vê aquela pilha de revistas velhas e solta um suspiro, está na hora de fazer alguma coisa a respeito. Mas não de uma vez – sua casa não ficou cheia de tralha da noite para o dia e não ficará destralhada de um dia para o outro. A mesma filosofia. Pegue 15 minutos por dia para cuidar disso.

Tenha um tempo para você

Eu sei que ser mãe é um trabalho de 24h por dia, sete dias por semana. Mas, se você não arranjar esse tempo, ninguém arranjará para você. Pegue uma noite da semana para ir ao cinema, sair com as suas amigas, ir a uma livraria que gosta, fazer um curso ou simplesmente tomar um banho mais demorado, com direito a todos os cremes do mundo. Depende bastante da rotina da sua casa e das necessidades de todos, mas você precisa encarar a si mesma como prioridade tão quanto encara seus filhos e seu trabalho.

Pelo menos uma vez por dia, tenha o seu momento, não importa o que você escolha fazer com ele. Se você e o seu marido trabalham fora, vocês podem fazer uma espécie de rodízio – se você sai uma vez por semana, ele também pode sair e fazer o que quiser. É importante e faz diferença. Você volta com a cabeça arejada.

Aproveite o vínculo com outras mães

Quantas mães você conhece pela internet? E quantas mães você conhece pessoalmente? Aproveite as idas ao supermercado ou ao parquinho para fazer amizades. Sabe o motivo? É fundamental saber que não está sozinha. É difícil e trabalhoso para todas as mães. Todas sentem culpa, tristeza, alegria, satisfação, frustração. Conversar faz bem. Fazer isso ocasionalmente (em vez de nunca) te dará uma dimensão melhor de tudo e fará você mudar suas perspectivas, dar boas risadas e viver bem. O que isso tem a ver com organização? Se você estiver desequilibrada, o máximo que conseguirá organizar é o seu calendário de consultas médicas. Cuide-se.

Preste atenção nos seus filhos

Pode parecer uma dica absurda, mas a verdade é que, na correria do dia-a-dia, podemos nos esquecer de parar, brincar no chão com as crianças, prestar mais atenção a elas mesmo. Não deixe isso acontecer. Aproveite o tempo que tem para ficar com eles e faça com que esse tempo seja de qualidade. Se estiver dando almoço para o seu bebê, concentre-se nisso. Nada de ficar mexendo a panela de comida ou telefonando para alguém. Concentre-se, faça uma coisa de cada vez, senão não fará nada direito – além de ser uma tremenda falta de consideração.

Tenho certeza que, com essas poucas dicas, você conseguirá se organizar pelo menos um pouquinho, se tiver força de vontade. O resto acaba vindo como consequência. Você pode acompanhar o blog para conferir novas dicas e tentar implementá-las no seu dia-a-dia mas, por experiência própria, eu recomendo que você faça o mínimo, pois nossa vida é trabalhosa. Fazer um pouco já é melhor que não fazer nada. Tenha isso em mente.

Mas eu preciso que você me responda: qual sua maior dificuldade na hora de se organizar? Vamos discutir soluções!

07 Jul 2011

8 maneiras de levantar o moral em tempo frio

{Imagem: Getty Images}

Planejar seus dias frios de modo que a temperatura não interfira no seu rendimento também é ser organizada(o). Veja oito maneiras simples de fazer isso.

1. Tome banho de sol

Exponha-se ao sol antes das 10h e depois das 16h e garanta sua dose diária de vitamina D. Segundo um estudo, tomar banho de sol ajuda inclusive a evitar resfriados.

2. Tenha um horário constante para ir dormir

Quando dormimos sempre no mesmo horário, nosso organismo se acostuma e facilita todos os processos, como a digestão, por exemplo. O ser humano gosta de rotinas. Crie esse hábito no seu relógio biológico.

3. Cuide da alimentação

Nós somos o que comemos. Mantenha uma alimentação saudável mesmo no inverno para não ficar doente, passar mal ou ficar estufado(a).

4. Alongue-se

Nosso corpo é uma máquina. Um mínimo de exercícios físicos diários já ajuda a não enferrujar. Alongue-se quando acordar, durante o dia no trabalho e à noite antes de ir dormir.

5. Tome suplementos vitamínicos

Converse com o seu médico a respeito. Tomar vitaminas suplementares pode ajudar a complementar uma alimentação deficitária.

6. Passe mais tempo ao ar livre

O tempo frio e úmido proporciona a formação de ácaros e bactérias. Respire ar puro.

