Cômodos

25 Feb 2015

5 dicas de organização para quem trabalha em casa

Esse tema tem sido frequente por aqui porque sempre fiz questão de usar minha própria experiência para aprender e compartilhar a respeito no blog. Como estou trabalhando em casa, não poderia deixar de ser diferente. Desta vez, reuni dicas que, ao meu ver, podem fazer toda a diferença quando a gente se organiza para trabalhar em modelo home-office.

1. Não é para todo mundo

Quando se tem que acordar às 06:00 de uma segunda-feira chuvosa para trabalhar, é comum pensar como seria maravilhoso trabalhar em casa. Porém, fazer isso demanda muita disciplina, controlar os horários e ficar um pouco maluco por não encontrar com as pessoas – mesmo os chatos do escritório. Faz diferença não ver pessoas e ficar o tempo todo apenas conversando pela Internet. Além do que, nem toda profissão é compatível com o modelo home-office e não é porque a sua não é que você vai largar tudo para viver de algo que ainda não sabe direito o que é.

2. Gerencie seus prazos com rigor

Use o GTD. Tenha controle dos prazos, das entregas, antecipe projetos. Tenha um inventário de tudo o que precisa ser feito – estabeleça prioridades. Gerencie direito seus e-mails.

3. Não “delargue”

É muito comum, para quem trabalha em home-office, dar tanta autonomia às pessoas da equipe que o trabalho acaba ficando um pouco largado. Não seja essa pessoa! Não se trata de controlar e ser chato(a), mas saber o que foi delegado a quem, quando cobrar, quando apoiar. A conversa olha-no-olho não vai existir todos os dias, mas vocês precisam se falar.

4. Utilize boas ferramentas

Hoje acho imprescindível utilizar a melhor ferramenta do mercado, que é o Evernote Business, na minha opinião. Todos os outros são excelentes e têm suas funções, mas o EB é o mais completo. Não “economize” aqui. Como todo o gerenciamento é na nuvem, vale ter algo legal, confiável e com bastante recursos.

5. Tire o home do office

Trabalhar em casa não é sinônimo de home-office. Encontre as pessoas em outros lugares, trabalhe na padaria, na cafeteria, na livraria. Alugue um espaço de coworking uma ou duas vezes por semana. Visite seu amigo no escritório. Você tem essa mobilidade!

Você trabalha em casa? Como costuma se organizar?

04 Aug 2014

Planejando um home-office de acordo com o GTD

Um dos meus projetos atuais é organizar meu novo home-office, e gostaria de torná-lo perfeitamente adequado ao GTD, que já utilizo há tantos anos. Pesquisei muitas ideias, fiz um curso, li muitos artigos pela Internet e gostaria de compartilhar com vocês o que considero importante ter em um home-office quando se trata de GTD.

  • Espaço para arquivos de papel… ainda. É necessário guardar muito material em papel, como documentos, certidões, diplomas, escrituras e uma sorte de outros arquivos. Pretendo adquirir um arquivo para pastas suspensas com três gavetas e colocar um espaço para esses arquivos, um espaço para as contas pagas e um espaço para o tickler.
  • Tickler. Tickler é o esquema de 43 pastas de referência rápida do David Allen
  • Caixa de entrada. Tenho duas bandejas de caixa de entrada, com três divisórias cada, que pretendo usar para: 1) entrada, 2) contas para digitalizar, 3) artigos de revista para digitalizar (resolvi separar porque o grau de importância é diferente), 4) ler/revisar, 5) arquivar e 6) arquivos em andamento (para papéis de projetos em andamento, que não possam ser digitalizados nem caibam no tickler).

Eu comprei este e-book e tirei muitas ideias dele. Espero que consiga montar meu home-office organizadinho em pouco tempo.

17 Feb 2014

Rapidinhas: home-office minimalista

Atendendo a pedidos, resolvi criar uma nova tag no blog chamada Rapidinhas – além dos posts tradicionais, mais longos, com reflexões e dicas mais detalhadas, o Vida Organizada terá também posts curtinhos, para ler em menos de 2 minutos, com dicas rápidas e pequenas intervenções no seu dia a dia. É um teste, mas acredito que dará certo! Me avisem se gostaram, tá bem? A ideia é ter outros tipos de posts mais rápidos.

