26 Aug 2013

Simplificando: nossa nova rotina de alimentação em casa

Imagem: Pemaily.com

Imagem: Pemaily.com

Como comentei outro dia com vocês, eu agora tenho mais de um trabalho. Na verdade, além do meu emprego, do meu trabalho com a Call Daniel e do blog, também estou escrevendo meu primeiro livro e vou começar a dar aulas na pós-graduação em setembro (estou na fase de planejamento das aulas). Resumindo, tenho muita coisa para fazer! Por isso, nossa rotina em casa mudou drasticamente em diversos setores, e um deles foi a alimentação.

Não vou dissertar muito nesse post, porque a ideia é mostrar como estamos fazendo atualmente.

Meu marido sempre fez sua própria versão do menu semanal que eu sugiro aqui no blog, e nós entrávamos em um acordo quanto a isso. Eu definia junto com ele os pratos da semana, fazíamos as compras, mas ele cozinhava um dos pratos no dia em que quisesse. Como fazemos compras para uma semana, isso dá certo para a gente.

Atualmente, estamos fazendo da seguinte forma:

Eu faço uma dieta diferente da dele e do nosso filho, então comecei a planejar minha alimentação mais individualmente. Com isso, planejo o menu da semana (para jantar e levar para almoçar no trabalho) e vou deixando pronto no dia a dia. Isso dá certo algumas vezes, mas há finais de semana que não fico em casa (vou viajar, trabalhar ou fazer qualquer outra coisa longe). Quando isso acontece, meu marido cuida das minhas refeições também.

No geral, quando preparo as minhas comidas, faço mais ou menos o seguinte:

  • Defino uma base principal, que geralmente é alguma proteína. Minhas preferidas são: carne moída, frango em cubos, ovos, filé de frango e carne em cubos. Já são cinco opções para a semana inteira.
  • Compro alface já higienizada para facilitar no dia a dia. Compro um pacote por semana.
  • Quando não como alface, como salada de outra coisa, como pepino e tomate.
  • Tento fazer algo diferente, como um molho de queijo, para não ficar sempre no grelhado. Abuso de temperos, ervas e condimentos no geral.

Exemplo de uma refeição: hambúrguer caseiro com recheio de mussarela, salada de alface e tomate e queijo gorgonzola. Outro exemplo: filé de frango grelhado com pedacinhos de bacon e salada de pepino. Alcatra em cubos com berinjela assada. Minhas refeições são sempre nesse estilo. Quando não preciso levar comida no dia seguinte (finais de semana), gosto de fazer omeletes e ovos mexidos.

O que acontece é que meu marido segue isso (ou não). No geral, comemos a mesma base (de proteína, verduras e legumes) e ele adiciona outros complementos, como purê de batata ou macarrão. Arroz e feijão fazemos uma ou duas vezes por semana, e congelamos. Sopa para o filhote, idem. Então, no dia a dia, preparamos o que for fresquinho, como legumes e carnes grelhadas, e as saladas. O trabalho maior, que é o de picar alho, cebola, cozinhar feijão, fica para um único dia. Aí, dessa parte, ele que cuida. Às vezes, quando estou inspirada, preparo alguma coisa diferente no final de semana para ele e para o filhote, mas no geral é ele que cozinha em casa. Ele gosta, eu não tenho tempo – a combinação perfeita.

Então o planejamento do menu semanal continua sendo feito por mim, mas ele gosta de ter a liberdade de fazer outras coisas. Se eu cuidasse da nossa alimentação diária 100%, usaria o menu semanal sempre, sem dúvidas, porque facilita muito. Mas como é ele que cuida da maioria das refeições, deixo a cargo dele.

Por fim, tem facilitado demais:

  • Congelar algumas coisas, mas manter outras fresquinhas no dia a dia;
  • Fazer compras semanalmente (dá para controlar melhor que mensalmente);
  • Planejar as refeições do dia a dia;
  • Comprar algumas coisas prontas (saladas já lavadas, por exemplo);
  • Fazer comida para o almoço e a janta de uma vez;
  • Levar comida de casa para o trabalho;
  • Ter duas pessoas cozinhando em casa!

Também tenho deixado um dia da semana para almoçar com meus colegas de trabalho, para me distrair e socializar com o pessoal. E, em casa, também gostamos de jantar ou almoçar fora uma vez por semana, para passearmos juntos e dar uma folga para o fogão.