7. Pesquise mais sobre o uso de ervas

Há diversos chás que você pode fazer para garantir uma boa saúde no dia-a-dia. O inverno é a época perfeita para isso.

8. Não fique sozinha(o)

Procure calor humano. Saia com amigos, o namorado, a família.

05 Jul 2011

Como se organizar com a agenda do Google

Sim, caríssimos: eu estou prestes a me desfazer da tradicional agenda de papel para ficar somente com a do Google, apesar de as duas estarem trabalhando muito bem juntas. O fato é: eu adoro a agenda de papel, pois ela está comigo onde eu estiver e posso escrever nela rápida e facilmente. Mas a grande questão é que a agenda do Google me permite organizar a agenda por categorias e, no decorrer do dia, vou marcando cada tempo que passei em determinada tarefa. Além do que, posso enviar lembretes para compromissos importantes.

Se você tem diversos campos de atuação no dia-a-dia e/ou filhos, veja como a agenda do Google pode te ajudar:

1. Múltiplas agendas

Você pode criar uma agenda para cada membro da família e visualizar todas ao mesmo tempo (ou uma de cada vez). Esse simples fato já mostra o potencial da ferramenta, especialmente se você tem filhos. Só o fato de eu ter uma visão geral do meu dia-a-dia, incluindo os compromissos da família, me dá uma sensação de controle enorme. Pelo menos eu posso me programar melhor e sei o que cada um irá fazer, podendo me planejar.

2. Foco

Você não precisa visualizar todas as agendas simultaneamente – se você quiser ter uma visão geral dos compromissos de trabalho, por exemplo, basta selecionar aquela agenda em questão. Isso pode te ajudar a focar no que precisa ser feito quando estiver envolvida(o) em algum projeto com diversas etapas.

3. Organização por cores

Toda pessoa viciada em organização tem tara por categorias divididas por cores diferentes. Se você não foge a esta regra, a agenda do Google será incrível para você. Eu acho que é o diferencial! Se você for paciente e manter sempre as mesmas cores, aquilo ficará na sua memória e, só de bater o olho, você já saberá o que terá em cada dia.

4. Mobilidade

Você pode acessar a sua agenda do Google do computador, do celular, do iPod (ou iPad), de casa, do trabalho. Está sempre lá, online, dependendo somente da sua conexão com a internet – com a vantagem de não precisar carregar sempre uma agenda com você.

5. Sincronização

Você pode criar uma agenda e compartilhar com algum membro da família e vice-versa. Quando você alterar algum compromisso, a outra pessoa receberá a atualização ao visualizar o evento. Além do que, se você alterar seus compromissos pelo celular, ao acessar do computador as alterações estarão lá. E uma das coisas que eu mais gosto é o fato de ter a minha conta principal do Google associada, pois estou sempre logada utilizando outras ferramentas da marca.

E uma das melhores vantagens da agenda do Google: ela é gratuita e ilimitada! Você pode simplesmente acessar a sua conta e começar a atualizar. Mais algumas dicas para utilizar a ferramenta:

  • Vá em Google Labs e ative alguns recursos adicionais que ainda estão em fase de testes, mas costumam funcionar bem. Um deles que eu utilizo é o de anexar arquivos aos compromissos – super útil quando se trata de alguma reunião para apresentar um projeto. Outro muito interessante é um plugin que permite adicionar convidados a um evento (semelhante ao Outlook), então a pessoa recebe o convite e pode confirmar a presença.
  • Eu crio uma agenda para cada rotina da nossa família (eu, meu marido e meu filho) e uma agenda para cada um de nós (onde anoto os compromissos). Funciona muito bem e consigo planejar meu dia direitinho. No decorrer das horas, vou ajustando de acordo com o que for fazendo, pois assim eu consigo ter o controle de quanto tempo eu fiquei fazendo alguma tarefa, por exemplo.
  • Além das agendas acima, eu tenho uma para eventos (que eu ainda não sei se vou, mas quero me lembrar da existência deles), uma para o editorial (tudo o que trabalho nos meus blogs) e uma com aniversários.

A agenda do Google tem se mostrado uma excelente ferramenta para organizar rotinas e compromissos e tenho certeza que pode te ajudar também.

04 Jul 2011

Será que você está perdendo tempo?

{Imagem: Getty Images}

Você já parou para pensar se essa correria do dia-a-dia realmente está te trazendo algo que valha a pena? Ok, você pode dizer:

“Vou trabalhar duro durante dois anos para poder comprar um carro”
“É uma fase em que infelizmente preciso conciliar estudos com trabalho, mas depois vai melhorar”
“Só preciso correr desse jeito uma vez ou outra, quando as coisas apertam”

Se você tiver uma justificativa plausível para essa correria, então tudo bem. Todos nós passamos por fases assim na vida e precisamos ser fortes para alcançar nosso objetivo.

