ou

É engraçado escrever o editorial nesse momento. O tema do mês de fevereiro, Aprenda, diz respeito a tudo o que aprendemos ao longo da vida. É natural focar em estudos porque, quando pensamos em aprendizados, pensamos em estudar. Porém, os aprendizados vão além dos estudos formais ou informais – todos os dias aprendemos alguma coisa, assim como às vezes passamos por momentos de enorme aprendizado, que chegam até a mudar nossa vida.

vo-fev-2015

Essa semana, como comentei em um aviso anterior, estou sem Internet (obrigada, NET! já faz quase 10 dias e sem previsão). Contratei um outro serviço, que será instalado (em teoria) na próxima segunda e, até lá, preciso ir me virando como dá. Eu poderia trabalhar em um espaço de coworking ou outro que tenha wifi, mas tenho coisas para resolver em casa. Não dá para sair e ficar o dia inteiro fora trabalhando. Tivemos que providenciar nossa mudança em uma semana, tempo recorde e quase desumano. Meu marido e eu dormimos duas horas por noite essa semana, em média. Está muito difícil. O imóvel novo, para o qual nos mudamos, acabou de ser reformado e, como tal, tem tantas coisas para resolver que eu preciso respirar e fazer aos poucos para não me desequilibrar. É chuveiro sem registro, janela bloqueada por rejunte, estante que quebrou na mudança, varal para instalar, fogão para converter – e por aí vai. Fora que, em casa, não tem armários (quarto, banheiro, cozinha) – gastos inesperados e que tivemos que arcar com essa mudança repentina. Estou me sentindo a Dorothy com a casa no meio do furacão.

furacao-dorothy

Não sei se já tenho discernimento para ver que aprendizado posso tirar dessa mudança, porque tem muita coisa acontecendo. Quando mudamos de Campinas para São Paulo, escolhemos nosso apartamento novo com tanto carinho! Foi difícil de encontrar e, em menos de duas semanas, não encontraríamos outro. Minha vida tem sido um furacão de incertezas sobre a casa desde o momento que recebemos a notícia que precisaríamos sair. É difícil a adaptação não só ao ambiente, mas às condições diferentes.

Peço um pouco de paciência porque tenho muita coisa legal preparada para este mês, mas os imprevistos acontecem. O mesmo vale para grupos no Facebook, e-mails e respostas a comentários. Fatalmente, sem Internet, o blog acabará ficando um pouco mais devagar este mês. Peço a compreensão de todos.

Desejo um excelente fevereiro para todo mundo e espero estar de volta 100% em breve. Obrigada!

Thais Godinho
06/02/2015
Veja mais sobre:
Editorial do mês
31
Linkagem de domingo {25}
Como organizar as suas ideias
Guia do blog para começar a se organizar

 

  1. Anne 06/02/2015

    Tu és maravilhosa! Vai tirar todos esses problemas de letra!! Te adoro!!

  2. Lilian Ferrari 06/02/2015

    Thais,confia que tudo dará certo e tudo que acontece com certeza é para melhor.Passei por isso há cerca de um ano, durante o pós-operatório de uma cirurgia… Achava que sairia em 5 dias do hospital e acabei ficando 17…Mas lá mesmo no hospital li uma frase simples que nunca esqueci, que me ajudou muito e que compartilho com você: “A gente faz planos e Deus ri!”… Quando li isso eu definitivamente entreguei minha cura, minha recuperação ao Eterno/Deus/Divino, como você prefira chamar…aceitei.. e tudo então ficou mais leve, mais fácil! (em tempo, para contextualizar: eu amo planejamento e organização…)

  3. Zeh Ronaldo 06/02/2015

    Thais,
    Primeiramente, obrigado por compartilhar esse tipo de coisa com a gente. Pode não parecer e talvez você não tenha noção disso, mas torna você mais próxima de nós, mais real. E o que isso importa? Importa que APRENDEMOS que podemos aplicar as maravilhas que você traz pra nós sobre organização sem medo de ser algo irreal, algo “de internet”, utopia. Afinal de contas, alguém de carne e osso como você (e que tem família e problemas normais de gente que precisa mudar de casa às vezes) também aplia, usa e tem sucesso em utilizar tudo que posta.
    Enfim, desejo que o aprendizado seja bastante positivo e que a faça crescer ainda mais como pessoa, mãe, mulher, enfim, como gente como a gente!!
    Grande beijo no coração e uma seja uma bela vida na casa nova!!!

