06 Sep 2012

Meu escritório

Quando nos mudamos, eu fiz questão de pagar um pouco a mais para ter um terceiro quarto que eu faria como escritório. Como eu tenho muitas atividades envolvendo computador (o blog, a pós etc) e leituras, além dos meus hobbies de artesanato, queria ter “um cantinho para chamar de meu” onde eu pudesse guardar as minhas coisas e mergulhar na thaisolândia sempre que tivesse oportunidade.

Veja o post anterior sobre o assunto: Evolução do escritório.

Em agosto eu organizei o meu escritório mas, como fiquei mal de saúde, não consegui fazer tudo o que eu queria. Vai ficar para os próximos meses. No momento ele está assim:

Essa é a visão quando entramos pela porta. A cadeira foi raptada da sala de jantar enquanto não compro uma para o escritório. O tapete roxo, que eu queria há tanto tempo, me decepcionou um pouco porque fica soltando franjinhas o tempo inteiro. Não adianta varrer e limpar o chão – sabe pelo de cachorro? Que, para onde você olha, por mais que você limpe, sempre encontra um tufinho? Mais ou menos desse jeito. Ele é de um roxo lindo, mas me arrependi um pouco de tê-lo comprado por causa disso.

Fontes: Escrivaninha, Meu Móvel de Madeira. Tapete, Tok&Stok. Lixeira, Tok&Stok. Abajour, Tok&Stok. Cúpula do abajour, Etna. Relógio, Tok&Stok. Porta bloco de papel, Kalunga. Castiçais, comprados em uma lojinha no centro da cidade. Estante de livros, Evolukit.

Na parede da porta ainda tenho essa baguncinha, pois dentro dessas caixas estão objetos que serão organizados na sala quando comprarmos os móveis que faltam. Vou colocar um gaveteiro no lugar dessas caixas. Ao lado, está o meu pedestal da câmera e a minha maleta de pintura. Na estante, também tenho uma mini-baguncinha com as pastas. Aqueles fichários pretos com etiquetas brancas são os fichários com os meus DVDs e eles irão para a sala também. Guardei as minhas pastas suspensas ali, pois elas migrarão para o gaveteiro assim que eu tiver dinheiro para comprá-lo.

Todo o restante que estava nesse canto foi doado, inclusive a TV.

Fontes: Porta-CDs, Kalunga. Quadro, Etna. Pedestal para câmera, não me lembro (antigo). Maleta para pintura, loja em São Paulo que eu esqueci o nome (também é antiga). Pastas para DVDs, Kalunga.

Nesse outro canto eu tenho uma lixeira para guardar rolos de papel de todos os tipos: contact, presente, celofane, enfim, o que tiver. Na caixa bege da estante eu tenho o meu estoque de papel (que irá para o gaveteiro também). Na caixa preta comprida tenho um estoque de papéis coloridos (também vão para o gaveteiro). Na caixa menor estão as minhas cartas e cartões postais que guardo de lembrança. <3 Os fichários vermelhos são o lugar onde eu guardo as minhas matérias preferidas de revistas.

Fontes: Fichários, Kalunga. Caixa bege grande, Dello. Caixas de poás, compradas em um hipermercado faz tempo.

Desse lado nós temos a estante mais baixa onde eu guardo as revistas embaixo (ainda sem porta-revistas, que providenciarei em breve), pastas que precisam estar à mão e artigos de craft no geral.

Esse é o canto da porta. =)

O objetivo dessa estante é ser uma estante de apoio para quando eu estiver trabalhando na mesa, sendo que, se eu precisar de algo, não preciso me levantar para pegar. No canto esquerdo está um porta-temperos que uso como porta-fitas. Vou pendurá-lo na parede, mas deixei ali por enquanto porque pretendo pintá-lo antes. Também pretendo aumentar meu estoque de fitinhas. O vidro contém artigos de costura no geral. O mural parece estar torto mas são os papéis colados meio tortos que dão essa impressão. Ao lado, colei com fita dupla-face uma prancheta para mudar os desenhos sempre que eu tiver vontade. Abaixo estão a minha caixa de entrada (onde lido com a papelada), um vasinho com pincéis (não estão todos aí, ainda preciso arrumar) e um quadrinho que migra pela casa mas está sempre presente.

