ou

Um dos grandes desafios na vida das mulheres é ter um guarda-roupa bom e funcional para trabalhar porque acontecem diversas mudanças: de peso, de gosto, de cargo, além dos tecidos que vão ficando gastos, peças que precisam de reparos e por aí vai. Como o meu estilo é mais clássico, o post vai acabar refletindo um pouco isso. Meu trabalho atual tem a seguinte configuração: trabalho em casa, com roupa casual, mas frequentemente preciso ministrar palestras e treinamentos, com roupa social, participar de eventos e reuniões. Por isso, meu guarda-roupa de trabalho tende ao social mais formal, que pode servir para quem trabalha em ambiente corporativo também.

Seguem as minhas dicas:

Tenha boas bases

040814-bases

Eu chamo de bases as roupas da parte de baixo do corpo, que seriam calças e saias. No dia a dia, prefiro a praticidade da calça, apesar de gostar de usar saias de vez em quando. Porém, eu prefiro montar o guarda-roupa primeiro com boas calças, pois são mais versáteis, e só depois investir em saias.

Gosto de comprar calças cigarretes, pois não preciso fazer a barra. Acho mais prático.

As cores que recomendo são: preta, bege, cinza e azul marinho. Com essas cores, consigo variar muito as combinações.

Também acho interessante ter mais de um par de cada cor. Já tive somente um e a peça se desgasta rápido, além de te deixar sem opção, caso esteja lavando.

Se seu trabalho permitir, ter pares de calças jeans escuro pode ser outra boa opção para suas combinações.

Invista em camisas

040814-camisas

Camisas nunca sairão de moda no ambiente corporativo, o que é ótimo, pois o acabamento formal é instantâneo.

Prefiro camisas de tecidos fluídos, que vestem melhor e não demandam tanto esforço de lavanderia. Camisas de algodão são chatas de passar e eu nunca mando engomar, pois não é prático. Ou seja, requerem cuidados que eu não tenho como assumir no meu dia a dia. Portanto, se você quiser usá-las, tenha isso em mente.

Em termos de quantidade, acho bom ter várias camisas brancas, off-white ou bege bem claro, pois são curingas. No geral, as camisas em tons pastel são mais fáceis de combinar e acho uma boa tê-las no armário, mas camisas estampadas e em cores mais fortes também têm seu charme. Fica a gosto da freguesa.

A terceira peça faz diferença

040814-blazer

Um recurso que sempre dá uma caprichada no look é inserir uma terceira peça: um blazer, um suéter, um cardigã, um trench-coat, uma jaqueta e por aí vai.

Não há regras aqui. Eu gosto de investir nas peças mais caras em cores básicas, pois sei que vou poder usar sempre. No entanto, se já tenho um sobretudo preto, me sinto à vontade para investir em um de outra cor, por exemplo, pois já tenho aquele básico, mas não compro um diferente se não tiver o básico em casa.

Minhas recomendações são as seguintes:

Blazer: preto, marinho, branco e vermelho (ou outra cor forte).

Suéter: preto, marinho, bege claro, bege escuro, marrom, cinza, vermelho. Para o cardigã, mesmas cores.

Trench-coat: preto, marinho, cinza, off-white e vermelho.

Saias e vestidos

040814-vestidos

Acho interessante ter alguns vestidos bons no armário, pois eles são versáteis e fáceis de vestir (basta uma única peça e estamos prontas). Porém, para trabalhar, vale a pena investir em tecidos mais encorpados.

Para saias, acredito que a saia lápis seja a campeã das peças clássicas. Cores que recomendo: preta, marinho e uma estampada.

Aprenda a gastar

Tudo bem pagar barato em camisetinhas que usamos por baixo de camisas ou suéteres, pois a qualidade não ficará evidente, mas algumas peças, que demandam bom caimento, devem ter qualidade melhor, e às vezes isso demanda um preço maior. Por sorte, muitas vezes encontramos peças boas e de bom caimento com preços acessíveis, e aí não devemos pensar duas vezes. Mas a ideia aqui é comprar menos e escolher mais, priorizando a qualidade. Eu, pelo menos, estou em uma fase da vida em que não posso usar qualquer roupa para trabalhar, com qualidade e caimento duvidosos. Portanto, o investimento na roupa é essencial, pois é a minha imagem.

Tenha bons acessórios

Vale a pena ter bons brincos, bons colares, boas pulseiras, bons lenços, boas bolsas e bons calçados para trabalhar, pois eles mudam completamente a cara da roupa. Mesmo uma roupa mais ou menos fica boa se você estiver com um bom par de sapatos. Minhas recomendações:

Brincos: um par de pérolas, um par de pérolas douradas, outro par de prateadas, um par com pontos brilhantes e um par com pingente.

