ou

100815-depois-expediente

Existem algumas atividades simples que você pode fazer antes de encerrar seu dia de trabalho, que deixarão você não apenas com a mente tranquila e sensação e controle, como a garantia de que começará seu dia seguinte sem grandes preocupações.

Eis o que você pode fazer:

  1. A primeira coisa deve ser estabelecer uma hora para o fim do expediente. Isso serve se você tem horário flexível, costuma trabalhar até mais tarde ou trabalha em casa.
  2. Veja como será sua noite pós-expediente para se sentir mais energizado(a).
  3. Analise o que fez durante o dia. Alcançou suas metas? Ficou algo pendente?
  4. Veja sua agenda e lista de ações para amanhã. Visualize seu dia. Será tranquilo? Algo pode ficar para outro dia? Quais são as atividades mais importantes que devem ser focadas?
  5. Capture algumas preocupações para lidar com elas amanhã.
  6. Se der tempo, escreva um ou dois parágrafos em seu diário no Evernote.
  7. Ao desligar o computador, desligue-se do trabalho também.
Que horas você costuma encerrar o seu expediente? Está satisfeito(a) com a maneira como você encerra o seu dia? O que poderia melhorar?
Thais Godinho
10/08/2015
Veja mais sobre:
20
Vida Organizada na The Gift Box: promoção até 27/3!
“Problemas? Oba!” (Roberto Shinyashiki)
Implementando o sistema FLY Lady no apartamento novo

 

  1. Flávia 10/08/2015

    Thais, adorei o post.
    Eu costumo encerrar meia hora antes do fim do expediente, nessa hora finalizo alguns emails rápidos (2 minutos), e listo (na minha agenda de papel) todas as tarefas que devo executar no dia seguinte, risco as que consegui finalizar no dia e limpo arquivos temporários que eu possa vir a ter salvo na área de trabalho (odeio ela poluída). Beijos e boa semana

    • Sandy respondeu Flávia 02/09/2015

      adoro gente perfeita!

  2. Nay 10/08/2015

    Boa pauta para uma segunda-feira!

    Sempre acabo o expediente no agito, e quase sempre mais tarde do que deveria encerrar…

    Penso que um bom planejamento no início do dia, ou no final do dia anterior, seja determinante para que tudo flua bem e termine bem.

    Um dia com começo torto normalmente é um dia torto no final!

  3. Marcos Queiroz 10/08/2015

    Boa tarde, Thais.

    Encerro meu expediente às 16hrs de segunda à sexta e adquiri como hábito sempre processar as tarefas pendentes para o dia seguinte, assim como fazer o planejamento das novas atividades meia hora antes de ir para casa. Tem ajudado bastante, pois me desligo completamente do trabalho e tenho a segurança de não deixar nada escapar ao meu controle.

    Boas dicas!

  4. Karen 10/08/2015

    Mas e como faz com chefe te pedindo as coisas na última hora de expediente? O meu mesmo, após às 16h pede tudo com muita pressa e urgência, para que eu consiga realizar até às 17h (horário em que saio). Não consigo dizer que não dá pra fazer, por que dá. Não é todo mundo que entende que precisamos dessa uma hora, infelizmente. :/

    • Thais Godinho respondeu Karen 10/08/2015

      Se ele sempre faz isso, não é imprevisto – já reserve essa hora para atendê-lo.

      Faça essa 1h (do post) antes. ;D

      • Jéssica Monteiro respondeu Thais Godinho 10/08/2015

        Eu também tenho um chefe assim Karen. Mas você pode adiantar algumas coisas, por exemplo, quando cheguei no setor havia uma determinada rotina que era feita ao final da tarde, bem na hora que meu chefe pedia várias coisas.
        Então eu adiantei essa rotina e deixo um período para atende-lo e para atender demandas inesperadas de outros setores.
        Se essas demandas não acontecerem eu aproveito para processar minha caixa de entrada, ou responder emails, Whatsapp que tocaram durante o dia, enfim…

        Espero ter te ajudado 😉

  5. Amanda Linhares 10/08/2015

    Eii Thais.

    Eu trabalho sozinha em casa, e suas dicas vai ser muito útil para min.

    Thais, Eu comprei seu livro e adorei!

