Frequentemente recebo comentários de pessoas pedindo dicas para organizar a rotina quando não se tem rotina – alguém que tenha o horário meio maluco de trabalho (como por exemplo, comissárias de bordo ou músicos). Mas as rotinas podem e devem ser adaptadas. A rotina matinal não precisa ser de manhã, mas uma “rotina para quando você acordar”. A rotina noturna não precisa ser feita de noite, mas “antes de dormir”. Dessa forma, acho que fica mais fácil entender como criar uma rotina.

Meu marido, por exemplo, é músico. Ele não trabalha de segunda a sexta das 8h às 18h, mas em horários variados no decorrer da semana e da noite. Já aconteceu de ele tocar em um casamento no sábado de manhã, por exemplo, assim como ele pode tocar em um barzinho até às cinco da madrugada! O que fazer, então, se o seu caso for parecido e você não tiver um dia-a-dia convencional?

  1. Tenha uma rotina para quando acordar. Uma sequência de coisas que você precisa fazer sempre que levanta, como tomar banho, se arrumar, conferir a agenda etc. Veja um exemplo aqui.
  2. Tenha uma rotina para antes de ir dormir, independente do horário. É aqui que você separará a sua roupa para o dia seguinte, por exemplo, ou montará sua marmita para levar para o trabalho. Veja um exemplo aqui.
  3. Tenha checklists de tarefas para fazer em casa diariamente, semanalmente, mensalmente e sazonalmente. E faça quando estiver em casa. Isso independe de quando você está em casa ou da frequência. Quando estiver, já sabe o que fazer. Postei alguns checklists aqui.

Rotina não é horário ou dias pré-estabelecidos, mas sequência. É saber o que tem que ser feito em cada situação. Você pode ter uma rotina para a hora em que acordar, independente de acordar às 6h ou às 19h. O objetivo de ter rotinas é garantir que tudo o que precisa ser feito seja efetivamente feito, sem você se esquecer de nada, além de dar segurança e sentimento de controle. Rotina não é seguir um cronograma rígido, mas ser flexível e adaptável.

9 Comentários

  1. O post tão esperado! 😀 Obrigado Thaís !

    Só tenho a acrescentar que em muita coisa na vida o psicológico é a arma mais importante… e ainda que por vezes as coisas são realmente mais simples do que parecem!

  2. Estou nessa angústia de colocar minha nova vida de dona de casa em ordem, adorei seu blog cheio de dicas legais, voltarei sempre por aqui. bj

  3. Me casei a pouco tempo. Antes ficava preguiçando um tempão (morava sozinha). Ainda bem que te achei no google pra me ajudar a construir um lar saudável, cuidando da casa e do maridão… vou seguir suas dicas pra estar tudo equilibrado antes de encomendar meu rebento 🙂 obrigada por compartilhar e parabéns pelo lindo trabalho!

  4. Oi Thais!!!!
    Adorei o post…sou comissaria de voo e tb recomendo que as pessoas que trabalham em regime de escala não devem se apegar ao planejamento semanal e sim diario, pois as vezes temos a semana toda de folga e as vezes só 1 dia ou 2ou 3 e tb por vezes nenhum, assim é impossivel se planejar semanalmente e sim fazer o que da diariamente nos dias de folga. É meio complicado mas da certo!!!
    Bjs e otimo fim de semana! !!!!

  5. Oi Thais, comecei a ler seu blog há algumas semanas e ele tem me ajudado bastante, ainda não vi por aqui nada relacionado a arquivos digitais (pode ser que tenha e eu não vi).
    Gostaria de saber um pouco sobre isso e como você faz (guarda seus arquivos em fotos em HD, DVD? como faz para organizar e achar depois?)

  6. Thais, como você faz para almoçar? Você comentou algo sobre preparar a marmita no dia anterior… você faz algo do tipo?

    Minha jornada de trabalho é das 07h às 13h e das 16h às 18h e eu não tenho condições ($$$) de almoçar fora todos os dias. Eu ainda moro com minha mãe e quem prepara o almoço é ela… estive pensando nessa ideia da marmita preparada no dia anterior e acho que pode ser uma boa saída… qual sua opinião?

  7. muito bom! estou amando!
    não tem como não entrar aqui pra dar uma olhada. cada dia aprendendo mais e mais! beijos

DEIXE UMA RESPOSTA