Como organizar: Estudos na faculdade

53
2757

Eu já me formei há alguns anos, mas seguem algumas dicas de como eu fazia para me organizar para ajudar quem está nessa maratona que é a faculdade.

Organizando os papéis

A faculdade gera uma quantidade enorme de papelada e eu já havia falado sobre isso em um post anterior (Organizando os papéis da faculdade). Eu usei quatro pastas grossas de plástico (uma para cada ano) para arquivar o que era realmente importante e, no final dos quatro anos, reduzi tudo a uma única pasta. Gastei muito dinheiro com cópias e realmente compilei textos importantes para a minha carreira e pós-graduação futura, mas também havia muitos textos que eu jamais pegaria na mão novamente. Esses foram reciclados (usei muito como papel para rascunho e anotações no geral).

Organizando as matérias

Para o semestre em andamento, tenha uma pasta com divisórias e coloque dentro os papéis, textos e anotações relacionadas a cada uma. Você usará essa mesma pasta em todos os semestres, somente alterando o título das divisórias. Sempre fiz assim e converti diversos amigos ao longo do curso, não duvidando de que seja uma das melhores (e mais dedutivas) formas de organizar tudo. Você pode pensar: “mas terei que carregar esse peso todos os dias?”. Eu acho que é melhor carregar a pasta inteira todos os dias que esquecer algum documento importante no dia da aula. Além do que, você pode precisar de um material que não é da aula do dia, e ele estará lá com você. No final do semestre, filtre o que acha que deve ficar e guarde na pasta do ano em questão.

Organizando as leituras

Eu tive o imenso privilégio de não trabalhar durante o primeiro e o último ano da faculdade, o que me deu tempo livre para ler bastante. No entanto, mantive a rotina mesmo quando estava trabalhando. Em todo começo de semestre, os professores dão uma lista de textos e livros obrigatórios e outros recomendados. Eu sempre li tudo porque gosto de ler e tenho um sobrenome Granger, mas a imensa maioria dos alunos acaba lendo somente o que é obrigatório e olhe lá. Faça o seguinte: liste o que precisa ler e divida as páginas de acordo com o tempo disponível. Exemplo: você precisa ler 15 páginas em uma semana. Estabeleça como meta a leitura de três páginas por dia e, se conseguir ler mais, melhor. Na verdade, é um procedimento bem simples – o problema é que as matérias se acumulam e você precisa encontrar tempo para tudo. A solução é levar os textos para onde quer que vá, incluindo ônibus, trabalho, banheiro, fila de banco, almoço. Sempre que tiver um tempinho, dê uma lida. Seja objetivo e vá eliminando páginas de sua lista.

Organizando as leituras extras

Se você não vive em uma bolha, é provável que a sua área de atuação exija uma atualização constante através da leitura de notícias, artigos, blogs e sites no geral. Tenha uma conta em um agregador de feeds (o Google Reader, por exemplo) e cadastre todas as suas fontes ali. Sempre que tiver um tempo (faça um intervalo de 15 minutos a cada 90 trabalhados), leia o que lhe chamar mais a atenção. Manter-se atualizado é essencial em qualquer profissão e lhe dará conteúdo na hora de fazer provas e trabalhos na faculdade.

Organizando os trabalhos

Seja um pequeno resumo ou um trabalho de final de semestre, eles sempre existirão e os professores não têm (nem devem ter) pena dos alunos que trabalham. Basta se organizar. Tenha um grupo para todos os trabalhos e estabeleçam mais ou menos quem faz o quê. Se você gosta de digitar, pode ser o responsável pela formatação do trabalho. Aquele cara que nunca faz nada pode ser responsável pela impressão (é sério, fazer o quê). Aquela pessoa super-mega ocupada que nunca consegue fazer nada a tempo, mas está sempre preocupada com o andamento, pode organizar as tarefas e cobrar por e-mail e telefone todos os envolvidos. Organize seu grupo e cuide para que cada um faça o melhor possível dentro das suas possibilidades. Da mesma forma que a leitura, encontre qualquer tempo disponível para fazer a sua parte. E, desnecessário dizer: não deixe para a última hora. Faça cronogramas, se for o caso.