Agora, se a sua vida sempre foi assim e você não vê o menor estímulo em fazer o que está fazendo, talvez seja a hora de rever suas prioridades.

Campanha por uma vida com significado:

  • Respire! Eu sei que você se esquece de respirar fundo no dia-a-dia porque eu também faço isso. Permita-se alguns momentos do dia para dar um tempo e não pirar. Dê uma volta, saia do escritório, beba uma água, faça uma piadinha na mesa de um colega de trabalho. São pequenas ações que podem parecer bobas, mas fazem grande diferença no nosso humor (e humor é fundamental para encarar a rotina cansativa).
  • Você está satisfeita(o) com a sua vida? O que você gostaria de estar fazendo? E o que poderia ser feito agora? Procurar um novo emprego? Fazer um curso? Montar uma banda? Ir mais ao cinema? Aprender um novo idioma? Bom, projetos todos nós temos, mas precisamos fazê-los acontecer. Encare com seriedade como se fosse um compromisso de trabalho (ou algum compromisso que você costume levar a sério). Se você não fizer isso, nada vai acontecer.
  • Saiba o que deve priorizar. Às vezes equilibramos pratos desnecessários. Mantenha o essencial e aprenda a deixar algumas coisas para depois ou simplesmente aceitar que não dá para abraçar o mundo. Pode ser complicado fazer aquele curso de francês agora, mas daqui a seis meses tudo ficará mais tranquilo e você poderá investir nisso. Mas planeje para realmente fazer! Quando deixamos de fazer algo importante, morremos um pouco por dentro. Você pode fazer tudo, mas não tudo de uma vez. Aqui entra a organização da sua vida.
  • Tenha a certeza de que você não precisa fazer algo que te martirize! A vida é curta para perdermos anos em algo que odiamos. Não se acomode em uma situação desconfortável porque é muito trabalhoso para mudar ou qualquer outra desculpa que você possa ter. Pró-atividade é o diferencial.

Um chacoalhão para a sua segunda-feira. Boa semana para você!

03 Jul 2011

Linkagem de domingo {8}

Boa semana para você!

02 Jul 2011

Dicas de organização para a sala

{Imagem: Getty Images}

Todo cômodo da casa tem certas funções e é nelas que você precisa pensar ao fazer a decoração. De nada adianta ter uma sala clean se ela não é funcional para os moradores, e ser funcional significa atender as necessidades daquele cômodo.

A sala será usada para ver TV? Jantar em família? Jogar vídeo-game? Brincar com brinquedos? Tocar algum instrumento musical? A partir dessas definições, você já tem alguns parâmetros para te ajudar a definir o que deve ter.

  • Se você assiste bastante TV, ela deve ocupar um lugar de destaque na sala, proporcionando uma vista boa de todos os lugares. Para economizar espaço, você pode montá-la na parede. Se você não assiste muito, ela pode ficar guardada dentro de um armário.
  • CDs e DVDs ocupam muito espaço e, se você não tiver uma prateleira adequada para eles, talvez valha a pena se desfazer das caixas de plástico e guardá-los em saquinhos junto com o encarte. Assim, eles caberão em uma gaveta do rack e não ocuparão tanto espaço.
  • Organize os fios com arames, elásticos ou produtos especializados. Não deixe os fios soltos, empoeirando, enrolando e bagunçando tudo. Aproveite para etiquetar cada cabo próximo à tomada, para saber o que está ligado ali.
  • Escolha um lugar para deixar todos os controles remotos. Não importa se será um cestinho na mesa lateral, um daqueles bolsos que se encaixam no braço do sofá ou simplesmente em determinado lugar do rack – o importante é estabelecer um lugar fixo para nunca mais perdê-los.
  • No inverno, é bom deixar sempre uma manta dobrada sobre o encosto do sofá, para que você não tenha que se levantar quando estiver vendo TV e bater aquele friozinho.
  • Sempre é melhor pendurar fotos com molduras nas paredes que deixar as mesas cheias de porta-retratos empoeirando e ocupando espaço.
  • Opte por mesas de centro que podem ser usadas como banco, por exemplo, ou mesas laterais que guardam um pufe embaixo, especialmente se a sua sala for pequena. A mesa de centro também pode ser um baú que proporcionará mais espaço de armazenamento.
  • Coloque as revistas de leitura corrente (como a revista com a programação da TV a cabo) em um cesto perto do sofá.
  • Se tem crianças pequenas, providencie grades para as janelas e/ou a varanda. Também pode valer a pena ter um cesto ou caixa com os brinquedos mais usados.

