Despensa

05 Jul 2013

Reveja sua lista de despensa e modifique o que for necessário

Imagem: Make Bake Celebrate

Imagem: Make Bake Celebrate

Ter uma lista de despensa é legal porque nos ajuda a não precisar pensar nisso sempre que precisamos ir ao supermercado. Eu já fiz alguns posts sobre organização da despensa antes que podem ajudar. Veja quais são:

Por fim, ter uma lista para a despensa facilita e muito. O ideal é que você tenha uma lista com todas as necessidades da sua família (nomes dos produtos e quantidades) e reabasteça a despensa sempre que necessário. Não tem muito segredo além disso. Aqui em casa, prefiro fazer compras semanalmente, pois acho que assim controlamos melhor as validades. Isso também porque não temos muito espaço, então não podemos comprar em grandes quantidades. Mais uma vez, não existe um modo certo de fazer as coisas, mas aquele jeito que funciona para cada um.

Onde guardar essa lista?

No seu control journal! É sem dúvida o melhor lugar para guardar sua lista de despensa.

Você também pode fazer como na foto acima e deixá-la na própria despensa, seja pendurada na porta, seja em um caderno ou pastinha dentro da estante. O importante é que seja prático de consultar, atualizar e levar ao mercado.

Você também pode deixar a lista no seu celular, mas isso só funciona se você for a única pessoa a fazer compras na sua casa.

Revisão sempre

É importante fazer uma revisão frequente dessa lista para ver se você não está colocando coisas a mais (e gastando mais) ou se as quantidades estão insuficientes. Faça ajustes. A dinâmica de cada família muda com o passar do tempo, assim como a lista sofre variações ao longo do ano, dependendo do clima. É importante sempre prestar atenção.

O objetivo de se fazer a lista de despensa é justamente não precisar quebrar a cabeça quando for ao supermercado, mas a missão final dela é justamente fazer com que sua família não passe necessidades. Logo, a revisão é fundamental. Recomendo uma revisão semanal para verificar o que precisa ser comprado e uma revisão mensal das necessidades, especialmente porque você pode precisar comprar itens para festinhas e outros que não estejam incluídos na lista normal.

Boas compras.

08 Jun 2013

Categorias da despensa

Imagem: Apartment Therapy

Imagem: Apartment Therapy

Separar a despensa por setores e categorias é a melhor maneira de organizá-la. Segue uma sugestão de categorias para que você possa fazer isso:

Bebidas – Geralmente ficam na parte de baixo da despensa, por serem garrafas pesadas. Água, sucos, refrigerantes, vinhos, cervejas, entre outras. Se você gosta muito de vinho, pode querer ter uma pequena adega somente para eles. Algumas cozinhas têm compartimentos para guardar garrafas na horizontal.

Mantimentos de mercearia – Óleos, azeites, mostardas, ketchups, maioneses. Molhos, patês, azeitonas, latinhas de atum e sardinha. Temperos diversos. Manteiga.

Mantimentos secos – Massas, arroz, feijão, farinhas, lentilha, legumes enlatados, sopas de pacote, macarrão instantâneo, amendoins, frutas secas, açúcar, sal.

Doces – Chocolates, biscoitos, creme de leite, leite condensado, gelatinas, adoçantes, geléias.

Alimentos em conserva – Carnes, legumes, frutas.

Comidas de bebê – Papinhas, leites, Sustagen.

Alimentos para o café-da-manhã – Cereais, leite.

Frutas

Legumes

Uma boa maneira de planejar a setorização da despensa é lembrar das seções do supermercado. É interessante setorizar da mesma forma porque isso fico no seu inconsciente e acaba ficando mais fácil encontrar os alimentos.

Veja outros posts sobre a arrumação da despensa aqui.

22 Feb 2013

Questões práticas sobre a despensa de alimentos

Imagem: Blog Really Painting

Imagem: Blog Really Painting

Toda casa ou apartamento tem a sua despensa – mesmo que isso signifique uma porta específica do armário em cima da pia. Algumas pessoas têm a sorte de morar em uma casa ou apartamento com cômodo próprio para estocar alimentos e outros produtos, o que é o meu sonho de consumo. Para ter uma despensa organizada, é necessário pensar em algumas questões práticas:

1. Tenha uma lista ideal

Eu chamo de ideal aquela lista que contém todos os produtos que a sua família necessita durante um mês ou uma semana – depende da frequência em que você prefere ir ao mercado. Ter essa lista é importante porque, antes de fazer as compras, basta verificar nele o que falta. Para fazer isso, basta deixá-la na própria despensa com uma caneta ou lápis por perto, e ir fazendo o controle ao longo da semana. Pode parecer que leva tempo, mas bastam alguns segundos para fazer essa verificação. Um dia antes de ir às compras, você pode fazer essa vistoria final.