Organizando as faltas

Pode parecer uma blasfêmia, mas todos nós faltamos na faculdade uma vez ou outra. Utilize esse limite de faltas a seu favor – se você acha que a aula será uma perda de tempo (convenhamos, elas acontecem), utilize o período para fazer algum trabalho ou colocar a leitura em dia. Por favor, não falte para ficar no barzinho da frente. Todo mundo precisa desestressar e se divertir um pouco, mas se você já não tem tempo para se dedicar à faculdade, matando aula para ficar bebendo não ajudará em nada. Sempre temos aquele dia também que estamos exaustos ou gripados, por exemplo. Não falte por bobeira. Administre suas faltas para utilizar quando realmente forem necessárias.

Organizando as anotações

Como eu falei, acredito que o melhor esquema seja fazer anotações em folhas e guardar na divisória equivalente à matéria na pasta. Porém, eu não faço mais isso na pós-graduação, pois anoto muito pouco. Tenho um caderno de anotações que uso para tudo: trabalho, estudos, meus blogs, ideias no geral. Como ele está sempre comigo, é ok. Para a faculdade, no entanto, eu recomendo fortemente que você anote em folhas avulsas e arquive por matéria, pois fica mais fácil de estudar com o material todo reunido em um só lugar e por assunto.

Organizando as aulas

Se você sabe qual o assunto da próxima aula, pesquise antes. Se você sabe que terá um trabalho em sala sobre um texto que você já tem, leia-o e faça anotações. Enquanto o professor ou a professora estiver falando, anote os pontos-chave e as dúvidas que vão surgindo. Esclareça-as antes da aula acabar. Se você é tímido, espere até o final para perguntar. Eu não recomendo gravar a aula a não ser que você realmente consiga ouvir os arquivos (no ônibus, por exemplo).

Alguns cursos, como História, Direito e Medicina, por exemplo, podem demandar um arquivamento diferente pelo nível excessivo de leituras. Quando eu cursei História, arquivava por temas: História Antiga, História Medieval, Brasil Colonial etc. Depois, fazia aquele filtro e guardava somente o que me interessava. Se você já sabe quais temas irá usar na sua especialização ou tem seus preferidos, já tem uma noção do que deve guardar e o que deve jogar fora. O que é fundamental é fazer uma limpeza geral no final do curso, mantendo somente aquilo que for realmente relevante. E ah, o que eu achava relevante quando me formei hoje em dia quase não vale nada. Fiz uma limpeza ano passado (três anos depois de me formar) e joguei 80% fora. Isso acontecerá com você também, então não se preocupe.

Não inseri nesse texto o item “Organizando as provas” porque, quando você lê, faz os trabalhos e tem tudo isso em dia, não precisa estudar especificamente para uma prova em questão. Em todo o caso, fazer anotações concisas durante as aulas pode te ajudar a dar uma relembrada um dia antes.

53 Comentários

  1. Olá Thaís…

    Amei muito seu blog, e todos os dias dou uma acessada rapidinha, pra ver o que tem de novo tbm fiz um twiter pra acompanhar as dicas que sem dúvida são coisas que bastante úteis, diferente de outros sites, que apresentam coisas impossiveis de se fazer economizando tempo, gostei muito desse post, e já uso a pasta sanfonada na facul e com certeza é muito útil.

  2. acho que vc me converteu pras pastas. eu sou uma pessoa super mínima com o que vai na mão, na bolsa, na mochila pq ando a pé (nunca tive automóvel), então tem que cuidar da coluna. uso um caderno brochura capa dura, daqueles da tilibra, pequenos, sabe? pra fazer anotações de aulas. usei o mestrado todo e funcionou super. um só, mínimo, colorido, demais.
    mas quando entrei na faculdade de direito o caderninho começou a ficar pouco, e a necessidade de usar o caderninho, os textos anotados, o código, legislação esparsa no ipad e o fichamento dos manuais que ficam no fichário grande, em casa, deixou mais claro ainda que o caderninho já não tá com nada. AMO meus caderninhos, vc não tem noção. acho lindo. tenho uma fileira colorida linda na minha estante com fichamento de livros-importantes-pra-vida-toda, que uso volta e meia.
    mas pra graduação em direito… acho que vou comprar uma pastinha de divisórias cor-de-rosa =)

    em tempo: demais o seu blog, como sempre.

