ou

Muito simples.

Porque não adianta ter um objetivo lá na frente se na sua realidade você não faz nada para alcançá-lo.

Mas é fácil para a Thais do Vida Organizada dizer isso. Parece piada pronta.

O que eu quero dizer, e que foi um aprendizado de anos, é que de nada adianta ter um objetivo de vida incrível se você não consegue “domar” o seu dia a dia.

Se sua agenda te devora. Se você está refém dos imprevistos. Se todos os dias se sente estafado/a, como se estivesse faltando tempo o tempo todo.

HNCK5911

O primeiro passo deve ser organizar sua agenda e seus compromissos.

O segundo passo deve ser organizar seus e-mails.

O terceiro passo deve ser aprender a definir prioridades.

Pense assim:

  • Sua agenda deve estar tranquila. Compromissos planejados, tempos para deslocamento estimados, períodos para imprevistos previstos (se não acontecerem, aproveite o tempo livre!).
  • Não dá para fazer tudo de uma vez. Aprenda a priorizar.
  • Negocie suas prioridades com seu chefe, marido/esposa, seja quem for que você “deva” responsabilidades.
  • Seja responsável pelo aproveitamento do tempo da sua vida.
  • Domine seus e-mails.
  • Tenha uma lista de tudo o que precisa fazer. Anote sempre, para não esquecer.

Quando você conseguir controlar o seu dia a dia, vai ficar mais fácil pensar: “ah, agora deixa eu ver qual é o próximo passo deste objetivo aqui”.

Se você não fizer isso, pode se frustrar. E se frustrar é ruim. Faça a coisa certa.

Organização pessoal tem a ver com satisfação e viver a vida como você quer. Não é para engessá-la.

Não adianta traçar objetivos se seu dia a dia não permite que você corra atrás deles – por isso, organize-se. Assuma a responsabilidade. Agora!

Thais Godinho
11/06/2015
Veja mais sobre:
Objetivos
18
O que fazer antes de encerrar seu expediente de trabalho todos os dias
Sobre o blog e a organização
50 cadernos para você criar no Evernote