12 Jul 2014

Cuide da sua saúde no inverno

Woman Holding Cup of Water and Lemon --- Image by © Royalty-Free/Corbis

Algumas dicas práticas para manter sua saúde bem cuidada nesta estação:

  • Procure manter a temperatura corporal. Se estiver em casa com pouca roupa, agasalhe-se para sair.
  • Consuma bebidas quentes ao longo do dia para manter o corpo aquecido.
  • Tire o pó da casa com uma frequência maior. Evite ficar em ambientes empoeirados.
  • Evite tomar banhos muito quentes para não ressecar a pele.
  • Tenha sempre uma manteiga de cacau ou hidratante labial na bolsa para ir passando ao longo do dia.
  • Coma frutas cítricas para aumentar o consumo de vitamina C.
  • Beba água morna com limão pela manhã.
  • Faça atividade física, mas reforce o aquecimento antes para evitar lesões.
  • Mantenha em casa seu estoque de remédios para males comuns, como alergias, febres e resfriados.
  • Use filtro solar na pele mesmo no inverno. O sol continua queimando do mesmo jeito.
  • Mantenha o horário de sono mesmo nos dias de folga, para não confundir o ritmo do seu corpo.
  • Redobre os cuidados com hidratação da pele.
  • Beba bastante água ao longo do dia.
  • Consuma refeições que fazem uso do alho.
  • Consulte um dermatologista.
  • Encha uma bacia com água fervente e coloque folhas de eucalipto. O aroma é gostoso e o eucalipto é bom para a respiração.
  • Abuse das sopas e caldos quentes nas refeições.
11 Jul 2014

Hack para agenda: duas cores

Quis compartilhar uma dica rápida com vocês, que tem dado muito certo comigo.

Eu utilizo como agenda a agenda do Google (veja como você também pode usá-la), e há algum tempo venho fazendo testes com cores até chegar em um modelo que atenda bem e seja prático.

O que eu tenho feito então é o seguinte: uso uma cor para os compromissos agendados, que precisam ser naquele horário (exemplos: reuniões, consultas médicas) e outra cor para compromissos com horários flexíveis (exemplos: ir ao mercado, ir ao banco). No meu caso, eu uso a cor turquesa para os compromissos fixos e a cor cinza para os compromissos flexíveis. Fica assim:

agenda-cores

O que eu acho bem interessante é que, só de bater o olho, já sei o que é compromisso com horário marcado e o que eu posso mover, em caso de imprevistos.

Isso me deu muito mais flexibilidade ao fazer minha revisão semanal, pois insiro na agenda apontamentos flexíveis relacionados a projetos. Por exemplo: se vou precisar executar alguma tarefa mais demorada na próxima semana, eu a coloco na agenda com a cor cinza no dia em que provavelmente conseguirei fazer, para me programar. No entanto, se aparecer algum compromisso naquele horário, me sinto à vontade para mover ao longo do dia ou da semana aquele apontamento. Mas, se eu puder deixá-lo ali, eu deixo, pois tenho essa informação clara ao lidar com cores. Se fosse um apontamento em turquesa, eu saberia de imediato que não poderia ser movido.

Para fazer o mesmo na sua agenda, basta passar o mouse em cima do nome da sua agenda, na barra lateral esquerda e, quando a flechinha aparecer, clicar nela e selecionar a cor da agenda. Esta será a cor padrão.

Ao criar um novo compromisso, você pode colocar outra cor nele. Veja na imagem abaixo a página completa que aparece quando a gente clica em “Criar” na homepage da agenda do Google.

cor-compromisso

A primeira cor que aparece, selecionada por padrão, é a cor que você selecionou para a agenda inteira, no passo anterior. Se você desejar mudar a cor desse compromisso específico, pode selecionar outra. No meu caso, eu trabalho somente com duas cores, para não bagunçar muito visualmente, e tem sido eficaz.

Ah, e é uma dica que dá para implementar na agenda de papel também! Os compromissos fixos você escreve com caneta e, os flexíveis, a lápis. ;D

10 Jul 2014

Analisando o fim do semestre: como dar um up nos projetos até o final do ano

080714-projetos-semestre

Essa semana entramos no segundo semestre do ano, no sétimo mês, julho, e é um bom momento para analisar nossos projetos. Segue aqui um pequeno guia de como fazer isso:

1. Analise suas áreas de responsabilidade

Faça um mapa mental de todas as áreas de responsabilidade atuais em sua vida e reflita sobre a importância que você está dando a cada uma delas. Isso dá muito certo para mim, porque só de montar esse mapa mental eu já percebo que tem algumas áreas sendo mais privilegiadas que outras. Escreva suas reflexões para decidir o que fazer com elas mais tarde.

2. Organize sua agenda atual

Como está sua agenda hoje? Ela reflete bem o que você precisa fazer ao longo da semana? É importante ter seus compromissos em ordem para saber quanto tempo você tem disponível para investir em outras frentes.

3. Simplifique seus projetos

Faça uma análise básica dos seus projetos atuais em andamento, tanto pessoais quanto profissionais. Eu utilizo o método GTD para me organizar e, nele, projeto é tudo o que tem começo, meio e fim e, para ser completado, precisa de tarefas desmembradas a serem executadas. Logo, se uma tarefa tem mais de um passo para ser concluída, ela na verdade é um projeto. Atualmente, tenho cerca de 60 projetos em andamento, mas preciso simplificar alguns ou terminar uns antes de partir para outros. É importante fazer essa análise para saber que projetos você pode simplificar pois, muitas vezes, você não conseguiu dar andamento em alguns deles justamente porque as etapas estão muito complicadas.

4. Analise seus objetivos de curto prazo

Objetivos de curto prazo são aqueles que você pretende alcançar de hoje a dois anos. Não costumo trabalhar com “resoluções de ano novo” porque o período de dois anos parece mais realista quando falamos de objetivos de curto prazo. O que a gente quer alcançar nesse período deve desmembrar projetos que podemos começar a trabalhar agora ou daqui a algum tempo (em breve). Analise seus objetivos de curto prazo, então, e verifique se seus projetos atuais refletem o que você pretende.

5. Dê uma olhada nos seus objetivos de médio e longo prazo

Os objetivos de curto prazo são aqueles que estão na nossa mira atual, mas há os objetivos que pretendemos alcançar depois de mais tempo, como 5, 10, 30 anos.  Dê uma olhada neles para ver se ainda fazem sentido e se os seus objetivos de curto-prazo estão coerentes com eles.

E na sequência…

Você pode voltar ao passo inicial e analisar suas áreas de responsabilidade com essa visão do todo. Afinal, com base nos seus objetivos, como deveriam estar sendo trabalhadas as suas áreas de responsabilidade?

Sua agenda está refletindo o que você pretende alcançar? Como você pode utilizar o tempo a seu favor? Que atividades pode eliminar para investir seu tempo de forma diferente?

Seus projetos têm a ver com os objetivos? Está faltando algum projeto? Você está dando importância a um projeto que não deveria tomar tanto tempo da sua vida?

Você identificou novos objetivos que deseja alcançar?

Por fim, celebre o que já foi feito! Essa parte é muito importante, porque é o reconhecimento de tudo o que você vem trabalhando até então. Se for necessário fazer mudanças antes do final do ano, ainda dá tempo. Aproveite!