  4. Cristina Murachco 06/02/2015

    Oi Thais, faz pouco tempo que acompanho seu blog e tem sido muito importante para mim, em um momento de absoluta desorganização da minha vida pessoal – com reflexos na vida profissional, claro.
    Aprendi algumas coisas e percebi que preciso de muita calma – e algum tempo – para conseguir organizar minha vida e meu trabalho como eu gostaria.
    Estou lendo o David Allen – e tem sido proveitoso e desafiador.
    Espero que o seu rodamoinho a leve até a estrada de tijolos amarelos e que, com seus sapatinhos vermelhos, você consiga driblar a Bruxa do Leste. No final do arco-íris, sempre tem um pote de ouro.
    Seja feliz. Um beijo, Cristina

  5. Milena 06/02/2015

    Fique tranquila, tudo vai se arrumar. Seus fiéis leitores entenderão. Muita paz e equilíbrio pra você!!!
    Beijos,Milena.

  6. Patricia 06/02/2015

    Boa sorte Thais.No final tudo da certo. beijos

  7. Tânia 06/02/2015

    Mudança é bem complicado mesmo!! Mas acredito que em breve você tará com tudinho no lugar!!
    Bjs e boa sorte na nova casa!

  8. Abe Gomes 06/02/2015

    Thais, tudo vai ficar bem!
    Estou bastante feliz com o editorial desse mês. O tema “aprenda” está muito presente em minha vida.

    Boa sorte com tudo na casa nova!!!
    Beijos

  9. Thais 06/02/2015

    Thais, estou emanando as melhores energias possíveis aqui pra você.

    Te adoro!

  10. wilma 06/02/2015

    Pois, o proprietário deve ter pedido o imóvel, fico a pensar, porque lembro que nem faz muito tempo você estava escolhendo esse apto…será que se passaram 30meses!!! Mas com certeza você vai se sair bem, esqueça um pouco aqui, nós compreenderemos e logo você estará de volta, e nós aqui,rsrsrs Eu estou a procura de nova residência, e tem horas que me bate um desespero porque termina em março o contrato, a dificuldade é espaço pros meus anjos de quatro patas…tá difícil.

    • Thais Godinho respondeu wilma 06/02/2015

      Oi Wilma, se passaram 5 meses. Expliquei em outro post o que aconteceu. Bjo

  11. Gabriela 06/02/2015

    Mullher de fibra!! Não perca o equilíbrio, bjs e boa sorte!

  12. Ana 06/02/2015

    Você tem credito, não ficaremos desamparados. Que 2015 seja de realizações uma vez que está cheios de novidades e mudanças… Estamos aguardando…

  13. Cinthia 06/02/2015

    Nada fácil a situação! Mas o que importa mesmo é cama e chuveiro.. O resto a gente vai se virando aos poucos..
    Bjs!

  14. Graciela 07/02/2015

    Força Thaís!!!

  15. Isa 07/02/2015

    Depois de sair de um apartamento caindo aos pedaços em que eu dividia com mais dois amigos, me mudei para um novinho e sozinha. Apesar de tudo ter sido relativamente planejado, me deparei com diversos problemas inerentes a novos imóveis: questões como luz e internet são beeeeem mais complicadas, por exemplo. Além disso, descobri que o cálculo de gastos que eu havia feito Passei uma semana sem luz, imagine! Isso se juntou a outras coisas e eu fiquei (estou) desestabilizada. Depois que li o seu post é que realmente me suscitou de que eu posso vir a aprender com isso. Muito obrigada 😉

  16. Jaqueline 07/02/2015

    Thais, querida, se me permite algumas palavras de alguém que já enfrentou alguns furacões na vida (incluindo 5 mudanças num período de um ano e 3 meses)…pode ser que o aprendizado nunca fique claro (embora eu espero que fique para você) e que talvez a gente prefira que as coisas não tivessem acontecido como aconteceram, mas essas coisas vão lapidando e transformando o nosso ser (embora eu já ache você maravilhosa), nos tornamos mais fortes, compreensíveis e destemidas, capazes de coisas incríveis (e você já é), e o melhor é que os momentos de paz e alegria têm um sabor muito, mas muito melhor. Te desejo momentos deliciosos de paz e alegria na nova casa muito em breve! 🙂

  17. Pâmela Barboza 07/02/2015

    Boa sorte, Thais!
    Que as coisa se ajeitem logo.