Precisamos fazer as coisas da forma mais prática possível porque nossa vida está bem corrida atualmente e eu tenho consciência disso (não estou reclamando). É uma fase de transição, entendo que é passageira, e estamos tentando fazer o melhor possível. O importante é que o nosso filho tenha uma alimentação balanceada e saudável, e nós estejamos bem. Precisamos simplificar bastante o processo porque ninguém merece se estressar no dia a dia por causa de (falta de) comida. Então é isso, e tem funcionado.

20 comentários . Comentar via blog

  1. Miranda

    Thais, primeiramente quero dizer que amooo seu blog, eu o acesso 2 vezes no dia/todo dia…preciso da sua ajuda, vc acha que há economia em fazer compras semanalmente? Eu costumo fazer mensalmente, mas sempre falta as coisas no decorrer do mês. Ainda não me “achei” com as compras para a casa. Poderia me ajudar com dicas? Obrigada. bjssssss

    Responder
    1. Thais Godinho

      Comida eu compro semanalmente. Coisas tipo papel higiênico, produtos de limpeza etc, 1x por mês bastam. depende do produto.

      Responder
  2. lidy

    Seu marido te ajuda bastante né?….acho que isso é muito forte no sucesso da sua rotina bem programada….hehehe

    Estou precisando organizar minha vida tb…queria fazer um cardapio…odeio ter que escolher o que comer…prefiro fazer do que ter que decidir o menu…

    Bjao

    Responder
    1. Thais Godinho

      Não ajuda não, ele faz a maioria das coisas em casa. ;D

      Responder
  3. Bruna

    Oi Thais tudo bem? Acompanhou seu blog desde Janeiro, mas acho que nunca somente aqui.. Quando li que vc vai dar aula pra graduação.. Que legal! Você vai dar aula do que? E em que curso? Beijos a2

    Responder
    1. Thais Godinho

      Oi Bruna, vou dar aula de planejamento de marketing digital para a pós-graduação. Bjo

      Responder
  4. Ah Thais, o que mais quero conseguir implementar na minha rotina é o menu semanal.
    Sempre trabalhei o dia todo e só cozinhava aos fds. Esse ano estou cozinhando todos os dias e ainda estou em adaptação. Não tem sido fácil. Muitas vezes vejo que não tem nada pra fazer, por falta de planejamento. E, como minha filha não gosta de comer direito é uma obrigação minha fazer uma alimentação balanceada para estimular.

    Responder
  5. William Araujo

    Post bom, é post grande!
    Sensacional Thais!!! Adorei hahahaha *-*

    Responder
  6. Nayara

    Thais, uma das coisas que mais admiro em você, e já disse isso aqui, é sua capacidade de se reinventar, reaprumar-se e evoluir, seja para acompanhar a direção dos ventos da vida, seja para dar à vida a direção que você quer… ou até para, simplesmente, tornar-se um ser humano melhor. Quando todos nós estamos achando que sua rotina é perfeita, lá vem você com mais uma boa nova, pra nos mostrar que sempre podemos dançar a melhor dança possível, conforme a melhor música possível! Parabéns a você e a seu companheiro!
    Agora uma dica relacionada ao preparo dos alimentos: lá em casa, temos usado um alho in natura que já vem descascado e picadinho num recipiente (facilita muuuuito!!) é tipo isso aqui: http://www.silvashortifruti.com.br/distribuidora/diversos/alho-picado-in-natura.asp

    Responder
    1. Thais Godinho

      Usamos também! Obrigada. =)

      Responder
  7. Caramba Thaís, chama isso de simples? hehe Eu juro que me embananei todo lendo o texto, kkk, mas brincadeiras a parte creio que nós entendemos melhor de cada assunto quando lidamos rotineiramente com ele, eu por exemplo, passo longe da cozinha, haha! Obrigado pelas dicas, sempre válidas ;)

    Responder
  8. Náthali

    Adorei o post!