As caixas ali embaixo também serão pintadas. Elas servem para guardar artigos de craft, tais como adesivos, stêncils, carimbos, estiletes, furadores, gis pastel, glitter, essas coisas menores.

Já dei uma boa diminuída nas revistas. Futuramente farei um post somente sobre elas, para mostrar como eu faço para selecionar o que quero guardar e como eu guardo tudo.

Fontes: Estante, Evolukit. Porta-fitas, loja do bairro (me recuso a dar o nome porque tive a dor de cabeça do século com eles). Mural, Kalunga. Prancheta, Kalunga (antiga). Caixa de entrada, Kalunga. Porta-pincéis, Le Biscuit. Pote de vidro, loja de 1,99 em São Paulo. Quadrinho rosa, Etna. Fichários e pastas, Kalunga. Caixas de madeira, a mesma loja do bairro.

Parede da porta. Atrás dela, eu coloquei esse gancho que fica preso na parte de cima (não precisei furar) e deixo ali a minha sacola, que normalmente uso todos os dias.

Fontes: Gancho para porta, Le Biscuit. Sacola retornável, Livraria Cultura.

Vocês se lembram como era a parte de cima da estante? Agora ela está com caixas onde eu guardo coisas que eu não mexo muito, nessa ordem: coisas do computador (cabos, programas), CDs (backups, principalmente), estoque (canetas a mais, grampos, clipes), fotos, tarôs (tenho uma mini-coleção) e miscelâneas (estojo que uso de vez em quando, mini-tripé da câmera, esse tipo de coisa).

Fontes: Caixas roxas, Kalunga.

Minha mesa vista de cima. Costumo deixar ali as revistas novas que ainda não terminei de ler, meu computador e meu caderno, que uso o tempo todo. A mesa fica embaixo da janela porque gosto de olhar para fora quando estou escrevendo.

Aí em cima estão as gavetas da mesa. Me desculpem pela sombra do meu braço na hora de tirar a foto, mas o lustre fica bem em cima da mesa e faz sombra mesmo! Eu costumo usar muito tudo isso que está aí, por isso é melhor tudo ficar à mão.

Fontes: Organizadores de gaveta, Kalunga. Itens para escritório, diversos. Rotuladora, Brother.

Ainda falta fazer bastante coisa, a constar:

– Pintar as caixas, o porta-fitas etc;
– Também pretendo pintar as estantes;
– Providenciar porta-revistas;
– Providenciar o gaveteiro;
– Instalar uma cortina;
– E todas as outras ideias que vão surgindo com o tempo.

Mas o importante é que o escritório já está funcionando para mim. Espero que vocês tenham gostado e, em breve, faço um post mostrando as atualizações que eu fizer nele.

Setembro é o mês de organizar a sala e em breve postarei sobre o que estamos fazendo.

Obrigada, pessoal.

81 comentários . Comentar via blog

  1. Olá Thais,
    Seu escritório está uma graça, muito clean e ao mesmo tempo funcional e quando estiver pronto, ficará perfeito! Ter um quarto para fazer de escritório é meu sonho de consumo, mas infelizmente aqui em casa só há 2 quartos. Vou ter que esperar para a próxima casa..rss.
    Conheci seu blog esta semana e gostei tanto que passei essa semana só olhando os posts (comecei do primeiro para os atuais). Confesso que fiquei maravilhada e como decidi mudar minha vida e melhorar mais o ambiente em minha casa sai buscando os blogs sobre este assunto na net. O seu agora está entre meus preferidos. Parabéns, agora sou sua leitora assídua e espero até o fim deste ano mudar muitas coisas aqui em casa, pelo menos já comecei com os 15 minutos de mudar/limpar/jogar alguma coisa.
    Sucesso sempre

    Responder
  2. Lucas dos Santos

    Belo escritório, Thaís! Simples, organizado e funcional.

