ou

Na semana passada eu precisei fazer uma viagem a trabalho e ficar quase uma semana fora. Como fui de carro, não tive restrições para o tamanho e a quantidade de bagagem. Mesmo assim, levei somente três coisas:

  • uma mala média para as roupas
  • uma mochila para os gadgets de trabalho no geral
  • uma bolsa para usar todos os dias

Como fazer:

1. Definir sua agenda

O primeiro passo é saber o que você vai fazer lá. Jantar? Almoço com cliente? Evento? Trabalho operacional o dia inteiro? Faça isso primeiro e anote todas as ocasiões. Exemplo:

Segunda – Viagem de carro / Trabalho até o final da tarde / Jantar à noite

2. Verificar a previsão do tempo

Veja no Climatempo qual a previsão para os dias em que você ficará viajando. Pode não ser certeira, mas pelo menos dá uma boa ideia do que você irá enfrentar.

3. Definir roupas para as ocasiões mais importantes

Quando eu viajei, eu teria um evento de um dia inteiro e um jantar com parceiros – essas eram as duas ocasiões mais importantes. Defina as roupas que você deseja usar. Talvez você precise providenciar alguma delas, então precisa antecipar o máximo que puder.

4. Verificar quantos outros trajes vai precisar

Conhecendo sua agenda, você já terá o número de ocasiões da sua viagem. Pense em roupas para usar em todas elas. Você pode pegar aquela mesma lista ali em cima e fazer um brainstorm a respeito:

Segunda
– Viagem de carro: roupa confortável (legging + camiseta + tênis)
– Trabalho até o final da tarde: roupa social normal (calça preta + camisa branca + sapato preto)
– Jantar à noite: vestido azul + sapato nude

Depois de fazer isso para todos os dias e ocasiões, passe para a etapa seguinte:

5. Analisar seu inventário de roupas

Você perceberá que poderá otimizar sua mala de roupas usando várias peças mais de uma vez. Em vez de levar uma calça marrom e uma preta, por exemplo, levará somente uma calça neutra escura. Verifique tudo o que pode ser usado mais de uma vez. A dica é montar uma paleta de cores básicas e acrescentar uma única cor diferente, complementar. Exemplos:

branco + preto + cinza + rosa
bege + marrom + branco + verde

Cores que sempre fazem bonito: preto, branco, bege, rosa claro, cinza, vermelho, vinho, verde militar, marrom café, bege.

Na dúvida, monte uma mala com cores básicas e leve acessórios coloridos (um lenço, uma bolsa, um sapato). Não tem como errar levando peças neutras.

6. Separar as roupas

Faça a sua lista final de roupas e separe-as. Verifique se estão limpas e passadas. Dobre-as e deixe-as em cima da cama, enquanto separe o restante. Isso é bom porque te dá uma visão geral do que você irá levar. Eu levei o seguinte:

  • uma saia lápis preta
  • uma calça de alfaiataria preta
  • uma calça de alfaiataria bege (não usei)
  • uma calça de alfaiataria burgundy
  • uma camisa branca
  • uma camisa azul
  • uma camiseta pólo azul marinho (não usei)
  • uma camiseta branca com listras
  • uma camiseta cinza mescla
  • um vestido preto
  • um vestido azul
  • um suéter preto
  • um suéter cinza (não usei)
  • um blazer cinza grafite
  • uma pashmina preta
Para viajar, usei a camiseta listrada com a calça preta e a sapatilha prateada.
No dia seguinte, para trabalhar, usei a camisa azul com a saia lápis, o suéter, meia-calça preta e o sapato preto.
No outro dia, calça burgundy, camisa branca e sapato preto. De noite, o vestido preto no jantar.
No dia do evento, a calça preta com a camiseta do evento, a camiseta cinza de manga longa por baixo e o sapato preto.
No dia seguinte, na viagem de volta, usei o vestido azul, meia-calça e o sapato preto.

