Começo este post dizendo que encontrar um método de estudo é um processo muito particular e que pode levar algum tempo até que cada um descubra o que é melhor para si. Eu mesma já tentei diversos métodos e somente ano passado consegui chegar a um que me deixasse satisfeita (pelo menos por enquanto). Assim, quando eu vou estudar um assunto, eu o divido por fases de estudo.

Este esquema de estudos funciona muito bem para quem estiver prestando vestibular ou estudando para concursos públicos.

Primeira fase

Fase introdutória, destinada ao aprendizado do conteúdo. Nesta fase, eu utilizo livros introdutórios, mais básicos, faço aulas, cursos, procuro esquemas, faço resumos. Eu descobri que assimilo muito o conteúdo quando faço resumos, escrevendo à mão mesmo. Algumas pessoas acreditam que isso é uma perda de tempo, e realmente aumenta o tempo investido nessa fase. Porém, é importante encontrar o que funciona melhor para você. Se para mim os resumos funcionam, acredito que o tempo gasto na sua produção na verdade seja um investimento. Por isso, eu gosto bastante de fazê-los.

Segunda fase

A segunda fase de estudos já leva em consideração que as disciplinas da primeira fase foram fechadas – ou seja, se você estiver estudando por tópicos de um edital, por exemplo, ou tiver uma lista de assuntos bem definidos para estudar, significa que você só passará da primeira fase quando tiver estudado de forma efetiva todos esses tópicos.

Então a principal característica da segunda fase é a revisão constante dos conteúdos, além da leitura dos resumos feitos anteriormente. Aqui também pode entrar a produção de fichas. Sabem aquelas fichas vendidas em papelarias, de diversos tamanhos? Algumas pessoas gostam de criar pequenos esquemas e resumos nelas, fazendo resumos dos resumos. Ou seja, sintetizar ao máximo o assunto estudado, para que a revisão seja feita somente por esses conceitos-chave.

Uma boa ideia nesta fase é estudar também por livros com questões comentadas.

Terceira fase

A terceira fase do estudo é quando você já se sente segura(o) para revisar o conteúdo somente fazendo exercícios de provas anteriores. Nesta fase, você pode baixar provas antigas de vestibulares e concursos e estudar somente por elas, revisando o conteúdo quando tiver dúvidas. É a minha fase preferida do estudo, porque significa que a matéria já foi bem assimilada e agora você só precisa fazer a manutenção na memória.

Como intercalar as fases

No estudo para concursos públicos, é comum começar com as matérias básicas (umas cinco disciplinas somente, por exemplo) e, aos poucos, ir introduzindo outras. Como eu já comentei aqui, utilizo o sistema de ciclos do Alexandre Meirelles, apenas para vocês terem como referência.

Então, suponhamos que você estude cinco disciplinas básicas durante uns seis meses. Isso significa que, nesse primeiro momento, você tem todas as disciplinas na fase 1.

Disciplinas Fase
Disciplina 1 1
Disciplina 2 1
Disciplina 3 1
Disciplina 4 1
Disciplina 5 1

Depois de algum tempo, quando tiver fechado essas disciplinas, você adiciona mais três. Essas primeiras disciplinas estudadas já estarão na segunda fase, tomando menor tempo de estudo. Assim, você poderá concentrar suas forças na primeira fase das novas disciplinas, onde precisa aprender de verdade.

Disciplinas Fase
Disciplina 1 2
Disciplina 2 2
Disciplina 3 2
Disciplina 4 2
Disciplina 5 2
Disciplina 6 1
Disciplina 7 1
Disciplina 8 1

Aí você descobre, finalmente, que é hora de adicionar novas disciplinas – talvez depois do edital, quando saírem disciplinas inéditas. Então você adiciona essas duas disciplinas inéditas e continua o estudo das demais:

Disciplinas Fase
Disciplina 1 3
Disciplina 2 3
Disciplina 3 3
Disciplina 4 3
Disciplina 5 3
Disciplina 6 2
Disciplina 7 2
Disciplina 8 2
Disciplina 9 1
Disciplina 10 1

Para organizar esses ciclos, eu tenho uma planilha no Excel. É bem simples. Você também pode fazer no Google Calendar ou mesmo em uma folha de papel, para ter um controle básico de onde está.

Agora eu vou explicar como funciona o meu esquema de revisões que, ao meu ver, é o grande truque quando se trata de manter o aprendizado fresco na memória em médio e longo prazo. Eu divido meu estudo assim: por exemplo, se eu preciso estudar hoje o capítulo 18 do livro X, meu planejamento é o seguinte:

Assunto Data Tipo de estudo
Capítulo 18 – Livro X 05/02/13 Teoria
Capítulo 18 – Livro X 06/02/13 (no dia seguinte) Revisão 24h
Capítulo 18 – Livro X 13/02/13 (uma semana depois) Revisão semanal
Capítulo 18 – Livro X 13/03/13 (um mês depois) Revisão mensal
Capítulo 18 – Livro X 13/04/13 (um mês depois) Revisão mensal (…)

A revisão mensal segue indefinidamente.