As vantagens de ter uma lista são inúmeras – economizar dinheiro e garantir que nada falta no dia a dia são as duas principais.

2. Tenha um orçamento mensal para compras no mercado

Sei que isso é difícil de fazer. O primeiro passo é, durante um mês, anotar todos os gastos relacionados a compras no mercado. No final do mês, somar esse valor e ter uma grande surpresa, porque geralmente o valor é mais alto do que imaginamos. Para o mês seguinte, estabeleça um orçamento menor e atenha-se a ele. Tente encontrar o valor ideal para que a sua família não passe necessidades nem gaste mais do que o necessário.

3. Otimize o espaço

Quando não temos espaço, precisamos encontrar uma solução. O que não dá é para viver na bagunça, especialmente no que for relacionado a alimentos, pois pode envolver contaminação, além do próprio desperdício. Assim, procure alternativas baratas. Estantes altas podem ser melhoradas com cestinhos ou mini-prateleiras compradas prontas em lojas de produtos organizadores.

É muito importante acondicionar os alimentos corretamente para não correr o risco de estragá-los ou atrair traças, por exemplo. Portanto, a organização não é um supérfluo, mas algo essencial nesse caso.

4. Controle as validades

A dica da vovó é colocar os produtos mais novos no fundo sempre que chegar do mercado, para consumir primeiro os que estão na frente. Além disso, procure verificar semanalmente o que está para vencer, pois assim você poderá aproveitar tais alimentos no seu menu semanal. Se quiser ser ainda mais organizado(a), escreva com uma caneta para CD as datas de validade bem grandes nas embalagens, para visualizar facilmente. Essa dica também é uma boa para quem mora com idosos ou pessoas com problemas de visão.

Cuidar do estoque de alimentos é uma arte. Como você faz na sua casa?

 

18 Jan 2012

Como organizar a despensa

Imagem: Better Homes and Gardens

Organizar a despensa é um desafio porque dependemos muito do espaço que temos, mas mesmo em apartamentos pequenos é possível encontrar soluções criativas que atendam bem a família. Veja 5 passos para deixar a sua despensa organizada:

1. Separe tudo

Tire tudo de dentro da despensa e separe por categorias. Sim, vai dar um trabalhão, mas é a única maneira de saber o que você tem e como pode se organizar. Para saber como separar os alimentos, basta se lembrar das seções do supermercado: mercearia, grãos, macarrão, legumes, frutas etc.

2. Jogue fora o que estiver vencido

Se você tem bastante coisa, provavelmente vai se deparar com um montão de produtos vencidos. Eu sei que é uma pena, mas jogue fora sem dó. Não vale correr o risco de intoxicação. Lembre-se disso quando for organizar or produtos de volta nas prateleiras, colocando os que estão mais próximos do vencimento na frente.

3. Agrupe os semelhantes

Junte os extratos de tomate, os sucos em pó, os pacotes de cereais e os outros produtos semelhantes uns com os outros. Você também pode colocar juntos os produtos que preparam uma refeição, como os pacotes de macarrão junto com os molhos, por exemplo.

4. Arrume os itens menores em compartimentos

Cestos de plástico são excelentes para organizar os pacotes pequenos. Nessa hora, o que conta é a padronização: use cestos da mesma cor ou estilo para guardar tais itens e manter a despensa visualmente bem organizada.

5. Arrume!

Comece a colocar as coisas de volta às prateleiras seguindo os passos acima. Depois, verifique os artigos básicos que você precisa sempre ter e faça uma lista de compras.

Outras dicas para deixar sua despensa funcionando:

  • Arrume os itens mais usados nas prateleiras que ficam à altura dos olhos.
  • Embaixo, coloque os itens mais pesados visualmente, como papel higiênico, rolo de papel toalha etc.
  • Etiquete os cestos com o que tem dentro.
  • Se o armário tiver portas, utilize ganchos internos para colocar mais coisas.
  • Guarde os itens de limpeza longe dos alimentos.
  • Temperos e grãos podem ser guardados em potes herméticos para facilitar o manuseio.
  • Use cestos ventilados para frutas e legumes.

Ter uma despensa organizada é prático, faz com que você economize dinheiro e facilita na hora de fazer compras. Como é a despensa da sua casa?

24 Oct 2011

Inspiração do dia: despensa rotulada

Quem tem uma despensa dessas não tem problemas na hora de encontrar o que precisa. Dica de organização simples e básica. Dá para fazer em um quartinho de despensa mesmo ou usar um paneleiro da cozinha. Daqui.