  3. Thais, vou começar a faculdade agora em Agosto e adorei suas dicas. Só estou um pouco indecisa se adoto a parte das anotações em folhas soltas. No colégio, eu não conseguia usar fichário, pois achava ruim lidar com as folhas soltas na hora de escrever. Acabava misturando o a ordem delas depois. E ficava tudo confuso principalmente na hora de rever alguma matéria. =o( Você grampeava as folhas pra colocar na pasta ou colocava tudo solto mesmo? Beijos.

  4. […] ° Como eu me tornei uma pessoa organizada. ° 10 maneiras fáceis de economizar dinheiro. ° Como organizar os estudos na faculdade. ° Arrumando o guarda-roupa a cada estação: como fazer. Like this:LikeBe the first to like this […]

  5. Oi Thais!

    Vc se importa se eu usar esse texto com meus alunos da faculdade (dando os devidos créditos, obviamente)? Para uma primeira aula de Metodologia, acho q será bem adequado…

    Obrigada e um beijo

  6. Como é bonito e gratificante ajudar ao próximo, continue assim, terá um futuro promissor e grandes amigos! Adorei, muito grata pelas dicas, vou adaptar ao meu cotidiano. Parabéns!!

  7. Seu blog é incrível! Descobri que ele existia essa semana e já estou planejando várias mudanças de hábitos na minha vida! Organizar as coisas da faculdade é realmente um problema! Estou indo para o segundo ano e já tenho uma gaveta comprometida com o material do ano passado hahaha É que é tão difícil se desprender dos textos, parece que você vai precisar deles sempre!

    Enfim, para começar as mudanças vou abandonar o caderno e tentar colocar tudo na pasta como você disse! Espero que facilite 🙂

    Bjokas

  8. Excellent! Thank you so much! I appreciate all the tips!! Acredito que temos modos dê diferentes de organizar OS estudos na faculdade. Eu por exemplo nao gosto muito dê anotar informações porque Onde Eu estou cursando a faculdade eles fornecem as presentacoes no PowerPoint online para que OS alunos tenham ascesso. Mas isso tudo depende também do interesse e motivação dê cada um. Bjos

  9. Ei adorei teu blog, super útil.. Assim já posso ir me organizando e saber o que vou precisar fazer e comprar antes de começar a minha faculdade
    Adorei mesmo!

  10. Amei encontrar o seu blog, já favoritei e tudo. Uma bênção pra botar ordem na minha bagunça HAHAHA *-*

  11. Olá, Thais!

    Esse blog que tem palavras mágicas vai me ajudar muito, pois sou uma pessoa super desorganizada. Espero que continue escrevendo e quem sabe vc não pode escrever um livro explicando como se dar bem na parte mais dificil de um ser humano. (organização)haha ( não generalizando) somente para pessoas que procuram se entender com a vida. E administrar seu tempo. Isso porque eu faço administração estou tentando me encontrar..haha Mas está difícil. haha

    Abs

    Sucesso, Sucesso e Sucesso.

    att

    Rayra

  12. Olá Thaís, vc pode fazer um post com mais dicas de como organizar as leituras? Curso História e tenho geralmente 220 pag por semana para ler! Como tenho filho pequeno e casa para cuidar às vezes fico em estado de pânico e estou para começar agora mais um período com seis disciplinas! Please help!

  13. muito boa essa publicação gostei dos seus artigos!!
    e bem interessante sua utilização das normas básicas de gramatica!

  14. Agradeço muito essa dicas que você publicou! Me ajudarão bastante, principalmente na organização dos trabalhos em equipe! PARABÉNS!!!!

  15. poxa. valeu mesmo. essas dicas vão me ajudar muito, ja que em cinco anos é muito conteúdo que fica acumulado (tabelas, fórmulas, etc.)