O que eu faço em cada um desses tipos de estudo é basicamente o mesmo roteiro, mas altera de pessoa para pessoa.

Teoria: Leitura atenta do material.
Revisão 24h: Nova leitura, desta vez grifando as palavras-chave com caneta marca-texto.
Revisão semanal: Resumo.
Revisão mensal 1: Leitura do resumo.
Revisão mensal 2: Produção de fichas, por exemplo.
Revisão mensal 3: Questões comentadas.
Revisão mensal 4: Exercícios de provas anteriores.
Etc.

Existem outros tipos de estudo também, como assistir aula, fazer um curso etc. Neste caso, de cursos, a ordem seria: Aula – Teoria – Revisão 24h e assim por diante.

Algumas pessoas podem achar que as revisões tomam muito tempo, mas elas são necessárias. Se você não fizer revisões, esquecerá tudo muito rapidamente. Além do mais, com o passar do tempo as revisões vão ficando cada vez mais curtas, levando poucos minutos. Quando chegar a fase de exercícios, sequer haverá leitura de teoria, a não ser em pontos que ainda tragam dúvidas. Também há dias em que eu faço somente revisões.

É assim que eu organizo os meus estudos. =) Se tiverem dúvidas, por favor, postem nos comentários.

45 Comentários

  1. Bom dia, Thais simplismente eu amo o seu blog. Tiro muitas dicas para a minha vida. Mas realmente tenho vivido uma fase da minha vida tumultuada. Bom, sou universitária (horario integral), trabalho fora, sou casada e com isso tenho as minhas tarefas de dona de casa e esposa,e dou aula na igreja para crianças… e além de tudo isso tenho que ter tempo para minha familia que me cobra muito… Resumindo não estou dando conta de tudo isso… Bom amei este post sobre estudos mas queria saber se voce tem algo relacionado a vida de estudade de faculdade? algum metodo especifico que posso me ajudar pois com todas estas coisas tenho passado por momentos dificies na facul… abraços

  2. Gostei muito Thaís!

    Eu entro agora numa fase nova na minha vida, em que volto a estudar (passei no mestrado na Unicamp, UHUL!), e como estou entrando numa área na qual eu não tenho familiaridade, e tb porque eu estive parada por muito tempo, estou bem preocupada com essa minha rotina nova de estudos. Esse seu post é uma grande inspiração. Como os estudos de pós são mais dinâmicos que os de concurso público, vou pensar em adaptações, mas este foi um ótimo começo. Obrigada!

  3. Adorei que tenha considerado a minha sugestão e postando artigos de organização para estudantes. Este ano vou fazer um curso de inglês (para me ajudar no vestibular e principalmente por interesse próprio) e tentar praticar algum esporte – estou de olho na natação! Por isso organizei de uma forma um pouco diferente meu modo de estudo, já que ainda estou no Ensino Médio e apesar de o vestibular ser o meu foco também, quero tentar não ficar com paranóias ou neuras, deixando para fazer um cursinho no próximo ano, quando aí sim farei um esforço maior pelo vestibular. Acho que tendo uma boa base escolar, o vestibular fica menos “denso”. Por isso meu esquema simples de estudo ficou assim: Tarefas/Deveres + 15 minutos de revisão de cada matéria dada no dia. (+) 30 minutos pesquisando coisas extras sobre as aulas. Em dias de prova, farei o mesmo esquema, apenas substituindo os 30 minutos de pesquisa por 1:30 de estudo para cada matéria da prova. Aprova a organização? Haha. Beijos, T!

  4. Olá Thais! Primeiramente Parabéns! Sempre acompanho o blog!
    Tenho uma dúvida: Gostaria de voltar para a área da sáude (Fisioterapia), onde me formei há dez anos atrás, e deixei de exercer há 7 anos. Atualmente eu sou bancária. Para isso, seria necessário eu revisar tudo para me increver em concursos e processos seletivos da área.Como posso implementar esse método?

    • Ana, eu buscaria informação lá no Fórum Concurseiros, pois eles têm muito conteúdo a respeito de todas as áreas. Certamente você terá que direcionar seus estudos, pois mesmo atuando em nossa área, o estudo para concursos é diferente.

  5. conheci seu bolg a pouco tempo adoro o blog leio todas as postagens,queria saber se vc tem algum a coisa sobre estudo de lingua,atualmente estou estudando Arabe e ta muito dificil para mim me organizar para estudar Tenho deficit de atencao ainda nao encontrei um metodo de estudo.obrigadoPaula

  6. Thais, reforço o pedido da Ana.. também estou a fim de fazer concursos para a área da saúde, sou formada há 9 anos em psicologia e gostaria de retomar os estudos para concursos, pois atuar na área como profissional liberal está fora de cogitação.
    Mas sinto que joguei meu dinheiro no lixo se não aproveitar o diploma sabe?
    Se você fizer um post respondendo as dúvidas da Ana com certeza atenderá muita gente.
    um beijo

  7. Primeiramente, parabéns pelo blog e por esse post que me ajudou muito!
    Adorei todas as dicas e me identifiquei, pois também acho bem melhor estudar fazendo resumos, apesar do tempo gasto ser maior.

