ou

Existem diversas ferramentas que podem ser utilizadas para backup dos seus arquivos digitais. É importante dar um pouco de atenção para esse assunto, pois geralmente só nos importamos quando perdemos documentos importantes ou quando o HD falha e ficamos na mão. Para que isso não aconteça, veja o que você pode fazer:

HD externo

Você pode comprar um HD externo para salvar todos os seus arquivos. Como eles costumam ter grande capacidade de armazenamento, costumam ser o suficiente para todos os arquivos que você tiver. Algumas pessoas gostam de ter um HD externo para arquivos e outro para vídeos, músicas, filmes etc. No geral, para uma pessoa que usa o computador de forma regular pode ter um como suficiente.

A desvantagem do HD externo é que ele é mais caro, mas é um bom investimento. Se você puder, vale a pena.

CDs e DVDs

Ainda vale a pena gravar arquivos em CDs e DVDs, mas eles têm a vida mais curta que um HD externo, por exemplo, além da possibilidade de serem extraviados, perdidos ou danificados, devido ao armazenamento mal feito. São ferramentas baratas, com capacidade de armazenamento menor, mas que costumam funcionar bem para a maioria das pessoas.

Você pode gravar imagens e arquivos sem problemas em CDs e DVDs.

Nuvem (Dropbox, Evernote, Google Drive, entre outros)

É possível armazenar arquivos na nuvem, ou seja, em um serviço online, para acessá-los a partir de qualquer dispositivo conectado à Internet. A vantagem desse tipo de armazenamento é justamente a disponibilidade, mas a desvantagem é a segurança – afinal, você está colocando seus arquivos confidenciais em um serviço de terceiros. Além do que, eles ficam sujeitos à descoberta de uma única senha.

Tais serviços são recomendados para arquivos que não sejam confidenciais e para documentos de uso frequente em diversos dispositivos. Por exemplo: você precisa abrir um relatório em casa para fazer uma revisão. Colocar o arquivo em uma pasta na nuvem é muito mais fácil e prático que enviar por e-mail.

Esses serviços são gratuitos para capacidade X, com opções de planos pagos para capacidade de armazenamento maior.

Pendrive

O pendrive pode ser considerado como uma ferramenta fraca de backup pois, além do risco de perda ser grande e da baixa capacidade de armazenamento, está sujeito a vírus e problemas de configuração. Ainda é bastante utilizado para a transferência de arquivos de uma máquina para a outra, por exemplo, mas serviços na nuvem costumam ser mais seguros e rápidos nesse caso. De qualquer forma, existem ainda os fãs dos pendrives que continuarão utilizando esse tipo de dispositivo até se tornarem obsoletos. =)

Periodicidade de backup

Depende muito da intensidade de uso, mas eu recomendo um backup dos arquivos mais importantes ao menos uma vez por semana e, no mais tardar, um mês. Muita coisa pode acontecer de um dia para o outro e perder um arquivo no qual você estava trabalhando há um tempão não é nada agradável. Se for o caso, você pode fazer um backup diário do arquivo em questão, somente para garantir. Para fotos e outros arquivos, uma vez por semana é o suficiente.

Programas

Existem diversos programas que realizam backups. Exemplos aqui e aqui.

E você, com que frequência faz backup dos seus arquivos?

Thais Godinho
23/04/2013
Veja mais sobre:
18
HOJE: Hangout sobre o uso do Evernote para projetos e tarefas
Revista Casa Cláudia (ago/2012)
Como foi: Curso de organização de arquivos com Tadeu Motta em SP

 

  1. Karoline 23/04/2013

    Olá Thais

    Normalmente eu gosto das mudanças que vc faz. Mas não curti muito essa barra em baixo com alguns posts. Parece que atrapalha na hora de ler o posto.

    Acho que deve ser alguma jogada de marketing, rs, pq tem um outro blog que acompanho que colocou assim tbém, só que naquele caso aparecem propagandas, polui d+.

    Abraço.

    Karol

    • Thais Godinho respondeu Karoline 23/04/2013

      Foi um erro de programação, Karol, mas aqui já voltou ao normal. Acho que tem que atualizar a página algumas vezes. Obrigada por comentar.

      • Karoline respondeu Thais Godinho 23/04/2013

        😉 por isso vc tem tantos fãs, pelo tratamento pessoal que dá a cada um de nós. bjs

  2. Cristiane Mancini 23/04/2013

    Thais, você adivinhou meus pensamentos!! Faz um tempão que venho falando pro meu marido fazer o backup e ele não faz. Ainda não fiz por puro comodismo – achava que era um bicho de sete cabeças!! Vou fazer ainda essa semana!

    Obrigada!!

  3. Emanuella 23/04/2013

    Oi Thais, estava justamente procurando algo seguro… ótimas dicas… se possível publique algo sobre organizando sua vida no pc… preciso fazer isso pra ontem aqui em casa… Bjão!