  18. Bel 07/02/2015

    Ola Thaís! É meio difícil pensar em qual foi o aprendizado, assim, no meio do furacão, né? Mas com com certeza houve! Mas para mim, que acompanho seu blog, fica a impressão de que toda essa mudança só está sendo possível graças ao seu estilo de vida voltado pra organização (inclusive emocional). Conheço muita gente que estaria sentada, chorando pelo “leite derramado” até agora rs. Te desejo sorte e a esperança de dias ensolarados! Bjs

  19. Renata 07/02/2015

    Thais querida,
    aproveitando o tema deste mês, aprender, gostaria de agradecer tudo o que você nos ensina aqui no blog. És uma fonte de inspiração. Quando estou meio perdida, entro no seu blog e sempre encontro alguma coisa legal para acrescentar em minha vida. Então venho lhe dizer que tem tanta, mas tanta gente torcendo para que tudo por aí se normalize e você volte a postar como sempre faz que você vai ver num instante as coisas se ajeitarem! E tenho certeza que da falta de armários você vai nos trazer soluções incríveis e práticas, como sempre faz. Muita luz e paz pra você, menina preciosa!

  20. emanuelle 07/02/2015

    Thaís força! Você sempre me motivou que com organização tudo vai dá certo. Obrigada por compartilhar tudo conosco. Me sinto aquela sua irmã que mora longe e você compartilha tudo no Skype e essa irmã de longe fica com o coração apertado por não estar próximo e ajudar.Beijos e força!

  21. Ana Yuan 07/02/2015

    Querida Thais posso imaginar como está sendo dificil ainda mais com criança pequena. Te desejo sorte e paciencia, tudo vai entrar no eixo acredite, respire fundo,,,,mil bjs fiquem com deus
    http://www.antestardedoquenunca1.blogspot.com

  22. Amanda 08/02/2015

    Por mais que a gente se organize e concentre nossas energias e ações na realização de um plano, sempre existirão essas situações na vida que estão fora do nosso controle e que nos forçam a usar o nosso poder de adaptação. Mas a organização nos ajuda a manter o equilíbrio diante dos desafios e tudo flui melhor. Depois de alguns meses, quando todos esses problemas estiverem resolvidos, espero que o seu aprendizado seja positivo. Como aqueles momentos em que nós refletimos sobre o passado e concluímos “no final, acabou sendo melhor assim”. Boa sorte e obrigada por compartilhar conosco. Beijos!

  23. Sandra Neitzke 08/02/2015

    Thais,
    Nestes momento, pense em você e sua família. Os demais os demais, como nos, podem esperar.
    Bjs e bia sorte!!!

  24. MichelleZ 08/02/2015

    Thaís, uma coisa que me ajuda muito quando estou no “meio do furacão” é encontrar 10 motivos pelos quais posso ser grata por aquele momento. Assim você cria energia de gratidão por aquela situação e as coisas, naturalmente, começam a dar certo por si só. Espero que te ajude, bjo!

  25. Victória Morena 09/02/2015

    Thais, que momento difícil. Obrigada por todo esse carinho com o blog, esse toque pessoal onde você compartilha momentos da sua vida me faz sentir muito mais próxima de você! Tenho certeza que esse momento turbulento vai passar, e logo vai perceber a lição disso tudo! Força! E cuide de tudo com calma e paciência, logo as coisas vão estar nos eixos novamente. Beijos.

  26. Jess 09/02/2015

    Mentalizando todo tipo de boa energia para você. Muita força, paciência e tranquilidade. Não é fácil, mas acredito que no fim isso te ensinará muito e você poderá trazer ainda mais conhecimentos para compartilhar conosco.

    grande abraço Thais!

  27. Sol 09/02/2015

    Thais, só posso te dizer que tenha paciência e que desejo tudo de mais maravilhoso na sua vida! Nada acontece por acaso. Tenha Fé. Tem muita gente vibrando energias positivas e amor pra você e sua família. Veja, sinta como é amada…e com essa energia de amor tenha a certeza de que tudo ocorre para o melhor. Sei que é fácil falar, ou melhor escrever, rsrsrs… Mas dê essa pausa e respire.
    Beijão,
    Sol

  28. Rosangela Angarten 21/02/2015

    Eu vou me mudar na metade do ano e já estou sofrendo desde já. Imagino tudo isso em tão pouco tempo.
    Parabéns por não enlouquecer!!!

    Bjs

    http://www.cladassombras.blogspot.com.br