E você, tem alguma dica para compartilhar?

01 Jul 2011

Checklist de julho

Hoje é o primeiro dia do mês, o que significa que é dia de fazer listinhas! O que você pretende fazer em julho?

1. Defina seus objetivos do mês

Estamos na metade do ano! Veja o que você fez de janeiro até hoje e o que espera finalizar antes do final do ano. Mas seja realista: defina somente o que realmente pretende fazer e o que conseguirá cumprir. Analise seus projetos e defina pequenas metas que podem ser alcançadas.

2. Cheque seus arquivos mensais

Se você utiliza o GTD, deve ter em casa seu arquivo de referência rápida. Cheque os arquivos do mês em questão e distribua nas pastas diárias correspondentes. Você pode fazer algo semelhante com anotações em sua agenda, especialmente com relação às suas contas.

3. Aqueça sua casa

E você mesma(o). Afinal, estamos em época de frio. Veja 8 maneiras de se manter aquecido(a) no inverno. Instale cortinas mais grossas, coloque tapetes pela casa, tome bastante líquidos quentes. Evite sair na friagem para não pegar alguma doença, especialmente algum distúrbio respiratório.

4. Tire o pó com mais frequência

Sempre que puder, varra o chão, tire o pó ds móveis e bata os travesseiros. A umidade do inverno é um prato cheio para os ácaros e as bactérias se proliferarem, além do mofo. Traga de volta o aspirador para a sua vida e não dê chance à sujeira.

5. Organize suas fotografias

Sim, eu sei que em tempos de máquina digital as fotografias são coisa do passado, mas é bastante provável que você tenha fotos antigas guardadas. Aproveite para relembrar e organizá-las de forma adequada. Pode ser que você queira imprimir novas fotos também. Faça isso neste mês.

6. Organize seu armário de medicamentos

Ou a caixa onde você os guarda. Especialmente no inverno, as pessoas ficam doentes com maior frequência. Tenha tudo à mão e organizado para facilitar quando isso acontecer. É sempre bom ter um estoque de anti-térmicos, xaropes e analgésicos para não ter que sair para comprá-los em uma noite fria.

7. Instale no hall um gancho para colocar casacos

Ou defina um lugar perto da entrada para os mesmos. Todos usam blusas de frio – as pessoas que moram com você e as visitas, então é sempre bom ter um lugar certo para colocá-los ao entrar em casa.

8. Monte um arsenal de temperos

A comida fica mais confortável no inverno e nada melhor que ter um estoque especial de temperos para utilizar no dia-a-dia. Verifique o que você já tem e providencie o restante. Se você puder ter em vasinhos ou em seu jardim, melhor ainda.

9. Faça saquinhos de pano para utilidades variadas

Se você tiver uma máquina de costura, melhor ainda, pois são super simples de fazer. Se não tiver, aproveite roupas velhas ou retalhos que tiver em casa e peça para alguma costureira fazer. É sempre bom ter um pequeno estoque para guardar miudezas, além de serem um charme.

10. Faça backup do seu computador

Porque ninguém nunca espera que ele trave, pife, queime a placa-mãe ou outros bugs do tipo. Seja uma pessoa precavida e grave seus arquivos antes que isso aconteça.

O que mais está na sua checklist de julho? Compartilhe nos comentários.

30 Jun 2011

Lista de limpeza detalhada da sala

Um dos métodos de organização utilizados por mim e discutido aqui no blog é o sistema FLY Lady. Nessa semana, estamos na zona 5, a sala de estar, e por isso segue a lista de limpeza detalhada que você deve fazer para ter sua sala limpa. Lembre-se de primeiro destralhar o ambiente.

  • Tire as teias de aranha
  • Limpe as janelas
  • Tire o pó e organize as estantes
  • Tire o pó dos outros móveis
  • Limpe as impressões digitais das paredes
  • Passe o lustra-móveis
  • Verifique a pilha de revistas e jornais para saber se pode jogar algo fora
  • Limpe o telefone
  • Bata as almofadas e deixe-as tomando sol
  • Limpe a lareira (se tiver)
  • Limpe atrás e embaixo dos móveis
  • Lave o tapete

A sala de estar também contempla a varanda e a sala de jogos, se você tiver uma.

Acompanhe ao longo da semana dicas diárias no Twitter para manter sua sala organizada.

Lembre-se: uma coisa de cada vez.