  4. Dalzira Soares 23/04/2013

    Oi Thais. Estou me preparando para aposentar (já tenho o direito desde fevereiro) e seus últimos posts estão sendo muito úteis nesse momento da minha vida (organizar para manter amizades, para fazer backup e por ai vai).
    Um dia eu disse que só me aposentaria quando tivesse terminado minha organização.
    Tinha me programado para aposentar dia 18 de março e no dia 15, fiz minha lista das últimas necessidades para fazer o meu pedido. Me deparei com alguns problemas que eu desconhecia te-los. Todas minhas operações financeiras, IRPF, impressões e arquivos pessoais, são feitos e/ou armazenados no computador do meu serviço e não possuia em casa equipamentos seguros para tocar a vida. Resolvi parar tudo e continuar me organizando. Já comprei uma impressora, um HD, coloquei um bom anti-virus no PC e continuo me preparando para aposentar…
    Será que eu vou conseguir terminar minha organização? Parece que esse dia não vai chegar.
    Continuo me organizando…
    Bjs,

  5. Karinne 23/04/2013

    Oi Thais,
    fiquei muito feliz com esse post. Há tempos tinha algumas dúvidas em relação a esse assunto. Eu queria sua opinião em relação a uma coisa: Eu tenho uma câmera profissional, com isso as fotos são bem grande e ocupam bastante espaço. Com isso eu não sei se as deixo salvas no pc ou deixo só no cartão de memória, enfim, fico meio perdida em relação a isso. O que você acha ?
    Um beijo,
    Karinne.

    ps: Parabéns por tudo <3

  6. pau1o 23/04/2013

    Já usava o Google Docs, hoje Drive, para armazenas documentos. Hoje tenho migrado para o Evernote.

    mas tenho também o BKP em HDs e DVDs.

    Estou organizando os documentos em nuvem e o restante nos HDs externos.

    Depois que perdi um pendrive com algumas informações importantes, passei a usá-lo bem pouco.

  7. Débora Araújo 24/04/2013

    Thais, e vc qual prefere?

    Bjs

    • Thais Godinho respondeu Débora Araújo 24/04/2013

      Eu uso todos! Nunca coloque todos seus ovos em uma única cesta. ;D

  8. Vitor Gonçalves 24/04/2013

    A muito tempo escrevi um post sobre o quanto é importante o backup, e estratégias de backup que podem ser feita.
    Vou deixar o link pois acredito complementar o assunto, pelo post ter outra abordagem.
    http://www.eletrontech.com/hardware/voce-sente-falta-do-seu-backup-nao-e-dos-seus-arquivos-agora-voce-sentira-falta-do-seu-backup

  9. augudaum 05/05/2013

    A vida útil estimada e um hd interno ou externo de acordo com os fabricantes é de 5 anos… podendo ser maior ou menor dependendo de diversos fatores. já os cds, dvds e midias oticas em geral podem durar se bem armazenados de 5 a 100 anos segundo os fabricantes.Pendrives, SSDs e Cartões de memória podem armazenar dados por até 10 anos longe da energia elétrica. porém, aceitam uma qtd de regravações limitada, mesmo assim tem durabilidade bem superior aos HDs removíveis convencionais.

  10. Patricia 09/05/2013

    Eu tenho meus arquivos na nuvem. Não uso HD externo, pen drives ou cds, pois podem se danificar ou extraviar de alguma forma. Uso há anos o serviço da Microsoft (SkyDrive). Comprei um tablet da Samsung e o app do Dropbox veio nele. Ganhei 50 GB, mas não me animei a usar, pois o espaço gratuito é por 2 anos, e depois terei que pagar se tiver algo armazenado lá (e comparativamente é o serviço de armazenamento mais caro). Se precisar de mais espaço no futuro, terei o SkyDrive pago, pois acho a Microsoft uma empresa sólida e confiável.

  11. Fernanda 17/07/2013

    Olá Thaís, tudo bem com vc?
    Nossa que time esse post que vc publicou. Eu tenho utilizado o serviço das nuvens do dropbox há algum tempo, tudo o que eu tenho fica lá. É ótimo pois faço mestrado em São Paulo e moro em Mogi das Cruzes, cada vez que atualizo meu projeto ou adiciono um artigo ele sincroniza automaticamente com o serviço, ou seja já faz algum tempo que eu não parava para fazer backup. Ontem meu notebook simplesmente não quis mais ligar :S que raiva que eu fiquei, tudo bem que ele já tava meio usadinho mais ainda sim. Agora estou sem computador e tenho que terminar meu projeto para minha qualificação, pelo menos todos os meus arquivos estavam salvo, todos os arquivo, programas, fotos, músicas etc. Posso continuar de onde parei, em qualquer computador. Até mais…

  12. Jaqueline 17/07/2013

    Olá, recomendo o Mega que tem 50 Gb de espaço GRATUITO
    https://mega.co.nz/‎

  13. Patricia 25/04/2014

    Eu não fazia backup de nada até uns 03 meses atrás. Até que me toquei que tenho um computador não tão novo assim (tenho desde 2009) e apesar de nunca ter apresentado problemas técnicos ou de vírus (é um Sony VAIO) e estar/ser um excelente notebook, tenho muitas fotos e vídeos guardados nele (casamento, lua de mel, aniversários, festas, viagens…) e seria terrível perdê-los. Pesquisei bastante a melhor forma de guardar os arquivos e optei pelo hd externo. Adquiri um de 1 Tb da Samsung e tenho feito backup semanalmente. O HD que comprei, tem uma pasta chamada “Secret Zone” para guardar arquivos com senha e criptografados. Uso também o OneDrive da Microsoft. Gostaria de manter um espelho na nuvem, mas o problema é que o serviço tem limite de arquivos por pastas. Então, a minha pasta “Casamento”, por exemplo, que tem aproximadamente 3.500 fotos, salvou menos da metade. 🙁 Desanimei, e agora só salvo na nuvem apenas arquivos do trabalho.

    • Thais Godinho respondeu Patricia 25/04/2014

      Gosto de gravar arquivos mais estáticos no HD externo, especialmente fotos.

      Depois do Evernote, deixo pouca coisa arquivada em lugar que não acesso sempre (como o HD externo). E o legal é que o limite é de transferência mensal, não total.

  14. […] Existem diversas ferramentas que podem ser usadas para fazer backup dos seus arquivos digitais. Clique aqui para ler um post do blog falando mais sobre como fazer e quais ferramentas usar. […]