    • Sandy respondeu Amanda Linhares 02/09/2015

      Amanda to na mesma situaçao que voce. Trabalho em sistema home office e a deprê me pega de jeito! Fico na mesma sempre apesar de que JURO, eu tento mudar, me organizar, ter uma rotina.. mas no final é o mesmo cenario: apagaçao de incendios. Nao sei mais o que fazer e ai logico fico me sentindo a pior funcionario de todos os tempos, nao só do mes. Nao perco prazos! Tudo que tenho de fazer e apresentar é feito! Constantemente contribuo com novas ideias, melhorias, sugestoes… mas me sinto realmente perdida e desorganizada. Apesar de TODOS os esforços. Só um desabafo de quem tambem trabalha sozinha em casa.

  6. Dalva 10/08/2015

    Thais, estava lendo seu blog só pelo Feedly nos últimos dias, entrei aqui para contar que não tenho recebido sua newsletter e me apaixonei pelo site novo! Lindo, funcional, amei!

    Bom, tentei me inscrever novamente mas diz que já estou inscrita. Não foi nada pro spam pois o verifico diariamente… não sei o que houve… 🙁

    Bjos

    • Thais Godinho respondeu Dalva 11/08/2015

      Olá Dalva, tudo bem?
      Ainda não finalizamos a reformulação, então pequenos errinhos assim podem acontecer.
      Espero que tudo se normalize em breve.
      Obrigada por comentar.

  7. Teresa 11/08/2015

    Thais bom dia,
    As suas NEWSLETTER deixaram de ser enviadas?
    A ultima recebida foi em 24 de Julho.
    Grata por toda a sua disponibilidade
    Teresa Amaral

    • Thais Godinho respondeu Teresa 11/08/2015

      Oi Teresa, tudo bem?
      Obrigada por avisar. A newsletter é enviada automaticamente por um serviço terceirizado.
      Como estamos reformulando o blog, pode ser que tenha acontecido algum erro.
      Vou ver o que pode ser feito.

  8. Jess 11/08/2015

    são dicas ótimas. Estou tentando implementar uma rotina mais organizada de trabalho e tem sido ótimo. Peguei várias dicas aqui, como responder e-mails sempre em um horário, trabalhar na primeira hora do dia em coisas planejadas e resolver demandas emergenciais depois. Tudo isso me ajudou muito 🙂

    • Thais Godinho respondeu Jess 11/08/2015

      Obrigada, Jess. Fico feliz de receber esse feedback sobre dicas que estão funcionando bem.

  9. Olha, se tem uma coisa que está complicado ultimamente é justamente essa questão de acabar o expediente. Ainda mais que atualmente estou estudando para a prova do mestrado que será em novembro e tenho que elaborar um projeto de pesquisa ainda. Não tá nada fácil isso… Estou, primeiro de tudo, me esforçando ao máximo para estender meu expediente em casa, para poder estudar… Tá tenso!

  10. Anat Cohen 12/08/2015

    Olá, Thais

    Faz uns dias que não recebo o feed do Vidas Organizada no meu email e hoje resolvi entrar no blog porque estranhei a falta de posts. Então vi que tem vários posts que não recebi no email. Será que aconteceu algo com o feed?
    Obrigada,
    Anat

    • Thais Godinho respondeu Anat Cohen 12/08/2015

      Estamos trabalhando no redesign do blog e alguns bugs podem acontecer. Peço paciência até ser normalizado. 🙂

  11. Jéssica Gomes 12/08/2015

    Amei as dicas, vou inclui-las na minha rotina tanto de trabalho (escritório) quanto na faculdade e nas atividades de casa. Achei bacana para regularizar nossa vida sem bagunças na cabeça !!!

    Beijos
    Jéssica

  12. Bruna Zampieri 30/08/2015

    Comecei um novo trabalho há 3 semanas, ainda estou aprendendo algumas funções. Tenho liberdade de sair meia hora mais cedo do que o final do expediente, mas quase nunca consigo fazer isso, pois existem muitas demandas que surgem do nada e são urgentes, acabo fazendo as coisas de forma atropelada, esqueço algumas coisas e me perco quando estou em uma tarefa complexa que deve ser interrompida para que outra urgente possa ser realizada. Tento anotar tudo e deixar as atividades menos urgentes para os momentos mais tranquilos, mas ainda não consegui organizar a rotina. Alguns colegas mais atrapalham do que ajudam, pois não me deixam concentrar. Também acabo ficando com muitas responsabilidades, mas já estou delegando algumas coisas para pessoas com menos funções e mais tempo livre. Enfim, esse comentário foi mais um desabafo e reflexão. Eu sei o que preciso mudar, mas ainda não sei como rsrs.