    Responder
  9. Daniela

    Oi Thais,
    Adoro o seu blog, estou sempre passando por aqui, lendo os posts atuais e relendo posts antigos. Devo dizer que você a FLY Lady foram muito importantes na minha vida nestes últimos meses – só tenho a agradecer. No ultimo mês fiquei sem diarista, que sempre tive, e resolvi tentar encarar a dupla jornada, aplicando algumas das dicas aqui do seu blog e da FLY Lady também, meu marido achou que eu ia surtar :-), mas não é que está dando certo !!! Minha casa está limpa e organizada, fazemos as refeições em casa todos os dias, temos roupas limpas e passadas e não falta comida na geladeira. E o melhor de tudo, eu não deixei de ir a academia e nem de ir ao salão de beleza ou à manicure e ainda está sobrando um dinheirinho (o que era destinado à diarista) p/ comprar umas roupinhas novas ou ainda p/ dar aquela saidinha no final de semana com o maridão e a filhota. OBRIGADA Thais, vc é um ANJO da organização viu !!!
    Minha dica p/ o menu semanal: quando eu li pela primeira vez o post do menu semanal, eu fui escrevendo o que eu ia preparando p/ as refeições ao longo de 15 dias. Assim eu criei várias opções de comida p/ o dia a dia. Deixei gravado e só vou montando, feito lego, de acordo com o que eu trago do açougue/peixaria e da verdureira toda semana. Também gosto de montar as refeições com base na proteína, daí junto um carboidrato (normalmente arroz integral da minha amada panela elétrica com timer) e uma salada fresca. Gosto de preparar feijão e lentilha em quantidade maior e congelar em porções p/ duas ou três pessoas. Recentemente aprendi a fazer tortas de liquidificador com legumes e carne p/ deixar também congelado em porções p/ uma refeição – fica fantástico ! Vc junta carboidrato, legumes e proteína (atum, frango desfiado ou carne moída) num prato único e só junta uma salada fresca e pronto. Refeição completa, saudável e saborosa rapidinho, rapidinho. Beijos e Boa Sorte com as suas aulas na pós!

    Responder
  10. Há pouco tempo fui morar sozinha com meu filho e durante a semana, por conta do trabalho e escola, acabo comendo na maioria das vezes na casa da minha mãe (almoço)…Eu quero muito me organizar quanto a isso na minha nova casa, ainda não encontrei a fórmula certa… suas dicas nos dão a sensação de que no fim fica tão fácil se organizar e sem muito stress… Dica anotadas e vou tentar por em prática… Excelente post… obrigada!

    Blog Cris – A Dona da Casa

    Responder
  11. Oi Thais, suas dicas são preciosas, eu tb deixo muita coisa congelada, pq com filha pequena não dá pra demorar muito, tenho que cheggar e ja esquentar o que ela vai comer, senão ela ataca uma bolacha…e é o que evito deixando congelado e fazendo uma salada e um grelhado rapido…quem dera um marido que saiba cozinhar..rs sorte a sua.

    abçs

    Responder
  12. giselle

    eu acompanho diariamente seu blog ,tenho aprendido muito,mas gosto dele principalmente porque tem vários assuntos ,tem vida
    não é aquela coisa cansativa,somente uma rotina da sau casa ,mas sim sua ,seu dia a dia
    mas eu fico maravilhada ,como vc consegue ,lidar com seu trabalho e familia
    isso,pra mim ,foi complicado,pois ,infelismente meu filho adoeceu,e as condições de trabalhar na época foi díficl
    acho muito incrivel essas mães que não abriram mão da seu trabalho por causa dos filhos
    mas hoje meu grande desafio,é sair ,é encontrar uma vida profissional ,afinal qui em casa ,quem não para é o esposo
    que tal um assunto desses pra mães que querem ganhar seu dinheiro sem poder se ausentar muito de casa,enfim sugestões,parabéns!!

    Responder
    1. Thais Godinho

      Oi Giselle, sugestão anotada. Obrigada!

      Responder
  13. Vania Lacerda

    Uso um esquema bem parecido: compra semanal de perecíveis, base do cardápio planejada, mas bastante flexibilidade na hora de fazer. Nessas visitas semanais ao supermercado compro o suficiente para 6 dias (sempre tem um dia em que vamos comer fora, ou pedir algo por delivery). A flexibilidade começa na hora de comprar: embora eu tenha uma idéia do cardápio, levo em consideração o que está mais bonito e com melhor preço. E na hora de cozinhar vale a inspiração: com os mesmos ingredientes, posso fazer um prato bem diferente do planejado.
    Mas aqui em casa somos apenas eu e filha adolescente. Não há marido para assumir parte das tarefas…

    Responder
  14. Fernanda

    Que alívio ler esse post depois de ler esse aqui: http://escrevalolaescreva.blogspot.com.br/2013/08/marido-quer-parar-de-trabalhar-para.html . Vocês são uma família linda, parabéns!

    Responder
  15. Alessandra

    opa, então em breve teremos posts sobre como vc está se organizando para as aulas. =)

    Responder

Deixe um comentário