Colares: dois ou três maxi-colares, um colar de pérolas e correntinhas douradas/prateadas.

Pulseiras, tenho variadas. Compro quando gosto de alguma e acho de boa qualidade. O mesmo vale para lenços.

Para bolsas, eu prefiro ter uma boa bolsa a usar várias ao mesmo tempo. Costumo ter uma grande, para o dia a dia, uma menor, para saídas curtas, e clutches diversas, para eventos.

Com sapatos, acho mais difícil restringir a quantidade, pois existem diferentes modelos e todos eles são importantes no guarda-roupa (para mim). No geral, para trabalho, tenho os seguintes:

– um scarpin mais chique, preto, com salto trabalhado, que uso para eventos e ocasiões mais formais;
– um scarpin baixo, preto, mais básico;
– um scarpin nude, mais básico também;
– sapatilhas e loafers de boas qualidade, que prezem o conforto;
– um par de botas pretas e um par de marrons;
– uma única sandália bege de salto, para diversas ocasiões (não gosto muito de sandália).

Com esses pares, eu consigo me virar bem. Gosto sempre de ter algum par com estampa de animal (píton, oncinha, zebra) para variar nos looks básicos.

Cinto, recomendo:

– um preto, de couro liso;
– um preto, de couro croc;
– um marrom, de couro liso;
– um marrom, de tressê;
– um colorido, como vermelho;
– um estampado, como de oncinha.

Aprenda a se maquiar

Para mim, o momento da virada foi quando aprendi a me maquiar, fazendo uma maquiagem leve e que corrigisse as minhas imperfeições no rosto (olheiras, marcas etc). Além de aprender a se maquiar, recomendo que invista em bons produtos de maquiagem também. Em vez de ter vários, tenha poucos e bons. Aqui vai a minha lista:

– primer;
– paleta de corretivo;
– base em pó;
– paleta de sombras em tons de marrom;
– blush rosado;
– blush pêssego;
– máscara;
– lápis marrom;
– lápis preto;
– batom cor de boca;
– batom vermelho.

Esses são os itens de maquiagem que uso no dia a dia, para variar.

As dicas acima foram dadas a partir da minha experiência montando um guarda-roupa para o trabalho. Caso queiram algo vindo de uma profissional, recomendo o workshop da consultora de estilo Ana Soares, que vai acontecer no próximo sábado, em São Paulo, justamente com esse tema:

Workshop-sp-2-535x586

Este post não é um publieditorial.

Thais Godinho
05/08/2014
Veja mais sobre:
33
Turma aberta: Treinamento GTD
Administrando o guarda-roupa
DIY: Reaproveite qualquer papelão para fazer caixas

 

  1. Kati Stribe 05/08/2014

    Olá, amei o seu post!! É realmente tudo o que eu penso em ter no meu guarda-roupa, também prezo em ter qualidade ao invés de quantidade. Vou usar o seu post para colocar em ordem o meu guarda roupa e ver o que eu preciso comprar para ter um guarda roupa funcional! Bjs
    http://desejoserperfeita.blogspot.com/

  2. Manu Ferreira 05/08/2014

    Olá Thais nunca mais tinha comentando aqui mas, como acabei de curtir sua foto no insta corri aqui pro blog pra ler o post e comentar, exatamente hoje estava pensando nesse tema, tipo fazer uma listinha do que precisava comprar pra “trabalhar com dignidade” ameiii o post tá? Estou muito querendo comprar seu livro… é uma pena vc não vim aqui na minha cidade lançar ele, mas, queria muito também que viesse aqui palestrar… Nunca vi nada nesse tema por aqui… Bjãooo da BAHIA!!!

  3. Lila 05/08/2014

    Amei esse post! Era tudo o que tava precisando!!

  4. Bruno David 05/08/2014

    Aguardo a segunda parte “Montando um guarda-roupa básico para o trabalho (sem gastar muito dinheiro)” – agora para meninos também!
    Rs

    Abraço!

  5. Érika 05/08/2014

    Gostei muito das dicas, e eu gostaria tbm de dar uma, a pouco tempo descobri o BB cream, eu uso o da vult , é uma maquiagem onde temos a base, o corretivo, disfarça poros e linhas, hidratante, filtro solar e anti oxidante tudo no mesmo produto acho muito pratico e rapido para o meu dia a dia não perco muito tempo me maquiando bjao e obrigada pelas dicas

    • Thais Godinho respondeu Érika 05/08/2014

      Eu já testei 3 marcas de BB cream e todas deixaram minha pele oleosa. Sou meio chata com cremes (deve ser a idade que deixa a pele mais sensível). Mas não gasto muito tempo me maquiando não – até menos, com a base em pó.

