Você se lembra de todos os gadgets que já usou? Se você gostar de tecnologia como eu, provavelmente vai reconhecer alguns dos itens abaixo. Na sequência, mostro o que uso hoje.

gameboy

Acho que o primeiro gadget que eu tive na vida a ponto de ficar levemente viciada foi o meu Gameboy. Eu adorava vídeo-games quando era mais nova, mas esse foi o primeiro vídeo-game portátil que eu tive, e o levava para todo canto. Eu gostava tanto dele que, sinceramente, se hoje ainda existisse, acho que teria. Eu prefiro jogos mais simples.

palm

Quando eu comecei a usar GTD, há dez anos (…), o palm era o que tinha de mais avançado em termos de tecnologia. Não existiam tablets. Lembro de ter namorado o meu na Fnac durante muitos meses até conseguir guardar dinheiro e comprá-lo. Eu usava muuuito para as minhas listas do GTD e me achava super moderna quando o levava para reuniões.

bip

Sim, eu tive um “bip”! Não me lembro exatamente o ano, mas quando eu comecei a namorar com o meu marido (em 1999), eu já usava, porque ele me mandava mensagens. Foi a minha avó que me deu, para me encontrar e avisar coisas facilmente, pois eu morava com ela e ela trabalhava o dia todo. Eu amava ter esse negócio também e lembro que, na época, era muito útil.

discman

Todo mundo teve um discman? Eu ganhei o meu de aniversário em 1995 e não me desgrudava dele. Mais para a frente, talvez em 2002, eu ganhei um que também tocava mp3 (foi a revolução).

ipodnano

Meu primeiro iPod foi um iPod nano que comprei em 2007 ou 2008. Lembro que foi uma compra cara na época, para mim, mas foi quando me apaixonei pela Apple. Eu levava meu iPod para todo lugar. Ele funciona até hoje! Subi todos os meus CDs de meditação para ele e usava para selecionar os CDs e as músicas e meditações guiadas. Depois, eu cheguei a ganhar um iPod shuffle de presente de uma marca, mas nunca o usei muito, porque eu já usava mais o meu celular para ouvir músicas.

ipad-1

O primeiro notebook que tive na vida comprei em suadas prestações quando fui promovida pela primeira vez, em 2006, a coordenadora de projetos na agência em que eu trabalhava. Era um computador MUITO bom para a época e que durou anos. Em 2011, quando voltei a trabalhar fora depois de o Paul ter nascido, percebi que precisava de algo mais leve para levar para o trabalho. Então eu troquei com a minha mãe o notebook pelo iPad. Foi meu primeiro iPad, mas senti falta do computador. Os teclados bluetooth eram muito incipientes e não cheguei a ter nenhum que realmente funcionasse bem na época a ponto de querer fazer o investimento. Por isso, comecei a guardar dinheiro para, na primeira oportunidade, comprar um notebook novamente.

macbookpro

No final de 2011, quando comecei a trabalhar em Campinas, finalmente me dei de presente o Macbook Pro, que virou meu fiel companheiro durante anos.

iphone3

Apesar de ser fã da Apple, nunca gostei de pagar muito caro por telefones celulares. Meu primeiro iPhone foi o 3S, quando já tinha o iPhone 4 e paguei mais barato por ele. Mas o bom de todos os iPhones é que eles duram muito anos super bem. Eu comprei meu iPhone em 2012, se não me engano, e fiquei com ele até 2015.

