ou

Imagem: Getty Images

Se você não sabe o que é o sistema FLY Lady, leia o post Como começar no sistema FLY Lady.

Já comentei anteriormente aqui que não temos ajuda profissional para cuidar da casa, e eu sinceramente não acredito que ela seja necessária. Minha visão é a de que, se você não consegue dar conta, ou tem coisas demais, ou está abusando em alguma área da sua vida (para não ter tempo) ou mora em um imóvel desnecessariamente grande.

Eu não vou mentir aqui. Meus últimos dias (e semanas) têm sido extremamente exaustivos, como eu já previa. E assim eles serão até o mês de julho, quando finalmente acabarão as minhas aulas da pós-graduação, mas vão ficar muito mais tranquilos quando eu entregar a monografia (prevista para outubro) e comprarmos o nosso carro (previsto para dezembro ou início de janeiro). Até lá, eu preciso ser forte e fazer o mínimo para simplesmente não ficar doente. Estou com tendinite há um tempo e vocês devem ter notado que quase não estou atualizando o blog simplesmente porque estou reduzindo meu tempo no computador. Se não fosse o fato de trabalhar o dia todo digitando e ainda por cima estar escrevendo a monografia, o blog estaria em sua rotina normal. Porém, como já tenho abusado dos meus braços com essas outras atividades, sobrou para o VO. Peço desculpas e espero muito muito voltar ao ritmo de sempre o mais breve possível.

Mas o que eu gostaria de escrever neste post é como estamos cuidando da rotina de casa nesse período tão corrido. Eu utilizo o método FLY Lady de modo bem informal e, atualmente, mais ainda. Resumo das atividades relacionadas na nossa rotina:

  • A divisão da casa por zonas ajuda, mas eu confesso que não estou focando muito nela nas últimas semanas. O que realmente tem feito diferença é manter a lista de tarefas diárias essenciais. São elas que mantêm a casa no lugar. Costumo lembrar da zona da semana somente quando sinto a necessidade de uma limpeza mais aprofundada. Nesta semana, por exemplo, estamos na zona 5 (sala), e eu aproveitei para limpar atrás do rack da tv, os fios, essas coisas que costumamos esquecer no dia-a-dia. Mas olha, beeem informal.
  • Não faço as missões do dia mais. Sim, shame on me, porque acho que elas ajudam muito a ter um direcionamento em tempos tenebrosos, mas confesso que não estou sequer conferindo as missões da semana que chegam por e-mail porque tenho focado somente nos e-mails do trabalho e outros relevantes que vou respondendo aos pouquinhos.
  • Sequer estou lendo os e-mails da lista. Realmente não dá.
  • Manter as rotinas diurna e noturna faz TODA a diferença! Como elas já estão no piloto automático, facilitam horrores o meu dia-a-dia. Aproveitei para reduzí-las ao mínimo e atualmente elas estão assim: Rotina noturna – Separar a roupa para o dia seguinte, arrumar a bolsa, preparar a marmita, escovar os dentes, acertar o alarme e dormir. Rotina diurna – Tomar café-da-manhã, escovar os dentes, trocar de roupa, fazer maquiagem, ficar um pouco com o filhote e sair.
  • Já mantenho o declutter como hábito, então não preciso de 15 minutos por dia para isso. Quando estou deixando muitas tarefas de casa de lado, costumo marcar 15 minutos no relógio para resolver algumas coisas.

Apesar de não seguir o método religiosamente, ele serve como guia no dia-a-dia. A casa não fica perfeita, mas pelo menos fica minimamente limpa e em ordem. E quem falou em perfeição?

Thais Godinho
29/03/2012
Veja mais sobre:
18
Filme sobre uma casa muito, muito pequena
Como organizar: Livros
Como decorar o quarto do bebê

 

  1. nossa, que bom ler isso!
    eu super me sentia culpada por não conseguir fazer tudo sempre!
    que bom ler isso, me ajuda a ver que não dá pra ter perfeição sempre!

  2. Renata 29/03/2012

    Olá Thais, me tornei leitora assídua do seu blog, e consequentemente, minha vida melhorou..acredite! Já destralhei minha cozinha e o quarto do meu filho, comprei uma agenda, segui as suas dicas com a caixa de e-mail, tenho minha rotina noturna etc. Obrigada!

    gde bjo, Renata.

    obs: Thais, em seu post há link´s para post antigos. Saiba que o link não funciona: http://vidaorganizada.com/categoria/organizacao/metodos/flylady/.

    • Thais Godinho respondeu Renata 02/04/2012

      Obrigada, Renata, vou arrumar!

  3. Winne 29/03/2012

    Ola boa tarde!
    Adoro seu blog, acho ele bem explicativo e com assuntos interessantes, tenho tentado ate fazer algumas coisas,e foi com ele que eu passei a entender melhor esse sistema, apesar de eu ainda nao conseguir segui-lo corretamente. Minha vida tem melhorado muito depois que passei a ler seu blog…
    Parabens pelo blog…

  4. Danielle 29/03/2012

    Thais, tentei o Fly… mas não deu certo totalmente… pois tenho ajudante, então a história da pia brilhando e sorrindo pra mim no final da noite nunca vai acontecer! Tentei adaptar e focar no declutter. Assim já se foram gavetas de cômoda, criado, minhas bijus (nossa doei uma sacola!) e ontem separando os documentos para IRPF (acumulei tudo junto numa gaveta e ontem separei os meus/ do marido/ contas só para arquivar e lixo!). IRPF toma muito tempo e cuidado… ainda faltam documentos!Mas ainda sim é legal, embora ache seu blog com dicas infinitamente mais práticas!