      Obrigada por comentar.

  6. Marjory 05/08/2014

    Esse post venho na hora certa rs
    Eu já tinha lido alguns posts (acho que todos eles) daqui sobre o assunto, eu recentemente decidi mudar meu guarda-roupa de ‘adolescente rebelde’ e apostar em roupas mais ‘sociais’ até porque eu gosto de me vestir bem, e acho que camisas de bandas e all-star de cano longo não combinam mais comigo hahah

    ah, e você e seu blog são uma inspiração para mim ♥

    • Raquel respondeu Marjory 14/08/2014

      Talvez combinem com algumas ocasiões, tipo uma visita a uma amiga, passeio no shopping ou aquele churrasco, mas para o trabalho, é bom mostrar “seriedade” nas roupas.
      Infelizmente ainda somos muito julgados pela nossa aparência.
      Aqui no meu trabalho foram distribuídas camisas da empresa no ano passado, mas nunca nos obrigaram de fato a usar o tal “uniforme”. Eu uso bastante e tenho amigas que nunca usaram, e ainda me criticam… “Você fica usando essa camisa feia”, e eu sempre respondo: Uso. É a camisa que a empresa e ainda pra completar não paguei por ela. Não me importo em usar “uniforme”. Acho muito prático, inlcusive.

      Enfim… Um guarda roupa básico para o trabalho é bom e nos poupa tempo de manhã cedo. Há um tempo abandonei meus colares e minhas saias lindas que ficava meia hora passando a ferro. Desapeguei. Estou muito básica. Talvez seja “coisa da idade”.

  7. Ana Maria 05/08/2014

    Essas dicas são muito boas! Estou montando um guarda-roupa novo com base nelas, faz um tempinho já.
    Como moro longe e o dinheiro é escasso, compro roupas no Enjoei.

    Abraços, Thais.

  8. Tais Basso 05/08/2014

    Adorei suas dicas… trabalho numa empresa grande mas daqui a pouco estarei mudando para uma empresa pequena, mas mesmo assim, preciso usar roupas formais para receber clientes!
    Muito bom!!!
    Beijos.

    PS: esses dias vi que você lançou livro, sobre de organização, é isso???

  9. Daniela 05/08/2014

    Olá Thais!
    Primeira vez que comento no site, porém acompanho seu trabalho e tem meu ajudado muito a colocar a vida em ordem.
    Mas eu queria dar uma dica, se me permite, tem um acessório que valoriza o look mais básico dos básicos… lenços e cachecol.
    Eles fazem super parte do meu armário. Sempre que posso… $$$… invisto em uns, pois acredito q valorizam muito o look.
    Parabéns pelo seu trabalho.
    Bjks
    Dani

  10. Paula Carolina 05/08/2014

    Acabei de sair de uma palestra da Ana no Senac de Americana (trabalho lá). E fui lendo o post lembrando das coisas que a Ana disse..e no fim vc indica o Workshop dela!!! rs

    Muito bom o post!
    Beijos

  11. Thais 06/08/2014

    Adorei! Post para guardar em “Referência Geral”, rs rs

  12. Isa 06/08/2014

    Adorei o post. Muito bom mesmo! Ótimas dicas!
    Parabéns e sucesso!

  13. Letícia Moraes 06/08/2014

    Olá Thaís. Gostei de suas dicas, mas eu gosto de umas iniciativas mais ousadas de vez em quando, sem deixar de lado a sofisticação e elegância. Eu sigo esse blog aqui: http://www.crisguerra.com.br/hoje-vou-assim/ Inclusive, acho que Ana Soares imitou ela rsrsrs

    Cris Guerra tem um livro não-manual de moda também super interessante, chamado “Moda Intuitiva”, ajudando a gente a achar o nosso próprio estilo e autodescobrir-se através do vestir. Ela diz que ela sente o gosto e o cheiro da moda e das variadas cores, formas e peças possíveis de serem vestidas. Ela não impõe coisa alguma, apenas dá várias dicas para fazermos a nossa vida mais divertida através da moda aplicada a nós mesmos…

    Enfim, ganhei o livro dela de presente, li, super recomendo!

    • Thais Godinho respondeu Letícia Moraes 06/08/2014

      Oi Leticia. Eu conheço há muitos anos o trabalho da Cris e já até fiz resenha do (ótimo) livro dela aqui no blog, dê uma olhada!

      A Ana não copiou o trabalho da Cris – ela se inspirou nela para criar um blog semelhante, com peças acessíveis, e é uma profissional muito competente.