    Thaís, perdoe a minha indiscrição, mas você poderia dizer de que tamanho (comprimento X largura) é esse cômodo? É só para eu ter uma ideia do espaço que você tem à sua disposição.

    Responder
    1. Thais Godinho
      Thais Godinho

      Lucas, 2,1mx2,5m, se não me engano.

      Responder
  3. maysa

    Adorei a sua mesa e como você deixa as gavetas organizadas. Eu estou pra mudar meu quarto esse ano e a sua mesinha me deu várias idéias principalmente o lugar onde coloca as revistas. Eu tenho muitas e um saco enorme de Caprichos pra dar. O que você faz com as revistas que não quer mais?

    Responder
    1. Thais Godinho
      Thais Godinho

      Maysa, costumo reciclar tudo.

      Responder
  4. Lucas dos Santos

    Olá, Thais.

    Bom saber que um Home Office não requer muito espaço. E você conseguiu aproveitar muito bem o que tinha à sua disposição.

    Grato pela atenção.

    Responder
  5. Rafaela

    Olá. Não sei se funcionará, mas quando tinha camisolas que deitavam pelos, a minha mãe congelava-as (num saco de plástico) e elas melhoravam bastante. Talvez ajude com o tapete. O escritório é lindo e o blog é uma delícia (acabei de o descobrir…) Parabéns!

    Responder
  6. Amanda

    Thais, eu sou mais uma das pessoas que estão extremamente inspiradas por você e buscando fazer pequenas mudanças na vida em prol de um propósito maior. Estou com uma dúvida…amei sua escrivaninha, vi no site do MMM que os veios da madeira ficam aparentes, mas nas suas fotos não dá pra perceber muito. É muito aparente, de um jeito que parece que foi caiado ou é mais bem acabado? Abraço!

    Responder
    1. Thais Godinho
      Thais Godinho

      É bem acabado sim, bem mais branquinho que no site. =)

      Responder
  7. Daniela

    Olá Thais, tentei encontrar esta ‘caixa de entrada’ que você havia comentado neste post, e que comprou na Kalunga.

    Você lembra o nome deste item? Tentei por caixas, fichário, porta correspondência, e não encontrei :(

    Desde já agradeço sua atenção!!

    Adoroooo seu site, está me ajudando muitoooo

    Abraços,

    Daniela

    Responder
  8. Silvia

    Olá Thais!
    Adoro, amo, sou viciada no seu blog!
    Gostaria de te pedir uma dica: qual cadeira para computador você indica? Uma boa e barata? É que estou achando as cadeiras da tok stok muito caras…
    Obrigada!
    Sílvia.

    Responder
  9. Ci

    Oi! adoro seu blog e lei todo dia, pergunta? Como vc faz seus backups que mencionou neste post que guarda nas caixas roxas????? Eu fico perdida comprei um HD externo mas tem horas que agente se perde na organização, acho um bom post futurista, pois acredito que todas temos este probleminha….caso tenha explicado isso antes me fale, tá! parabens pelo trabalho!

    Responder
  10. Deisy Santana

    Oi, você sabe me dizer quantos DVDs realmente cabem nessa pasta da Kalunga, no site diz que é para 20 ou 24 DVDs. Mas se eu comprar o refil cabe mais? Saberia me dizer quantos mais ou menos tem em cada fichário seu? Beijos, obrigada.

    Responder
  11. Mariana

    Oi Thais! Estou interessada nessa mesa do MMM já faz algum tempo porém vi algumas pessoas comentarem que a madeira é macia e fica facilmente marcada, a informação procede? Ou é exagero? Costumo ser cuidadosa mas diante dos comentários fico com medo de comprar e depois me arrepender.
    Agradeço desde já a atenção.
    Att.,
    Mariana

    Responder
    1. Thais Godinho

      A minha não fica marcada… mas acredito que dependa do uso que se faça dela. Eu passo bastante tempo usando para apoiar meu notebook e escrevendo, e escrevo em folhas de sulfite. Não fica marcada. Agora, veja com essas pessoas como elas usavam, porque pode ser mais parecido com o que você pretende fazer.

      Responder

Paginação de comentários

Deixe um comentário