    • Thais Godinho respondeu Danielle 02/04/2012

      Pia brilhando lá em casa é louça lavada e pia limpa. Mas não fico pirando querendo deixar brilhando. =)

  5. Anne 29/03/2012

    Isso é a coisa maravilhosa do sistema Fly— Faz o que é possível, quando é possivel. Se não é possível, não faz mal. Na semana passada eu quebrei meu pé. Meu marido tem ajudado muitissimo, fazendo toda a limpeza diaria, lavando a louça e a roupa, etc. Mas todavia que quase não posso parar, estou achando maneiras em que eu posso ajudar manter a casa. Não posso passar a vassoura pela casa inteira, mas sim posso escovar os gatos. Hoje, sentada numa cadeira, limpei as paredes e o chao do banheiro com um pano. Deitada na cama eu ponho todo meu lixo (como embalagens de comida, peles de gato(lol)) numa sacola para jogar quando possa. Toda coisinha pequena ajuda, e me faz mais otimista tambêm.

  6. Cherry 29/03/2012

    Não dá pra entrar no grupo né? Quando eles vão aceitar novas pessoas, você sabe?

    Adoraria entrar! Tô fazendo tudo improvisado aqui em casa, mas queria receber as missões diariamente.

    • Thais Godinho respondeu Cherry 02/04/2012

      Gente, não sei nada sobre aceitar novas pessoas. =/ Que pena. De qualquer forma, o site da FLY Lady é a melhor fonte.

  7. Bruna 29/03/2012

    Oi Thaís!
    Melhoras para você! Gosto bastante do seu blog e me identifico com o jeito Monica Geller de ser, ehehe. Sabe que gostei bastante deste seu post sobre o método FLY Lady sem neuras?
    Acho algumas dicas do método bastante interessantes, e, embora acredite que rotinas são interessantes e úteis, algumas tarefas me parecem rígidas demais.. por isso prefiro adaptar as que fazem sentido para mim e adaptá-las à minha realidade.
    Abraço,

  8. Tati 29/03/2012

    Thaís, que bom saber que vc tbm tem seus momentos de não levar as coisas tão ao pé da letra. Confesso que lendo alguns posts aqui do blog achei sua rotina muito estruturada, sufocante até.. se vc consegue lidar, isso é ótimo. Mas às vezes é bom dar uma relaxada pois, como vc mesma disse, acabamos ficando doentes. Estimo melhoras e ânimo pra vc concluir esta etapa! E falando sobre a tendinite, vc já consultou um terapeuta ocupacional? acho que seria bem útil pra vc. Beijo

  9. sandra portugal 29/03/2012

    Já fui uma dona-de-casa super hiper perfeita, mas para os mais diversos papeis de profissional workholic, super mãe, mulher dinâmica, cuidar da saúde, das amizades, ter tempo para o maridão, nas devidas ordens de prioridade, de repente decidi jogar muitas dessas perfeições pro alto e dormir mais um pouco, caminhar, assistir um bom filme , blogar, ler, enfim nada fazer!
    É bom ter boas dicas de organização e com isso administrar melhor o tempo dedicado a organizacao da casa.
    bjs Sandra
    http://projetandopessoas.blogspot.com//

  10. Stefane 31/03/2012

    Olá Thais, adoro sua ]s dicas! Estou na mesma fase que você, monografia batendo na porta… Tem como dar umas dicas de organização pra esse momento tão estressante da vida acadêmica?

    Obrigada!

  11. pri 01/04/2012

    Também tinha a impressão da Tati sobre vc, Thais. Achei que vc era muito muito muito rígida com a tua rotina. Eu acho ótimo relaxar, mudar os planos, ficar mais tranquila com as tarefas e deixar as coisas rolarem naturalmente. Mas uma coisa é certa, com certeza vc atinge muito mais objetivos e tem muito menos pendências do que a maioria… e isso deve ser uma sensação muito boa.
    Bjs

  12. Talita 02/04/2012

    Reaalmente, esse sistema de organização e rotinas tem me ajudado muuuuito! E descobri eles por aqui, no seu blog! ;D

  13. Ana Afonso 05/04/2012

    Cherry e Thais, faço parte do FLYingInBrazil (grupo oficial de suporte do Fly Lady no Brasil) e não há nenhum impedimento em aceitar novas integrantes!
    Aliás muitas leitoras do Vida Organizada chegaram por lá!
    O link é este: http://groups.yahoo.com/group/FLYingInBrazil/
    Ana Afonso

  14. Debora 06/07/2013

    Não consigo organizar meu quarto, talvez porque ele tem uma variedade de itens e funções que fazem dele uma mini-casa: ali tem material para montagem de bijus, material de costura, livros, material para arte em papel, material para estudo de música, cosméticos, maquiagens, guarda-roupas, enfeitinhos, cds de música, bichos de pelúcia… As únicas coisas que ainda têm aluma organização são os livros, os cds e as roupas. o resto está um caos. Detalhe: meu quarto tem apenas 12m².

  15. Susana 14/10/2016

    Quero experimentar!