Hoje a dica é um pouco iniciante mas, apesar de ser simples, não conheci ninguém nos últimos anos que fizesse dessa forma. Eu acredito que seja uma maneira muito simples de controlar os vencimentos das contas e quem paga o que – especialmente útil para casais ou pessoas que dividem as contas.

A ideia é inserir em seu calendário (por exemplo, na agenda do Google), informações recorrentes sobre vencimentos das contas.

Quando são contas que eu mesma pago, eu insiro assim:

NET ($)
Celular ($)

Se você criar um compromisso e marcá-lo como “dia inteiro”, ele fica acima dos horários na agenda, o que te permite visualizar com mais facilidade. E aí eu coloco com a recorrência da conta, que no caso, a maioria é mensal.

Quando são contas que outra pessoa paga (por ex: meu marido), eu coloco assim:

Luz ($) – Marido
Escola ($) – Marido

Outra informação que gosto de colocar é quando a conta deve ser paga pela minha conta de pessoa jurídica. Aí coloco assim:

Plataforma EAD ($) – PJ
Telefone fixo ($) – PJ

Recomendo fazer isso se você pagar em contas de bancos diferentes também.

O fato de ter a contas listadas assim na minha agenda do Google me ajuda demais a ter uma visão da semana e planejar os pagamentos. No dia a dia também porque, caso eu ainda não tenha pago aquela conta, o lembrete no próprio dia me avisa.

Depois que eu pago, eu edito o evento (não a recorrência inteira) e coloco um “ok” ou um “✓” no nome do evento, porque isso também serve como referência para eu saber que a conta já foi paga (especialmente útil em caso de adiantamentos de pagamentos).

Caso a conta não tenha sido paga por qualquer motivo e passou a data, eu deixo a conta na cor amarela, bem chamativa, que é para eu não perder de vista e providenciar o pagamento o quanto antes.

Bom, é isso! Essa foi uma dica bem simples, mas de aplicação imediata, que você pode organizar hoje mesmo. Espero que ajude!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorLivros sobre organização de finanças

Meu nome é Thais Godinho e meu guarda-chuva profissional engloba três temas: produtividade, organização pessoal e criatividade. As formas de operacionalizar esse trabalho que eu amo são essas: escrevendo no blog, publicando livros, estudando, ministrando cursos e fazendo atendimentos individuais, ajudando as pessoas a se organizarem. Você pode acompanhar minha trajetória pessoal e profissional neste blog, que existe desde 2006.

DEIXE UMA RESPOSTA