    Mas surgiu uma dúvida na leitura do post. Quando você está no esquema de revisão das disciplinas, você faz isso quando elas já estão na fase 3, ou já revisa mesmo elas estando da fase 1?
    E acredito que você revisa não só um assunto por dia/semana/mês. Como você organiza seu tempo diário/semanal/mensal para realizar todas essas revisões?

    Muito obrigada pela sua ajuda! Um beijo!

  8. Olá Thais, obrigada pelo post! Estou estudando para concursos também, porém estou meio desanimada, suas dicas me deram ânimo, vão me ajudar muito! Bjs

  9. Mais explicado que isso, só se você fizer atendimento em domicílio! hahaha
    Parabéns Thais!!! Bjsss

  10. Uma coisa que quem estuda deve evitar é refazer o mesmo exercicio várias vezes. A gente deixa de aprender e começa a decorar =/ (apesar que isso só vale para a área de exatas).

    Beijos

  11. Thais, na faculdade há as matérias do semestre por módulos você usaria o mesmo esquema de estudo e revisão até o fechamento da matéria? Como você faria?

  12. Olá muito bom os métodos, estou fazendo mestrado e mesmo assim tenho que me organizar muito mesmo, mas obrigada pelas dicas.

    Abraços
    Anaí Nicoli Cabral

  13. Olá, Thaís. Amei esse mês sobre estudo, mas gostaria de pedir que você fizesse um post sobre métodos mesmo de estudo, anotações, essas coisas.
    Muito obrigada por compartilhar no blog o que você sabe.

    Abraços

  14. Oi Thais, eu estou no terceiro ano do ensino medio, e pretendo passar na Usp de primeira em relações publicas, mas nao estou sabendo organizar meus horarios, nem como estudar sozinha, ou como estudar. Tem alguma dica pra mim?

  15. oi querida estou muito ruim não consigo aprender a estudar ,estudo mais não entendo a matéria e por mais que eu estude estou sempre tirando notas baixas no curso de Direito vc poderia mim passar alguma dica

  16. Bom dia, gostei do post, pois estou num esquema de estudo que me parece nao estar resolvendo, estou apenas lendo a teoria e fazendo os exercicios de fixação. Revisoes estao distantes. Me diga vc ve uma matéria por dia? Estou fazendo 3 a 4 por dia, num esquema de 1h30 cada. Abraços

    • As revisões são constantes, faço a cada 24h, depois semanal e, por fim, mensais. Se não revisar, é como se não tivesse estudado. Falo um pouco sobre isso no post sobre estudo por ciclos, dá uma olhadinha.

  17. Thais,

    Você menciona no post que tem isso em excel. Poderia me enviar por e-mail?

    POR FAVOR! rsrsrsr
    Parabéns pelo BLOG.

    • Oi Roberta, isso faz tempo e não tenho mais a planilha… mas é basicamente como eu desenhei no post: uma coluna para assunto, outra para data de estudo e o tipo. Boa sorte!

  18. Thais,

    Parabéns pela postagem! Genial teu método de estudos!

    Assim tu vai longe, guria!

    Parabéns mesmo!

  19. Gostei das dicas, estou um tanto confusa de como organizar as minhas matérias da faculdades. Meus dedos doem de tanto que escrevo as vezes mais foi super valido as dias.

        • Mas entra como estudo na sua programação, não é verdade? Você tem uma lista de tópicos a serem estudados a longo (vestibular), médio (simulados) e curto (provas) prazos. Tudo isso deve estar sendo administrado junto.
          O GTD pode ajudar muito com o planejamento semanal. Recomendo. Falarei bastante sobre isso no workshop de fevereiro, sobre estudos.

  20. Thais suas idéias são ótimas e me ajudaram em vários aspectos. Esse post me ajudará muito na organização da minha faculdade. Obrigado!

  21. Das estratégias que você mencionou, faltou dizer que se você é iniciante é indispensável que você faça um curso preparatório e o melhor é dar preferência pelos cursos a distância porque no ensino a distância o aluno desenvolve mais disciplina do que no ensino presencial e também o conteúdo é o mesmo apesar de que muitas vezes você entende o conteúdo antes dos outros alunos e se não entender pode voltar e reassistir a aula, o que no ensino presencial não pode.

  22. Gostei muito do site e dos artigos.

    Tenho procurado sem sucesso dicas de como organizar fichas de estudo.
    Gostaria de sugestões ou dicas

    Grato.

  23. gente há dez anos estou parada não aguento mas, quero estudar fazer uma faculdade mas eu não sei estudar.

  24. Olá Thais, sei que o post é antigo, mas sempre volto pra reler.

    Uma duvida: Quando você fala se tiver aula você coloca: aula – teoria – revisão 24 horas… A aula e a teoria são no mesmo dia?

    Abs e obrigado.

DEIXE UMA RESPOSTA