  16. Nossa fiquei super feliz em encontrar este blog!
    Me ajudou bastante em como começar a me organizar para a faculdade. Tenho 18 anos e vou começar a fazer faculdade de enfermagem e não tinha a menor ideia de como iria estudar, me organizar, etc.
    Espero que você continue com este blog ativo e atualizado pois está sendo de grande ajuda! 😀 um abraço

  17. Olá, amei sua matéria!
    Achei uma ótima ideia a pasta com divisórias. Mas não devo levar cadernos, mas sim levar os blocos tipo de fichário? Muita gente faz isso? E sem dùvida sai muito mais barato né!? Vou fazer Farmácia e meu marido História.
    Aguardando resposta…bjs Paola

  18. Olá Thais, eu tento substituir todos os arquivos impressos por digitais, assim eles ficam armazenados no tablet e não preciso de mil papeis soltos, o problema que até hoje não achei um aplicativo que pudesse armazenar arquivos em pdf, word, foto e anotações e ainda separa-los por matéria, então acaba que fica uma parte na minha galeria, dropbox, leitor do word e excel, evernote… Você tem uma dica para mim?

  19. Adorei essas dicas para organizar meus estudos 😀
    Faço faculdade de Letras/Língua portuguesa e foi ótimo achar esse blog.

  20. Thais, o que você fazia com todos os textos na época que cursava História?
    Há textos de outros semestres que passaram batidos e pretendo retomar a leitura. Alguns outros servem como complementos para as disciplinas que faço atualmente. E também tem os meus “preferidos”, que eu quero rever por tê-los achado ótimos e no entanto não ter os absorvido da maneira ideal.
    Pastas são absurdamente pequenas para a quantidade de textos que tenho aqui. A não ser que fosse uma daquelas grandes quadradas para cada disciplina heheh
    No entanto, não queria me desfazer desses textos. Pelo menos não por enquanto. Os textos são uma das raras “tralhas” que acumulo, aliás.

    Você conhece/imagina alguma outra ferramenta que possa ser útil para isso? Caixa, arquivo, não sei…

    • Eu digitalizei no Evernote e depois reaproveitei os papéis (uso muito para rascunho).
      Mas se você ainda está fazendo faculdade e pretende guardar apenas até a conclusão, para selecionar o que fica (e pode ser digitalizado), eu armazenaria em pastas por assunto, para facilitar o manuseio.

      Amo História. <3

      • Isso! Pretendo guardá-los até a conclusão (ou pausa). Obrigada pela dica!
        Eu estou amando o curso! Mas acho que vou acabar fazendo igual… Você parou o curso e pretende voltar a estudar futuramente, não? Tenho achado as matérias, temáticas e textos incríveis, mas não me imagino trabalhando de fato com nada que o diploma possibilita, infelizmente. De todo modo, ainda quero ter essa formação e relacionar a história com outras ideias minhas 🙂

        • Eu parei porque meus horários do trabalho não batiam com o curso. Eu sempre chegava atrasada…

          Pretendo voltar a fazer sim, mas vou lendo os livros por hobby nesse meio-tempo.

  21. obrigada pelas dicas sou estudante de História no primeiro semestre então é tudo novo, tava tendo dificuldades com relação a estudar e organizar as matéria mas depois dessa dica melhorou bastante

  22. Olá Thais, excelente dicas para quem está esta, ou é universitário, acabei lendo o mesmo através de outro artigo no blog!

    Só uma observação quanto ao Google Reader; o mesmo foi desativado em 15 de julho de 2013, porém continuo com a visualização de feeds através do Feedly Online que tem extensões para o chrome e para o firefox!

    Fica a dica!
    Parabéns e e muito obrigado!

  23. Oi Thaís, tudo bem?
    Estou a um tempo procurando um post seu aqui no blog que falava sobre organização de estudos e a ideia de uma agenda semanal, para você ter ideia de tudo que aconteceria na semana, se não me engano foi até a dica de um leitor que você usou para o post.

    Já passei por vários posts de estudo que vc tem aqui, mas não consegui achar.
    Será q vc sabe de qual eu tô falando e podia me ajudar?

    Obrigada!

DEIXE UMA RESPOSTA