ou

Entrando em casa…

unnamed-2

No post anterior, nós falamos sobre a importância de termos uma entrada da casa harmonizada, atrativa, de como é possível torná-la cada vez mais sintonizada com as melhores vibrações.

Hoje eu quero que você continue com a “visita feng shui”, afinal, a nossa proposta é que você sinta o seu espaço, como se fosse um consultor. E agora nós vamos abrir a porta da entrada e cruzar a linha imaginária que nos separa do mundo profano, colocando-nos numa área onde supostamente estamos a salvo – o nosso refúgio.

Se você tem duas portas, por favor, quero que entre pela porta social, porque você já sabe, é preciso mostrar ao universo que você quer sempre o melhor – sim, é um ótimo exercício para aumentar a autoestima.

Cabeça erguida e olhos bem abertos: o que se vê? Esse momento é muito importante. Que aspectos a sua casa revela logo à entrada? Lembre-se que a energia ch’i (vital) faz o mesmo caminho que você e é igualmente recepcionada. Suponhamos que…”no meio do caminho tem uma parede…”

unnamed-4

Nesse caso, a parede e a pedra têm o mesmo papel. Quando você abre a sua porta e dá de cara uma parede, você tem uma mensagem subliminar: caminhos fechados, bloqueio…e a energia pode simplesmente fazer meia volta e não entrar. Você está diante de algo muito comum hoje em dia. Para aproveitar espaços, as plantas das casas e apartamentos têm apresentado uma configuração muitas vezes desaprovada pelo Feng Shui, mas não existe o imóvel perfeito, então vamos fazer as curas necessárias.

Esse espaço conhecido como vestíbulo ou hall de entrada é muito importante para nós, pois ele faz a transição do profano para o sagrado e vice-versa. Precisa ser acolhedor e receptivo, além de muito bem iluminado, ainda que artificialmente e com uma decoração que favoreça. Muitas vezes esse espaço não existe oficialmente, você pode adentrar a casa e já estar na sala, por exemplo, mas energeticamente ele sempre estará lá, como um espaço “recebedor” – essa é a sua função. No caso de encontrar uma parede, vamos torná-la muito bonita, adornada com uma bela arte, um quadro alegre, com algo que lembre bênçãos, como flores, divindades, sol ou um belo espelho (que também é luz), no qual a pessoa mais alta da casa consiga visualizar a própria cabeça. E sem atulhar o espaço, se possível; ter ali tudo que dê as boas-vindas a quem chegar: local para depositar bolsa, compras, casacos e outras coisas que trazemos do mundo exterior. Há quem deixe os calçados, enfim, manifestar aconchego, “abraçar” quem entra, ainda é o melhor jeito de se dizer “seja bem-vindo”.

unnamed-5

Às vezes (ai, as construções contemporâneas…) a coisa é pior: abrimos a porta e damos de cara com um lavabo e a gente sabe que energeticamente banheiros e similares são “males necessários” segundo o Feng Shui (ainda vamos falar sobre isso em detalhes), então, óbvio, estamos diante de um problema. Conselho: deixe a porta sempre fechada e enfeite-a com algo bem bacana, como um adesivo, um letreiro, um quadrinho…Lavabos são sugadores de boas energias e podem puxar para si as boas oportunidades que chegam para você, que irão literalmente ralo abaixo. É preciso um a proteção mais elaborada, mas por hora cuide da porta.

E você pode ter também uma escada, que vai deixar a energia surtada…às vezes são duas escadas, uma para cima e outra para baixo, bastante comuns em coberturas. Escadas confundem a energia, que não sabe se sobe, se desce. Aqui a correção é mais complicada, é preciso visualizar, estudar e aplicar uma cura bem assertiva.

unnamed-3

E tem aquela casa, tipo loft, que você é recepcionado pela cozinha. O Feng Shui adverte: isso engorda! Entrar na casa pela cozinha faz com que a gente coma muito mais. Outro motivo para evitar a porta de serviço sempre que possível. E tem mais, para os chineses, exibir a sua cozinha é mostrar algo muito íntimo – a sua riqueza. Isso pode tornar a sua casa alvo de pessoas não muito bem intencionadas (sabe aquelas, que a salada do outro é mais verdinha?). Melhor evitar…um biombo é algo muito charmoso e pode ser bem funcional, tem uns com motivos orientais que são fofos e por serem feitos de papel de arroz, chamam a sorte! E com paletes então? Sustentabilidade e bom gosto. E dá para fazer uma decoração bem especial.

E se você já entra e está praticamente na sala, preste atenção no seguinte: a sua sala “abraça”? Ela tem móveis bem dispostos? Você caminha perfeitamente sem bater a canela na mesa de centro? Sim, quanto mais espaço, mais a energia circula e consegue ir abastecendo a casa toda. Quanto mais obstáculos no caminho…menos fluxo e mais problemas de saúde, vida que não caminha, enfim…vamos começar a mexer com essas enfermidades que assolam as moradias e o mal não é pequeno.

Coisa comum hoje em dia também, por conta dos arranjos arquitetônicos, é o sofá ficar de costas para quem entra, o que faz com que o visitante ou até mesmo o morador se sinta rejeitado, com vontade de nem entrar ali. Solução: um banco, um aparador, algo bem bonito que conte um pouco a história da família, os costumes e ainda mitigue a mensagem negativa das costas do sofá. E por falar em poltronas e sofás, cuidado com as vigas (personagens também da mania das pessoas derrubarem paredes deliberadamente) que são opressivas, mexem com os relacionamentos e minam a saúde. Saia debaixo delas!

unnamed-6

Agora vou pedir uns minutos com olhos fechados…que sensação você tem? Sua casa é agradável? Você sente que ela lhe traz felicidade, realização, enfim…é tranquila e favorável? Isso é absolutamente sensorial. Já ouvi gente dizer que ao girar a chave de casa, sentia uma vontade súbita de voltar para o trabalho. Algo errado, não? Você pode precisar de ajuda de um especialista. Energias são muito complexas, precisam ser prospectadas, estudadas e tratadas, não hesite em chamar um profissional e harmonizar o seu espaço. A vida é muito breve para você morar numa casa que não esteja a seu favor!

Para quem quiser conhecer algumas técnicas de limpeza energética e proteção para o seu espaço, tenho um vídeo bem interessante e muito explicativo, que deixo aberto para os leitores do “vida organizada”.

https://www.youtube.com/watch?v=Zb_uvYd6Gww

E depois desse exercício de reconhecimento do seu local de poder, conte-me tudo, não me esconda nada…seu comentário, sua pergunta podem ser valiosos também para outros leitores!

Wanice Bon'ávígo
06/04/2016
Veja mais sobre:
28
Utilizando a agenda de forma organizada
Mudanças no layout do Vida Organizada!
5 coisas para deixar sua casa com clima de outono