Essas postagens vêm sendo feitas no Facebook do blog, mas muitas pessoas não acessam a rede social, então nada mais justo que trazer esse conteúdo para cá também.

Imagem: Ultralinx

Imagem: Ultralinx

Vi essa foto linda desse home-office minimalista, e fico me perguntando: é possível ser assim na vida real? O que vocês acham?

Particularmente, achei a foto bem realista e é algo que dá para fazer (e manter). Além de ser um cantinho lindo. <3

12 Nov 2006

O essencial na cozinha

Segue uma lista de utensílios básicos para a sua cozinha. Obviamente, esta lista pode ser adaptada para suas necessidades e as de sua família. Por exemplo, se você não tiver algum objeto desta lista, verifique se ele é mesmo necessário para você antes de adquirí-lo.

Preparação de alimentos
– Abridor de latas e garrafas
– Batedor de carne
– Batedor de ovos
– Conjunto de facas
– Descascador de legumes
– Espátula
– Espremedor de alho
– Espremedor de batatas
– Faca para cortar carne
– Faca serrilhada para cortar pão
– Medidores
– Ralador
– Tábua de cortar
– Tigelas de vários tamanhos

Para servir a comida
– Concha
– Escumadeira
– Potes de plástico para as sobras
– Saca-rolhas
– Trinchadores

Para cozinhar
– Assadeiras de tamanhos diversos
– Colher dentada
– Colheres de pau
– Formas redondas
– Forminhas para doces e salgados
– Frigideiras de vários tamanhos
– Grelha com borda
– Panela de pressão
– Panelas de diversos tamanhos
– Pegadores
– Peneira
– Rolo para massas
– Travessas refratárias

Eletrodomésticos
– Batedeira
– Cafeteira
– Filtro de água
– Fogão
– Geladeira
– Liquidificador
– Microondas

12 Nov 2006

Organize seu hall de entrada

Hall de entrada é a primeira coisa que você vê quando entra em casa. Não é muito comum, nos imóveis brasileiros, termos uma área logo na entrada que possa se caracterizar como “hall” (as casas maiores talvez tenham). Porém, chamamos de hall de entrada todo espaço que fica na entrada de casa, mesmo que no seu caso seja apenas um espaço de um metro de parede entre a porta e a cozinha do seu apartamento. A ideia é que esse espaço seja aproveitado da melhor maneira possível para que traga funcionalidade e praticidade ao seu dia a dia e o da sua família.

No geral, o propósito do hall de entrada deve ser filtrar o que entra na sua casa. Por isso, é comum vermos porta-chaves, porta-cartas e outros apetrechos de organização que ajudam a manter o lugar funcionando. Leia o post: Organizando cada item na entrada de casa para mais dicas.

Outras recomendações pontuais que você pode fazer agora mesmo:

1. É bastante provável que você encontre em seu hall de entrada objetos que pertencem a outros cômodos. Guarde-os. Essa é a primeira atitude a ser tomada.

2. Observe a freqüência no seu hall. Se todo mundo da sua casa deixa os casacos ali, considere a idéia de instalar um cabideiro na parede. Lembre-se que organizar é fazer as coisas funcionarem.

3. Outros objetos que também podem ser colocados no hall para facilitar o tráfego ali: porta-guarda-chuvas, ganchos para mochilas e bolsas, gancho para chaves, caixa ou cesta decorativa para colocar livros ou DVDs que precisam ser devolvidos.

4. Ter um espelho no hall faz com que você evite voltar a outro cômodo para dar uma última conferida no visual antes de sair. E todo mundo adora um espelho.

5. Se você simplesmente acha que está bagunçado mas não sabe por onde começar, saia de casa, feche a porta e entre novamente. Quando você faz, o que agride o seu visual? Isso deve sair ou ser mudado.