ou

Continuando a série sobre organização dos estudos para passar em concursos públicos, hoje o post falará sobre como organizar os estudos depois da autorização.

Antes de continuar, gostaria de dizer que, como expliquei no primeiro post da série, todas as dicas aqui foram fruto de pesquisas em fontes diversas, sempre citadas. Para não restarem dúvidas, seguem as minhas fontes:

  • Livro “Guia de aprovação em concursos públicos” – William Douglas
  • Livro “Como estudar para concursos” – Alexandre Meirelles
  • Livro “Manual de um concurseiro” – Alex Viegas
  • Livro “Vencendo a maratona de concursos públicos” – Lia Salgado
  • Entrevistas do Deme (Demétrio Pépice) coletadas pela internet
  • Dicas de aprovados no Fórum Concurseiros
  • Entrevistas de aprovados no site do Ponto dos Concursos
  • Dicas compartilhadas por amigos e conhecidos aprovados em concursos públicos

Dito isso, vamos continuar com a nossa série. =)

Continue seguindo todas as dicas dadas nos posts anteriores, além do direcionamento novo a partir da autorização, com as dicas deste post.

Analisando todas as dicas que eu li, percebi que existe uma diferença enorme entre você estudar antes do edital e depois da autorização. Por quê? Porque, antes da autorização, você pode até ter ideia de que concurso você quer prestar, mas a autorização dá a certeza de que ele vai acontecer. Significa que, a partir daquele momento, você pode focar exclusivamente naquele concurso. Suponhamos que você esteja estudando para uma área, com as matérias genéricas. A partir da autorização, você pode focar exclusivamente naquele concurso, se for o seu objetivo.

Assim, a primeira coisa que você deve fazer é:

1. Analisar o último edital

Você deve pegar o último edital do concurso em questão e analisar com calma as disciplinas e tópicos abordados. Também deve verificar quantas questões de cada disciplina caem na prova, quais os pesos etc. Essa análise servirá como guia de estudos daqui para a frente. É claro que matérias entram e saem, assim como podem continuar iguais, mas você precisa se arriscar. Vale a pena estudar o que caiu no último edital e depois utilizar o tempo para estudar as matérias novas.

2. Conhecer a banca

Muitas vezes, quando é publicada a autorização do concurso, já é anunciada também a banca que realizará as provas. Se isso acontecer, seu objetivo deve ser conhecê-la. Por quê? Oras, porque as bancas repetem as questões e têm um estilo próprio. É muito diferente fazer uma prova da FCC ou da ESAF, por exemplo. Você precisa entender como funciona a “cabeça” da banca, pois isso já garantirá um avanço enorme na hora de resolver as questões na prova.

Para fazer isso, baixe provas anteriores da banca, fique atento(a) às provas de concursos em andamento e resolva as questões relacionadas às matérias que te interessam. Sempre que acontecer alguma prova da banca com pelo menos uma matéria que consta no edital do seu concurso, vale a pena baixar e fazer.

É consenso entre os concurseiros bem aprovados que a resolução de provas da banca é fundamental na aprovação. Não descarte esse método, pois ele realmente é importante.

3. Fechar as matérias

Vejo muito nas discussões de concurseiros o termo “fechar a matéria”, que basicamente significa ter estudado todos os pontos abordados no edital anterior e um pouco mais, estudando pelos livros ou fazendo cursos. Procure ter essa meta de fechar as matérias antes da publicação do edital. Você terá cerca de três meses (ou mais) até isso acontecer, então foque nos estudos! Agora é a hora de intensificar o seu ritmo e correr atrás do que não fez antes.

Fechando as matérias antes da publicação do edital, você estará apto a pegar o documento e ficar feliz! Pense nisso! Você verá todos os pontos já estudados ali, na sua frente, e poderá se concentrar nas matérias novas que entrarem, por exemplo, ou nos tópicos diferentes. Mas sobre isso eu falarei no próximo post. =)

Thais Godinho
18/12/2012
Veja mais sobre:
14
13 maneiras rápidas de simplificar o seu dia de trabalho
Dúvida da leitora: o que fazer com o material do curso de Direito
6 coisas para fazer todos os dias

 

  1. Natalice 18/12/2012

    Thais,

    Estou curiosa. A não ser que eu tenha me perdido nas postagens… aguardo ansiosamente o post sobre como você está se organizando com o papel. Abandonou o Toodledo também? Adoro seu blog!!!

    • Thais Godinho respondeu Natalice 18/12/2012

      Natalice, tinha escrito o post inteiro (está programado para quinta) e o WordPress apagou metade por causa de um erro. Preciso de coragem para escrever de novo, rsrsrs, porque estava enorme.

  2. Marcela 18/12/2012

    Ia perguntar sobre isso!!! Puxa estou no aguardo. Bjs

    • Thais Godinho respondeu Marcela 18/12/2012

      Está quase finalizado. =) Entra na quinta mesmo.

  3. Issaaf 18/12/2012

    Oi Thais, esses dias vi no seu instagram a foto do seu “diário de estudos” (um livro de pontos que virou diário). Queria muito saber como você usa! Não achei nada aqui no blog por essa tag na busca. Você escreveu algum texto sobre isso? Muito obrigada! Beijos!

  4. Natalice 19/12/2012

    Oba! Vou ficar de prontidão… rsrs

  5. Thais Godinho 21/12/2012

    Ainda não fiz o post não, mas farei. =)

  6. Renata 05/02/2013

    Não encontrei a parte 4.

    Foi feita?

  7. Alandioni Lima 22/02/2013

    Estou também, na expectativa da parte 4, pois estou recém começando e preciso de toda e qualquer ajuda.
    Obrigado.

  8. Diego J 05/03/2013

    Não tem a parte 4? rs

  9. Isaac 11/06/2014

    Estou estudando para concurso tem já um bom tempo, mas não estou conseguindo as aprovações, queria que você se pudesse, me orienta-se de como devo fazer.

  10. Diogo Resende Araujo 19/04/2015

    Oi Thais, você esqueceu de mencionar que se alguém te falar que você não precisa memorizar e que você precisa é aprender o conteúdo, mentira e isso é coisa de ensino fundamental, ensino médio e ensino superior. Concurso público é pura memorização.
    Para passar em concurso você tem que ter estratégias e uma dessas estratégias é memorizar. Eu memorizo escrevendo no papel e lendo quando eu estou na fila, quando eu estou no ônibus, quando eu estou esperando o sinal fechar e dentre outras maneiras de aproveitar o meu tempo. E você, como que faz pra memorizar ?