Gadgets que eu uso hoje

macbookair

Tenho uma rotina que envolve muitas viagens e levar coisas pesadas (materiais, cabos, apostilas) para ministrar treinamentos e palestras em outros lugares, então ter um Macbook Air foi uma escolha natural e da qual não me arrependo. Ele é levíssimo e com grande performance. No entanto, eu sinto falta de ter outro computador em casa para trabalhar, para não sobrecarregá-lo, que é uma coisa que está nos meus planos para um futuro a médio prazo.

ipadmini

Para não ficar andando muito com o computador por aí, sempre que possível levo apenas meu iPad mini 3. Ele me atende bem em reuniões, que faço muito, e também uso para leituras de livros e revistas no dia a dia, além de estudar textos diversos.

logitechk480

Para me ajudar com o iPad e o celular nas reuniões, tenho um teclado bluetooth da Logitech (k480), que é ótimo. Ele conecta até três aparelhos ao mesmo tempo e tem um suporte para colocar os gadgets – cabem o meu celular e o ipad mini certinhos ali. A única desvantagem dele é ser meio pesado (ele pesa mais que o Macbook Air), mas acho melhor levá-lo que o computador.

kindle

Como eu leio muito e também viajo bastante, tenho um Kindle Paperwhite para armazenar meus e-books. A leitura no Kindle é totalmente diferente da leitura no tablet. Em viagens, não costumo levar o meu iPad, e sim o Kindle. Tenho também um Kobo H20, mas ganhei de presente em uma ação do blog. Ambos são ótimos e eu alterno minhas compras de e-books entre eles, de acordo com os preços mais vantajosos.

iphonese

Meu iPhone atual é o SE com 64Gb, que me atende bem. Preciso de um celular com bastante capacidade de armazenamento porque uso para fazer fotos, vídeos etc no meu trabalho, além de testar aplicativos, digitalizar coisas para o Evernote e por aí vai. Nunca senti necessidade de ter um celular com tela maior e também prefiro celulares menores.

gravadordevoz

Outro gadget que eu tenho é um gravador de voz bem simples que utilizo para gravar os meus treinamentos e palestras. Ele não tem nem marca, mas funciona de maneira satisfatória.

rotuladora

Bom, por fim, vou encerrar com um gadget que tenho há muitos anos – ou seja, é antigo e novo também. Quando comecei a usar o GTD, em 2006, eu comprei uma rotuladora da marca Brother. Ela durou exatos dez anos. Este ano, ela finalmente se aposentou e eu comprei uma nova. De que marca? Brother. É excelente, fácil de manusear e muito prática.

E você, se lembra de todos os gadgets que você já teve? Deixe nos comentários!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorComo planejar outubro
Próximo artigoComo tenho me organizado atualmente com o método FLY Lady

Meu nome é Thais Godinho e meu guarda-chuva profissional engloba três temas: produtividade, organização pessoal e criatividade. As formas de operacionalizar esse trabalho que eu amo são essas: escrevendo no blog, publicando livros, estudando, ministrando cursos e fazendo atendimentos individuais, ajudando as pessoas a se organizarem. Você pode acompanhar minha trajetória pessoal e profissional neste blog, que existe desde 2006.

19 Comentários

  1. Nossa, acho que sim.
    O primeiro que tive, na adolescência, foi um relógio que também servia de controle remoto em várias tvs. Lembro da agenda eletrônica que comprei para mim e dei uma para minha mãe tbm. Meu primeiro notebook ganhei do marido. Celulares foram vários….Atualmente o Zenfone 5 da Asus está me atendendo bem.
    Tive walkman (😱) e discman, depois aqueles plays de mp3 de marca não sei qual.
    Recentemente comprei um LEV da Saraiva, por conta da faculdade de Letras que recomecei, para facilitar as várias leituras que serão necessárias ao longo do curso.
    Pretendo investir em um bom tablet que sob a para mim e minha filha pequena porque a experiência que tive com uma marca não muito conhecida foi decepcionante.
    Poxa…bastante coisa ao longo dos anos.

  2. tenho uma rotuladora da dymo e no sábado eu estava fazendo etiquetas pra cozinha e meu marido falou “foi um bom investimento esse aparelho aí hein”. hahahaa

  3. Nossa, esse game boy me trouxe tantas lembranças maravilhosas, amava o meu rsrsr, estou namorando a algum tempo o Kindle, mas eu tenho uma afeição por livros, pegar na mão, senti o cheiro das folhas, não sei se vou conseguir me acostumar em ler em formato ebook…Você se acostumou fácil Thais? Beijos

  4. Nossa! Tá valendo video game?! Eu tive um Atari 2600(genérico), uma caneta Questron da TECTOY, um Master System I, um Mega Drive, um Sega CD, um computador Amiga Commodore, uma agenda eletrônica da cassio, um Palm Tungsten, um Palm Zire, um celular da Ericson 1228d; um Nokia 2280, depois um Galaxy Note 1(quando já tinham lançado o 2, nele eu já usava o Remember the Milk), um Moto X, Moto X2, Moto X2 (repeteco porque gostei muito da relação custo benefício).