      • Letícia respondeu Thais Godinho 08/08/2014

        Opa, Thaís! Desculpa a ignorância, eu realmente não conhecia a Ana Soares e quando entrei no blog dela, vi ela muuito parecida com Cris até o nome do blog, aí tirei realmente conclusões precipitadas… Irei ler o blog dela também, não tenho dúvidas que ela deve ser competente, sendo indicada por você 🙂

        Pode deixar que eu vou ler a resenha! Valeu mesmo :*

  14. Ana Yuan 06/08/2014

    Muito bom este post, super ojetivo, dá um direcionamento para não ficarmos perdidas na hora de ir trabalhar, super bj

    http://www.antestardedoquenunca1.blogspot.com

  15. Beth 06/08/2014

    Olá Thais,

    Ótimo poste, parabéns!
    Agradeceria muito caso pudesse indicar ainda alguns tipos de tecidos que não amassam e para ser usado em ambiente de trabalho( náo descontraído).

    Obrigada por toda disposição e atenção que demonstra em cada postagem do blog. Aprecio muito sua forma de escrever e todo esmero que emprega em seus trabalhos.

    Bjs
    –Beth-

  16. Rafaella 07/08/2014

    Esse post entrou pros “clássicos”. De forma geral eu procuro sempre comprar o mais barato e tenho tendência a comprar coisas estampadas e coloridas que depois ficam difícil combinar. Quando entro nos blogs de moda, acho que as dicas são sempre pra ricos rs. Mas esse post tá bem pé no chão. Vontade de ir checar o armário agora mesmo!

  17. Ana Balthazar 08/08/2014

    Oi thais,

    Eu adoro a Ana Soares! Precisamos de fashionistas que vivam a realidade.
    Abracos

  18. Patrícia Piasseski 14/08/2014

    Oie… amei!
    Mas qual suas dicas para o forte inverno, sou muito friolenta, e aqui no RS faz fui muito…
    Quais melhores dicas de roupas neste caso.
    Obrigada!

    • Thais Godinho respondeu Patrícia Piasseski 14/08/2014

      Tenho um post sobre roupas térmicas, dá uma olhada!

  19. Lais Bernardes 24/11/2014

    Adorei as dicas. É realmente tudo que eu preciso, pois trabalho em escritório de advocacia. O que vc acrescentaria para os casual days?

    • Thais Godinho respondeu Lais Bernardes 24/11/2014

      Uma calça jeans clássica, com bom corte e tecido mais escuro e blusas que não sejam de poliéster. 🙂

  20. geyse 14/03/2015

    Boa Tarde, Thais gostei muito da matéria pois estou em uma fase de mudança e isso incluir o guarda- roupa. Eu queria pedia ajuda a você eu so uso tennis ou sapatilhas você pode explicar mais sobre outros calçados femininos e com qual roupa cada um fica melhor? Obrigada Thais

    • Thais Godinho respondeu geyse 16/03/2015

      Acho que é um bom assunto para um post, Geyse. Posso falar sobre como faço no meu estilo. Obrigada.

  21. maria alice da silva 17/08/2015

    Oi Thais bom dia, adoro todas as dicas que voce dá. Há fiquei bem mais organizada com suas dicas de organização e com isso estou procurando fazer uma coisa de cada vez em casa na organização. Quero lhe pedir uma ideia, porque estou com os meus dois filhos na faculdade e com isso, o meu orçamento nao esta dando e gostaria uma sugestão sua para eu me organizar financeiramente.
    Não sei ate que ponto, eu estaria fugindo a sua ajuda ou alternativa para esta questão. Sou formada em pedagogia mas não estou na aréa. Trabalho em escola mas em outra atividade. Queria fazer minha pós- graduação ,mas abri mao para cuidar dos meus filhos, sou pai e mãe. Desculpe mais uma vez.
    Gratidão pela sua ajuda e voce cada dia que passa aprendo muito com você.

    • maria alice da silva respondeu maria alice da silva 17/08/2015

      Oi Thais bom dia, adoro todas as dicas que voce dá. Há fiquei bem mais organizada com suas dicas de organização e com isso estou procurando fazer uma coisa de cada vez em casa na organização. Quero lhe pedir uma ideia, porque estou com os meus dois filhos na faculdade e com isso, o meu orçamento nao esta dando e gostaria uma sugestão sua para eu me organizar financeiramente.
      Não sei ate que ponto, eu estaria fugindo a sua ajuda ou alternativa para esta questão. Sou formada em pedagogia mas não estou na aréa. Trabalho em escola mas em outra atividade. Queria fazer minha pós- graduação ,mas abri mao para cuidar dos meus filhos, sou pai e mãe. Desculpe mais uma vez.
      Gratidão pela sua ajuda e voce cada dia que passa aprendo muito com você.