ou

Eu venho refletindo sobre esse assunto há alguns meses e gostaria de compartilhar algumas dicas que acredito que funcionem. Elas foram baseadas em conversas e pesquisas que fiz com mães que moram sozinhas com seus filhos, solteiras ou não, que trabalham fora ou em casa, e espero que possam ser úteis porque sei como a rotina é complicada.

Em primeiro lugar, eu recomendo focar no essencial, em termos de logística da casa e das crianças. Outro dia eu postei aqui no blog uma ideia de checklist para fazer diariamente, semanalmente etc, e a ideia da checklist diária é conter o essencial. Além dos cuidados com a casa, tem os cuidados com a alimentação, banho, carinho, lição de casa, com os filhos. Tente listar o que é realmente essencial fazer todos os dias. Não o que você gostaria de fazer, em um cenário ideal – mas aquilo que, se você não fizer, “a casa cai”. Esse deve ser o foco durante algum tempo, até as coisas ficarem mais tranquilas. Insira essas atividades em sua agenda ou na ferramenta que você usa para se organizar. Pode ser até mesmo uma folha de sulfite pendurada na geladeira. O importante é que você se atenha a essa lista.

Não é para fazer nada que esteja fora dessa lista se o que estiver na lista não for cumprido. Estou querendo dizer que não quero ver você se preocupando em limpar armário sendo que a comida não foi feita e a roupa, lavada. Não quero dizer que o armário vai ficar uma imundície – estamos apenas priorizando. Vamos voltar ao armário mais tarde.

o-SINGLE-MOM-facebook

O objetivo principal deve ser ter uma rotina tranquila, porque sei como pode ser cansativo. Então, assim como as tarefas essenciais do dia a dia, você deve priorizar a sua saúde e a dos seus filhos, assim como o seu bem-estar. Claro que tudo depende da idade das crianças mas, se elas já estiverem em uma idade em que você controla o horário em que vão dormir (ou seja, não são bebês ainda em fase de criação de rotina), coloque-os para dormir cedo. “Ah Thais, é fácil falar. Meus filhos não dormem cedo”. Eu tenho um filho também e todos os dias tenho a disciplina de colocá-lo para dormir no horário certo. Não é fácil, chega a ser chato e cansativo muitas vezes, mas tem que ter consistência, que uma hora vai.

É muito provável que, no começo dessa organização, você ainda esteja muito cansada. Eu sugiro que você valorize seu sono mais do que qualquer outra atividade. Durma pelo menos oito horas. Se seus filhos precisam acordar às seis, você pode ir dormir oito horas antes disso. Não subestime o poder do sono. Vale mais a pena dormir bem que ficar até tarde vendo tv, por exemplo, “porque precisa descansar”. Quando você se organiza, vai chegar o momento que você vai conseguir fazer todas essas coisas, mas você precisa identificar prioridades. Se você vive como um zumbi diariamente, sua prioridade agora é descansar.

Focando nas atividades essenciais diárias e descansando adequadamente, aos poucos você vai recuperando o seu pique para outras atividades. Também leva tempo até adequar as crianças nessa rotina – de semanas a meses. Dê-se esse prazo. Deixe as tarefas não essenciais do dia a dia (mas ainda assim importantes) para fazer aos finais de semana. Envolva seus filhos em algumas delas, na medida do possível, de acordo com a idade que eles têm.

Não existe milagre e sei que a rotina não é fácil, mas eles crescem e vão ficando mais independentes com o tempo.

Sempre que possível, procure envolver seus filhos em atividades diversas, como na própria escola e em parques. Você pode levar seu filho para brincar no parquinho e aproveitar para ler uma revista sentada ao lado dele, por exemplo. Veja o que é possível dentro das suas possibilidades. Se tiver a chance de pedir auxílio de familiares, faça isso para momentos de necessidade e de descanso também.

Toda força do mundo com você nesse momentos e nos próximos anos e meses, mas lembre-se que a cada dia tudo melhora. Não perca seu foco e organize-se. A rotina fará bem a você e aos seus filhos. A gente pode fazer tudo o que quiser, mas não ao mesmo tempo. Perspectiva é tudo.

Boa sorte.

Thais Godinho
15/04/2016
Veja mais sobre:
22
Algumas evoluções no apartamento
Dica da leitora: roupa de cama
Linkagem de domingo {78}