  5. Nostalgia total!
    Eu amava o meu gradiente vermelho-amarelo-azul <3
    Só de lembrar escuto o som dos big botões sendo apertados…

  6. Ri muito com esse post!
    Não tive discman, só o walkman mesmo e me divertia ligando na rádio pedindo para tocar uma música para eu gravar!
    Uma revolução na minha vida foi o mp3 player, ganhei em 2006 no início da faculdade, andava muito a pé e de van para estudar em outra cidade. Foi meu companheiro por muito tempo.
    Ganhei depois um Ipod nano já usado, que ainda me acompanha e tenho um classic de 80gb que a minha irmã acabou me dando.
    Note e celular são bem básicos pois só uso para atividades rotineira, uso muito pouco para trabalhar de casa.
    Sou muito apegada com livro de papel, mas ganhei um Kindle esse ano e amei! Acho que facilita muito quando precisamos ler fora de casa ou para a leitura de livros enormes que com o passar das páginas vai ficando desajeitado segurar.

  7. Bom Thaís. Eu já tive vários gadgets, porém listarei apenas alguns aqui. Dentro de toda a lista alguns você já mencionou acima. Lembro que quando criança, ganhava presentes hilário de meus padrinhos. Tive o Brick Game, que eu adorava ficar horas jogando. Tive também o Tamagotchi. Lembro que já na adolescencia eu ganhei o “mp3 player usb”. Para referenciar sobre o meu notebook, eu lembro que meu primeiro eu adquiri em 2010. Comprei com muito suor e trabalho, pois na época eu fazia questão de ter um IBM. Hoje, ainda tenho ele, mas confesso que tenho uma curiosidade enorme de ter um MacBook. Só não adquiri porque meu trabalho não é compatível com o iOS. E referente ao iPad. Ahhhh, esse está na lista de compras.

  8. Deixando recado aqui porque estou procurando um bom gravador de voz para uma pesquisa (coincidentemente, está nas minhas próximas ações). Será que alguém terá sugestões?

    • Se não quiser investir muito sugiro o gravador da Sony. Caso queira algo mais profissional, adquira um Tascam. Em qualidade ambos são bons, mas o Tascam se sobressai sobre a Sony

  9. Esse Discman da Sony da imagem eu tenho um igual que era do meu pai e funciona perfeitamente até hoje, acredita? meados de 2002 eu levava para escola (6ª série) e fazia o maior sucesso. Acho que meu pai deve ter comprado em 1999/2000.

  10. Thais, comprei uma rotuladora igual a essa por recomendação sua aqui no VO. E tem sido minha fiel companheira de escola (trabalho), em casa e é muito prática. Achei numa loja da Kalunga e investi.

    Estou querendo comprar um novo iPhone ainda esse ano, pois me adaptei muito com a marca e ele, (o 5) nunca me deixou na mão.

    Abraços!!

  11. Thaís, você pode fazer um tópico atualizado sobre o que você anda usando? Há um tipo de tópico meio viciante em outros sites… “What’s in my bag?”. Vc podia fazer um recorrente também! Seria legal! Outra coisa, por que você prefere o Kindle para ler do que um tablet? E não acha um tablet desnecessário, quando um iPhone, por exemplo, faz basicamente tudo igual? Obg!

    • Obrigada pela sugestão, Hugo. Vou fazer!

      Uso o Kindle para livros e o tablet para revistas. Meu iPhone tem tela pequena e uso para outras coisas. 🙂

DEIXE UMA RESPOSTA