7. Separar os acessórios e sapatos

Da sua lista, separe os cintos, lenços, relógios, bijous, gravatas, meias e sapatos que pretende levar. Mais uma vez: não exagere. Eu levei um sapato boneca preto, um oxford marrom e uma sapatilha prateada, por exemplo, e ainda achei muito (acredito que o ideal seja levar apenas dois pares). Também levei um chinelo para usar no quarto, ao sair do banho.

8. Separar os cosméticos e remédios

Separe os medicamentos que costuma tomar e que pode precisar. Leve também os cosméticos essenciais (desodorante, shampoo, condicionador etc). Se você tiver daqueles kits de viagens, que são embalagens menores, tanto melhor! Eu cheguei a comprar um na Le Postiche, mas com certeza você encontra em lojas mais baratas (se eu tivesse a oportunidade, teria comprado na 25 de Março). Os itens de maquiagem eu levei em uma necéssaire específica (vou fazer uma resenha sobre ela depois).

Eu tenho uma necéssaire impermeável que uso para guardar todos os cosméticos. Os medicamentos são guardados em um dos bolsos laterais. No outro, guardo escova de dentes, pasta, fio dental e antiséptico bucal.

9. Separar o material de trabalho

Separe tudo o que irá precisar efetivamente – evite sobrepeso. Não se esqueça dos seus cartões de visitas, uma boa caneta, um caderno para anotações, post-its (sempre são úteis) e clipes. Na mochila eu também levei os carregadores para celular.

10. Arrumar as malas

A arrumação das malas em si não deixa de ser uma arte. Eu uso aquela técnica de colocar primeiro as calças e “fechar” as roupas com elas por cima. Veja este vídeo:

Quem recebe o post por e-mail pode ver o vídeo clicando aqui.

Para arrumar a mochila, não há segredo: guarde cada coisa em seu compartimento.

Na bolsa de mão, leve os essenciais: carteira, celular, livro, óculos, câmera fotográfica, chaves e o que mais achar importante ter em mãos.

Algumas dicas gerais

  • Nunca leve roupas sem experimentar antes. Pode parecer besteira, mas se você não usa alguma peça há algum tempo, pode ter surpresas (blazers e calças que não abotoam são os casos mais comuns).
  • Use uma roupa confortável para as viagens em si. Para as mulheres, uma boa dica são aquelas travel flats – sapatilhas que dobram, de tão macias que são. Uma calça jeans strech ou outra que seja bem confortável é melhor do que qualquer saia, mesmo as longas. Inependentemente da blusa que você estiver, leve um suéter e uma pashmina, pois você pode pegar uma friagem com o ar condicionado. A pashmina ainda serve de encosto para a cabeça nas viagens mais longas.
  • Pense na praticidade e no conforto das roupas. Estar longe da casa já é um pouco estressante – facilite a situação o máximo possível. Você não sabe se andará bastante a pé, por exemplo, para levar um sapato de salto que aperta demais os seus pés. Leve os seus coringas.
  • Mesmo se estiver frio, leve roupas para vestir em camadas. Suéteres e cardigans ocupam menos espaço que um casaco enorme (que, se for o caso de levar, vale a pena viajar usando).
  • Acessórios dão um toque diferente às roupas básicas, mas não exagere. Escolha os clássicos também (eu levei um colar de pérolas, um maxi-colar e um colar médio, além de um par de brincos dourados discreto) para não ficar over. Afinal, é viagem a trabalho. Claro que, se você trabalha com Moda, há exceções.
  • Excesso de bagagem não é chique! Chique é ser organizado. (hihi, oi Gloria Kalil)

E você, costuma viajar a trabalho? Quais suas dicas?

Thais Godinho
03/09/2012
Veja mais sobre:
16
Dica da leitora: roupa de cama
Voltando à normalidade
Veja em seu calendário atividades e eventos que podem fazer a dois