ou
Imagem: Pop Sugar

Imagem: Pop Sugar

Uma das principais dúvidas que me deparo quando vejo pessoas organizando seus armários é sobre os tipos de cabides, então resolvi escrevi um post com dicas bem básicas a respeito, para servir como guia mesmo!

Materiais

Arame – São os mais baratos, mas não são recomendados porque deformam e mancham as roupas, além de entortarem facilmente.

Acrílico – Os mais recomendados de forma padrão. Se não sabe quais comprar, compre estes! As roupas costumam escorregar mais nesses cabides, então atente para o modelo adquirido. Você também pode colocar adesivos nas suas abas para que as peças não escorreguem (um truque muito comum).

Madeira – São os mais caros, mais bonitos e mais resistentes (duram mais), porém ocupam bastante espaço no guarda-roupa. São recomendados para grandes closets ou pessoas que tenham bem poucas roupas.

Plástico – Se forem aqueles de plástico flexível que vêm da lavanderia, esqueça! Plástico rígido é semelhante ao acrílico. Não tem a mesma durabilidade e visual agradável, mas atendem bem a maioria das pessoas.

Revestidos com tecido – Recomendados para guarda-roupas de bebês justamente porque não vão durar muito. O problema não é a resistência, e sim que o tecido fica encardido. Também tem a desvantagem de ocupar bastante espaço. Algumas pessoas gostam de revestir cabides de materiais diversos com tecido, o que deixa os cabides bastante charmosos.

Tipos

Com presilha – Presilhas de metal marcam as roupas – prefira as de silicone. Bons para saias, vestidos e calças.

Anatômicos – São aqueles cabides mais gordinhos nas pontas. Indicados para casacos, blazers e jaquetas.

Com passadeira – Para pendurar calças e saias feitos em tecidos mais delicados.

Com ganchos para cintos, gravatas e lenços – Há diversos modelos personalizados no mercado. Verifique se, com o espaço que você tem, é melhor pendurar tais peças ou guardar em gavetas ou caixas.

Dicas gerais de personal organizer:

  • Busque comprar cabides da mesma cor e padrão para causar unidade visual em seu guarda-roupa. Cabides diferentes passam a sensação de bagunça.
  • Pendure apenas uma peça por cabide.
  • Tenha sempre cabides extras no armário para novas compras e pecas que estejam lavando.
  • Se puder adquirir cabides que tenham o gancho que gira, mais práticos eles serão. Mas isso é perfumaria – um nice to have!
Thais Godinho
19/11/2015
Veja mais sobre:
Guarda-roupa
24
8 dicas para sobreviver a uma viagem de mais de 10 horas na classe econômica
7 anos de Vida Organizada – o número da sorte!
Como eu me organizo: Rita Domingues