ou

De vez em quando, eu gosto de compartilhar com vocês alguns textos ou vídeos que eu vi ao longo da semana e que possam (ou não) ter a ver com organização. Seguem os de hoje:

Boa semana para você!

Thais Godinho
24/09/2017
Veja mais sobre:
Linkagem de domingo
1
Checklist de março 2013
Checklist de outubro
O amadurecimento dos relacionamentos organizados

Hoje a dica é para que você saiba como gerenciar projetos recorrentes. Alguns exemplos de projetos recorrentes (que acontecem com frequência):

  • Declaração do Imposto de Renda
  • Comprar presentes de Natal
  • Organizar viagem de férias
  • Concluir check-up médico anual
  • Organizar festa de aniversário

O primeiro passo é identificar projetos recorrentes que você já tenha em andamento, pois isso te ajudará a entender melhor como fazer o planejamento. O planejamento de um projeto pode virar uma checklist do que deve ser feito quando esse projeto for realizado novamente no futuro.

A ideia é que, uma vez que você planeje um projeto, não precise fazer isso uma segunda vez. Você vai usar o mesmo planejamento e, assim, ir complementando o modelo.

Você pode então, dependendo das ferramentas que usa para se organizar, criar pastas para guardar esses planejamentos. Por exemplo, no Dropbox você pode ter uma pasta chamada “Templates para projetos recorrentes” ou, no Evernote, uma etiqueta que agrupe todos esses templates.

Se você usar o Todoist, na versão premium ele permite que você crie templates para os projetos, exporte como um arquivo .csv e depois importe em outro projeto, aproveitando a mesma estrutura. Todos esses arquivos .csv podem ser salvos em uma pasta no seu computador ou no Dropbox, por exemplo. Confira um passo a passo na página do Todoist (em português).

Se você utilizar o Evernote, basta copiar e colar a estrutura da nota em outra diferente, aproveitando o planejamento de um projeto anterior.

A ideia é que, a cada recorrência do projeto, você aperfeiçoe sua checklist, tornando-a cada vez mais útil para você.

A cereja no bolo vai agora: para se lembrar de ativar projetos recorrentes, você pode ter um lembrete no seu calendário que te avise que está na hora de iniciar o planejamento de um determinado projeto. Isso vale para projetos sazonais, como a declaração do Imposto de Renda, a volta às aulas ou o planejamento das férias de final de ano.

Como você costuma organizar projetos recorrentes? Compartilhe nos comentários!

Thais Godinho
19/09/2017
Veja mais sobre:
8
10 aplicativos de iPad e iPhone para se organizar
Usar menos a tecnologia: será que dá? será que precisa?
Testando: novo Things

Backlog é tudo aquilo que você capturou, porém deixou inacabado (não processou) na sua vida. Exemplos: e-mails, papéis, objetos, livros, roupas, arquivos digitais…

Você não vai acabar com o backlog da noite para o dia. Portanto, não deixe que essa quantidade de coisas te desanime em seu processo de organização. Processar backlog vai demandar um ou mais projetos, pois levará mais de um passo para concluir o que precisa ser feito.

Eu recomendo que você crie compartimentos temporários para separar o que for backlog daquilo que já esteja organizado. Como:

  • Pasta “Backlog” ou “Processar com calma” nos e-mails
  • Pasta “Backlog” para seus arquivos no computador
  • Caixa “Backlog” para papelada em casa

Você também pode ver um vídeo que postei no YouTube falando sobre o assunto (se não estiver visualizando abaixo, clique aqui):

E você, tem backlog em sua vida? Conte um pouquinho nos comentários.

Thais Godinho
18/09/2017
Veja mais sobre:
9
Organizar seus papéis é básico!
Como organizar: livros para comprar
Como lidar com o backlog