ou

Outro dia uma leitora me perguntou como era um final de semana em que eu ficasse em casa. Bom, o final de semana ainda não acabou, mas eu gostaria de contar então o que eu fiz ontem, hoje e o que farei amanhã.

Sexta

Ontem eu saí do trabalho mais tarde e dei uma passada na Etna para fazer a “compra do mês” para o apartamento. Como já comentei algumas vezes aqui no blog, estamos organizando um cômodo por mês desde a mudança para não gastarmos tanto. A ideia é fazer o básico e, no ano que vem, os detalhes. Isso não significa que eu deixo de comprar algo que estamos precisando na sala no mês do quarto, por exemplo. Não é uma regra rígida, mas somente uma orientação.

Então ontem eu fui na Etna e acabei comprando as seguintes coisas:

  • uma persiana para a sala (ficou grande)
  • a cortina para o quarto, junto com o varão
  • a cortina para a porta da varanda, junto com o varão
  • um espelho para o quarto
  • um tapetinho para o meu lado da cama
  • dois travesseiros
  • duas capas de travesseiros
  • uma cúpula para o abajour do quarto

Como eu ia parcelar a compra e vir para casa de táxi, quis aproveitar a viagem para já comprar os varões e as cortinas que faltavam. Apesar de a decoração da sala estar planejada mais para o final do ano (porque tem mais coisas e as contas estarão mais equilibradas), a falta de cortinas estava sendo ruim por vários motivos. A porta da varanda, que é grande, permitia muita passagem de sol, o que pode danificar a mesa de jantar. A outra janela faz um reflexo enorme na tv, o que atrapalha, além de ter o mesmo perigo de estragar. Então eu comprei uma persiana branca para a janela e uma cortina branca/transparente para a varanda. Como ainda não sabemos se vamos pintar as paredes ou não, preferimos optar pelos tons neutros. Fora que, para a porta da varanda, eu sempre imaginei uma cortina mais esvoaçante e leve mesmo. A ideia é apenas “quebrar” a luz do sol.

Para o quarto, ficou a dúvida. Queríamos uma cortina escura, para deixar o quarto bem escurinho para dormir. Eu sei que existem as cortinas black-out, mas eu não queria um tom branco ou bege também. Procurei por um lilás acizentado, mas não encontrei. Então depois de muita ponderação (libriana) e de consultar meu marido por telefone umas três vezes, acabei comprando a cortina grafite. Ainda não instalamos, mas no final das contas acho que vai ficar boa. Tudo é cansativamente branco no nosso apartamento e cores escuras são bem-vindas.

O restante das compras eram itens que estávamos precisando também.

Ao chegar em casa, guardei o que estava fora do lugar e lavei a louça, limpei a pia, aquela coisa de toda noite. Meu filho foi dormir. Dei um pulo rápido até o mercado para comprar uma carne para fazer no forno (estava morrendo de vontade). Fiz e, nesse meio-tempo, tomei banho. Guardei as roupas que estavam secas no varal e coloquei as do meu filho na máquina, pra lavar no dia seguinte. A carne ficou pronta e eu jantei vendo Friends. Estava cansada e fiquei assistindo até a hora de dormir (por volta da 1h da manhã).

Sábado

Acordei cedo porque precisaria ir até a Etna trocar a persiana. De ônibus, demorei 2h para ir e para voltar. Como escolhi uma mais barata (era a última e estava em promoção), ainda fiquei com um crédito na loja. Nesse meio-tempo, meu marido ficou em casa com o nosso filho. Eles jogaram bola na quadra do condomínio e brincaram no parquinho. Quando eu cheguei, já liguei a máquina para lavar a roupa dele e lavei a louça. Quando terminei, preparei uma gelatina para comer mais tarde. Fiquei com o filhote enquanto meu marido preparava o almoço. Brincamos de massinha e desenhamos no papel.

Dei almoço para ele enquanto meu marido lavava a louça nova. Ele também aproveitou para arrumar as camas e colocar os travesseiros para tomar sol (fazemos isso todos os dias). Pouco tempo depois, nosso filho fica com sono e o papai o coloca para tirar uma soneca. Como ele fez um show ontem, aproveitou para dormir também. Eu até estava com sono, mas preferi aproveitar o momento de silêncio para fazer outras coisas.

Comprei um produto novo ontem da Uau chamado Uau Ação Clareadora (farei resenha depois) e queria testá-lo! Limpei os azulejos do meu banheiro com ele e fiquei muito satisfeita. Depois eu falo mais na resenha. Aproveitei também para limpar as paredes e o piso do box, além das portas dos armários dos dois banheiros. Passei o mop na área de serviço, na cozinha e na sala. Aí eu vim para o computador escrever este post. =)

O que ainda faremos hoje:

Quando meu marido acordar, vamos instalar as cortinas. Ele se dá melhor com a furadeira do que eu, então deixo o trabalho sujo para ele enquanto eu fico com o filhote. Aproveito para estender a roupa dele no varal (ele me ajuda entregando os pregadores). Vamos aproveitar o uso da furadeira para instalar o gancho para vassouras na área de serviço, que está esperando por isso há um tempão. Depois a gente vai aproveitar para descansar e ficar um pouco juntos, sem tarefas definidas. Geralmente nossa rotina é bem parecida com a rotina da semana no começo de noite – banho no filhote, janta, colocá-lo para dormir, atualizo o blog, depois vemos um filme etc.

Domingo

Quando passo os finais de semana em casa, eu gosto de descansar o máximo que eu puder e resolver somente algumas tarefinhas rápidas da minha listinha de contextos – casa ou computador. Geralmente acordamos, tomamos café, descemos para brincar e tomar sol. Subimos para preparar o almoço e, depois, o filhote dorme um pouco. Se eu estiver com sono, durmo um pouco também (geralmente eu não durmo… prefiro fazer outras coisas). Escrevo no blog, agendo alguns posts para a semana, até. Molho as plantas. Tiro a roupa da varal. Vejo um pouco de tv. Conserto ou faço alguma coisa em casa. Bem light mesmo.

Procuro deixar tudo pronto para o início da semana já no começo da noite, para não ter que fazer isso bem antes de dormir. E é isso.

Acho que o grande triunfo dos meus finais de semana é que faço muita coisa rápida e simples, o que acaba resultando em um monte de tarefas, parecendo que eu não paro durante um só minuto. Mas nada pode estar mais longe da verdade. Meus finais de semana são super preguiçosos depois que acabaram as aulas da pós… quero aproveitar pra realmente descansar a cabeça, ler um livro, uma revista, ver um filme, fazer comidinhas gostosas, escrever. Como eu tenho uma lista de coisas a fazer em casa, sempre que tenho um tempinho eu dou uma olhada e faço uma coisa ou outra. Essa é a minha maneira de fazer tudo o que eu preciso fazer sem estresse e sem deixar de fazer outras coisas importantes.

E você, como passa o final de semana?

Thais Godinho
21/07/2012
Veja mais sobre:
16
Por que algumas pessoas sempre voltam para a bagunça?
Jogue fora o que não é útil
Como você se engaja com os seus pensamentos?